A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

“Tecnologia Assistiva” Dra. Maria de Mello FATEC/UNIPAC.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "“Tecnologia Assistiva” Dra. Maria de Mello FATEC/UNIPAC."— Transcrição da apresentação:

1 “Tecnologia Assistiva” Dra. Maria de Mello FATEC/UNIPAC

2 Qualquer ítem que melhore o desempenho das pessoas com algum tipo de deficiência

3 Definição: l “Qualquer peça de equipamento, ítem, ou sistema de produtos, quando adquiridos comercialmente, modificado ou feito sob medida, que é usado para aumentar, manter ou melhorar as habilidades funcionais do indivíduo portador de incapacidades. (The Technology Related Assistance for Individuals with Disabilities Act, 1988)

4 Comunicação Alternativa e Suplementar

5 Locomoção

6 Locomoção

7 Alimentação

8 Alimentação

9 Auto - Cuidado

10

11 Auto – Cuidado Alimentação

12 Outras Aplicações

13 Adaptação Ambiental

14 A adaptação ambiental está relacionada com mudanças no meio ambiente ou no espaço físico que facilitem a acessibilidade e mobilidade de pessoas que tenham algum tipo de comprometimento físico, sensorial, comportamental ou cognitivo.

15 Adaptação Ambiental Vasos sanitários - Altura regulável ou de acordo com o usuário - Barras de segurança: situadas na parede do lado e atrás do vaso sanitário, ou sistema de barras duplas presasao assento (Altura e tipo de barra depende das medidas antropométricas do indivíduo, grau de incapacidade e o resto do ambiente) - Assentos de materiais que absorvam choque para prevenir fraturas - Assentos em cores que contrastem com as outras cores do ambiente

16 Adaptação Ambiental

17

18 Objetivo final: l Proporcionar o maior grau de independência possível ao indivíduo portador de incapacidades nos aspectos cognitivos, acadêmicos, profissionais e vocacionais proporcionando uma melhora na qualidade de vida desse indivíduo.

19 Caracterização de Tecnologia Assistiva l Assistiva versus reabilitadora ou educacional l Simples a Sofisticada l “Hard”e “Soft” l Geral e Específica l Comercializada e Sob Medida

20 Assistiva versus reabilitadora ou educacional

21 Simples a Sofisticada

22 Hard e Soft

23 Hard”e “Soft”

24

25

26 Geral e Específica

27 Comercializada e Sob Medida

28

29

30

31 Prescrição e Seleção l Definição do problema l Pesquisa de alternativas l Escolha da melhor alternativa l Treino do uso l Acompanhamento/ Reavaliações

32 Profissionais Envolvidos l Terapeuta Ocupacional l Fisioterapeuta l Enfermeiro l Fonoaudiólogo l Psicólogo l Arquiteto l Engenheiro de Reabilitação

33 Tecnologia Assistiva e a Terceira Idade l Maior índice de doenças crônicas incapacitantes nos idosos, por consequência têm usado mais aparelhos assistivos do que jovens l 52% dos usuários de aparelhos assistivos nos EUA têm 65 anos ou mais l Idosos usam mais aparelhos para mobilidade e audição do que os jovens

34 Aparelhos mais usados por idosos morando em casa ( Mann, Karuza, Hurren & Tomita, 1993) l Idosos com déficit visual: 12,4 aparelhos por pessoa l Idosos com incapacidades cognitivas: grupo que usa menos aparelhos, 5,8 aparelhos por pessoa l Idosos e cuidadores relatam necessitarem mais aparelhos e adaptações ambientais l Idosos e cuidadores relatam insatisfação com aparelhos

35 Gitlin & Corcoran (1993) l Adaptações ambientais também são úteis no manejo de problemas comportamentais apresentados por idosos dementes.

36 Principais Aplicações de Tecnologia Assistiva na Terceira Idade l Aumentar e/ou substituir função. Ex: pegadores, cadeiras de rodas, andadores, etc. l Modificações Ambientais: barras nos banheiros, iluminação adequada, unidades de controle ambiental, etc. l Prevenção de Complicações Secundárias: uso de colchões especiais que previnam o aparecimento de úlceras de pressão, etc.

37 Problemas com o uso de Aparelhos Assistivos por idosos: l Idosos acham que tecnologia fazem vida mais complicada (Dibney,Lowy & Morris,1982) l Abandonam o aparelho: Mudanças de níveis funcionais, tecnologia não resloveu o problema, ou a pessoa preferiu assistência pessoal ( Parker & Thorslund,1991; Page, Galer, Fitzerald & Feeney,1980)

38 Modelo Motivacional ( Kemp, 1993)

39 Variáveis Motivação = Querer + Crença +Resultados Custos


Carregar ppt "“Tecnologia Assistiva” Dra. Maria de Mello FATEC/UNIPAC."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google