A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CULTO CULTO CRISTÃO. CULTO Etimologia: Do latim cultus Substantivo: 1. adoração ou homenagem a uma divindade qualquer adoraçãohomenagem divindade 2. veneração;

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CULTO CULTO CRISTÃO. CULTO Etimologia: Do latim cultus Substantivo: 1. adoração ou homenagem a uma divindade qualquer adoraçãohomenagem divindade 2. veneração;"— Transcrição da apresentação:

1 CULTO CULTO CRISTÃO

2 CULTO Etimologia: Do latim cultus Substantivo: 1. adoração ou homenagem a uma divindade qualquer adoraçãohomenagem divindade 2. veneração; adoração veneraçãoadoração 3. forma externa da religiãoreligião

3 Significado de Culto no dicionário: s.m. Homenagem religiosa que se tributa a Deus ou aos entes sobrenaturais; liturgia; ofício divino. As cerimônias e festividades religiosas.

4 CULTO CRISTÃO O culto tem sido considerado, pela maioria dos cristãos, como o ato central de identidade cristã através da história. Muitos teólogos cristãos têm definido a humanidade como homo adorans, ou seja, "o homem que cultua", significando assim que o culto a DEUS é central para se compreender o ser humano.

5 CULTO CRISTÃO O culto de adoração a Deus é prestado na liturgia: ato do homem que adora (ação ascendente) e do Deus que salva (ação descendente).

6 CULTO CRISTÃODEUS adoração salvação HOMEM HOMEM

7 CULTO CRISTÃO LITURGIA: O termo liturgia deriva do grego "ergosleitor" (ação do povo), onde os dotados de posses praticavam filantropia para com os necessitados e estes, agradecidos, louvavam tais atos.

8 O QUE É O CULTO CRISTÃO O culto cristão é uma resposta humana à revelação divina. A Bíblia toda testifica que a obra de salvação é de iniciativa divina. Deus toma a iniciativa e o povo responde. Com essa resposta estabelece-se o “diálogo” no seu culto.

9 O QUE É O CULTO CRISTÃO

10 A parte mais importante do culto cristão é “DEUS”, que se revela soberano, criador e santo. Deus é tanto o sujeito como o objeto do culto (Ele é o motivo do culto ou da minha adoração).

11 O QUE É O CULTO CRISTÃO Sendo o culto uma resposta à revelação de Deus, sendo Ele o sujeito e o objeto do culto, então, o conteúdo das orações, hinos e cânticos e a pregação devem ser orientados para Deus e não para o homem, já que o homem não é o objeto do culto.

12 O QUE É O CULTO CRISTÃO

13 Os elementos que compõem o culto devem se transformar em um “diálogo” entre Deus (que toma a iniciativa) e o homem (que responde).

14 O QUE É O CULTO CRISTÃO

15 Quando isso não acontece se dá um “monólogo”. Muitas vezes o homem se torna o centro do culto e, simplesmente fala de suas necessidades e angústias e não ouve Deus.

16 O QUE É O CULTO CRISTÃO

17 Para que o culto seja um diálogo, ele tem partes intimamente ligadas, obedecendo a uma harmonia de forma.

18 EXEMPLO DE CULTO CRISTÃO ISAÍAS Esta é a primeira experiência do culto – O ENCONTRO COM DEUS e a ADORAÇÃO A DEUS. Ali se sente a presença de Deus e os anjos cantam a grandiosidade de um Deus justo e santo. (V. 1-4)

19 EXEMPLO DE CULTO CRISTÃO ISAÍAS A partir desse momento, Isaías passa a reconhecer sua indignidade e fraqueza e faz uma confissão de pecados (v.5), sendo esta a sequência do culto.

20 EXEMPLO DE CULTO CRISTÃO ISAÍAS O ato de CONFISSÃO é a resposta de Isaías à glória, majestade e santidade de Deus. O diálogo se estabelece entre Deus que se revela e o homem, neste caso Isaías, que sente, diante da grandeza da revelação, os seus pecados e os confessa. Esta é a segunda parte do culto. (V.5)

21 EXEMPLO DE CULTO CRISTÃO ISAÍAS Após a confissão de isaías, um anjo tirou do altar uma brasa viva (V.6) e tocou com ela a boca de Isaías, dizendo: “a tua iniquidade foi tirada e purificado o teu pecado” (v.7). Assim, a DECLARAÇÃO DO PERDÃO é a terceira parte do culto.

22 EXEMPLO DE CULTO CRISTÃO ISAÍAS Após Isaías ser perdoado, tem uma explosão de alegria, onde acontece a manifestação de LOUVOR e ação de graças, que é a quarta parte do culto

23 EXEMPLO DE CULTO CRISTÃO ISAÍAS A seguir, vemos novamente Deus, que se manifesta através de uma comissão, de uma revelação de vontade a Isaías, dizendo que deveria ir ao povo e proclamar a Sua palavra como profeta. Eis a quinta parte do culto, que é a iluminação ou explicação da palavra; OUVIR a voz de Deus (v.8).

24 EXEMPLO DE CULTO CRISTÃO ISAÍAS Em seguida vem a resposta imediata de Isaías: “Eis-me aqui Senhor, envia-me a mim.” (v.8), ou seja, sua dedicação, resposta e consagração ao discipulado, à vontade de Deus, o seu ENVIO ao mundo.

25 ALGUNS PRINCÍPIOS CÚLTICOS 1. CRISTO COMO ÁPICE Um princípio que tem consequências importantes na estrutura do culto é aquele que coloca CRISTO COMO ÁPICE, o ponto mais importante da história da salvação, da revelação e do pacto que Deus fez com a Igreja e o novo Israel.

26 ALGUNS PRINCÍPIOS CÚLTICOS CRISTO COMO ÁPICE Se o alicerce do culto cristão tem base na nova aliança de vida estabelecida por meio da vida, morte e ressurreição de Jesus Cristo, só pode haver culto cristão no Cristo, isto é, só há culto cristão onde Cristo está presente. Mais que isso, a forma, a estrutura do culto é dada pela própria vida de Jesus Cristo.

27 ALGUNS PRINCÍPIOS CÚLTICOS 2. A PRESENÇA DO ESPÍRITO SANTO Outro princípio que tem implicações na estrutura do culto é aquele que diz ser a verdadeira oração, que nasce da atividade do ESPÍRITO SANTO

28 ALGUNS PRINCÍPIOS CÚLTICOS A PRESENÇA DO ESPÍRITO SANTO O culto só é culto cristão se estiver aberto a ação soberana do Espírito Santo. A ação do Espírito Santo dinamiza o culto, mas, também oferece, segundo a doutrina cristã o equilíbrio cúltico.

29 ALGUNS PRINCÍPIOS CÚLTICOS 3. SER COMUNITÁRIO O culto cristão deve ser essencialmente COMUNITÁRIO. A adoração é um ato de toda a igreja e não do indivíduo apenas. Isto significa que a igreja vive e está em Cristo, incorporado em Seu corpo. Disso, decorre que um culto cristão não é individualista e que ninguém tem o monopólio cultual.

30 ALGUNS PRINCÍPIOS CÚLTICOS SER COMUNITÁRIO O culto é de todo o povo de Deus, que deve adorá-lo com leituras responsivas, orações, participações especiais, etc...

31 ALGUNS PRINCÍPIOS CÚLTICOS 4. MISSÃO DA IGREJA O culto deve estar ligado à MISSÃO DA IGREJA. Participar do culto cristão é estar disponível para servir aos homens no mundo, dando-lhes a oportunidade de descobrir, em comunhão com Jesus Cristo, o verdadeiro sentido da nossa humanidade.

32 ALGUNS PRINCÍPIOS CÚLTICOS MISSÃO DA IGREJA Este princípio faz do culto o momento adequado para que as ansiedades, os problemas e angústias dos que adoram a Deus, sejam trazidos à luz da palavra e da revelação de Deus nos sacramentos, orações e orações intercessórias.

33


Carregar ppt "CULTO CULTO CRISTÃO. CULTO Etimologia: Do latim cultus Substantivo: 1. adoração ou homenagem a uma divindade qualquer adoraçãohomenagem divindade 2. veneração;"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google