A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Www.acss.min-saude.pt Resumo Monitorização do Serviço Nacional de Saúde | dezembro 2013 Dados Provisórios Despacho n.º 8/2014 do Senhor Secretário de Estado.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Www.acss.min-saude.pt Resumo Monitorização do Serviço Nacional de Saúde | dezembro 2013 Dados Provisórios Despacho n.º 8/2014 do Senhor Secretário de Estado."— Transcrição da apresentação:

1 Resumo Monitorização do Serviço Nacional de Saúde | dezembro 2013 Dados Provisórios Despacho n.º 8/2014 do Senhor Secretário de Estado da Saúde

2 Monitorização do Serviço Nacional de Saúde 2

3 Hospitais | Cirurgia 3 A dezembro foram realizadas mais cirurgias (+2,8%) intervenções cirúrgicas que em igual período de Fruto do trabalho desenvolvido nos últimos anos, verifica- se uma transferência gradual da atividade cirúrgica para o ambulatório. Assim, 55,7% das intervenções realizaram-se com a possibilidade do doente ser operado e ter alta no mesmo dia melhorando a sua comodidade, reduzindo tempo para integração na vida ativa e reduzindo a probabilidade de eventos indesejáveis (eg. infeções hospitalares). A meta para este indicador em 2013 era de 55% de ambulatorização cirúrgica. Intervenções cirúrgicas dezembro 2012/13 Ambulatorização cirúrgica dezembro 2012/13

4 Hospitais | Consulta Externa 4 Neste período verificou-se uma crescimento das primeiras consultas (+2,9%) e das consultas subsequentes (+3,7%). Realizaram-se mais consultas médicas que em igual período do ano passado. A meta para 2013 era de um crescimento de 1% do número de consultas externas realizadas nos hospitais. É desejável que ocorra transferência de cuidados dos hospitais para os cuidados de saúde primários, aumentando o acesso às primeiras consultas hospitalares e uma redução das consultas subsequentes. dezembro 2012/13

5 Consulta a tempo e horas 5 Consultas médicas hospitalares realizadas referenciadas pelos cuidados de saúde primários dezembro 2011/13 +11,8% +15,7% Tempo médio de resposta ao pedido (dias) dezembro 2012/13 -2,4 dias Mediana de tempo até à consulta (dias) dezembro 2012/13 -0,7 dias A dezembro de 2013 verificou-se um aumento do número de consultas realizadas nos hospitais a pedido do médico de família (11,8%). Igualmente, verificou-se uma melhoria do tempo médio e da mediana de tempo até à realização da consulta médica hospitalar. Apenas da melhoria observada, os tempos de espera continuam longe do desejável com vista a uma melhor coordenação/ integração de cuidados entre os hospitais e cuidados de saúde primários.

6 Cuidados de Saúde Primários | Consultas Médicas 6 -0,8% No período em análise verifica-se uma ligeira redução de consultas médicas (-0,1%) e uma estabilização da utilização de consultas médicas face ao período homólogo (-0,8%). Em termos absolutos, até novembro de 2013 perto de sete milhões de portugueses tiveram pelo menos uma consulta com o seu médico de família. Este dado é particularmente relevante dado ter sido realizado durante o período uma limpeza de inscrições redundantes. Por este processo, a dezembro de 2013 encontravam- se registados utentes ativos. As consultas médicas presenciais mantêm um ligeiro ajustamento motivado pela informatização da prescrição de medicamentos e serviços domiciliários, ocorrendo um efeito de substituição pelo aumento substancial da prescrição de mais receitas renováveis a novembro (+8,9% ), evitando visitas desnecessárias aos serviços de saúde. Utilizadores individuais de consultas médicas dezembro 2012/13 Consultas médicas dezembro 2012/13 -0,1% Receitas Renováveis dezembro 2011/13 +8,9%

7 Cuidados de Saúde Primários | Consultas domiciliárias 7 +4,6% As consultas domiciliárias mantêm a tendência de crescimento desejável. Realizaram-se mais consultas de enfermagem no domicílio, representando um crescimento de 6,6% face a igual período de As consultas médicas domiciliárias apresentam um crescimento (mais consultas) face a igual período de O aumento das consultas domiciliárias reflete o esforço de adequação das estruturas às necessidades das populações servidas. Variação homóloga dezembro 2012/13 +6,6%

8 Hospitais | Atendimentos urgentes 8 A evolução da atividade de urgência hospitalar está muito dependente da sazonalidade dos surtos de doenças respiratórias infeciosas e ondas de calor. Em linha com o esperado, regista-se uma estabilização do número de atendimentos face a Comparação entre os atendimentos urgentes em diferentes anos nos períodos janeiro-dezembro de 2009 a 2013

9 Hospitais | Internamento 9 A novembro verifica-se uma estabilização do número de doentes saídos, face a Esta variação encontra-se dentro dos valores esperados para o período em análise, tendo em consideração o aumento da ambulatorização cirúrgica. A nível da demora média verificamos uma estabilização do indicador. Desejavelmente deveríamos observar uma redução do valor de demora média. Apesar do desempenho das instituições hospitalares ainda estar aquém do desejável, a novembro verifica-se uma melhoria nos tempos de sinalização para a Rede Nacional de Cuidados Continuados face a igual período ano passado doentes saídos dezembro 2012/13 demora média dezembro 2012/13

10 Quadro resumo da atividade assistencial 10 A novembro de 2013, mantém o crescimento do número de consultas médicas hospitalares ( consultas ) e uma estabilização da utilização de consultas médicas dos cuidados de saúde primários. Na linha de urgência verifica-se um ligeiro crescimento do número de urgências em linha com a onda de calor observada no período. A atividade cirúrgica verifica um crescimento face a 2012 ( cirurgias ). Igualmente, o forte crescimento da ambulatorização cirúrgica permite a obtenção de vantagens para o utente e para a eficiência das instituições do Serviço Nacional de Saúde.

11 Monitorização mensal | julho Atividade assistencial Notas metodológicas

12 Notas metodológicas 12 Atividade assistencial É considerada a atividade realizada pelas instituições do Serviço Nacional de Saúde. Fonte de dados hospitalares: SICA (dados extraídos a 21 de janeiro de 2014) Fonte de dados dos cuidados de saúde primários: (dados extraídos 6 de fevereiro de 2014) Fonte de dados do programa de acesso Consulta a Tempo e Horas: ADW CTH (dados extraídos a 13 de janeiro de 2014) As entidades analisadas incluem o Hospital da Prelada e Hospitais Exclusivamente Psiquiátricos. No microsite de monitorização mensal, estas entidades ainda não são consideradas pelo que podem ser verificadas divergências entre as duas fontes de dados.


Carregar ppt "Www.acss.min-saude.pt Resumo Monitorização do Serviço Nacional de Saúde | dezembro 2013 Dados Provisórios Despacho n.º 8/2014 do Senhor Secretário de Estado."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google