A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Porquê Jesus foi batizado se Ele não tinha pecados dos quais se arrepender?

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Porquê Jesus foi batizado se Ele não tinha pecados dos quais se arrepender?"— Transcrição da apresentação:

1

2

3

4

5 Porquê Jesus foi batizado se Ele não tinha pecados dos quais se arrepender?

6 “Jesus não recebeu o batismo como confissão de pecado de Sua própria parte. Identificou-se com os pecadores, dando os passos que nos cumpre dar.” D.T.N., pág. 96

7 Na oração batismal Jesus pediu duas coisas ao Pai: 1º - Suplicou poder para vencer; 2º - Pediu uma prova que Deus O aceitava. D.T.N., pág. 97.

8 Em resposta, o Pai: 1º - Enviou o Espírito Santo“ em forma de uma pomba de mais pura luz”. D.T.N., pág. 98; 2º - Disse: “Este é o Meu Filho amado, em quem Me comprazo”. Lucas 3:22.

9 “A luz que se projetou das portas abertas sobre a cabeça de nosso Salvador, incidirá sobre nós ao pedirmos auxílio para resistir à tentação”. “ A voz que falou a Cristo, diz a toda alma crente: Este é o Meu filho amado, em quem Me comprazo”. D.T.N., pág. 99.

10 “As palavras dirigidas a Jesus no Jordão abrangem a humanidade. Deus falou a Jesus como nosso representante. Com todos os nosso pecados não somos rejeitados como indignos”. D.T.N., pág. 99.

11 A primeira necessidade do pecador quando “passa das trevas para a maravilhosa luz”. Atos 26:18; Col. 1:13, parece ser a segurança.

12 João menciona que esta é uma das funções principais do Espírito Santo. “Nisto conhecemos que permanecemos Nele, e Ele em nós, que nos deu o Seu Espírito”. I. S. João 4:13.

13 Pela análise do batismo de Jesus, percebemos: (1)que água e Espírito vão juntos; (2) o binômio água e Espírito vem acompanhado da filiação

14 podemos concluir: (1)que o batismo no Espírito Santo é uma experiência inicial para todos os cristãos, (2) é coincidente com o batismo nas águas,

15 podemos concluir: (3) nesta ocasião o penitente recebe o Espírito Santo e por Ele é introduzido na família de Deus. BINÔMIO ÁGUA – ESPÍRITO.

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

32

33 “Há três pessoas vivas pertencentes à Divindade; em nome destes três grandes poderes – o Pai, o Filho e o Espírito Santo – os que recebem a Cristo por fé viva são batizados, e esses poderes cooperarão com os súditos obedientes ao Céu em seus esforços para viver a nova vida em Cristo”. Evangelismo, pág Batismo do Espírito Santo – Dr. Wilson H. Endruveit, PhD.

34

35 Quando dizemos que o Espírito Santo é um dom de Deus no batismo n´água não estamos negando que o Espírito Santo é o agente da conversão. A influência do Espírito Santo é sentida pelo pecador antes do batismo.

36 Quando o pecador decide aceitar a Cristo, o Espírito Santo passa a habitar nele. Assim, o Espírito Santo é o agente e o dom na conversão batismo.

37 “Mediante um agente tão invisível como o vento, está Cristo continuamente operando no coração. Pouco a pouco, sem que o objeto dessa obra tenha talvez consciência do fato, produzem-se impressões que tendem a atrair a alma para Cristo. Estas se podem causar meditando nEle, lendo as Escrituras, ou ouvindo a palavra do pregador. De repente, ao chegar o Espírito com mais direto apelo, a alma entrega-se alegremente a Jesus...

38 ... Isso é chamado por muitos uma conversão repentina; é, no entanto, o resultado de longo processo de conquista efetuado pelo Espírito de Deus – processo paciente e prolongado... Quando o Espírito de Deus toma posse do coração, transforma a vida... A benção vem quando, pela fé, a alma se entrega a Deus. Então, aquele poder que olho algum não pode discernir, cria um novo ser à imagem de Deus.” DTN, 151 e 152.

39

40 Muitas pessoas vêem o batismo nas águas como um simples rito exterior. Esta é uma das razões porque alguns relutam associar o Espírito Santo ao batismo nas águas.

41 O batismo em si não conferia o arrependimento, mas apontava para o modo de obtê-lo. Pelo fato do batismo estar ligado ao arrependimento é que nos sentimos embaraçados que Jesus devesse ser batizado.

42 Ele identificou-se mais profundamente com o pecador quando tomou sobre Si na cruz a responsabilidade do pecador.

43 Pedro usa a arca do dilúvio, pela qual Noé e sua família foram salvos, como uma figura do batismo cristão. “Batismo como verdadeira figura agora nos salva” diz ele. I Ped. 3:21.

44 Em Romanos 6, Paulo declara que os cristãos são sepultados pelo batismo na morte de Cristo, para que como Cristo ressuscitou dos mortos, assim nós também andemos em novidade de vida.

45 Paulo une o batismo n´água com a cruz (justificação), em Romanos 6:3 em diante e I Cor. 6:11, como partes de um todo. O batismo n´água sendo a parte exterior e a justificação a parte interior da mesma experiência.

46 (1)o batismo como a justificação, é algo feito por outro em nosso favor; (2) o batismo, como a justificação, fala da incorporação em Cristo.

47 O batismo só tem significado quando ligado à cruz – ao que lá aconteceu. Sem esse elemento essencial da fé na cruz, a aplicação da água, mesmo acompanhada pelas palavras adequadas, não agrega valor ao batismo.

48 Paulo liga o batismo à cruz da reconciliação num único ato para salientar que o batismo é mais do que um ato humano. É mais do que uma expressão subjetiva de fé. É mais do que um testemunho humano público.

49 É no batismo que o Espírito Santo aplica em nós o que Jesus fez por nós na cruz. Batismo é uma manifestação exterior do novo nascimento, da justificação e da filiação.

50

51 O batismo nas águas não é para ser visto como um simples rito exterior, pois as Escrituras reprovam a simples aparência exterior. Mat. 23: 23 em diante, Sal. 51:10, Rom. 2:28, etc.;

52 O batismo nas águas está associado com recepção do Espírito Santo, filiação, justificação, incorporação e comprometimento.

53 No ato do batismo três elementos se unem ao mesmo tempo: O lado humano – arrependimento e fé; O lado divino – o recebimento do Espírito Santo, adoção na família de Deus, o perdão dos pecados – justificação;

54 No ato do batismo três elementos se unem ao mesmo tempo: O lado da igreja – incorporação na comunidade dos crentes – torna-se membro da igreja.

55 O batismo no Espírito Santo é uma experiência inicial e coincide com o batismo nas águas. No Novo Testamento água e Espírito Santo vão juntos. É um binômio inseparável.

56 Necessito ter um encontro diário com o Espírito Santo cada dia na primeira hora de cada manhã, para relembrar e renovar o meu batismo.


Carregar ppt "Porquê Jesus foi batizado se Ele não tinha pecados dos quais se arrepender?"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google