A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

IBAD – PINDAMONHANGABA/SP A tarefa suprema da Igreja.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "IBAD – PINDAMONHANGABA/SP A tarefa suprema da Igreja."— Transcrição da apresentação:

1 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP A tarefa suprema da Igreja

2 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  O livro propõe um projeto evangelístico que instrumentalize as igrejas para a execução dessa ação.  O objetivo é ajudar as comunidades evangélicas nessa missão tão importante.  Estudaremos 4 unidades:  Unidade I – EVANGELISMO: definição, significados, importância, objetivos e mensagem  Unidade II – A MENSAGEM EVANGELÍSTICA  Unidade III – A EXECUÇÃO DO PROJETO EVANGELÍSTICO  Unidade IV – O EVANGELISMO COMPLETO

3 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP A tarefa suprema da Igreja

4 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  A evangelização, ação baseada na ordem de Jesus: “... E sereis minhas testemunhas... Da terra” (At. 1. 8), é uma tarefa suprema da Igreja, pois é através dessa que o evangelho, comunicação da palavra de Deus, propaga-se e a Igreja cresce.

5 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  1.1 – A definição do termo evangelizar  Para que possamos entender os significados do termo “evangelizar”, é importante que atentemos para os seus significados no hebraico (língua do Velho Testamento), e no grego (língua do Novo Testamento).  1.2 – A definição da palavra salvação  A palavra salvação, em nossa língua, traz significados derivados de três idiomas: o grego, o hebraico e o latim. ▪ – A abrangência do termo salvação no lado espiritual do homem ▪ – A abrangência do termo salvação no lado material do homem

6 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  1.3 – A importância do evangelismo  O evangelismo, proclamação das boas-novas, tem como objetivo,para que haja a contemplação da Palavra de Deus em toda a sua abrangência, a modificação do homem em todos os sentidos: material, espiritual, emocional e social.

7 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  Pontos importantes para a evangelização: o conhecimento sobre Deus e sobre os pecadores, a mensagem evangelística, os alvos da evangelização, as estratégias e a exposição da mensagem.  2.1 – O conhecimento sobre Deus  O conhecimento de Deus e da Sua vontade é de essencial importância não somente para a vida cristã, mas também para toda a ação da igreja, porque é esse que solidifica a fé e dinamiza toda a sua prática. ▪ As obras e as maravilhas de Deus

8 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  2.2 – O conhecimento sobre os pecadores  O conhecimento sobre os pensamentos, argumentos, problemas, anseios e dúvidas dos pecadores, é ouitro ponto importante para a evangelização, pois a falta desse pode levar o crente a uma desastrosa prática evangelística.

9 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  2.3 – A mensagem evangelística  Há pessoas que têm conhecimento razoável sobre Deus, experiências com Ele e sensibilidade com a Sua vontade, mas não têm familiaridade com a mensagem evangelística, o que é muito prejudicial para sua ação evangélica, tendo em vista a impossibilidade de uma atuação consistente sem conhecimento e a prática da mensagem, a qual deve ser plenamente baseada na Bíblia para que possa gerar a fé necessária no pecador e levá-lo ao arrependimento (Rm. 10.9,14,17). ▪ O estudo da mensagem bíblica

10 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  2.4 – Os alvos da evangelização  Metas,quantidade de literaturas distribuídas, número de pessoas envolvidas na ação evangelística, quantidade de grupos utilizados e o número de pessoas convertidas é vital para o sucesso de qualquer projeto evangelístico.  2.5 – Estratégias evangelísticas  As estratégias no evangelismo levam à decisão de como serão realizadas as ações para se atingir o objetivo.

11 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  2.6 – A exposição da mensagem  A exposição da mensagem é um dos pontos importante do evangelismo, porque dessa depende o sucesso da evangelização.

12 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  Cristo com apenas doze homens, revolucionou o mundo de sua época. A igreja primitiva, mesmo vivendo em tempos hostis ao evangelho, cresceu e se solidificou.  3.1 – A evangelização de Cristo  A vida de Cristo é uma verdadeira escola, pois Seus atos se tornaram exemplos para a história do Cristianismo. ▪ O profundo relacionamento de Jesus com o Espírito Santo ▪ O cultivo de uma vida de oração ▪ O relacionamento com os pecadores ▪ A profunda visão de Cristo sobre a obra evangelística ▪ A visão de Jesus sobre os pecadores ▪ As estratégias evangelísticas de Cristo

13 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP ▪ A evangelização de Cristo  3.2- A evangelização da Igreja Primitiva  Os evangelhos nos mostram que Cristo colocou os fundamentos teológicos e evangelísticos ensinando, diariamente, aos discípulos, deixando, portanto, um plano completo, claro, que contempla a salvação de todos aqueles que Nele crerem. ▪ – O poder do Espírito Santo ▪ As respostas da Igreja Primitiva aos pecadores

14 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP ▪ A igreja Primitiva como exemplo de vida ▪ A igreja da Igreja Primitiva ▪ A constância e a perseverança da Igreja Primitiva ▪ A ousadia da igreja Primitiva ▪ Os milagres da igreja Primitiva

15 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  As condições dos pecadores que estão perdidos, com sede, em trevas e presos pelo pecado, os problemas das cidades e a iminente volta de Cristo são algumas das razões que levam a um evangelismo de ousadia.

16 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  4.1- Evangelismo: uma ordem  Jesus ordenou a seus discípulos: “Ide por todo mundo e pregai o evangelho a toda criatura” (Mc ).  4.2 – A Urgência da Evangelização  Jesus disse: “Não dizeis vós que ainda há quatro meses para a ceifa? Eis que eu vos digo: Levantai os vossos olhos, e vede as terras que já estão brancas para a ceifa” (Jo 4.35).

17 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  As ovelhas perdidas e os pecadores cegos  Como uma ovelha precisa da ajuda de seu pastor, muitos pecadores não têm forças para saíram do pecado, por isso precisam de um ombro amigo, da ajuda de um evangelista para levá-los a Cristo. ▪ A iluminação dos cegos espirituais  4.4- A sede dos pecadores  No Salmo (42.1,2) está registrado a cede que o homem tem de Deus. Nele o salmista declama: “como o cervo anseia pelas correntes das águas, assim suspira a minha alma por ti, ó Deus. A minha alma tem sede de Deus, do Deus vivo...”.

18 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  4.5 – O aprisionamento dos pecadores  Romanos ( ) registra que as pessoas, antes de aceitarem a Cristo, são escravas do pecado e que somente Jesus tem o poder libertá-las.  4.6 – Os problemas das cidades  Ao observarmos o que esta acontecendo nas cidades, ficamos perplexos com a violência, a imoralidade, a desestruturação familiar e com muitas outras coisas que denigrem o ser humano.

19 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  4.7 – O convencimento dos pecadores  Em João ( ), esta escrito que o Espírito Santo é o responsável por convencer o homem do pecado, da justiça e do juízo, contudo Ele só convence o pecador baseado na Palavra pregada.  4.8- A proximidade da vinda de Cristo  A proximidade da volta de Cristo é talvez uma das maiores razões para evangelizarmos. Depois não haverá mais chance para aqueles que morrerem sem Cristo.

20 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP  O amor de Deus é a base de toda ação evangelística. Sem ele não haveria a redenção, o perdão de pecados e a salvação.  5.1- O amor ardente de cristo  Precisamos de um amor que sente as dores e as angústias dos pecadores, para evangelizar.  5.2- O amor em ação  Jesus não só dava exemplos de amor como também ensinava sobre ele.

21 IBAD – PINDAMONHANGABA/SP ▪ O amor do pastor ▪ A moeda perdida ▪ O filho pródigo


Carregar ppt "IBAD – PINDAMONHANGABA/SP A tarefa suprema da Igreja."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google