A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

I t ORGANIZAÇÃO O que é ? * trabalhando juntas.... * de modo estruturado... P/ alcançar: 1 objetivo específico ou 1 conjunto de objetivos CENÁRIO DO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "I t ORGANIZAÇÃO O que é ? * trabalhando juntas.... * de modo estruturado... P/ alcançar: 1 objetivo específico ou 1 conjunto de objetivos CENÁRIO DO."— Transcrição da apresentação:

1

2 I t

3 ORGANIZAÇÃO O que é ? * trabalhando juntas.... * de modo estruturado... P/ alcançar: 1 objetivo específico ou 1 conjunto de objetivos CENÁRIO DO PRÓXIMO MILÊNIO Meio ambiente Revolução tecnológica Materiais novos e espantosos Inteligência artificial biotecnologia reengenharia Globalização Mudanças de regimes políticos

4 I t CONSUMO Gosto consumidores (produtos importados, lazer) + opções, diversificação de Modelos (carros novos eletrodomésticos/roupas) produtos mais individualizados - sob encomenda (carro/ bicicleta) >exigência explorando custo x benefício código de defesa do consumidor

5 I t = troca de moedas no mundo = US$ 80 tri/ano = só US$ 4 tri -financiam comércio/serviço... === especulação cambial = sociedade cassino (aplicações nas bolsas de valores) = países em desenvolv. = dívida > US$ 1 tri = migração de dinheiro para paraísos fiscais = lavagem de dinheiro

6 I t Novos competidores Tigres asiáticos Funcionamento da C.E.E. Exploração de novas empresas Fusão de empresas/capitais Fim da URSS Reunificação alemã Recessão mundial Queda do comunismo Leste Europeu Criação de mercados comuns Desemprego no mundo

7 I t > sofisticação... > consciência de qualidade produtos personalizados incremento de mulher na força de trabalho como ficamos, em relação às mudanças no mundo ????? Gerente antigo x gerente moderno A concorrência é grande.... Atualização... Ou... ????

8 I t + generalista + preocupado com RH e desenv. profissional + profissional e - paternalista + preocupado atualizar-se (sua área e geral) Exemplos: Ligado a tudo o que ocorre + internacional + competitivo, +ambicioso 2 ou + línguas... Mais jovem... + preparado academicamente - preocupado permanência na empresa

9 I t + plana, + enxuta, - camada na estrutura organiz. - elos cadeia hierárquica Unidds + autônomas, > poder decisão, < quadro central de func. > autoridade local Orientação para a diferenciação Consciente da qualidade integrada > preocupação (atendtº e assist. técnica) +rápida na inovação tecnológica Voltada para a consultoria externa +profissional, - paternalista +exigente com funcionários Disposta a recompensar o bom desempenho +propensa promover/movimentar func. promissores Internacionalização dos negócios

10 I t Por que as organizações e os administradores são necessários? Manchetes nos jornais diários Déficit da balança comercial é crescente; Importações de autos aumentam participação mercado Taxa desemprego crescente O Brasil crescerá -5% este ano As organizações servem à sociedade: Inst.sociais que refletem valores necessidades cultural/ aceitos permitir realizar objetivos enqt° sociedade

11 I t As organizações realizam objetivos Quantas organizações estiveram envolvidas para que vocês pudessem ver esta transparência ? Portanto, as pessoas que administram as organizações realizam a função essencial:... Coordenar esforços de diferentes indivíduos Visando alcançar metas Atingir os objetivos pré-estabelecidos...

12 I t Administração é o processo de : Organizar... Planejar... Liderar... Controlar... Os esforços dos membros da organização e outros recursos organizacionais para atingir os objetivos estabelecidos... Planejar: pensar antecipadamente nos objetivos e ações basear-se em métodos, plano ou lógica, palpites Organizar: processo de arrumar / alocar trabalho autoridade entre membros de um organização objetivando alcançar eficientemente os objetivos Liderar: dirigir, influenciar, motivar colaboradores envolvimento no trabalho com as pessoas

13 I t As organizações proporcionam carreiras fonte de sobrevivência satisfação e auto realização pessoal carreiras compensadoras As organizações preservam o conhecimento registros de realizações pessoais; possibilita adquirir mais aprendizado obtenção de resultados Desenvolvimento gerencial e desenvolvim. Organizacional quão eficiente/eficaz o Adm// competência p/ objetivos certos eficiência= fazer certo as coisas ==> maximiza resultados eficácia = fazer para o resultado. Atinge o objetivo certo O processo de Adm. = A adm. já foi chamada: a arte de fazer coisas através das pessoasa arte de fazer coisas através das pessoas

14 I t Administradores de Topo: Responsável p/ adm global estabelece política operacional conduz à interação da org. com o ambiente Administradores (gerentes) gerais Indivíduo responsável por todas as atividades: Produção.. Vendas... Marketing... Finanças...

15 I t Habilitações = desempenho eficaz diferentes níveis de administração conceitual humana técnica Gerência de 1ª linha Gerência intermediária conceitual humana técnica Administração de topo conceitual humana técnica

16 I t Papéis decisórios Entrepreneur =... Indicam processo mudança vontade própria atmosfera ajuda trabalhador dar de si Controlar = * certificação que atos dos membros levam objetivos estabelecidos * medir o desempenho atual * comparar desempenho c/ padrões estabelecidos * havendo desvios, adotar ações corretivas

17 I t Gerentes de 1ª linha =Responsáveis pelos colaboradores operacionais =não supervisionam outros Adm. de nível + baixo =organizacional Gerentes médios * posição intermediária * responsáveis por outros gerentes *podem observar empregados operacionais

18 I t Solucionador de problemas: =nenhuma organização funciona bem o tempo todo =dificuldades financeiras, greves, queda de lucros =dirigentes ofereçam soluções e as implementem Alocador de recursos = equilibra os vários objetivos e necessidades Negociador: =mediador =negociar compromisso quando há disputa O desafio da administração: * enxergar mudança como fator positivo * ampliar visão sobre sua empresa * enxergar além do que ela é * ver o que poderia ser

19 I t A necessidade de Ética: =estudo sobre quem é - ou deveria ser - beneficiado ou prejudicado por 1 ação = ética =disciplina que estuda quem tem-e quem deveria ter- algum tipo de direito. A necessidade de diversidade cultural: * recorrer aos trabalhadores + talentosos * independent/ das diferenças raciais, culturais, sexuais A necessidade de treinamento: = bons administradores são feitos / não nascem como = habilidades podem/são aprendidas por pessoas de todas as origens. Qualidades de administradores bem sucedidos; = necessidade de administrar =Necessidade de poder = necessidade de empatia

20 I t Objeto de estudo neste módulo: Por que estudar T.A. As Teorias Clássicas da Adm. A escola comportamental: A organização são as pessoas Escola Quantitativa: Pesq. Oper. (PO) e Managemente Science A evolução da Teoria Administrativa Estudo de caso: para avaliação

21 I t Razões para estudar Teoria Administrativa: A) as teorias guiam as decisões da administração: * ajudam a compreender os processos fundamentais; * norteiam uma linha eficaz de ação * as teorias válidas permitem prever sob certas situações * sob diferentes situações, podem aplicar diversas teorias Definição de teoria : conjunto coerente de suposições elaborado p/explicar a relação entre 2 ou + fatos observáveis e prover uma base sólida para se prever eventos futuros B) as teorias dão forma à n/visão de organização: = administrar pode determinar cientificamente o melhor modo de realizar qualquer tarefa = exemplo da linha de montagem Ford = abordagem neoclássica: trabalhadores querem participar das decisões e não + são vistos como pessoas que não gostam de trabalhar

22 I t C) as teorias nos conscientizam do ambiente empresarial: # compreensão de que cada teoria tem s/ momento apropriado às circunstâncias # as teorias são produto do meio (forças sociais., econômicas, políticas e tecnológicas) D) as teorias são fontes de novas idéias * é importante dominar todas as teorias * não há teoria que unifique todas as teorias * abordagem deve ser eclética * buscar parte de cada teoria e aplicar no cotidiano * manter a mente aberta e se familiarizar com cada uma das principais teorias.

23 I t Teorias = relativ/ recentes: Rev. Industrial - séc. XVIII e XIX Abordagem sistemática= novas tecnologias, quantidades de materiais, concentração de trabalhadores Precursores da T.A. Científica : Robert Owen - adm. tecelagem de algodão - New Lanark Escócia, início séc. XIX Condições de trabalho ruins: crianças 5/6anos + homens + mulheres = 14h/dia=6dias/semana Salários baixos, habitações apinhadas, sem higiene

24 I t Owen descobriu papel de reformadores construiu casa melhores montar armazém, mercadorias + baratas reduzir jornada para 10 horas não contratar crianças menores 10 anos investimentos nas máquinas vitais avaliação pública Estimulada e orgulho provoca competição feed-back professor Charles Babbage convencido dos princípios processos de trabalho redução de despesas defensor da divisão do trabalho traria: redução de tempo repetição constante = > destreza e eficiência

25 I t Surgiu - necessidade aumentar a produtividade EUA - séc. 20, carência de m.o. necessidade de melhorar a eficiência Frederick W. Taylor, Henry L. Gant e os Gilbreth ( Frank e Lilian) delinearam o conjunto de princípios ===> T.A.C. TAC - Abordagem à adm. Feitos por F.W. Taylor e outros, entre ==> buscar cientificamente melhores métodos para qualquer tarefa/seleção/treinamento e motivação dos trabalhadores

26 I t Frederick W. Taylor ( ) *sistema baseado no estudo dos tempos *cronometrou tempos e movimentos dos operários *projetou métodos melhores e + rápidos na linha de produção *determinou quantidade de peças a produzir *encorajou pagamento de prêmios *sistema de compensação = salários > p/ trabalhador + eficiente apesar dos métodos de Taylor levarem à produtividade e > salários surgiram impactos: Oposição dos trabalhadores e dos sindicatos = em função demissão dos trabalhadores e mudança de método Na Simonds, c/ método de Taylor = demissões As idéias de Taylor se espalhavam--- mas oposição também acontecia

27 I t Desenvolv/ de 1 verdadeira ciência da Adm, objetivando determinar sempre o melhor método p/ realizar cada tarefa Seleção científica dos trabalhadores. Direcionamento da habilidade para a tarefa A educação e o desenvolvimento científico do trabalhador A cooperação íntima e amigável entre administração e os trabalhadores Com a aplicação destes princípios de Taylor (uma completa revolução mental)... Empresário e operário= não discutir lucro e sim aumentar a produção===> lucros para ambos os lados

28 I t Henry L. Gantt ( ) Parceiro de Taylor Quando só, reconsiderou o sistema de incentivos de Taylor Criou bonificação quando trabalhador cumprisse s/ cota O supervisor receberia bonificação, se 1 operário cumprisse meta meta diária e outra, caso todos o fizessem Avaliação pública de cada operário Criou sistemas de gráficos para a programação da produção

29 I t Frank B. Gilbreth ( ) e Lillian M. Gilbreth ( trabalharam em estudos de fadigas e moviementos abordaram meios de promover o bem estar individual do operário conclusão de Frank= cada movimento eliminado < fadiga Prepara-se p/ promoção Empregado faz o trabalho Treina o sucessor Contribuição para a TAC Modernas linhas de montagem Técnicas eficientes foram e são usadas em não industriais Projeto do trabalho Seleção e desenvolv/ científico dos trabalhadores Abordagem racional - solução problemas organizacionais Estabeleceu alicerces para profissionalização da Adm

30 I t Limitações da TAC Pessoas eram RACIONAIS e motivadas p/ suas necessidades econômicas Este modelo não enxergava o desejo humano de satisfação no trabalho e as necessidades sociais dos trabalhadores, como grupo Ênfase na produtividade e lucratividade, alguns administradores eram levados a explorar operários e clientes Padrão de suspeita e desconfiança que coloriu as relações entre administração e trabalhadores durante décadas TEORIA CLÁSSICA DAS ORGANIZAÇÕES TAC se preocupava c/ aumento de produtividade da fábrica e do trabalho individualmente A Teoria Clássica das Organizações surgiu da necessidade de encontrar as linhas mestras p/ administrar organizações complexas, como as fábricas

31 I t ( ) Fundador da Escola Clássica de Administração Responsável p/ sistematizar comportamento dos Adms. Acreditava: c/ previsão científica e métodos adequado de administração, bons resultados eram inevitáveis Dividiu operações em 6 atividades inter-relacionadas técnica= produção e fabricação de produtos comercial= compras de mat. Prima e venda de produtos financeira= aquisição e uso de capital segurança= proteção dos empregados e da propriedade contábil administração Fayol sentiu que a administração era a operação mais negligenciada

32 I t Divisão do trabalhoautoridadedisciplina Unidade de comando Unidade de direção Subordinação do interesse individual ao bem comum remuneração centralização hierarquia ordem eqüidade Estabilidade pessoal iniciativa Espírito de equipe

33 I t ( ) Sociólogo alemão Desenvolveu a Teoria da Administração Burocrática que enfatizava a necessidade de uma hierarquia estritamente definida e governada por regulamentos e linhas de autoridade claramente definidas Competência técnica deveria ser enfatizada e as avaliações de desempenho deveriam ser feitas totalmente com base no mérito

34 I t CONTRIBUIÇÕES DA TEORIA CLÁSSICA DA ORG. Habilidades dos Adms se aplicam a todos os tipos de atividades em grupo (no mínimo aumentou de importância) Certos princípios básicos da Adm são básicos ao comportamento eficaz e que podem ser ensinados Adms conscientes dos tipos básicos de problemas que eles teriam que enfrentar em qualquer organização LIMITAÇÕES DA T.C.0. * críticas de que a teoria clássica é aplicável num ambiente relativamente estável e previsível *empregados de hoje aceitam menos a autoridade formal, especial/ quando aplicada arbitrariamente *generalista demais para as organizações complexas de hoje em dia

35 I t TEORIAS DE TRANSIÇÃO (voltadas para as pessoas) MARY PARKER FOLLET ( ) CHESTER I. BARNARD ( Ninguém pode ser completo, se não fizer parte do grupo concordavam c/ Taylor: trabalhadores e dirigente mesmo objetivo relação chefe x subordinado= obscurecia essa parceria natural Precursores do modelo Holístico de controle: * controle era patrocinado e orientado para o grupo * auto controle exercido pelo indivíduo e pelos grupos *resultante: controle e poder compartilhados. *pessoas juntam-se às organiações formais para atingir objetivos que não atingiriam só *perseguindo objetivos precisam satisfazer as necessidades *equilíbrio para atuar com eficiência= haver equilíbrio de objetivos e necessidades dos indivíduos a empresa deve potencializar a organização formal

36 I t A ESCOLA COMPORTAMENTAL: A ORGANIZAÇÃO SÃO AS PESSOAS: Estudiosos da Adm, formados em Sociologia, Psicologia e campos afins, que usaram seus conhecimentos diversificados para compreender e administrar com mais eficácia a pessoas dentro da organização O MOVIMENTO DAS RELAÇÕES HUMANAS Surgiu em função das 1ªs tentativas de se descobrir sistematicamente os fatores sociais e psicológicos capazes de criar relações humanas eficazes AS EXPERIÊNCIAS DE HAWTHORNE Tentativa de investigar a relação entre o nível de iluminação no local de trabalho e a produtividade dos operários segue

37 I t... As experiências de Hawthorne... Operários divididos em grupos de testes que eram submetidos a deliberadas mudanças na iluminação e em grupos de controle, cuja iluminação permanecia constante. Quando melhorada a iluminação no grupo de teste, a produtividade crescia erraticamente Quando piorava, a iluminação ficava pior e o grupo de teste crescia em produtividade Em 1 experiência, 1 pequeno grupo em sala separada, com variáveis Aumentaram os salários, introduziram períodos variáveis de descanso reduziram jornadas diárias e semanal grupo escolha período de descanso influenciar nas mudanças resultados não conclusivos.

38 I t... As experiências de Hawthorne... Conclusões: = os operários trabalhariam mais se acreditassem que a administração estava preocupada com seu bem estar; = os supervisores deveriam prestar atenção total a eles. Elton Mayo concluiu eu o grupo de controle aumentou a produtividade, em função da atenção dada pelos pesquisadores. O ambiente social dos empregados tem influência positiva sobre a produtividade

39 I t CONTRIBUIÇÃO DA ABORDAGEM DAS RELAÇÕES HUMANAS = Deve haver preocupação verdadeira com os trabalhadores; = estilo do administrador... = ênfase maior nas habilidades de administração humana = menos ênfase no ensino de habilidades técnicas = necessidade de pensar em processos e em recompensas grupais LIMITAÇÕES DO MOVIMENTO DAS RELAÇÕES HUMANAS * Conceito de homem socialnão conseguiu descrever completamente os indivíduos no local de trabalho * nem sempre as melhorias no ambiente de trabalho levam ao aumento de produtividade

40 I t EVOLUÇÃO DA TEORIA DA ADM INISTRAÇÃO ABORDAGEM SISTÊMICA Enxerga a organização como 1 sistema unificado e propositado, composto de partes inter-relacionadas Permite ao Adm visualizar a organização como um todo A organização pertence a um sistema maior Qualquer segmento de organização afeta em graus variados a atividade de todos os outros segmentos Os Adms não podem funcionar completamente dentro dos limites do organograma tradicional Devem fundir cada departamento da empresa como um todo Comunicação eficaz c/ empregados e representantes de outras organizações SUBSISTEMAS: partes de um sistema

41 I t SINERGIA: o todo organizacional é maior que a soma das s/ partes. Diferentes deptºs interagem e cooperam = mais produtivos do que ação isolada SISTEMA ABERTO - quanto interage com seu ambiente - aberto: quando interage com seu ambiente -fechado: quando não interage -fluxos: componentes como informação, material e energia que entram e saem do sistema -feedback (baseado no serviço) resultado das ações retornam ao indivíduo permite que procedimentos do trabalho sejam analisados e corrigidos

42 I t ABORDAGEM CONTINGENCIAL * Resultados de aplicação de 1 teoria nem sempre funcionam de forma genérica * situações são diferentes * é necessário identificar qual técnica poderá, numa situação específica, sob circunstância específica e num momento específico, contribuir melhor para obtenção dos objetivos CRÍTICAS não há muitas novidades nesta teoria ELOGIOS probabilidade de encontrarmos realidade imprevisível O novo movimento das Relações Humanas abordagem integradora, que combina uma visão positiva da natureza com o estudo científico das organizações

43 I t O AMBIENTE EXTERNO DAS ORGANIZAÇÕES *Preocupação das escolas clássica, comportamental, é quantitativa: concentração em eventos internos à organização *na 1ª metade do século era possível. Organizações operavam em ambiente relativamente estável e previsível O DESAFIO DA MUDANÇA * Ambiente externo ==> mudanças contínuas e rápidas * efeitos de longo alcance s/ organiz. e estratégias administr. *mudança tecnológica rápida e amplamente difundida tornou-se norma *milhares de empregos eliminados * estilo de vida dos cons. demografia dos empregados e regulamentos governamentais também estão em mudança

44 I t... O desafio da mudança... Mudança de padrão de julgamento dos administradores: # no passado, bastava remunerar adequadamente os acionistas # hoje, remuneração acionistas continua importante, mas devem agregar os Stakeholders (grupos ou indivíduos direta ou indiretamente afetados pela busca de uma organização por seus objetivos) AMBIENTE EXERNO: uma visão global * elementos de ação direta: elementos do meio ambiente que influenciam diretamente as atividades de uma organização * elementos de ação indireta: elementos do ambiente externo que afetam o clima em que ocorrem as atividades de uma organização, mas que não afetam a organização

45 I t organização empregados Acionistas e o Board variáveis sociais econômicas políticas tecnológicas clientes Forne cedores governos grupos interesses especiais Meios de comunicação mídia Sindicato Trabalhad. Instituições Financ. competidores Stakeholders internos Stakeholders externosAmbiente ação direta

46 I t ELEMENTOS DO AMBIENTE DE AÇÃO DIRETA *stakeholders externos = grupos como sindicatos, fornecedores competidores, consumidores,interesses especiais e governo Consumidores = troca de $ por produtos ou serviços podem ser: uma instituição ou uma pessoa física Mercado consumidor pode ser altamente competitivo, com gde nº de compradores potenciais e vendedores buscando acordos mais convenientes Fornecedores = * Insumos= matéria-prima, serviços, energia, equiptºs e M. O *Tentativa de se aproveitar da competição entre fornecedores visando preços <, trabalho de melhor qualidade e entregas + rápidas *compradores procuram manter estoques Just-in-time

47 I t Governo = *atuação através da regulamentação das organizações para proteger o interesse público * a regulamentação é cara e pode inibir a livre iniciativa Grupos de interesses especiais * usam o processo político para reforçar sua posição em alguma questão específica Ex. controle de posse de armas aborto educação religiosa em escolas públicas ONGs (meio ambiente, índios, grupo apoio aos menores Mídia = economia e negócios sempre cobertos pela mídia = comunicação de massa permitem cobertura sempre maior e mais sofisticada.

48 I t Mídia... * cobertura mais imediata devido uso de satélites de comunicação *Bophal - Índia = Acidente Union Carbide - nuvens de gás venenoso = área de pessoas pobres * oragnizações vivendo em aquário, onde cada ação = escrutínio da mídia *executivos treinados por consultorias especializadas visando apresentar opiniões e informações com clareza e eficácia Ex. Cias. Aéreas treinam seus funcionários para lidar com a mídia s/ questões como queda de avião Sindicato de trabalhadores # acordo coletivo = negociar e administrar acordos entre envolvidos (salário, condições de trabalho, outros sobre ambiente) # greves de ocupação = extintas. Sindicatos propõe programas de venda de ações aos operários, participação no aumento da produtividade, que dão aos trabalhadores, interesse real na organização

49 I t Instituições financeiras * dependem de variadas instituições (bancos comerciais de investimentos,cias. de seguro...) * objetivo= obtenção de fundos e expansão de atividades Competidores: # para aumentar sua participação no mercado, aproveitar: * conseguir mais clientes; * vencer competidores, penetrando mercado em expansão # em qualquer dos casos, deve analisar a competição e estabelecer estratégia de marketing claramente definida para maior satisfação aos consumidores.

50 I t STAKEHOLDERS INTERNOS Empregados: - natureza da força de trabalho está mudando - países desenvolvidos = enfrentar escassez de mão de obra -habilidades deverão mudar em relação aos empregados -empregados melhor formação e mais flexíveis Acionistas e os Boards # os acionistas se interessavam pelo retorno de seu investimento # hoje, há estratificação de pequenos grupos com ações, com o objetivo e forçar a votação nas assembléias anuais, de questões controvertidas

51 I t ELEMENTOS DO AMBIENTE DE AÇÃO INDIRETA VARIÁVEIS SOCIAIS ## DEMOGRAFIA Composição da população que influencia o comportamento da oferta da mão de obra. Ex. a população dos EUA vem diminuindo e cresce a participação de hispânicos e negros Africanos e outros povos marcam presença como operários na Europa. ESTILO DE VIDA * manifestações externas de atitudes e valores das pessoas * Nos EUA, as famílias respondem por cada vez menos moradias * menos famílias são legalmente constituídas * adultos solteiros e apenas 1 dos pais forma lar * participação da mulher na força do trabalho * preocupação com creches alta qualidade a preços razoáveis

52 I t... Estilo de vida... * aumento de mulheres que querem fazer carreira gerencial * tendência para educação melhor * mais pessoas nas universidades * carros menores * condomínios * refrigerantes diet * tv por assinatura VALORES SOCIAIS # Sistemas biomédicos de prolongamento de vida para os gravemente doentes # aumento das espectativas sociais e econômicas dos consumidores, das mulheres e das minorias # participação dos empregados no processo de tomada de decisão já foi visto como meio de melhorar a satisfação e a produtividade e hoje é vista por alguns, como imperativo ético

53 I t VARIÁVEIS ECONÔMICAS * Salários * preços cobrados pelos fornecedores e competidores * políticas fiscais afetam custos produção e serviços VARIÁVEIS POLÍTICAS - um órgão governamental adotará atitude rigorosa ou tolerante com relação à administração de um empresa - as leis antitruste serão aplicadas rigidamente ou ignoradas ? - o processo político envolve a competição entre diferentes grupos de interesse - cada grupo busca promover seus valores e objetivos - alguns são stakeholders de um organização, outros não VARIÁVEIS TECNOLÓGICAS Incluem avanços nas ciências básicas, como a Física... Novos aperfeiçoamentos em produtos, processos e materiais

54 I t O CAMINHO DO DESENVOLVIMENTO # O cientista descobre novo produto, ou nova teoria # após desenvolvimento do protótipo que funcione e exequível a exploração comercial, posta em uso a tecnologia e poderá ser amplamente adotada CICLOS DE VIDA Crescimento do aperfeiçoamento tecnológico melhoram as características de desempenho funcional A DIMENSÃO INTERNACIONAL * globalização dos negócios * gerando apelos ao protecionismo ou o para o livre comércio e desafios às economias dirigidas dos países comunistas * é necessário que os administradores conheçam as variáveis sociais, econômicas, políticas e tecnológicas em cada país que desejam negociar ou esperam competir.

55 I t TEORIAS DOS AMBIENTES DE ORGANIZAÇÃO TOTAL A Teoria da Incerteza e da Dependência Incerteza = causada por falta de informação dependência = depende de outros para obtenção de recursos vitais Fatores, determinados por Hannan e Freeman, que afetam a incerteza e a dependência da organização O ambiente e mais incerto e mais difícil de se compreendido quando: * é mais diferenciado * está mudando * há numerosas interconexões entre vários elementos: #uma organização pode enfrentar muitos tipos diferentes de consumidores, com rápida introdução de novos produtos e conexão com grande nº de fornecedores

56 I t.. Fatores... Hannan eFreeman... As organizações são + dependentes de um meio ambiente, quando *os recursos necessários não são amplamente disponíveis * não são distribuídos de modo uniforme *o aumento da conectividade perturba elementos do ambiente e as ligações entre eles. Outras teorias do ambiente SELEÇÃO NATURAL É baseado em teorias biológicas de ecologia populacional e adota a ênfase que elas dão à competição de recursos No estágio de variação, as organizações dão respostas diferentes às pressões ambientais No estágio de seleção, as organizações que melhor se adaptarem às restrições pelo ambiente irão sobreviver No estagio de retenção, as organizações selecionadas persistem até que o meio ambiente mude ou que surjam organizações diferentes.

57 I t DEPENDÊNCIA DE RECURSOS # As organizações dependem do ambiente para a obtenção de recursos, como fornecedores, clientes, competidores e regulamentadores # a organização pode agir sozinha para adquirir e manter estes recursos # pode agir coletivamente com outras organizações, participando] de associações comerciais que façam lobby junto ao governo. ADMINISTRANDO O AMBIENTE TOTAL INFLUENCIANDO O AMBIENTE DE AÇÃO DIRETA Administradores usam técnicas padronizadas e confiáveis como propaganda, lobbies e negociação coletiva p/ influenciar stakeholders Desafio é determinar a importância relativa de cada stakeholder

58 I t MONITORANDO O AMBIENTE DE AÇÃO INDIRETA Quando cair o dispêndio agregado dos consumidores, o Adm reduzirá a produção de artigos de luxo AJUSTANDO-SE AO AMBIENTE Administradores utilizam do planejamento para proceder o ajuste no ambiente. Desenvolver e implementar planos estratégicos na tentativa de influenciar o comportamento dos stakeholders

59 I t A MUDANÇA NO CONCEITO DE RESPONSABILIDADE SOCIAL A partir do início do século, gdes empresas começam a receber críticas de jornalistas combativos - Mucrakers. Denunciaram práticas empresariais corruptas. Provocam onda de regulamentação governamental Após a depressão dos anos 30, novas regulamentações governamentais. Novamente nos anos 60 e 70 -movimento dos direitos civis responsabilizaram as corporações por uma lista crescente de problemas sociais Em 1899, Andrew Carnegie ( ), fundador da US Steel corporation publica o livro O evangelho da riqueza que abordava os seguintes conceitos:

60 I t... O evangelho da riqueza, abordava conceitos... PRINCÍPIO DA CARIDADE= doutrina de responsabilidade social, que exige que os indivíduos mais ricos auxiliem os membros menos afortunados da sociedade PRINCÍPIO DA CUSTÓDIA= doutrina bíblica que exige que as empresas e os indivíduos ricos se vejam como guardiães ou zeladores, mantendo suas propriedades em custódia, para o benefício da sociedade como 1 todo Nesta época, esta empresa era exceção, mas 50 e 60, esses princípios eram plenamente aceitos nas empresas americanas ALGUMAS CRÍTICAS Críticos da esquerda: é uma cortina de fumaça capitalista escondendo lucros e ganância Defensores do livre mercado: reduz eficiência do mercado Críticos liberais: seu impacto é marginal Executivos intransigentes: Não é prático, caro demais, não funciona

61 I t A MUDANÇA EM DIREÇÃO À ÉTICA Louis Harris informou que 70% do público respondeu NÃO à pergunta: as empresas cuidam para que os executivos se comportem legal e eticamente ? O QUE É ÉTICA ? O estudo do modo pela qual nossas decisões afetam as outras pessoas. Também é o estudo dos direitos e deveres das pessoas, das regras morais que as pessoas aplicam ao tomar decisões e da natureza da relação entre elas. QUATRO NÍVEIS DE QUESTÕES ÉTICAS NAS EMPRESAS 1º = SOCIEDADE - fazemos perguntas sobre instituições básicas numa sociedade, será eticamente correto haver um sistema social onde se nega sistematicamente um grupo de pessoas, na verdade, a maioria - os direitos humanos básicos ? Será o capitalismo, um sistema justo para distribuição de recursos

62 I t 2º - REFERENTE AOS STAKEHOLDERS = obrigação da empresa informar aos clientes s/perigos do produto que obrigações tem uma empresa para seus fornecedores? Para com a comunidade que opera? Para com seus acionistas ? 3º POLÍTICA INTERNA = qual a nattureza das relações entre uma empresa e seus empregados ? Que tipo de contrato é justo? Quais as obrigações mútuas ? Dos Adm e operários? Que direitos tem o empregado ? 4º = PESSOAL = Como as pessoas devem se tratar dentro da empresa? Devemos ser honestos, uns com os outros, independente das conseqüências? Quais n/ obrigações como seres humanos e como trabalhadores?

63 I t Portanto, as questões éticas devem ser enfrentadas em todos os níveis da atividade empresarial A ética empresarial envolve as regras básicas do comportamento individual, das empresas e da sociedade VALORES = desejos relativamente permanentes que parecem ser bons em si. (tamanho, lucro, prod.qualidade) DIREITOS = reivindicações que habilitam uma pessoa a realizar uma determinada ação DEVERES = obrigações de realizar determinadas ações ou de obedecer à lei REGRAS MORAIS= regras de comportamento que são internalizadas como valores morais RELACIONAMENTOS= todo ser humano está ligado a outro nnuma teia de relacionamentos

64 I t A MORALIDADE COMUM regras morais que governam problemas éticos comuns CUMPRIMENTO DE PROMESSAS parte do princípio de que as pessoas farão o que dizem NÃO PREJUDICAR OS OUTROS a maior parte das teorias morais exige que a maioria das pessoas, na maior parte do tempo, evite prejudicar outro ser humano AJUDA MÚTUA= princípio de que os indivíduos devem ajudar uns aos outros, caso o custo de fazê-lo não seja grande demais RESPEITO PELAS PESSOAS = tratar as pessoas como fins implica em levá-las à sério, em aceitar como legítimos os seus interesses e em considerar importantes seus desejos. RESPEITO PELA PROPRIEDADE = princípio de que a maioria das pessoas, na > parte do tempo, deveria obter consentimento dos outros antes de usar coisas que eles possuam

65 I t A GLOBALIZAÇÃO DOS NEGÓCIOS as empresas e indivíduos podem possuir ativos estrangeiros de 2 modos fundamentais: Carteira de investimento (direito sobre o lucro e não participa da administração Investimento direto (compra e administração de ativos estrang. EMPRESAS MULTINACIONAIS OU TRANSNACIONAIS grandes empresas, cujas operações e divisões = vários países, controladas por um escritório central

66 I t A globalização dos negócios não começou a ocorrer seriamente até a 2. Guerra Mundial Fim da 2.Guerra, USA, único entre os grandes - não devastado USA duplicou a economia- começa a dominação econômica política e militar gdes. Investimentos nas indústrias primárias estrangeiras Porém, projetos e desenvolv. tecnológico ficam nos EUA Hoje, devido comunicações, transportes = produtos e serviços disponíveis em todo o globo. O PROBLEMA DA COMPETITIVIDADE EUA demoram a reconhecer e reagir ao crescimento industrial Japão torna-se grande concorrente internacional Vídeo cassete feito nos EUA - Japão movimenta mercado mundial Idem TV a cores mercado automobilístico

67 I t EXPERIÊNCIAS EXONÔMICAS ENTRE COMUNISTAS Estado toma todas as iniciativas econômicas com a queda da produtividade e perda da competitividade, começam abrir fronteiras para investimentos não comunistas não teve sucesso esperado. Todos sabemos o resultado A CHEGADA DA C E E unificação ocorreu em 1992 objetivo= eliminar barreiras comerciais entre países membros, criando mercado único de 300 milhões de pessoas e fomentando a união política na Europa Por que as empresas se tornaram internacionais -obter acesso a recursos + confiáveis ou + baratos -aumentar o retorno sobre o investimento -aumentar sua parcela no mercado -evitar tarifas ou quotas de importações estrangeiras

68 I t COMO AS EMPRESAS SE TORNAM INTERNACIONAIS 1º ESTÁGIO = participação passiva nos negócios atendimento de pedidos esporádicos utilização de agentes e corretores 2º ESTÁGIO empresas passam a lidar com seus interesses em outros países Pode continuar a utilizar agentes cria Deptº de importação e exportação 3º ESTÁGIO não faz distinção entre os negócios domésticos e os estrangeiros 4º ESTÁGIO começam a enfrentar uma quantidade de opções estratégicas para aproveitar oportunidades externas

69 I t LICENCIAMENTO venda de direitos para comercializar produtos de marca registrada ou para usar processos patenteados ou materiais que tenham copyright FRANQUIA tipo de acordo de licenciamento no qual uma empresa vende um pacote contendo marca registrada, equipamento, materiais e diretrizes para a administração JOINT VENTURE negócio onde empresas estrangeiras e nacionais dividem os custos de construção de instalações produtivas ou de pesquisas em países estrangeiros. PARCERIA ESTRATÉGICA GLOBAL aliança formada por uma organização e um ou mais países estrangeiros, para explorar as oportunidades dos outros países e assumir a liderança no fornecimento e produção

70 I t T

71

72


Carregar ppt "I t ORGANIZAÇÃO O que é ? * trabalhando juntas.... * de modo estruturado... P/ alcançar: 1 objetivo específico ou 1 conjunto de objetivos CENÁRIO DO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google