A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Entorses, Luxações e Fraturas Enfª Kenny Dalsenter Pós graduada em Urgência e Emergência pré hospitalar.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Entorses, Luxações e Fraturas Enfª Kenny Dalsenter Pós graduada em Urgência e Emergência pré hospitalar."— Transcrição da apresentação:

1 Entorses, Luxações e Fraturas Enfª Kenny Dalsenter Pós graduada em Urgência e Emergência pré hospitalar.

2 Entorse É uma lesão que ocorre quando se ultrapassa o limite normal de movimento de uma articulação. Normalmente, ocasiona distensão dos ligamentos e da cápsula articular e, conseqüentemente, dor intensa ao redor da articulação, dificuldade de movimentação em graus variáveis e, às vezes, sangramentos internos.

3 O que fazer? Deve-se aplicar frio intenso no local, com bolsa de gelo, toalhas frias etc. Massagens ou aplicações quentes devem ser feitas somente 24 horas após o incidente. É preciso, também, imobilizar a articulação atingida e não movimentá-la e, após, procurar um serviço de saúde para avaliação e tratamento adequados.

4

5

6 Luxação é o deslocamento de um osso da articulação, geralmente acompanhado de uma grave lesão de ligamentos articulares. Isso resulta no posicionamento anormal dos dois ossos da articulação. A luxação pode ser total ou parcial – os dois ossos da articulação ainda permanecem em contato. Uma luxação provoca deformidade e movimento anormal da articulação; cavidade entre as superfícies articulares; dor intensa e hematoma Luxações

7 Cuidadosamente, deve-se colocar os dois ossos numa posição de conforto, que permita a imobilização e o transporte com o mínimo de dor. A articulação só deve ser recolocada no lugar por profissionais da área. Não pode ser realizadas massagem ou aplicação de calor. O serviço de saúde deve ser imediatamente acionado para avaliação e tratamento adequados.

8

9

10 Entorses e Luxações Ocorrem nas articulações! Conduta: Tratar como se fosse uma fratura e imobilizar!

11 Entorses e Luxações

12 Fraturas Classificação:Fechadaou Aberta ou Exposta

13 Fraturas

14 Fraturas Sinais e Sintomas: 1. Dor; 2. Edema; 3. Incapacidade funcional; 4. Deformidade; 5. Ferimento (fratura exposta). 6. Hematoma.

15 Fraturas

16 Fraturas Procedimentos:Procedimentos: 1. Expor a área da lesão (desapertar ou se necessário cortar a roupa); cortar a roupa); 2. Verificar se existem ferimentos; 3. Imobilizar as articulações que se encontram antes e depois da fratura usando talas apropriadas, ou na sua depois da fratura usando talas apropriadas, ou na sua falta, improvisadas; falta, improvisadas; 4. Em caso de fratura exposta, cobrir o ferimento com gaze ou pano limpo antes da imobilização; gaze ou pano limpo antes da imobilização; 5. Verificar perfusão capilar antes e depois de imobilizar;

17 Imobilizações

18 Imobilizações

19 Fraturas O que não deve ser feito:O que não deve ser feito: 1.Tracionar o membro tentando “colocar no lugar”; 2. Provocar apertos ou compressões sobre a fratura quando imobilizar; a fratura quando imobilizar;

20 A coluna vertebral é composta por vários ossos pequenos, as vértebras, que são empilhadas umas sobre as outras. Num canal interno, passam os nervos (medulas) que levam e trazem mensagens do cérebro para o restante do organismo, a fim de que se realizem todas as atividades do corpo humano como respiração e movimentação. Uma fratura da coluna vertebral pode causar lesões na medula, gerando danos irreversíveis ou não à saúde da pessoa. Quando a coluna está fraturada, há dor nas costas ou no pescoço; formigamento de parte do corpo, geralmente nas pernas; dificuldade ou impossibilidade de movimento; dificuldade de sentir alguma parte do corpo (geralmente as pernas). Não mexer a vitima deve ficar imóvel e ser transportada com os devidos cuidados.


Carregar ppt "Entorses, Luxações e Fraturas Enfª Kenny Dalsenter Pós graduada em Urgência e Emergência pré hospitalar."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google