A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

SEGREGAÇÃO DE MASSAS PETRÓPOLIS 09.08.2012 Julio Machado.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "SEGREGAÇÃO DE MASSAS PETRÓPOLIS 09.08.2012 Julio Machado."— Transcrição da apresentação:

1 SEGREGAÇÃO DE MASSAS PETRÓPOLIS Julio Machado

2 Desafio Visão de futuro União, Estados, Distrito Federal e Municípios conseguirão pagar a conta previdenciária se não guardarem dinheiro? Respeitarão limites de despesas com pessoal (LRF)? A sociedade vai se manifestar contra a queda dos investimentos públicos?

3 Desafio Preservar Equilíbrio Atuarial Aumento de contribuições Aportes / Parcelamento do Déficit Atuarial Segregação de Massas

4 Equacionar Déficit Atuarial Qual a melhor solução? Depende do caso Quais as saídas viáveis?

5 Segregação de Massas O que é? Método de financiamento previdenciário com prazo (indefinido) superior aos 35 anos permitido pela legislação

6 Segregação de Massas Características Separação do RPPS em dois Planos Plano Financeiro Plano Previdenciário Cada plano com receitas e despesas separadas Contribuição inflexível Somente um dos Planos tem o objetivo de se capitalizar Tesouro Municipal/Estadual cobre insuficiências financeiras de ambos os planos

7 Segregação de Massas Características Separação dos Planos conforme data de admissão Um pouco de flexibilidade para benefícios já concedidos Portaria MPS 403/2008, art. 20, § 3º Os beneficiários de aposentadorias e pensões concedidas entre a data de corte e a data de implementação da segregação da massa, se admitidos após a data de corte, poderão ser alocados ao Plano Previdenciário ou destinados em sua totalidade ao Plano Financeiro.

8 Segregação de Massas Características Separação do patrimônio entre os Planos Permitido pela legislação, mas não aceito pelo MPS Portaria MPS 403/2008, art. 21, § 1º O Parecer Atuarial deverá demonstrar como se dará a separação dos recursos já acumulados pelo RPPS (...)

9 Segregação de Massas Riscos Risco Financeiro / orçamentário Cobertura das insuficiências Risco Administrativo Alterações futuras na legislação Má gestão

10 Segregação de Massas Depois de aprovada a lei Gestão única do RPPS mantida Necessário forte controle de informações Separação de recursos Separação contábil

11 Segregação de Massas Erros comuns Lei não reflete cálculos atuariais Definição incompleta de destinação de receitas e despesas Aplicação incorreta da lei Conseqüência comum: déficit atuarial

12 Segregação de Massas Dicas Gestores devem entender e participar da elaboração dos planos Confecção da legislação deve refletir cálculos atuariais Lei deve definir corretamente a segregação Atenção com as novas demandas administrativas após a segregação

13 Situação dos RPPS no Estado do RJ Distorções no resultados: uso irregular de tábua biométrica AT-49 AnoRPPS PERCENTUAL RPPS % % % Av. das Américas n° 500, bloco 2, sala 216 Barra da Tijuca - RJ Tels. (21) Julio Machado Consultor Atuarial


Carregar ppt "SEGREGAÇÃO DE MASSAS PETRÓPOLIS 09.08.2012 Julio Machado."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google