A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O clima. O que é o clima? O clima compreende os diversos fenómenos climáticos que ocorrem na atmosfera de um planeta. Eventos comuns na Terra: Vento Tempestade.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O clima. O que é o clima? O clima compreende os diversos fenómenos climáticos que ocorrem na atmosfera de um planeta. Eventos comuns na Terra: Vento Tempestade."— Transcrição da apresentação:

1 O clima

2 O que é o clima? O clima compreende os diversos fenómenos climáticos que ocorrem na atmosfera de um planeta. Eventos comuns na Terra: Vento Tempestade Chuva Neve Guiado pela energia do sol. Factores chave: Temperatura Precipitação Humidade Pressão atmosférica Nuvens Velocidade do vento Ocorrem particularmente na troposfera (parte mais baixa da atmosfera) o clima é a síntese do tempo e a nossa expectação sobre as condições meteorológicas futuras.

3 Distribuição geográfica Região equatorial: quentes e húmidos Regiões subtropicais: quentes e secos Regiões das latitudes médias e elevadas: temperado e húmido. Regiões polares e subpolares: frios e secos.

4 Modelado por Factores internos Dizem respeito às propriedades intrínsecas da atmosfera, tais como a composição da atmosfera, a circulação geral, os sistemas frontais, as perturbações, etc. Factores externos Podem agrupar-se em: a) factores gerais, como a radiação solar, a esfericidade do globo, os movimentos de rotação da Terra e de translação em volta do Sol; a existência de continentes e de oceanos; b) Factores regionais e locais, tais como a distância ao oceano, o relevo, a natureza da superfície, a cobertura vegetal, a proximidade de lagos, etc.

5 Tropical Subtropical Mediterrânico Temperado Oceânico Continental Alpino Polar Árido ou seco Tipos de clima

6 Clima tropical Caracterizado por temperaturas elevadas. Temperaturas médias de 18ºC ou superiores. Podem subdividir-se em: Tropical de floresta Há precipitação de pelo menos 60mm durante todo o ano. Climas típicos de regiões próximas ao equador. Tropical de monções Resulta dos ventos de monções que mudam de direcção de acordo com as estações. Tem um mês mais seco, com menos de 60 mm de chuva. Clima tropical húmido e seco ou de savana Tem uma estação seca intensa, com o mês mais seco tendo precipitações menores que 60mm.

7 Subtropical Característico das áreas geográficas abaixo do Trópico de Capricórnio e acima do Trópico de Câncer. Temperaturas médias inferiores a 20ºC. Alternância anual entre 9ºC e 13ºC.

8 Mediterrânico Localiza-se na zona do mar Mediterrâneo. Combinam verões quentes e secos com Invernos frios e pouco chuvosos. Quente e seco no verão e moderado e húmido no Inverno. A precipitação ocorre no Inverno durante 2/4 meses.

9 Temperado Temperatura com a média acima de 10º C, nos meses mais quentes e entre -3º e 18º C, nos meses frios. Possuem quatro estações bem definidas: Verão quente. Outono com temperaturas mais baixas. Inverno frio. Primavera com temperaturas mais altas.

10 Oceânico Ocorre em regiões afastadas das grandes massas continentais. As chuvas são abundantes e bem distribuídas ao longo de todo o ano. Verão bastante fresco e húmido.

11 Continental Temperatura média acima de 10ºC nos meses de maior calor. Temperatura média do mês mais frio é abaixo de -3ºC. Ocorrem no interior dos continentes, ou em suas costas orientais, ao norte da latitude 40º Norte.

12 Alpino É um clima médio para uma região acima da Linha do Equador. É mais frio nas áreas elevadas, devido à taxa do lapso do ar, que tenderá a tornar- se mais frio enquanto se levanta, até se expandir. A taxa média seca do lapso é 10°C por quilómetro da elevação ou da altura.

13 Polar Caracterizam-se pelas temperaturas médias abaixo dos 10 °C durante todos os meses do ano: Clima "Tundra" ( ET ) O mais quente dos meses apresenta temperaturas médias entre 0 °C e 10 °C. Clima "Ice Cap" ( EF ) Todos os meses tem temperaturas médias abaixo de 0°C.

14 Árido ou Seco Caracterizado pelo facto da precipitação ser menor do que a taxa de evaporação e transpiração.

15 Fenómenos climáticos É qualquer actividade que ocorre na atmosfera de um dado corpo celeste. O padrão de fenómenos climáticos em um período regular de tempo é conhecido como clima. O conjunto dos fenómenos atmosféricos (como chuva, temperatura do ar ou vento) de uma determinada região constitui o que coloquialmente chamamos tempo, que pode mudar de um dia para o outro, ou mesmo de uma hora para outra. A ciência que estuda as variações do tempo e do clima é chamada de meteorologia. Os ventos afetam o tempo e, consequentimente o clima. Os ventos carregam grandes massas de água na forma de nuvens e distribuem o calor na atmosfera, interferindo na formação das chuvas. Fenómenos Climáticos Chuva Furacão Granizo Neve Tempestade Tornado Vento

16 Estrutura do sistema climático Os subsistemas do sistema climático são abertos e não isolados. Legenda S = sistema climático A = atmosfera O = oceanos L = Continentes C = Criosfera B = Biosfera S A U O U L U C U B S A U O U L U C U B O sistema climático constitui um sistema não isolado para a energia, mas fechado, não havendo troca significativa de massa com o espaço exterior.

17 Variabilidade climática O clima tem variado de forma significativa e contínua, no decurso da história da Terra, com períodos glaciários, alternando com períodos interglaciários. Pode exprimir-se de dois modos: a) Variações forçadas (resposta do sistema climático a alterações da acção forçadora externa). b) variações livres (devidas a instabilidades internas e a mecanismos de auto- realimentação, que conduzem a interacções não lineares entre os diferentes componentes do sistema climático). Causas externas do clima – variações dos factores externos que afectam o sistema climático, mas não são afectadas pelas variáveis do clima.

18 As causas externas compreendem as acções forçadoras de natureza astronómica e de natureza terrestre. Os factores astronómicos incluem variações: a) na intensidade de irradiância solar; b) nos parâmetros orbitais da Terra designadamente, na excentricidade da órbita, na precessão axial e na obliquidade da eclíptica (parâmetros de Milankovitch, ver figura em baixo); c) na velocidade de rotação da Terra.

19 As estações do ano são devidas à inclinação do eixo de rotação da Terra, em relação ao plano da eclíptica. No hemisfério Norte, o Verão ocorre no afélio e com o Pólo Norte dirigido para o lado do Sol. O eixo de rotação da Terra descreve um cone no espaço, com uma abertura de 23° 1/4, em, aproximadamente, anos. A inclinação do eixo de rotação, em relação ao plano da eclíptica, varia no decurso de anos entre 22° e 25°. Presentemente o seu valor é de 23°30'. A órbita da Terra é uma elipse de que o Sol ocupa um dos focos. No decurso do tempo a forma da órbita varia entre uma elipse de grande excentricidade e outra quase circular.

20 OS BALANÇOS DA RADIAÇÃO E DA ENERGIA DO SISTEMA CLIMÁTICO As acções forçadoras mais importantes que actuam sobre o sistema climático são a energia da radiação solar e a acção da gravidade. A radiação solar é a fonte primária de energia No sistema climático a energia ocorre sob várias formas, tais como a energia interna, a energia potencial e cinética, a energia radiante, etc. A Terra, em média, perde por emissão da radiação infravermelha uma quantidade de energia, igual à que recebe, de origem solar. Distribuições médias anuais da radiação solar absorvida e da radiação terrestre emitida. Nas latitudes baixas há um excesso da energia radiante líquida e, portanto, um aquecimento, enquanto que nas latitudes médias elevadas há um défice de energia e, portanto, um arrefecimento.O eixo das latitudes está graduado de forma a preservar as áreas na representação.

21 Fontes (20 de Novembro de 2006) - QUID EST CLIMA? (20 de Novembro de 2006)


Carregar ppt "O clima. O que é o clima? O clima compreende os diversos fenómenos climáticos que ocorrem na atmosfera de um planeta. Eventos comuns na Terra: Vento Tempestade."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google