A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

COMO APRESENTAR UM RELATÓRIO CIENTÍFICO PROFA. LAVÍNIA SCHÜLER-FACCINI PROFA. LAVÍNIA SCHÜLER-FACCINI Depto. Genética Depto. Genética PPG Genética e Biologia.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "COMO APRESENTAR UM RELATÓRIO CIENTÍFICO PROFA. LAVÍNIA SCHÜLER-FACCINI PROFA. LAVÍNIA SCHÜLER-FACCINI Depto. Genética Depto. Genética PPG Genética e Biologia."— Transcrição da apresentação:

1 COMO APRESENTAR UM RELATÓRIO CIENTÍFICO PROFA. LAVÍNIA SCHÜLER-FACCINI PROFA. LAVÍNIA SCHÜLER-FACCINI Depto. Genética Depto. Genética PPG Genética e Biologia Molecular PPG Genética e Biologia Molecular

2 DEFINIÇÃO: (Bolsa de Iniciação Científica) Informe descritivo - ordenado e objetivo - das atividades realizadas pelo estudante no âmbito do projeto de pesquisa em que é colaborador.

3 FINALIDADE: Prestar contas; demonstrar o cumprimento do Plano de Atividades apresentado para a concessão da bolsa e o aproveitamento decorrente da experiência na Iniciação Científica.

4 CARACTERÍSTICAS: Objetividade ( descrições pontuais) Detalhamento ( relação de etapas ou fases das atividades/metodologia desenvolvidas) Organização (partes constituintes gerais e específicas, selecionadas conforme necessidades)

5 QUALIDADES: Informação consistente, objetiva, organizada e adequada Detalhamento das atividades realizadas Demonstração do andamento da pesquisa, dos resultados finais ou parciais alcançados (utilização de gráficos e tabelas) Discussão e avaliação sobre a pesquisa, seus problemas e resultados. Relação com algum interesse particular

6 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO Nome Nome Título do projeto Título do projeto Número do processo Número do processo Local de realização Local de realização Vigência Vigência Coordenador ou Orientador Coordenador ou Orientador

7 2. INTRODUÇÃO Caracterização do problema Caracterização do problema Breve resumo dos objetivos iniciais Breve resumo dos objetivos iniciais Atividades realizadas Atividades realizadas Objetivos atingidos Objetivos atingidos Alterações com relação ao projeto original Alterações com relação ao projeto original

8 Fatores de risco teratogênico em gestantes de baixa renda e de classe média na população de Porto Alegre RELATÓRIO PARA RENOVAÇÃO DE BOLSA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA PROPESQ Bolsista: Tiago Lansini Orientadora: Profa. Lavínia Schüler Faccini Porto Alegre, março de 2002

9 Resumo dos objetivos: Resumo dos objetivos: 1. Caracterizar uma amostra de gestantes, atendidas em postos de saúde de regiões pobres em Porto Alegre, quanto à freqüência do uso de medicação durante a gravidez, tipo do medicamento, automedicação 2. Caracterizar estas gestantes quanto a outros fatores de risco teratogênico: uso de álcool, fumo, drogas ilícitas, presença de doenças crônicas, infecções maternas, tentativas de abortamento. 3. Comparar o padrão de uso de medicamentos e de outros fatores de risco reprodutivo entre mulheres classificadas em dois grupos: de baixo status sócio-econômico e de status sócio-econômico médio/alto;

10 Principais etapas realizadas até o momento Foi realizado um estudo transversal com entrevistas através de um questionário estruturado a 412 gestantes em 7 postos de saúde vilas da cidade de Porto Alegre e em um hospital universitário (HCPA).

11 3. RESULTADOS Dados concretos Dados concretos Tabelas / gráficos Tabelas / gráficos Obs: concisão Obs: concisão

12 Resumo dos resultados obtidos até o momento As 412 gestantes foram divididas de acordo com o nível sócio-econômico em gestantes de baixa renda (n=275) ou de classe média (n=137). Quanto ao uso de medicamentos, 77% das mulheres usaram, pelo menos um medicamento durante a gravidez.

13 Resumo dos resultados obtidos até o momento Os principais fatores de risco significativamente aumentados nas gestantes de baixa renda, quando comparados com as de classe média foram: (a) freqüência de gestações em adolescentes (28,4% vs. 12,4%); freqüência de automedicação (21,8% vs. 13,1%); hábito de fumar (21,5% vs 5,1%); gestações não planejadas (69,5% vs. 51,8%); gestações não desejadas (31,3% vs. 10,9%) e tentativas de abortamento (13,1% vs. 5,8%). As tabelas abaixo mostram com mais clareza estes resultados.

14

15 4. CONCLUSÃO Um parágrafo: Um parágrafo:

16 Em resumo, estes estudos apontam a existência de fatores de risco específicos na nossa população, especialmente na camada de menor nível sócio-econômico, onde se observa particularmente um grande número de gestações indesejadas e de tentativas frustradas de aborto. Estudos como este podem orientar futuras políticas de saúde direcionadas para saúde-materno infantil Em resumo, estes estudos apontam a existência de fatores de risco específicos na nossa população, especialmente na camada de menor nível sócio-econômico, onde se observa particularmente um grande número de gestações indesejadas e de tentativas frustradas de aborto. Estudos como este podem orientar futuras políticas de saúde direcionadas para saúde-materno infantil

17 5. MATÉRIA ENCAMINHADA PARA PUBLICAÇÃO Resumos, artigos, capítulos, etc. Resumos, artigos, capítulos, etc. Referência completa (autores, título, revista, volume, páginas, ano) Referência completa (autores, título, revista, volume, páginas, ano) Anexar as cópias dos artigos publicados Anexar as cópias dos artigos publicados

18 6. BIBLIOGRAFIA CONSULTADA Referências bibliográficas completas Referências bibliográficas completas –citadas no texto –gerais

19 7. PERSPECTIVA DE CONTINUIDADE OU DESDOBRAMENTO DO TRABALHO Ainda há outras questões a serem resolvidas? Ainda há outras questões a serem resolvidas? Este trabalho gerou novos projetos? Este trabalho gerou novos projetos? Conseqüências desta investigação? Conseqüências desta investigação?

20 Próximas etapas a serem executadas No próximo período deste projeto, estaremos realizando o objetivo de avaliar a evolução destas gestações e os recém- nascidos quanto à freqüência de natimortalidade, presença de malformações congênitas, baixo peso ao nascimento, prematuridade e perímetro cefálico ao nascer. O protocolo a ser empregado encontra-se em anexo ao projeto submetido. Os desfechos das gestações serão analisados através de: natimortalidade, idade gestacional, presença de malformações congênitas, peso ao nascimento, perímetro cefálico. Os resultados destas gestações serão comparados entre os dois níveis sócio-econômicos definidos previamente e também quanto à presença de outros fatores de risco reprodutivo (conforme descrito no projeto) através de análise multivarida (regressão logística).

21 8. OUTRAS ATIVIDADES DE INTERESSE UNIVERSITÁRIO Congressos, cursos Congressos, cursos Atividades de extensão Atividades de extensão Estágios de treinamento Estágios de treinamento Responsabilidade social Responsabilidade social Prêmios Prêmios

22 9. APOIO Bolsas Bolsas Apoio financeiro Apoio financeiro –PROPESq / CNPq / FAPERGS, etc.

23 10. AGRADECIMENTOS Pessoas que colaboraram Pessoas que colaboraram Instituições Instituições Outros Outros


Carregar ppt "COMO APRESENTAR UM RELATÓRIO CIENTÍFICO PROFA. LAVÍNIA SCHÜLER-FACCINI PROFA. LAVÍNIA SCHÜLER-FACCINI Depto. Genética Depto. Genética PPG Genética e Biologia."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google