A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

CHINA E ÍNDIA Prof. Wagner Atallah. CHINA Tênis produzido na China. Sérgio DottaJr./The Next Observe as imagens.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "CHINA E ÍNDIA Prof. Wagner Atallah. CHINA Tênis produzido na China. Sérgio DottaJr./The Next Observe as imagens."— Transcrição da apresentação:

1 CHINA E ÍNDIA Prof. Wagner Atallah

2 CHINA

3 Tênis produzido na China. Sérgio DottaJr./The Next Observe as imagens.

4 Equipamento eletrônico produzido na China. Jader Alto/Keystone

5 Brinquedo produzido na China. Sergio Dotta Jr./The Next

6 Roupa produzida na China. Vidal Eric/Photo News/Gamma/Other Images

7 O território Superfície de km². A história da Chinacerca de 5 mil anos. Há mais de 2 mil anos 55 milhões de habitantes. Hoje Mais de 1 bilhão e 300 milhões de pessoas. Terceiro país mais extenso do globo.

8 A República Popular da China O estímulo às atividades agropecuárias era essencial à alimentação de milhões de bocas famintas. Período socialista de 1949 a Governada por Mao Tsé-tung. Entre 1953 e 1957, contou com a ajuda da URSS. Rompendo com esta em A orientação econômica dos técnicos soviéticos não se adaptou às particularidades da sociedade e economia chinesa.

9 A China de Deng Xiaoping Visando acelerar o desenvolvimento dos setores agrícola, industrial, da ciência e tecnologia e da defesa nacional, implementou o programa das Quatro Modernizações. Em 1978 Dois anos após a morte de Mao Tsé-tung. Deng Xiaoping assumiu a liderança do Partido Comunista Chinês. Deu início a uma série de modificações na economia chinesa.

10 A partir de 1980, a China promoveu uma série de reformas: permitiram a entrada de capital estrangeiro; admitiram o lucro como incentivo ao trabalho e ao desenvolvimento; abriram relações comerciais com praticamente todos os países do mundo; realizaram acordos de cooperação técnica e científica.

11 Garoto chinês tomando refrigerante na década de Vidal Eric/Photo News/Gamma/Other Images

12 Mudanças econômicas e espaciais As taxas de crescimento econômico da China figuram entre as maiores do mundo Foram criadas Com economia de mercado no molde capitalista. As Zonas Econômicas Especiais Esse crescimento contou com investimentos: dos EUA; países europeus; Japão; Taiwan; empresários chineses que vivem no exterior. Desde 1978 Priorizando a produtividade em detrimento da igualdade social. Com o programa das Quatro Modernizações.

13 China – Abertura econômica Sidnei Moura Fonte: Leda Ísola e Vera Caldini. Atlas geográfico Saraiva. São Paulo: Saraiva, p. 97 (adaptado).

14 Reformas capitalistas e controle comunista Em Pequim, a manifestação da praça Tiananmen, que reuniu mais de 1 milhão de pessoas, deixou um saldo de mais de mil mortos e resultou em perseguições políticas posteriores. A China viveu nas últimas décadas uma aparente contradição. O sistema político continua centralizado no Partido Comunista. As manifestações populares têm sido severamente reprimidas. Prova disso foi a dura repressão às manifestações estudantis ocorridas em várias cidades chinesas (1989).

15 As manifestações da Praça da Paz Celestial resultaram no massacre de centenas de manifestantes, em sua maioria estudantes (1989). Bettmann/Corbis/Latin Stock

16 O espaço econômico Atividade agrícola Atualmente a propriedade rural continua a pertencer ao Estado, mas passou a ser gerenciada pelos próprios agricultores mediante um contrato de uso da terra por 30 anos, que pode ser renovado ou não. Pecuária Encontram condições naturais bastante favoráveis nas planícies fluviais situadas no leste. Os chinesesConseguem produzir safras anuais de mais de 500 milhões de toneladas.

17 Cultivo de arroz em terraço na China. Reuters/ LatinStock Um deles é a soja, importada do Brasil. A China é o maior produtor mundial de cereais. Apesar da grande produção agrícola. O país ainda importa alguns produtos. Em razão do alto consumo de sua população.

18 Atividade industrial Apesar de ainda concentrar 60% da população no campo, o motor da economia chinesa atual é movido principalmente pela atividade industrial. Nos últimos anos a China tem conquistado os setores industriais com maior desenvolvimento tecnológico. Os produtos industriais predominam na pauta das exportações. As indústrias de bens de consumo conquistaram destaque no mercado internacional.

19 Indústria siderúrgica na China. Wang Jingguang/Xinhua Press/Corbis/LatinStock

20 Comércio exterior Fonte: Birô Nacional de Estatísticas chinês; Economist Intelligence Unit, A China, nos últimos 30 anos, cresceu mais do que qualquer outro país. Atraem capitais de todas as partes do mundo e garantem à China elevada competitividade no mercado mundial. Baixos salários Subvalorização da moeda chinesa em relação ao dólar.

21 ÍNDIA

22 Ramin Talaie/Corbis/LatinStock Sajjad Hussain/AFP/Getty Images

23 A formação da república da Índia Suas fronteiras são resultantes do processo de independência. Em 1947 Definido o território da Índia. Colônia britânica Compreendia Índia; Paquistão; Bangladesh. Habitados por etnias e grupos religiosos diversos.

24 Sendo que a maior parte e os vales e nascentes de importantes rios ficou sob o controle do governo indiano. Desde a independência Paquistão e Índia não resolveram suas questões de fronteira. Responsável por três guerras entre os dois países. Raiz dos conflitos Caxemira Região de maioria muçulmana, mas sob o domínio da Índia. Na primeira guerra ficou dividida.

25 Grande líder da independência da Índia. Pregou uma revolução pacífica, baseado no conceito de desobediência civil. Mahatma Gandhi. Bettmann/Corbis/LatinStock Mahatma Gandhi Não conseguiu controlar a insatisfação dos descontentes com a administração britânica. Atos de violência e atentados terroristas foram intensos durante a luta contra o império.

26 Economia indiana Fez investimentos bem-sucedidos em tecnologia e formação profissional. Tem despertado atenção. Papel crescente de sua economia no contexto mundial. Originalidade de seu desenvolvimento. Soube criar oportunidades singulares na economia globalizada.

27 A expansão da economia tem mantido taxas médias de 6 a 7% ao ano. Os mecanismos que apoiam o crescimento no mercado internacional são semelhantes aos aplicados pela China: subvalorização da moeda; baixo custo da mão-de-obra; incentivos do governo; criação de Zonas de Processamento de Exportação.

28 Exportação de serviços Empresas indianas contam com mão-de-obra com fluência na língua inglesa. Qualificada para prestar serviços de natureza variada para empresas norte-americanas, inglesas, e outras. Call centers Prestam serviços de informação ao cliente, suporte técnico ao consumidor, entre outros. Produtos ou pessoas não precisam se deslocar. A prestação de serviços é um produto de exportação da Índia.

29 Mas recebem salários bem inferiores que os pagos nos Estados Unidos. A Índia é hoje o maior exportador de software do mundo. Indústria de software Amplo apoio governamental. Bettmann/Corbis/LatinStock Empresa de software em Bangalore, na Índia (2000). BangaloreTecnopolo da Índia. Tem mais engenheiros que o Vale do Silício na Califórnia e igualmente qualificados.

30 A maior parte dos indianos depende do trabalho agrícola. Cerca de 75% da renda hoje é gerada pelas atividades urbanas. Cerca de 300 milhões de pessoas vivem abaixo da linha da pobreza. A desigualdade social é gritante. A sociedade Segundo país mais populoso do mundo, com 1,15 bilhão de habitantes, e o 7º em extensão territorial.

31 Grupos religiosos Essa combinação gerou o sistema de castas, que, apesar de ter sido extinto por lei, até hoje caracteriza a sociedade indiana. Budismo e bramanismo ou hinduísmo. Corresponde mais a um sistema ético-filosófico do que propriamente a uma religião. É praticado predominantemente na Índia, com adeptos também nos países vizinhos. Resultante de uma combinação de culturas.

32 Conflitos na Índia Disputas estão concentradas em dois estados, o Punjab e a Caxemira. Têm sua origem em: disputas territoriais e de poder; rivalidades étnicas; diferenças de caráter religioso. Região situada ao norte da Índia, ultrapassa as fronteiras do país e se estende por terras da China e Paquistão.

33 Querem anexar a Caxemira ao seu território. ÍNDIA Sidnei Moura Fonte: Leda Ísola e Vera Caldini. Atlas geográfico Saraiva. São Paulo: Saraiva, p. 82 (adaptado). O Paquistão e a guerrilha muçulmana separatista. O controle da Caxemira significa: localização estratégica, junto à fronteira da China; dispor de nascentes; das águas do curso médio do rio Indo; de vales férteis apropriados à atividade agrícola.


Carregar ppt "CHINA E ÍNDIA Prof. Wagner Atallah. CHINA Tênis produzido na China. Sérgio DottaJr./The Next Observe as imagens."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google