A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Europa Oriental: Albânia, Armênia, Azerbaijão, Belarus, Bósnia- Herzegóvina, Bulgária, Croácia, Eslováquia, Eslovênia, Estônia, parte européia da Federação.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Europa Oriental: Albânia, Armênia, Azerbaijão, Belarus, Bósnia- Herzegóvina, Bulgária, Croácia, Eslováquia, Eslovênia, Estônia, parte européia da Federação."— Transcrição da apresentação:

1

2 Europa Oriental: Albânia, Armênia, Azerbaijão, Belarus, Bósnia- Herzegóvina, Bulgária, Croácia, Eslováquia, Eslovênia, Estônia, parte européia da Federação Russa, Geórgia, Hungria, Iugoslávia, Letônia, Lituânia, Macedônia, Moldávia, Polônia, República Tcheca, Romênia, Sérvia e Montenegro, Ucrânia e parte européia da Turquia Europa Ocidental: Alemanha, Andorra, Áustria, Bélgica, Chipre, Dinamarca, Espanha, Finlândia, França, Grécia, Holanda (Países Baixos), Irlanda, Islândia, Itália, Liechtenstein, Luxemburgo, Malta, Mônaco, Noruega, Portugal, Reino Unido, San Marino, Suécia, Suíça e Vaticano 49PAÍSES Área km² Maior país - Federação Russa ( km² dos quais km² na porção européia) Menor país - Vaticano (0,44 km² )

3 População Europa Oriental: 360 milhões de hab. Os mais populosos: Rússia( 142 milhões – 120 milhões na parte européia); Ucrânia ( 50 milhões de hab); Polônia e Romênia ( 38 e 21 milhões de hab). Densidades demográficas: são países bem povoados, 74hab/km². Porém a maioria dos países não são populosos, pois apresentam população menor que 40 milhões de hab.

4 A Europa oriental possui uma distribuição da população muito mais homogênea que a da Europa ocidental. Isso se deve ao planejamento centralizado que ocorreu de 1945/1990, durante o governo socialista

5 Principais cidades Varsóvia – Polônia 1,7 milhão de hab

6 Budapeste – Hungria 1,6 milhão hab

7 Moscou – Rússia 10,5 milhões de hab

8 Kiev- Ucrânia 2,6 milhões de hab

9 A maioria da população é de origem eslava, como os polonoses, russos, tchecos, sérvios, etc. A maioria dos povos do leste europeu professa a religião cristã ortodoxa.

10 População com Alto nível de alfabetização Maioria de adultos; Baixa natalidade e fecundidade – 1,4 f/m Natalidade – 11% mortalidade – 16% 3 fatores: urbanização e escolaridade, além da disseminação do aborto. Mulheres vivendo mais que homens, cerca de 12 a 14 anos. Ex: Rússia – homens 59 anos e mulheres 73 anos

11 Aspectos econômicos Logo após a 2ª guerra mundial, os governos tornaram-se socialistas, em geral, mediantes golpes de Estado, apoiados e influenciados por Moscou, que impunha o novo sistema. Em consequência formou-se a: CORTINA DE FERRO: Alemanha Oriental, Polônia, Tchecoslováquia _ atuais Republica Tcheca e Eslováquia; Hungria, Romênia, Bulgária e Albânia.

12 Divisão Internacional do trabalho Algumas nações produziam matérias-primas e produtos agrícolas( Romênia, Bulgária) e outras produziam bens industrializados (Polônia, Hungria) A partir da década de 90, com o avanço da globalização, volta do capitalismo, alguns países sofreram muito e se desequilibraram economicamente (Bulgária, Romênia).

13 CAPITALISMO…. Na maioria dos países formou-se uma nova classe de proprietários e capitalistas que enriqueceu em pouco tempo. De modo geral o retorno do capitalismo foi acompanhado de empobrecimento da população. Na primeira década séc XXI – situação estabilizada = crescimento = UE

14 COM O FIM DA URSS…. Fim da Guerra Fria; Fim da bipolaridade ( EUA/URSS); Socialismo críticado – ineficácia da estrutura política; Fim da corrida armamentista;

15 Hoje a Rússia…. PIB: 2,116 trilhões( RUR); Renda per capita: $ (RUR); Exportações: $303,4 bilhões; Importações: $191,8 bilhões; Agricultura: 4.1% Indústria: 41.1% Serviços: 54.8%

16 OBRIGADA PELA ATENÇÃO!!

17

18

19 TEMPERADO OCEÂNICO: na maior parte das ilhas britânicas e na fachada atlântica voltada para o golfo de Gasconhia, na região marítima da Noruega. TEMPERADO DE TRANSIÇÃO: na Meseta Espanhola, e na extensa faixa que se estende do interior da França até as margens do Mar Negro. TEMPERADO CONTINENTAL: na planície da Polônia e larga porção da Suécia, da Finlândia e da Rússia. É o clima temperado que domina em extensão, embora sob três modalidades: + CLIMA FRIO: maciços montanhosos, Alpes, Carpatos, Cálcaso, Alpes escandinavos, terras vizinhas do circulo polar ártico como a Islândia, norte da Escandinávia e da Rússia. CLIMA SUBTROPICAL DE TIPO MEDITERRÂNEO: domina toda a fixa meridional, desde o Atlântico até a bacia do Mediterrâneo.

20

21 SUL E PARTE DA AREA CENTRAL: enrugamentos terciários, que correspondem as mais altas montanhas NOROESTE E NORTE: Velhos maciços montanhosos de altitudes modestas e em parte submersas pelas águas do mar do norte, onde constituem vasta plataforma submarina, sobre a qual se assenta o arquipélago britânico CENTRO: uma sucessão de planícies, que se abrem largamente na porção oriental

22 FLORESTA TEMPERADA: Caracterizada pela existência do carvalho, castanheiro, nogueira, sobreiro, faia, bétula, certas variedades de pinheiros, dominava toda a Europa cento ocidental e meridional, além de grandes extensões da Europa oriental FLORESTA BOREAL: impróprio para a agricultura, trata-se de uma formação muito pobre em espécies, constituída principalmente por pinheiros, bétulas, abetos, ciprestes, etc. Domina na Suécia, na Finlândia e ao norte da Rússia ESTEPE: com sua vegetação rasteira característica, encontra-se ao norte do mar negro e em terras da Ucrânia. Solo escuro de admirável fertilidade ESTEPE PARDA: de solos salinos e estéreis, encontra-se nas vizinhanças do mar Cáspio CAMPOS ALPESTRES: encontra-se na planície da Hungria, em algumas porções da Meseta espanhola, nos mais altos maciços montanhosos. TUNDRA: as margens do mar branco e do oceano ártico

23 RIOS: Utilizados como rotas de transporte pelas industrias, e fornecem também água para irrigação das culturas e potência para a produção de eletricidade. Rios mais importantes: Volga (mais longo da Europa), Don, Reno e Danúbio LAGOS: o maior lago do mundo, o mar Cáspio, de água salgada parte na Europa parte na Ásia.Apesar de ser chamado de mar, o Cáspio é na realidade um lago, sendo inteiramente cercado de água. Sua área é maior que a superfície dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo reunidos, o mar Cáspio é o ponto mais baixo da Europa (28m abaixo do nível do mar) Curiosidade A Finlândia, que tem cerca de 60 mil lagos, é conhecida como o país dos milhares de lagos

24 Ponto de partida da Revolução Industrial e da era moderna, a Europa continua sendo um continente de grandes contrastes, onde há prosperidade e democracia, mas também pobreza, conflitos étnicos e ditaduras. Suas 48 nações costumam ser divididas em Europa Ocidental, que reúne as desenvolvidas ou em crescimento, nas quais as instituições democráticas estão consolidadas - caso da Finlândia, Holanda e Irlanda -, e Europa Oriental, formada predominantemente por países que saíram do regime comunista e estão com as economias arruinadas ou em recuperação, como a Romênia, Ucrânia e a Albânia

25 A maior parte dos países desenvolvidos integra a União Européia (UE) - ou a chamada Europa dos 15 -, bloco econômico no qual foram abolidas as barreiras ao comércio e o trânsito nas fronteiras. Uma moeda única comum, o Euro, começa a operar em 11 dos países membros, em Embora sua cotação caia em relação ao dólar em 2000, isso não abala a prosperidade da UE, que cresce em média a taxas de 3% ao ano. Países como Portugal, Irlanda e Espanha experimentam um boom econômico depois da adesão à UE. Essa perspectiva de riqueza leva várias nações orientais, como a Hungria, a pleitearem o ingresso na UE. Se todos os candidatos cumprirem os requisitos administrativos, financeiros e democráticos para a adesão, a estimativa é que, até 2007, a UE terá 27 membros

26 Atualmente, as nações da Europa Ocidental recebem em média 1,2 milhão de imigrantes por ano, incluindo refugiados e ilegais, vindos em sua maioria do Leste Europeu, norte da África e Oriente Médio. Essa mão-de-obra é usada em trabalhos desprezados pela população local como a colheita nos campos e a construção civil. Há também demanda por profissionais qualificados para atender o crescimento da indústria de alta tecnologia. Estudos da ONU indicam que a Europa precisará de cerca de 160 milhões de imigrantes até 2025 para compensar a estagnação no crescimento demográfico.

27 A imigração gera descontentamento em parte da população, que teme a perda de empregos e a queda do padrão de vida. Esse medo, aliado a sentimentos racistas, tem como conseqüência o aumento do apoio do eleitorado de vários países, como Áustria, Noruega e Bélgica, a partidos de extrema direita, favoráveis à contenção da imigração, e o crescimento de atentados contra minorias.

28 Ao longo da história européia, invasões da Ásia e da África, misturas de povos, cismas religiosos e guerras deram lugar a nações que abrigam diferentes grupos étnicos ou culturais, gerando conflitos. Em anos recentes há guerras na Croácia, na Bósnia e em Kosovo e em repúblicas da antiga União Soviética (Geórgia, Armênia e Azerbaijão). Para reforçar a segurança do continente, a União Européia decide em junho de 2000 criar uma força rápida de intervenção, formada por 60 mil militares, para agir em coordenação com a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

29

30 Exportações - US$ 2,562 trilhões - 49% do total mundial (1998) Importações - US$ 2,609 trilhões - 48% do total mundial (1998) PRODUÇÃO MINERAL (1999) Cobre (Polônia, Federação Russa) Ouro (Federação Russa) Fosfato (Federação Russa) Diamante (Federação Russa) Minério de Ferro (Federação Russa, Suécia, Ucrânia) Bauxita (Federação Russa) Cromo (Albânia, Finlândia, Federação Russa) Chumbo (Suécia) Enxofre (França, Alemanha, Polônia, Federação Russa, Espanha) Manganês (Ucrânia) Potássio (Azerbaijão, Belarus, França, Alemanha, Federação Russa, Ucrânia, Reino Unido) PIB - US$ 9,5 trilhões (1998) PIB per capita - US$ (1998) Área cultivada km² ou 12,5% da área total (1998) Pesca - 19,5 milhões de t (1997)

31 Área de floresta km² (1995) Reflorestamento km² ( ) Áreas de conservação - 4,7% do território (1996) Recursos hídricos per capita - 8,5 mil m³ (1995) Emissão de CO² per capita - 8,5 t (1995)

32 Os idiomas mais falados pertencem aos ramos etnolingüísticos latino (integrado pelo espanhol, italiano, francês e português), germânico (formado por alemão, inglês e idiomas escandinavos) e eslavo (constituído de russo, búlgaro, servo-croata e ucraniano, entre outros) O cristianismo é a principal religião. Existe ainda um número significativo de adeptos tanto do catolicismo quanto do protestantismo e da Igreja Ortodoxa

33

34 A Europa constitui uma das áreas de maior densidade demográfica do mundo, com 66 hab./km². As zonas de maior densidade são as planícies do Reno e do Escala, a do Pó na Itália, a região do Ruhr na Alemanha, e a Inglaterra. As áreas de menor densidade ficam na Islândia, Noruega, Suécia, Finlândia e norte da Rússia Entre as populações européias predominam os povos cristãos: católicos romanos nos países mediterrâneos, protestantes nos Saxões, ortodoxos nos eslavos. As minorias judaicas acham-se dispersas pelas varias regiões, sobretudo nos núcleos urbanos, e as muçulmanas estão concentradas nos Bálcãs

35 A Europa pode ser considerada a região mais urbanizada do mundo, possuindo numerosos países cujo a população urbana é superior a 70 % do total e nada menos do que 29 cidades com mais de um milhão de habitantes. São velhos e austeros centros urbanos, completamente diferentes dos existentes na América Três cidades ocupam posição ímpar, porque contêm mais de 7 milhões de habitantes em sua área metropolitana: Londres, capital da Inglaterra e do Reino Unido; Paris, capital da França; e Moscou, capital e maior cidade da Rússia


Carregar ppt "Europa Oriental: Albânia, Armênia, Azerbaijão, Belarus, Bósnia- Herzegóvina, Bulgária, Croácia, Eslováquia, Eslovênia, Estônia, parte européia da Federação."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google