A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GÔNADAS MASCULINAS - TESTÍCULOS Nos mamíferos estão localizados na bolsa escrotal (fora da cavidade abdominal)

Cópias: 1
PÂNCREAS Glândula anfícrina ou mista (apresenta função exócrina e endócrina) A porção endócrina é formada pelas ilhotas de Langerhans ou pancreáticas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GÔNADAS MASCULINAS - TESTÍCULOS Nos mamíferos estão localizados na bolsa escrotal (fora da cavidade abdominal)"— Transcrição da apresentação:

1

2 GÔNADAS MASCULINAS - TESTÍCULOS Nos mamíferos estão localizados na bolsa escrotal (fora da cavidade abdominal)

3 Após atingir a puberdade, os testículos passam a sofrer ação contínua do hormônio FSH, que estimula a espermatogênese, e do hormônio LH, que estimula as células intersticiais (Leydig) a produzirem a testosterona (responsável pelo desenvolvimento de características sexuais masculinas)

4

5 GÔNADAS FEMININAS - OVÁRIOS Localizados no interior da cavidade pélvica

6 Após atingir a puberdade os hormônios FSH e LH exercem ação periódica nos ovários regulando a atividade do sistema reprodutor feminino O FSH estimula o amadurecimento dos ovócitos primários e a produção de estrógeno, o qual permite o desenvolvimento das características sexuais secundárias femininas O LH estimula a ovulação e a formação do corpo lúteo (amarelo), o qual produz progesterona que mantém o endométrio.

7 Ciclo menstrual Duração média de 28 dias, sendo que o 1 º dia corresponde ao 1 º dia de sangramento, devido à descamação do endométrio (5dias). O FSH estimula a maturação de um novo folículo, o qual passa a produzir estrógeno que estimula a proliferação do endométrio e a produção de LH Nesses dias os níveis de progesterona e estrógeno estão baixos, havendo produção de FSH.

8 Após o rompimento do folículo, há formação do corpo lúteo que passa a produzir progesterona, a qual estimula maior desenvolvimento do endométrio, bem como maior vascularização do mesmo. Com a regressão do corpo lúteo, os níveis de progesterona diminuem rapidamente, o que provocará a descamação do endométrio e nova produção de FSH. Por volta do 14 º dia a concentração de LH atinge sua máxima concentração ocorrendo a liberação do óvulo (ovulação)

9

10

11 Obs: caso haja fecundação, após 5 a 7 dias, o embrião implanta-se no útero (nidação), inician- do a formação da placenta, a qual passa a pro- duzir o hormônio gonadotrófico coriônico (HCG) que mantém o corpo lúteo ativo, produzindo progesterona, o que impede a menstruação.

12 MÉTODOS ANTICONCEPCIONAIS A prevenção de uma gravidez não planejada é fundamental. Os métodos contraceptivos podem ser divididos em: comportamentais, de barreira, dispositivo intra-uterino (DIU), hormonais e cirúrgicos A escolha de determinado método deve ser personalizada levando-se em conta fatores como: idade, quantidade de filhos, desejo futuro de ter filhos, compreensão, doenças

13 A - Métodos Comportamentais Método rítmico (tabelinha) Procura calcular o início e o fim do período fértil, evitando ter relações durante esse período. Mais adequado para mulheres com ciclo regular Temperatura basal Após a ovulação a temperatura basal aumenta entre 0,3 e 0,8 graus. A paciente deve medir a temperatura oral pela manhã, desde o 1 º dia do ciclo até o dia em que a temperatura se eleva durante 3 dias seguidos

14 Método do muco cervical Baseia-se na observação do fluxo mucoso e deve ser diária. O muco cervical aparece por volta do 2 º ou 3 º dia após a menstruação, e inicialmente é pouco consistente e viscoso, mas logo antes da ovula- ção fica muito grudento

15 Coito interrompido Baseia-se na capacidade do homem retirar o pênis da vagina ao pressentir a iminência da ejaculação B – Métodos de Barreira Preservativos (Condom) De uso masculino ou feminino, impedem a ascensão dos espermatozóides ao útero. Também eficientes contra DSTs

16

17 Diafragma Anel flexível coberto com uma membrana de borracha, colocado na vagina para cobrir o colo do útero, impede a entrada dos esperma- tozóides, deve ser usado com espermicida

18 DIU (dispositivo intra-uterino) Artefatos de polietileno inseridos na cavidade uterina que dificultam a passagem dos esper- matozóides

19 C – Métodos hormonais Pílulas anticoncepcionais Contém estrogênio associado à progesterona, inibindo a ovulação pelo bloqueio da liberação de gonadotrofinas pela hipófise Pílula do dia seguinte Deve ser tomada antes de 72 horas após a relação (casos de emergência)

20 Implantes Microbastão de hormônio sintético similar à progesterona, implantado no braço (inibe a ovulação) Dura três anos

21 Adesivos Pode ser colado em diversas partes do corpo, permanecendo na posição por uma semana

22 D – Métodos Cirúrgicos Laqueadura tubária Ligadura ou corte das tubas uterinas

23 Vasectomia Ligadura ou corte dos canais deferentes Impede a presença de espermatozóides no líquido ejaculado (sêmen)

24


Carregar ppt "GÔNADAS MASCULINAS - TESTÍCULOS Nos mamíferos estão localizados na bolsa escrotal (fora da cavidade abdominal)"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google