A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MAIS SAÚDE WWW.SAUDE.GOV.BR SILVANA ARTIOLI SCHELLINI.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MAIS SAÚDE WWW.SAUDE.GOV.BR SILVANA ARTIOLI SCHELLINI."— Transcrição da apresentação:

1 MAIS SAÚDE SILVANA ARTIOLI SCHELLINI

2 PESQUISA ENSINO EXTENSÃO

3 EIXOS 1. Promoção da Saúde 2. Atenção à Saúde 3. Complexo Industrial da Saúde 4. Força de Trabalho em Saúde 5. Qualificação da Gestão 6. Participação e Controle Social 7. Cooperação Internacional

4 Impacto relevante na saúde e na qualidade de vida Promoção e monitoramento para gestantes e 0-5 anos (Brasileirinhos Saudáveis) em 1000 Municípios Ações de Planejamento Familiar Aleitamento materno Programa de Saúde nas Escolas públicas Educação e comunicação para hábitos que reduzam os riscos de doenças Reduzir os riscos à saúde originados por consumo de produtos nocivos Atenção Integral à Saúde do Trabalhador Estratégia dos ambientes de trabalho saudáveis Atenção Integral à Saúde do Idoso Enfrentamento das iniqüidades e desigualdades em saúde (negros, quilombolas, GLBTT, ciganos, prostitutas, população em situação de rua, etc) Impacto relevante na saúde e na qualidade de vida Promoção e monitoramento para gestantes e 0-5 anos (Brasileirinhos Saudáveis) em 1000 Municípios Ações de Planejamento Familiar Aleitamento materno Programa de Saúde nas Escolas públicas Educação e comunicação para hábitos que reduzam os riscos de doenças Reduzir os riscos à saúde originados por consumo de produtos nocivos Atenção Integral à Saúde do Trabalhador Estratégia dos ambientes de trabalho saudáveis Atenção Integral à Saúde do Idoso Enfrentamento das iniqüidades e desigualdades em saúde (negros, quilombolas, GLBTT, ciganos, prostitutas, população em situação de rua, etc)

5 Semana de saúde do homem Aumentar locais de atendimento Cartilhas Aumentar consultas Aumentar exames diagnósticos Aumentar cirurgias Implantar ações voltadas para a Atenção à Saúde do Homem Telessaúde para diagnóstico de patologias e câncer do trato genital masculino

6 Ampliar o acesso a medicamentos e aos procedimentos diagnósticos e terapêuticos para o controle da hipertensão e diabetes Capacitar para detecção Detectar Retinopatia Diabética Exames complementares Insumos e insulina para todos Capacitar para detecção Detectar Retinopatia Diabética Exames complementares Insumos e insulina para todos

7 Expandir o Projeto Pratique Saúde abrangendo1.000 municípios, incluindo todas as capitais

8 Implementar o Programa de Saúde nas Escolas em articulação com o Ministério da Educação beneficiando pelo menos 26 milhões de alunos de escolas públicas Incentivo financeiro para Equipes de Saúde da Família: avaliação clínica, nutricional, hipertensão arterial, saúde bucal e avaliação psicossocial em alunos de escolas públicas Consulta oftalmológica em alunos da rede pública de ensino (Programa Olhar Brasil) Fornecer óculos (Programa Olhar Brasil) Incentivo financeiro para Equipes de Saúde da Família: avaliação clínica, nutricional, hipertensão arterial, saúde bucal e avaliação psicossocial em alunos de escolas públicas Consulta oftalmológica em alunos da rede pública de ensino (Programa Olhar Brasil) Fornecer óculos (Programa Olhar Brasil)

9 Consultas otorrinolaringológicas Avaliações audiológicas Fornecer próteses auditivas Atividade física e hábitos de alimentação saudável Educação para a saúde sexual, reprodutiva e prevenção de gravidez precoce e de DST Educação para prevenção do uso do álcool, tabaco e outras drogas

10 Estabelecer programas de educação e comunicação para a promoção de hábitos que reduzam os riscos de doenças

11

12 Implementar a estratégia dos ambientes de trabalho saudáveis, no âmbito da estratégia dos municípios saudáveis, junto com o Ministério do Trabalho "Empresas Promotoras da Saúde" Transformar empresas em Empresas Promotoras da Saúde até 2011, segundo as metas pactuadas no contexto da estratégia dos municípios saudáveis Ampliar ações de prevenção de acidentes de trânsito em municípios com mais de100 mil habitantes

13 Fortalecer e ampliar as ações de promoção para a Atenção Integral à Saúde do Idoso Qualificar cuidadores de idosos (vinculados ao Programa de Internação Domiciliar) R$188,00 por cuidador Duplicar o número de consultas oftalmológicas em idosos e fornecer 2,68 milhões de óculos bifocais e monofocais Distribuir 10 milhões de Cadernetas de Saúde da Pessoa Idosa (prevenção de doenças, riscos e agravos) e distribuir Caderno de Atenção Básica em Envelhecimento e Saúde da Pessoa Idosa para agentes comunitários de saúde

14 Serviços de atenção básica com expansão e sustentabilidade da Saúde da família Serviço de Atendimento Móvel de Urgência Implementar a Política Nacional de Internação Domiciliar (500 unidades com infra-estrutura)

15 Ampliar a participação dos medicamentos Genéricos Ampliar o financiamento da Assistência Farmacêutica Básica Fomentar pela Rede Brasileira de Centros Públicos de Bio Equivalência, testes de bioequivalência para genéricos

16 Acesso a serviços da rede nacional de atenção especializada ambulatorial e hospitalar de forma descentralizada Construir, ampliar, reformar e equipar unidades de saúde Fortalecer o Sistema Nacional deTransplantes, (ampliação de doadores e redução da espera) Expandir leitos de UTI Recompor valores pagos por procedimentos de média e alta complexidade Aumentar o teto financeiro do SUS Melhorar o acolhimento e implantar práticas de humanização

17 Qualificar e ampliar a rede de serviços de atenção básica,com expansão e sustentabilidade financeira para a saúde da família Saúde da Família (aumentar) Ampliar o Programa Brasil Sorridente (Equipes de Saúde Bucal) Ampliar os recursos para custeio da saúde bucal Ampliar agentes comunitários e recursos Integrar saúde da família aos programas sociais (PRONASCI, Pontos de Cultura, Quilombolas, Territórios de Cidadania e CRAS) Construir módulos básicos de saúde (regiões metropolitanas e vazios assistenciais)

18 Aquisição e custeio de ambulâncias, 10 helicópteros e 14 ambulanchas

19 1)MEDICAMENTOS DE ALTO CUSTO PARA ONCOLOGIA 2) EQUIPAMENTOS DE RADIOTERAPIA 3) CENTROS MACRO- REGIONAIS 4) AMPLIAR ACESSO 5)CENTRO DE CANCER NO RIO DE JANEIRO

20

21

22 Eixo 3 – Complexo Industrial da Saúde Programa Nacional para Produção Estratégica do Complexo Industrial da Saúde Investir na rede de Laboratórios Oficiais de Medicamentos Investir nos produtores públicos de vacinas Fomentar a inovação nas indústrias privadas nacionais de medicamentos, equipamentos e materiais Fomentar redes tecnológicas e laboratórios Consolidar a Rede Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde com expansão institucional da Fiocruz Implantar o Centro de Desenvolvimento Tecnológico em Saúde na Fiocruz 14 Medidas e 15 Metas: R$ 2 bilhões

23 Eixo 4 – Força de Trabalho em Saúde Acesso ao Telessaúde a todas às Equipes de Saúde da Família Ação integrada com o Ministério da Defesa para suprir a deficiência profissionais com (2.000 médicos; enfermeiros e odontólogos) Formação profissional em saúde utilizando ambientes comunitários e de centros de saúde Universidade Aberta de Educação Permanente em Saúde. Programa de Formação de Profissionais de Nível Médio para a Saúde (Profaps). Implementar Programa Nacional de Qualificação de Gestores e Gerentes do SUS Escola de Governo em Saúde no DF Força de trabalho da saúde na esfera federal pela criação de carreiras específicas para o Ministério da Saúde. (8 Medidas e 9 Metas: R$ 2,5 bilhões)

24 Eixo 5 – Qualificação da Gestão Sistema integrado de planejamento, informação, monitoramento, controle e avaliação das ações de saúde Fortalecer o Sistema Nacional de Auditoria do SUS Garantir o acesso eqüitativo aos serviços de saúde Modernizar a gestão dos hospitais filantrópicos Aprovar o projetos de leis necessárias para implantar o modelo de Fundação Estatal de direito privado aos hospitais públicos 5 Medidas e 11 Metas: R$ 1,9 bilhão Sistema integrado de planejamento, informação, monitoramento, controle e avaliação das ações de saúde Fortalecer o Sistema Nacional de Auditoria do SUS Garantir o acesso eqüitativo aos serviços de saúde Modernizar a gestão dos hospitais filantrópicos Aprovar o projetos de leis necessárias para implantar o modelo de Fundação Estatal de direito privado aos hospitais públicos 5 Medidas e 11 Metas: R$ 1,9 bilhão

25 Eixo 5 – Organização da Gestão 400 centros odontológicos 430 CAPS Aumentar custeio e unidades das Upas NASF

26 Eixo 6 – Participação e Controle Social Dotar os Conselhos de Saúde de infra-estrutura e apoio logístico para exercer papel no controle social Apoiar a educação permanente de agentes e conselheiros para o controle social e a ação participativa Implantar o Sistema Nacional de Ouvidoria do SUS Expandir a divulgação e o uso pela população da Carta de Direitos do Usuário da Saúde e implantar o Portal dos Direitos do Usuário dos Serviços de Saúde 4 Medidas e 5 Metas: R$ 296 milhões

27 - DESENVOLVIMENTO DE ESTRUTURAS E DOS SISTEMAS DE SAÚDE DOS PAÍSES DA AMÉRICA DO SUL E CENTRAL, DA CPLP E OUTROS PAÍSES AFRICANOS - FORMAÇÃO DE TÉCNICOS DA ÁREA DA SAÚDE EM PAÍSES DA CPLP (TRABALHADORES DA ÁREA DE ENFERMAGEM) - FORTALECIMENTO DA INTEGRAÇÃO DA AMÉRICA DO SUL. - CONSTITUIÇÃO DA REDE PAN-AMAZÔNICA DE CTI 4 MEDIDAS E 8 METAS: R$ 58 MILHÕES Eixo 7 – Cooperação Internacional

28

29 Recursos Totais Consolidados por Eixos Eixo 1 – Promoção da Saúde Eixo 2 – Atenção à Saúde Eixo 3 – Complexo Industrial da Saúde Eixo 4 – Força de Trabalho em Saúde Eixo 5 – Qualificação da Gestão Eixo 6 – Participação e Controle Social Eixo 7 – Cooperação Internacional

30

31

32

33 FUNDO NACIONAL DE SAÚDE Endereço da Reitoria Programa/ação Objeto (Reforma, equipamento) Plano de aplicação (utilização dos recursos) Total solicitado Cronograma de execução Cronograma de desembolso Justificativa da proposta Objetivo da proposição Metas da proposição Acompanhamento Unidade Assistida - Descrição do que existe - Área de abrangência - Tipo de profissional - Material de consumo - Dados bancários - Contato

34

35

36

37

38 ANEXOS Cadastro do órgão Declaração de cumprimento de condicionantes legais Declaração de situação de terreno Plano de trabalho/descrição do projeto; Cronograma de execução/ plano de aplicação; Cronograma de desembolso; Informações complementares; Informações sobre a Unidade Assistida; Informações sobre a aquisição dos equipamentos ou outros Prestação de contas – cumprimento do objeto; relatório de excução físico-financeiro; relação de pagamentos efetuados; relação de bens adquiridos; conciliação bancária


Carregar ppt "MAIS SAÚDE WWW.SAUDE.GOV.BR SILVANA ARTIOLI SCHELLINI."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google