A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO 1- Fósseis EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO 1- Fósseis 2- Órgãos Vestigiais.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO 1- Fósseis EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO 1- Fósseis 2- Órgãos Vestigiais."— Transcrição da apresentação:

1

2 EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO 1- Fósseis

3 EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO 1- Fósseis 2- Órgãos Vestigiais

4 EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO 1- Fósseis 2- Órgãos Vestigiais 3- Anatomia Comparada

5 Irradiação Adaptativa Órgãos Homólogos

6 Convergência Adaptativa Órgãos Análogos Ambiente 1Ambiente 2 Ambiente 3 Ambiente 4 Ambiente X

7 EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO 1- Fósseis 2- Órgãos Vestigiais 3- Anatomia Comparada 4- Embriologia Comparada

8 EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO 1- Fósseis 2- Órgãos Vestigiais 3- Anatomia Comparada 4- Embriologia Comparada 5-Bioquímica Comparada

9 ATENÇÃO Vertebrado x Vertebrado Invertebrado x Invertebrado Vertebrado x Invertebrado Órgão Homólogos Órgãos Análogos

10

11 TEORIAS EVOLUTIVAS LAMARCKISMO Lei do Uso e desuso Lei da transmissão dos Caracteres adquiridos

12 TEORIAS EVOLUTIVAS DARWINISMO Teoria da Seleção Natural

13

14 ATENÇÃO Lamark Ambiente Modifica Darwin Ambiente Seleciona O gafanhoto é verde porque vive na grama. O gafanhoto vive na grama porque é verde. Lamark Darwin

15 NEODARWINISMO: Teoria sintética da Evolução TEORIAS EVOLUTIVAS Darwin não conseguiu explicar as causas das variações individuais. Indivíduo Mutação e Recombinação Variabilidade genética Modificações Seleção Natural Adaptação Darwin explicava Darwin não explicava

16 Na Teoria Sintética, a população é considerada como uma unidade evolutiva População Conjunto de seres de uma mesma espécie. Dois indivíduos são da mesma espécie quando cruzam naturalmente entre si e produzem descendentes férteis.

17 ESPECIAÇÃO Processo de formação de novas espécies. Depende de dois eventos: Isolamento geográfico Isolamento reprodutivo Raças ou subespécies Novas espécies

18 Mecanismos responsáveis pelo isolamento reprodutivo Pré-zigóticos Isolamento estacional ou temporal Época de reprodução diferente Isolamento mecânico Diferenças anatômicas acentuadas Isolamento comportamental ou etológico comportamento sexual diferente Isolamento gamético Não há possibilidade de sobrevivência do gameta masculino dentro do organismo feminino Pós-zigóticos Inviabilidade do híbrido Não término do desenvolvimento embrionário Esterilidade do híbrido Resulta entre a incompatibilidade entre os tipos e números de cromossomos


Carregar ppt "EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO 1- Fósseis EVIDÊNCIAS DA EVOLUÇÃO 1- Fósseis 2- Órgãos Vestigiais."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google