A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

{ Revisão – 6ª Série 2º trimestre. População e ambientes produzidos População e ambientes produzidos UT3.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "{ Revisão – 6ª Série 2º trimestre. População e ambientes produzidos População e ambientes produzidos UT3."— Transcrição da apresentação:

1 { Revisão – 6ª Série 2º trimestre

2 População e ambientes produzidos População e ambientes produzidos UT3

3 Ut3 – População e ambientes produzidos A estrutura populacional influencia decisões políticas e econômicas de uma região? A estrutura populacional influencia decisões políticas e econômicas de uma região?

4 Ut3 – População e ambientes produzidos Até meados do século XX, era natural que as famílias fossem mais numerosas. Explique três motivos que contribuíram para que isso mudasse, atualmente. Até meados do século XX, era natural que as famílias fossem mais numerosas. Explique três motivos que contribuíram para que isso mudasse, atualmente.

5 Ut3 – População e ambientes produzidos O que é a chamada Transição demográfica? O que é a chamada Transição demográfica?

6 Ut3 – População e ambientes produzidos 1- O que é crescimento vegetativo? 2- O que é crescimento vegetativo positivo? 3- O que é crescimento vegetativo negativo? 4- O que é crescimento vegetativo nulo?

7 Ut3 – População e ambientes produzidos O que é densidade demográfica? O que é densidade demográfica?

8 Ut3 – População e ambientes produzidos O que é Êxodo rural? O que é Êxodo rural?

9 Ut3 – População e ambientes produzidos O que é expectativa de vida? O que é expectativa de vida?

10 Ut3 – População e ambientes produzidos O que foi a chamada Revolta da vacina? O que foi a chamada Revolta da vacina?

11 Ut3 – População e ambientes produzidos O envelhecimento da população gera mudanças governamentais? Explique um tipo destas mudanças. O envelhecimento da população gera mudanças governamentais? Explique um tipo destas mudanças.

12 Ut3 – População e ambientes produzidos Sobre migração, explique: 1- Migrante 2- Emigração 3- Imigração 4- Migração pendular 5- Migração interna 6- Migração externa 7- Transumância

13 Ut3 – População e ambientes produzidos Explique: Explique: 1- Taxa de mortalidade 1- Taxa de mortalidade 2- Taxa de natalidade 2- Taxa de natalidade 3- Taxa de fecundidade 3- Taxa de fecundidade

14 Ut3 – População e ambientes produzidos Explique 5 migrações internas que ocorreram/ocorrem no Brasil. Explique 5 migrações internas que ocorreram/ocorrem no Brasil.

15 Ut3 – População e ambientes produzidos O que é uma pirâmide etária? O que é uma pirâmide etária? Como é a estrutura de uma pirâmide etária? Como é a estrutura de uma pirâmide etária?

16 Ut3 – População e ambientes produzidos 1- O que é PEA (população economicamente ativa)? 2- O que é PEI (população economicamente inativa)?

17 Ut3 – População e ambientes produzidos Emprego: Emprego: 1- Formal 2- Informal

18 Ut3 – População e ambientes produzidos O que é a Divisão internacional do trabalho (DIT)? O que é a Divisão internacional do trabalho (DIT)?

19 Ut3 – População e ambientes produzidos Explique os seguintes setores da economia: Explique os seguintes setores da economia: 1- Primário 2- Secundário 3- Terciário 4- Terciário-quaternário

20 Ut3 – População e ambientes produzidos Em qual região do Brasil há maior concentração populacional? A que se deve este fato? Em qual região do Brasil há maior concentração populacional? A que se deve este fato?

21 Ut3 – População e ambientes produzidos Em qual região do Brasil há menor concentração populacional? A que se deve este fato? Em qual região do Brasil há menor concentração populacional? A que se deve este fato?

22 Ut3 – População e ambientes produzidos Sobre o IDH (índice de desenvolvimento humano), explique: Sobre o IDH (índice de desenvolvimento humano), explique: 1- O que é? 2- Como é analisado? 3- Quais os critérios para se chegar ao IDH?

23 O ESPAÇO URBANO O ESPAÇO URBANO UT4

24 Ut4 – Espaço Urbano Local de expansão de uma cidade. Local de expansão de uma cidade. CENTRO: local mais ativo de uma cidade e onde estão localizados os setores comerciais, financeiros, administrativos e culturais. CENTRO: local mais ativo de uma cidade e onde estão localizados os setores comerciais, financeiros, administrativos e culturais. PERIFERIA: área mais afastada do centro urbano, muitas vezes com carência de infraestrutura (água, esgoto, iluminação). PERIFERIA: área mais afastada do centro urbano, muitas vezes com carência de infraestrutura (água, esgoto, iluminação).

25 Ut4 – Espaço Urbano Industrialização Industrialização Êxodo Rural Êxodo Rural Migração Migração CRESCIMENTO DAS CIDADES

26 Ut4 – Espaço Urbano São Paulo e Rio de Janeiro já foram cidades de forte atração populacional. Será que isto permanece na atualidade? São Paulo e Rio de Janeiro já foram cidades de forte atração populacional. Será que isto permanece na atualidade?

27 Ut4 – Espaço Urbano Quando as cidades crescem ocorre uma expansão da área urbana, por meio de loteamentos, conjuntos habitacionais, construções de hospitais, escolas, shopping centers. Quando as cidades crescem ocorre uma expansão da área urbana, por meio de loteamentos, conjuntos habitacionais, construções de hospitais, escolas, shopping centers. Construções antigas são substituídas por novas. Construções antigas são substituídas por novas. INFRAESTRUTURA URBANA: sistema técnico de equipamentos e serviços necessários ao desenvolvimento das funções urbanas. INFRAESTRUTURA URBANA: sistema técnico de equipamentos e serviços necessários ao desenvolvimento das funções urbanas. INFRAESTRUTURA URBANA

28 REDE URBANA Conexão entre as cidades. Conexão entre as cidades. Uma cidade é considerada pequena, média ou grande de acordo com a sua área e o seu número de habitantes. Uma cidade é considerada pequena, média ou grande de acordo com a sua área e o seu número de habitantes. Fluxo de pessoas e mercadorias. Fluxo de pessoas e mercadorias. Região Metropolitana Região Metropolitana Ut4 – Espaço Urbano

29 HIERARQUIA URBANA Hierarquia urbana é a forma como é organizado o espaço nacional, em termos de influência de certos centros urbanos sobre outros. Hierarquia urbana é a forma como é organizado o espaço nacional, em termos de influência de certos centros urbanos sobre outros. Ut4 – Espaço Urbano

30 Metrópoles globais: suas áreas de influência ultrapassam as fronteiras de seus estados, região ou mesmo do país. São metrópoles globais Rio de Janeiro e São Paulo. Metrópoles globais: suas áreas de influência ultrapassam as fronteiras de seus estados, região ou mesmo do país. São metrópoles globais Rio de Janeiro e São Paulo. Metrópoles nacionais: encontram-se no primeiro nível da gestão territorial, constituindo foco para centros localizados em todos os pontos do país. São metrópoles nacionais Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo. Metrópoles nacionais: encontram-se no primeiro nível da gestão territorial, constituindo foco para centros localizados em todos os pontos do país. São metrópoles nacionais Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo. Metrópoles regionais: exercem influência na macrorregião onde se encontram. São metrópoles regionais Belém, Belo Horizonte, Curitiba, Fortaleza, Goiânia, Manaus, Porto Alegre, Recife e Salvador. Metrópoles regionais: exercem influência na macrorregião onde se encontram. São metrópoles regionais Belém, Belo Horizonte, Curitiba, Fortaleza, Goiânia, Manaus, Porto Alegre, Recife e Salvador. Capitais regionais: exercem influência no estado e em estados próximos. São exemplo de capitais regionais: Cascavel, Ribeirão Preto e Campo Grande. Capitais regionais: exercem influência no estado e em estados próximos. São exemplo de capitais regionais: Cascavel, Ribeirão Preto e Campo Grande.

31 O Plano Diretor é o instrumento básico da política de desenvolvimento do Município. Sua principal finalidade é orientar a atuação do poder público e da iniciativa privada na construção dos espaços urbano e rural na oferta dos serviços públicos essenciais, visando assegurar melhores condições de vida para a população. O Plano Diretor é o instrumento básico da política de desenvolvimento do Município. Sua principal finalidade é orientar a atuação do poder público e da iniciativa privada na construção dos espaços urbano e rural na oferta dos serviços públicos essenciais, visando assegurar melhores condições de vida para a população. Ut4 – Espaço Urbano

32 Lixões Lixões Aterro Sanitário Aterro Sanitário Ut4 – Espaço Urbano

33 Espaço Rural Espaço Rural UT5

34 UT 5 – O espaço rural Modos de produção: Modos de produção: Sistema Intensivo Sistema Intensivo - Baseada no capital (dinheiro) - Emprego de técnicas e tecnologias Sistema Extensivo Sistema Extensivo - O mais importante é a terra

35 UT 5 – O espaço rural Agropecuária: Agropecuária: Comercial Comercial Subsistência Subsistência Coletiva Coletiva

36 UT 5 – O espaço rural

37 Minifúndio Minifúndio Latifúndio Latifúndio

38 UT 5 – O espaço rural Monocultura Monocultura Policultura Policultura

39 UT 5 – O espaço rural Rotação de culturas: as espécies escolhidas devem ter, ao mesmo tempo, propósitos comerciais e de recuperação do solo. Rotação de culturas: as espécies escolhidas devem ter, ao mesmo tempo, propósitos comerciais e de recuperação do solo. Pousio: o solo da área é posto em descanso, a fim de recuperar os nutrientes Pousio: o solo da área é posto em descanso, a fim de recuperar os nutrientes Coivara: praticada por índios e comunidades tradicionais. Sistema de roça. Coivara: praticada por índios e comunidades tradicionais. Sistema de roça.

40 UT 5 – O espaço rural Agricultura itinerante: O ser humano derruba um trecho de floresta, queimando-o como preparo da terra para cultivo de subsistência. Depois de um tempo, a área é abandonada, por tornar-se improdutiva. Agricultura itinerante: O ser humano derruba um trecho de floresta, queimando-o como preparo da terra para cultivo de subsistência. Depois de um tempo, a área é abandonada, por tornar-se improdutiva. Agricultura de precisão: Leva em conta a aplicação das novas tecnologias de acordo com os diferentes espaços explorados. Agricultura de precisão: Leva em conta a aplicação das novas tecnologias de acordo com os diferentes espaços explorados.

41 Pequenas propriedades Pequenas propriedades Baixo investimento Baixo investimento Poucas tecnologias Poucas tecnologias Mão-de-obra familiar Mão-de-obra familiar Ut5 – Espaço Rural

42 Seca: o clima da região interfere diretamente na produção. Seca: o clima da região interfere diretamente na produção. O relevo pode facilitar ou dificultar a produção (áreas planas são melhores para plantações) O relevo pode facilitar ou dificultar a produção (áreas planas são melhores para plantações) VOÇOROCA: processos erosivos superficiais. Causada pelo desmatamento excessivo em volta de nascentes de rios e o plantio incorreto. VOÇOROCA: processos erosivos superficiais. Causada pelo desmatamento excessivo em volta de nascentes de rios e o plantio incorreto. Ut5 – Espaço Rural

43 Pequenos e médios produtores muitas vezes não conseguem apoio do governo por não conseguirem, depois, pagar as dívidas (empréstimos feitos) Pequenos e médios produtores muitas vezes não conseguem apoio do governo por não conseguirem, depois, pagar as dívidas (empréstimos feitos) Grandes proprietários conseguem maior financiamento, pois podem pagar, depois, os empréstimos. Grandes proprietários conseguem maior financiamento, pois podem pagar, depois, os empréstimos. Ut5 – Espaço Rural

44 Chegada do ser humano à terras nunca exploradas economicamente. Chegada do ser humano à terras nunca exploradas economicamente. Incentivo fiscal por parte do governo, para que isto ocorra. Incentivo fiscal por parte do governo, para que isto ocorra. Ut5 – Espaço Rural

45 Produção e distribuição de insumos e novas tecnologias agrícolas, armazenamento, processamento e distribuição de produtos agrícolas e derivados. Produção e distribuição de insumos e novas tecnologias agrícolas, armazenamento, processamento e distribuição de produtos agrícolas e derivados. Ut5 – Espaço Rural

46 Devido problemas com a irrigação incorreta ou abusiva, muitos lagos sofrem com este problema (criando muitas algas). Devido problemas com a irrigação incorreta ou abusiva, muitos lagos sofrem com este problema (criando muitas algas). Ut5 – Espaço rural ACIDIFICAÇÃO OU EUTROFICAÇÃO

47 Sistema de cultivo, dentro de estufas, sem uso do solo. Utilizando, apenas, nutrientes da água com uma solução nutritiva. Sistema de cultivo, dentro de estufas, sem uso do solo. Utilizando, apenas, nutrientes da água com uma solução nutritiva. Ut5 – Espaço Rural

48 Sistema agrícola com o objetivo de promover e fortalecer a saúde do meio ambiente, sem utilização de agrotóxicos ou produtos químicos. Sistema agrícola com o objetivo de promover e fortalecer a saúde do meio ambiente, sem utilização de agrotóxicos ou produtos químicos. Ut5 – Espaço Rural

49 Mudança genética em organismos vivos. Mudança genética em organismos vivos. Sementes modificadas para não terem certo tipo de problema natural. Sementes modificadas para não terem certo tipo de problema natural. BIOTECNOLOGIA: Processo tecnológico que permite a utilização de material biológico (animais e plantas) para melhorar a produtividade no campo ou indústria BIOTECNOLOGIA: Processo tecnológico que permite a utilização de material biológico (animais e plantas) para melhorar a produtividade no campo ou indústria Ut5 – Espaço Rural

50 Próximas do campo (matéria-prima). Próximas do campo (matéria-prima). Atividade que combina atividades rurais e industriais. Atividade que combina atividades rurais e industriais. Objetivo: obter lucro. Objetivo: obter lucro. Ut5 – Espaço Rural


Carregar ppt "{ Revisão – 6ª Série 2º trimestre. População e ambientes produzidos População e ambientes produzidos UT3."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google