A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SUBSECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA CIVIL CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DIRETORIA GERAL DE SAÚDE.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SUBSECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA CIVIL CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DIRETORIA GERAL DE SAÚDE."— Transcrição da apresentação:

1 GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SUBSECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA CIVIL CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DIRETORIA GERAL DE SAÚDE 3ª POLICLÍNICA - NITERÓI DERMATITE SEBORRÉICA 1º TEN. BM ALESSANDRA LEVY

2 DERMATITE SEBORRÉICA É uma dermatose crônica muito comum, caracterizada por eritema e descamação nas regiões em que as glds sebáceas são mais ativas, por ex. face, couro cabeludo, região pré esternal e dobras do corpo. A DS branda do couro cabeludo provoca uma descamação fina, denominada caspa. Sinônimos : crosta láctea ( lactentes ) ; pitiríase seca ( caspa ).

3 DERMATITE SEBORRÉICA

4 DS

5 DS

6 DS

7 DS

8 DS

9 DS - EPIDEMIOLOGIA Idade de Início : da lactência à puberdade, na maioria dos casos entre 20 e 50 anos. Sexo : mais comum nos homens Incidência : 2 a 5 % da população Fatores predisponentes e agravantes : doenças neurológicas e psiquiátricas ; estresse emocional como fator de exacerbação ; os pac. HIV têm incidência mais elevada.

10 DS - PATOGENIA Participação do Pityrosporum ovale : resposta aos anti micóticos e freqüência elevada em pac. Imunodeprimidos. Lesões semelhantes a DS são encontradas em pac. Com deficiências nutricionais como as de Zinco, niacina e piridoxina.

11 DS - HISTÓRIA Duração das lesões : início gradativo Variações sazonais : alguns pac. pioram nos ambientes frios e secos, enquanto outros a exposição solar provoca exacerbação. Sintomas cutâneos : o prurido é variável e geralmente agravado pela transpiração.

12 DS - EXAME FÍSICO Máculas ou pápulas eritêmato - descamativas secas ou gordurosas com dimensões variáveis e limites bem demarcados. Crostas aderentes e fissuras são comuns nas dobras por trás do pavilhão auricular. Lesões numulares, policíclicas e até mesmo anulares no tronco. Comprometimento difuso do couro cabeludo e descamação acentuada ( caspa ).

13 DS - EVOLUÇÃO E PROGNÓSTICO A DS é muito comum e ocorre na maioria das pessoas, em alguma época de suas vidas. A radiação UV é benéfica para muitos pacientes, que melhoram no verão e pioram no outono. As recidivas e remissões, principalmente no couro cabeludo, podem estar associados a alopécia nos casos graves. A DS de lactentes e adolescentes desaparece com a idade. Alguns pac. podem evoluir com Eritrodermia seborréica ( Sind. de Leiner ).

14 DS - TRATAMENTO Corticosteróides Antifúngicos Sol, UVB, PUVA

15 SECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA CIVIL CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DIRETORIA GERAL DE SAÚDE 3ª POLICLÍNICA - NITERÓI Tel:


Carregar ppt "GOVERNO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO SUBSECRETARIA DE ESTADO DA DEFESA CIVIL CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO DIRETORIA GERAL DE SAÚDE."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google