A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Tecido Glandular Giciane Carvalho Vieira FAMENE. Formação do Tecido Glandular.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Tecido Glandular Giciane Carvalho Vieira FAMENE. Formação do Tecido Glandular."— Transcrição da apresentação:

1 Tecido Glandular Giciane Carvalho Vieira FAMENE

2 Formação do Tecido Glandular

3 Natureza do Produto de Secreção Hormônio Hormônio Substâncias graxas Substâncias graxas Combinação de proteína, lipídio e carboidratos Combinação de proteína, lipídio e carboidratos Exsudato do sangue Exsudato do sangue Transporte de íons Transporte de íons

4 Organelas Envolvidas na Elaboração e Secreção de Macromoléclas Secreção de proteínas REG núcleos grandes Secreção de muco SG desenvolvido Secreção de esteróides REL Transporte de íons mitocôndrias área de superfície

5 Constituição das Glândulas Cápsula septos interlobulares Cápsula septos interlobulares intralobulares intralobulares Lóbulos (lobos) Lóbulos (lobos) Porção Secretora Porção Secretora Ductos interlobulares Ductos interlobulares intralobulares intercalares intralobulares intercalares estriados estriados

6 Classificação das Glândulas Quanto ao método de distribuição de seus produtos de secreção: Quanto ao método de distribuição de seus produtos de secreção: Exócrinas Exócrinas Endócrinas Endócrinas Mistas Mistas

7 Classificação das Glândulas Quanto a célula sinalizadora de secreção: Quanto a célula sinalizadora de secreção: Autócrina Autócrina Parácrina Parácrina Endócrina Endócrina

8 Classificação das Glândulas Exócrinas Quanto à natureza do produto de secreção Quanto à natureza do produto de secreção Quanto ao mecanismo de secreção Quanto ao mecanismo de secreção Quanto ao número de células Quanto ao número de células Quanto à organização dos ductos Quanto à organização dos ductos Quanto à forma da porção secretora Quanto à forma da porção secretora

9 1. Quanto a natureza do produto secretado: Mucosa Mucosa Serosa grânulos de secreção Serosa grânulos de secreção grânulos de zimogênio grânulos de zimogênio Seromucosa ou Mista Seromucosa ou Mista Classificação das Glândulas Exócrinas

10 2. Quanto ao mecanismo de secreção: Merócrina Merócrina Apócrina Apócrina Holócrina Holócrina Classificação das Glândulas Exócrinas

11

12 3. Quanto ao número de células Unicelulares Unicelulares Multicelulares Multicelulares Classificação das Glândulas Exócrinas

13 4. Quanto à organização dos ductos: Simples Compostas Classificação das Glândulas Exócrinas

14 5. Quanto a forma da porção secretora: Tubular Alveolar ou Acinar Tubuloalveolar ou Tubuloacinar Classificação das Glândulas Exócrinas

15 Quanto ao número de células Unicelulares Unicelulares Multicelulares Multicelulares Cordonal Cordonal Folicular ou Vesicular Folicular ou Vesicular Classificação das Glândulas Endócrinas

16 Controle da Atividade Glandular Parassimpático Simpático SNA Sistema Endócrino

17 Sistema Neuroendócrino Difuso DNES, APUD (amine precursor uptake and decarboxylation, células argentafins ou argirófilas. DNES, APUD (amine precursor uptake and decarboxylation, células argentafins ou argirófilas. Epinefrina, norepinefrina ou 5- hidroxitriptamina Epinefrina, norepinefrina ou 5- hidroxitriptamina Sistema respiratório, urinário, gastrintestinal, tireóide e hipófise Sistema respiratório, urinário, gastrintestinal, tireóide e hipófise


Carregar ppt "Tecido Glandular Giciane Carvalho Vieira FAMENE. Formação do Tecido Glandular."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google