A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS UNICAMP FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA FOP ELASTÔMEROSELASTÔMEROS.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS UNICAMP FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA FOP ELASTÔMEROSELASTÔMEROS."— Transcrição da apresentação:

1 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS UNICAMP FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA FOP ELASTÔMEROSELASTÔMEROS

2 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS APLICAÇÕES Moldagem p/ confecção de próteses em geral. Moldagem p/ confecção de próteses em geral. Moldagem para confecção de protetores bucais. Moldagem para confecção de protetores bucais. Moldagem para confecção de aparelhos ortodônticos. Moldagem para confecção de aparelhos ortodônticos. Registro de mordida. Registro de mordida.

3 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS CLASSIFICAÇÃO Polissulfeto ou Mercaptana. Polissulfeto ou Mercaptana. Silicona por condensação. Silicona por condensação. Silicona por adição. Silicona por adição. Poliéter. Poliéter. COMPOSIÇÃOCOMPOSIÇÃO

4 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

5 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS CLASSIFICAÇÃO PROPRIEDADES FÍSICAS (A.D.A. - Especificação n o 19) I 97,5 0,5 0,5 I 97,5 0,5 0,5 Tipo Tipo Escoamento máximo (%) Contração máxima em 24 horas (%) Recuperação elástica (%) II 97,5 0,5 1,0 II 97,5 0,5 1,0 III 94,5 2,0 0,5 III 94,5 2,0 0,5

6 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS CLASSIFICAÇÃO Muito alta Massa 13 a 20 Muito alta Massa 13 a 20 Alta (pesada) Pasta 20 a 32 Alta (pesada) Pasta 20 a 32 Média (regular) Pasta 30 a 40 Média (regular) Pasta 30 a 40 Baixa (leve) Pasta 36 a 55 Baixa (leve) Pasta 36 a 55 ViscosidadeApresentaçãoConsistência (mm) ViscosidadeApresentaçãoConsistência (mm) VISCOSIDADE (A.D.A. - Especificação n o 19)

7 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS UNICAMP FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA FOP POLISSULFETO (MERCAPTANA) POLISSULFETO (MERCAPTANA) Apresentação comercial

8 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

9 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS POLISSULFETO COMPOSIÇÃO Pasta base Pasta reagente Dióxido de chumbo (reagente). Dióxido de chumbo (reagente). Polímero de polissulfeto (reagente). Polímero de polissulfeto (reagente). Ftalato de dibutila (plastificantes). Ftalato de dibutila (plastificantes). Enxofre (acelerador). Enxofre (acelerador). Dióxido de titânio ou sílica (agentes de carga). Dióxido de titânio ou sílica (agentes de carga). Ácido esteárico ou oléico (retardadores). Ácido esteárico ou oléico (retardadores). Dióxido de titânio ou sílica (agentes de carga). Dióxido de titânio ou sílica (agentes de carga). Ftalato de dibutila (plastificantes). Ftalato de dibutila (plastificantes).

10 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

11 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS POLISSULFETO POLIMERIZAÇÃO Polímero de polissulfeto (Mercaptana) Dióxido de chumbo Polissulfeto de borracha + óxido de chumbo + água ++ Pasta base Pasta base Pasta reagente Pasta reagente MoldeMolde ++

12 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS POLISSULFETO POLIMERIZAÇÃO HSHS S H H S S H S H S H HSHSSSSS SSSS SS SS + PbO + 3H 2 O Fonte: PHILLIPS, R. W. Materiais Dentários de Skinner 9 a ed. Fonte: PHILLIPS, R. W. Materiais Dentários de Skinner 9 a ed. O = Pb = O HSHS SSSS

13 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS TÉCNICAS DE MOLDAGEM Dupla espatulação. Dupla espatulação. Dupla moldagem (reembasamento). Dupla moldagem (reembasamento). Moldagem simples (com ou sem transferência). Moldagem simples (com ou sem transferência).

14 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS CLASSIFICAÇÃO Muito altaMassamoldeira Muito altaMassamoldeira Alta (pesada) Pastamoldeira Alta (pesada) Pastamoldeira Média (regular) Pasta moldeira Média (regular) Pasta moldeira Baixa (leve) Pasta seringa Baixa (leve) Pasta seringa Viscosidade Apresentação Utilização Viscosidade Apresentação Utilização VISCOSIDADE (A.D.A. - Especificação n o 19)

15 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS UNICAMP FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA FOP SILICONA POR CONDENSAÇÃO SILICONA POR CONDENSAÇÃO Apresentação comercial

16 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

17 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS SILICONA POR CONDENSAÇÃO COMPOSIÇÃO Pasta ou massa base Pasta ou líquido catalisador Polímero do polidimetil-siloxano (reagente). Polímero do polidimetil-siloxano (reagente). Sílica coloidal (agente de carga). Sílica coloidal (agente de carga). Corantes e aromatizantes. Corantes e aromatizantes. Silicato alquílico (reagente). Silicato alquílico (reagente). Octoato de estanho (catalisador). Octoato de estanho (catalisador). Corantes e aromatizantes. Corantes e aromatizantes. Agente de carga ou diluente. Agente de carga ou diluente.

18 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

19 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Poli dimetil- siloxano Silicato alquílico Borracha de silicone + Álcool etílico ++ Pasta base Pasta base Pasta catalisadora MoldeMolde ++ SILICONA POR CONDENSAÇÃO POLIMERIZAÇÃOPOLIMERIZAÇÃO Octoato de estanho Octoato

20 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Fonte: PHILLIPS, R. W. Materiais Dentários de Skinner 9 a ed. Fonte: PHILLIPS, R. W. Materiais Dentários de Skinner 9 a ed. CH 3 OO Si Si CH 3 OO SiSi H C 2 H 5 O Si Si OC 2 H 5 H C 2 H 5 O CH 3 OO Si Si CH 3 OO SiSi Si Si OC 2 H 5 + 2C 2 H 3 OH + 2C 2 H 3 OH Octoato de estanho Octoato de estanho SILICONA POR CONDENSAÇÃO + + POLIMERIZAÇÃOPOLIMERIZAÇÃO

21 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS UNICAMP FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA FOP SILICONA POR ADIÇÃO SILICONA POR ADIÇÃO Apresentação comercial

22 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

23 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS SILICONA POR ADIÇÃO COMPOSIÇÃO Pasta ou massa base Pasta ou massa catalisadora Polimetil siloxana hidrogenada (reagente). Polimetil siloxana hidrogenada (reagente). Ácido cloro-platínico ou sal de platina (catalisador). Ácido cloro-platínico ou sal de platina (catalisador). Sílica coloidal (agente de carga). Sílica coloidal (agente de carga). Corantes e aromatizantes. Corantes e aromatizantes. Sílica coloidal (agente de carga). Sílica coloidal (agente de carga). Corantes e aromatizantes. Corantes e aromatizantes. Polímero da divinil polidimetil siloxana (reagente). Polímero da divinil polidimetil siloxana (reagente).

24 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

25 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Fonte: PHILLIPS, R. W. Materiais Dentários de Skinner 9 a ed. Fonte: PHILLIPS, R. W. Materiais Dentários de Skinner 9 a ed. SILICONA POR ADIÇÃO POLIMERIZAÇÃOPOLIMERIZAÇÃO Ácido cloro-platínico ou sal de platina CH 3 CHCH Si Si OO CH 2 CH CH 3 CHCH Si Si OO CH 2 CH 2 O O CH 3 Si Si HH O O CH 3 Si Si HH HH CH CH 2 CH 2 CHCH Si Si CH 3 CH 3 O O

26 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Fonte: PHILLIPS, R. W. Materiais Dentários de Skinner 9 a ed. Fonte: PHILLIPS, R. W. Materiais Dentários de Skinner 9 a ed. SILICONA POR ADIÇÃO O O CH 3 Si Si O O CH 3 Si Si CH 3 CH 2 CH 2 Si Si CH 3 CH 3 O O CH 3 Si Si OO CH 2 CH 2 CH 3 Si Si OO CH 2 CH 2 Borracha de silicone POLIMERIZAÇÃOPOLIMERIZAÇÃO

27 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS UNICAMP FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA FOP POLIÉTER POLIÉTER Apresentação comercial

28 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

29 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS POLIÉTER COMPOSIÇÃO Pasta base Pasta reagente Polímero do poliéter com grupos etileno-imina (reagente). Polímero do poliéter com grupos etileno-imina (reagente). Sílica coloidal (agente de carga). Sílica coloidal (agente de carga). Éter glicólico ou ftalato (plastificante). Éter glicólico ou ftalato (plastificante). Sulfonato alquílico aromático (reagente). Sulfonato alquílico aromático (reagente). Sílica coloidal (agente de carga). Sílica coloidal (agente de carga). Éter glicólico ou ftalato (plastificante). Éter glicólico ou ftalato (plastificante).

30 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

31 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Polímero do poliéter Sulfonato alquílico aromático Borracha de poliéter ++ Pasta base Pasta base Pasta reagente Pasta reagente MoldeMolde ++POLIÉTERPOLIÉTERPOLIMERIZAÇÃOPOLIMERIZAÇÃO

32 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROSPOLIÉTERPOLIÉTER CH 2 - CH 2 CH 2 - CH 2 N N CH 3 - C - CH 2 - C - O - R - O - C - CH 2 - C - CH 3 H H HH O O O O CH 2 - CH 2 CH 2 - CH 2 N N + + SO 3 R SO 3 R R - N - CH 2 - CH 2 - N - CH 2 - CH R - N - CH 2 - CH 2 - N - CH 2 - CH CH 2 - CH 2 CH 2 - CH 2 R N + R N + POLIMERIZAÇÃOPOLIMERIZAÇÃO

33 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS PROPRIEDADES Umedecimento. Umedecimento. Reprodução de detalhes. Reprodução de detalhes. Tempo de trabalho e de presa (controle). Tempo de trabalho e de presa (controle). Recuperação elástica. Recuperação elástica. Flexibilidade. Flexibilidade. Viscosidade / consistência. Viscosidade / consistência. Compatibilidade biológica. Compatibilidade biológica. Estabilidade dimensional. Estabilidade dimensional. Escoamento. Escoamento.

34 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS CONTROLE DO TEMPO DE PRESA Temperatura. Temperatura. Aceleração pela água. Aceleração pela água. Retardadores. Retardadores. Alteração na relação base/reagente. Alteração na relação base/reagente. TEMPO DE PRESA TEMPO DE TRABALHO Até a apresentação de propriedades elásticas. Até a apresentação de propriedades elásticas. Resistência à penetração (instrumento rombo). Resistência à penetração (instrumento rombo). ELASTÔMEROS PROPRIEDADES

35 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS TEMPO DE TRABALHO DOS ELASTÔMEROS TEMPO DE TRABALHO DOS ELASTÔMEROS Polissulfeto 6,0 4,330 Silicona condensação 3,3 2,516 Silicona adição 3,1 1,838 Poliéter 3,3 2,331 Média do tempo de trabalho (min) 23 o C 37 o C (%) diminuição do tempo de trabalho com aumento da temperatura MaterialMaterial Fonte: HARCOURT, J.K. Aust Dent. J., v. 23, p.178, ELASTÔMEROS PROPRIEDADES

36 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS TEMPO DE PRESA DOS ELASTÔMEROS Polissulfeto 16,0 12,523 Silicona condensação 11,0 8,9 15,5 Silicona adição 8,9 5,9 31,0 Poliéter 9,0 8,3 8,5 Média do tempo de presa (min) 23 o C 37 o C (%) diminuição do tempo de presa com aumento da temperatura MaterialMaterial Fonte: HARCOURT, J.K. Aust Dent. J., v. 23, p.178, ELASTÔMEROS PROPRIEDADES

37 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS CONTROLE DA VISCOSIDADE / CONSISTÊNCIA ELASTÔMEROS PROPRIEDADES Peso molecular do polímero. Peso molecular do polímero. Quantidade de agentes de carga. Quantidade de agentes de carga. Colocação de diluentes. Colocação de diluentes.

38 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

39 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS UMEDECIMENTO DOS ELASTÔMEROS UMEDECIMENTO DOS ELASTÔMEROS Polissulfeto Silicona condensação Silicona adição hidrófoba Silicona adição hidrófila Poliéter Ângulo de contato com a água (graus) Compatibilidade com o gesso (%) Compatibilidade MaterialMaterial Fonte: CRAIG, R.G. Restorative Dental Materials, 9 a edição. ELASTÔMEROS PROPRIEDADES

40 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS UMEDECIMENTO / ÃNGULO DE CONTATO UMEDECIMENTO / ÃNGULO DE CONTATO ELASTÔMEROS PROPRIEDADES

41 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Fonte: OBRIEN, J.W. Materiais Dentários, Propriedades dos materiais elásticos para moldagem Propriedades dos materiais elásticos para moldagem A B C D E F A B C D E F Recuperação elástica (%) 98,8 97,3 97,9 99,5 99,7 98,9 PropriedadePropriedade Material Material Flexibilidade / rigidez (%) ,6 2 Limite de reprodução (µm) Escoamento (%) - - 0,5 0,09 0,03 0,03 A -ágar; B -alginato; C -polissulfeto; D -silicona c; E -silicona a; F -poliéter. ELASTÔMEROS PROPRIEDADES

42 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS ESTABILIDADE DIMENSIONAL Tempo (horas) Contração linear (%) 0,10,1 0,20,2 0,30,3 0,40,4 0,5 0,5 0,6 0,6 0,7 0,7 0,8 0,8 Silicona por condensação PolissulfetoPolissulfeto PoliéterPoliéter Silicona por adição Fonte: PHILLIPS, R. W. Materiais Dentários de Skinner 9 a ed. Fonte: PHILLIPS, R. W. Materiais Dentários de Skinner 9 a ed. ELASTÔMEROS PROPRIEDADES

43 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS COMPATIBILIDADE BIOLÓGICA COMPATIBILIDADE BIOLÓGICA ELASTÔMEROS PROPRIEDADES Toxicidade celular (%) Toxicidade celular (%) Fonte: ANUSAVICE, K. J. Phillips Science of Dental Materials, 10 th ed. Fonte: ANUSAVICE, K. J. Phillips Science of Dental Materials, 10 th ed. PoliéterPasta ZOESiliconaAlginato PolissulfetoPolissulfeto ControleControle

44 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

45 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Proporcionamento e espatulação. Proporcionamento e espatulação. Preechimento da moldeira e moldagem. Preechimento da moldeira e moldagem. Armazenagem do material. Armazenagem do material. Seleção da moldeira. Seleção da moldeira. Remoção, lavagem e desinfecção do molde. Remoção, lavagem e desinfecção do molde. Armazenagem do molde / confecção do modelo de gesso. Armazenagem do molde / confecção do modelo de gesso. ELASTÔMEROS MANIPULAÇÃO Equipamento necessário. Equipamento necessário.

46 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

47 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Tipos de moldeira (seleção) Tipos de moldeira (seleção) Moldeiras de estoque (Metálicas ou plásticas). Moldeiras de estoque (Metálicas ou plásticas). Moldeiras individuais (resina). Moldeiras individuais (resina). ELASTÔMEROS MANIPULAÇÃO Parciais. Parciais. Totais. Totais. Unitárias. Unitárias. Parciais. Parciais. Totais. Totais.

48 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS TÉCNICAS DE MOLDAGEM Dupla espatulação. Dupla espatulação. Dupla moldagem (reembasamento). Dupla moldagem (reembasamento). Moldagem simples (com ou sem transferência). Moldagem simples (com ou sem transferência).

49 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Proporcionamento e espatulação Proporcionamento e espatulação Polissulfeto e poliéter. Apresentação dos reagentes pasta. Apresentação dos reagentes pasta. ELASTÔMEROS MANIPULAÇÃO ELASTÔMEROS MANIPULAÇÃO Espatulação completa mistura homogênea. Espatulação completa mistura homogênea. Relação base/reagente comprimentos iguais. Relação base/reagente comprimentos iguais. Tempo de espatulação Tempo de espatulação Polissulfeto 45 a 60 seg. Polissulfeto 45 a 60 seg. Poliéter 30 a 45 seg. Poliéter 30 a 45 seg.

50 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

51 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Proporcionamento e espatulação Proporcionamento e espatulação Silicona por condensação. Proporcionamento (massa)orientações do fabricante. Proporcionamento (massa)orientações do fabricante. Apresentação do reagentelíquido ou pasta. Apresentação do reagentelíquido ou pasta. ELASTÔMEROS MANIPULAÇÃO ELASTÔMEROS MANIPULAÇÃO Tempo de espatulação30 a 45 segundos. Tempo de espatulação30 a 45 segundos. Espatulação completamistura homogênea. Espatulação completamistura homogênea. Proporcionamento (pasta)comprimentos iguais Proporcionamento (pasta)comprimentos iguais /orientações do fabricante. /orientações do fabricante.

52 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

53 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Proporcionamento e espatulação Proporcionamento e espatulação Silicona por adição. Proporcionamento (massa)quantidades iguais. Proporcionamento (massa)quantidades iguais. Apresentação do reagentemassa ou pasta. Apresentação do reagentemassa ou pasta. ELASTÔMEROS MANIPULAÇÃO ELASTÔMEROS MANIPULAÇÃO Tempo de espatulação30 a 45 segundos. Tempo de espatulação30 a 45 segundos. Espatulação complettamistura homogênea. Espatulação complettamistura homogênea. Proporcionamento (pasta)comprimentos iguais. Proporcionamento (pasta)comprimentos iguais. ou auto mistura. ou auto mistura.

54 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

55 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Preenchimento da moldeira e moldagem Preenchimento da moldeira e moldagem ELASTÔMEROS MANIPULAÇÃO Consistência de massa Moldeiras de estoque. Consistência de massa Moldeiras de estoque. Moldeiras com retenções e/ou aplicação de adesivo. Moldeiras com retenções e/ou aplicação de adesivo. Consistência pesada e regular Moldeiras individuais. Consistência pesada e regular Moldeiras individuais. Consistência leve Seringa ou molde (dupla moldagem). Consistência leve Seringa ou molde (dupla moldagem).

56 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

57 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS UNICAMP FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA FOP REMOÇÃO, LAVAGEM E DESINFECÇÃO DO MOLDE REMOÇÃO, LAVAGEM E DESINFECÇÃO DO MOLDE

58 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

59 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS DESINFECÇÃO DO MOLDE Desinfetante Técnica Tempo Desinfetante Técnica Tempo Glutaraldeído (2%) Imersão ou fricção 10 min. Glutaraldeído (2%) Imersão ou fricção 10 min. Hipoclorito de sódio (1%) Imersão ou fricção 10 min. Hipoclorito de sódio (1%) Imersão ou fricção 10 min. Fonte: Hepatite, Aids e Herpes na Prática Odontológica. Ministério da Saúde, Programa Nacional de D.S.T./aids, ELASTÔMEROS MANIPULAÇÃO

60 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

61 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS Armazenagem do molde e confecção do modelo de gesso Armazenagem do molde e confecção do modelo de gesso Polissulfeto e silicona por condensação. Polissulfeto e silicona por condensação. Utilização de umectante. Utilização de umectante. Até 30 minutos. Até 30 minutos. Poliéter. Poliéter. Não necessita umectante. Não necessita umectante. Até uma hora. Até uma hora. ELASTÔMEROS MANIPULAÇÃO Silicona por adição Silicona por adição Até 24 horas. Até 24 horas. Hidrófoba utilização de umectante. Hidrófoba utilização de umectante. Hidrófila evitar armazenagem em ambiente úmido. Hidrófila evitar armazenagem em ambiente úmido. Evitar armazenagem em ambiente úmido. Evitar armazenagem em ambiente úmido.

62 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS

63 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROSPOLISSULFETOPOLISSULFETO Maior flexibilidade. Maior flexibilidade. Baixo custo. Baixo custo. Maior resistência à ruptura. Maior resistência à ruptura. VantagensVantagens Longo tempo de trabalho. Longo tempo de trabalho. Limpeza difícil (roupas / aventais). Limpeza difícil (roupas / aventais). DesvantagensDesvantagens Maior potencial de distorção. Maior potencial de distorção. Odor desagradável. Odor desagradável. Exige moldeiras individuais. Exige moldeiras individuais. Ótima capacidade de reprodução. Ótima capacidade de reprodução.

64 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS SILICONA POR CONDENSAÇÃO Ótima capacidade de reprodução. Ótima capacidade de reprodução. Ótima recuperação elástica. Ótima recuperação elástica. Odor agradável. Odor agradável. Fácil limpeza. Fácil limpeza. Compatível com qualquer moldeira. Compatível com qualquer moldeira. Viscosidade. Viscosidade. VantagensVantagens DesvantagensDesvantagens Maior potencial de distorção. Maior potencial de distorção. Menor resistência à ruptura. Menor resistência à ruptura.

65 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS SILICONA POR ADIÇÃO Menor potencial de distorção. Menor potencial de distorção. Excelente capacidade de reprodução. Excelente capacidade de reprodução. Odor agradável. Odor agradável. Fácil limpeza. Fácil limpeza. Compatível com qualquer moldeira. Compatível com qualquer moldeira. Viscosidade. Viscosidade. Custo elevado. Custo elevado. Polimerização incompleta c/ utilização de luvas de látex. Polimerização incompleta c/ utilização de luvas de látex. DesvantagensDesvantagens VantagensVantagens Liberação de gás hidrogênio. Liberação de gás hidrogênio.

66 MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROSPOLIÉTERPOLIÉTER Menor potencial de distorção (armazenagem em ambiente seco). Menor potencial de distorção (armazenagem em ambiente seco). Ótima capacidade de reprodução. Ótima capacidade de reprodução. Odor agradável. Odor agradável. Fácil limpeza. Fácil limpeza. VantagensVantagens Maior custo. Maior custo. Exige moldeiras individuais. Exige moldeiras individuais. DesvantagensDesvantagens Maior rigidez. Maior rigidez. Tempo de trabalho curto. Tempo de trabalho curto.


Carregar ppt "MD - FOP ELASTÔMEROS ELASTÔMEROS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS UNICAMP FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PIRACICABA FOP ELASTÔMEROSELASTÔMEROS."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google