A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

DOR TORÁCICA DE ORIGEM PLEURO PULMONAR. DOR TORÁCICA PLEURO- PULMONAR APRESENTAÇÃO: DR. EDUARDO GARCIA PNEUMOLOGISTA – PPF PROFESSOR PÓS GRADUAÇÃO FFFCMPA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "DOR TORÁCICA DE ORIGEM PLEURO PULMONAR. DOR TORÁCICA PLEURO- PULMONAR APRESENTAÇÃO: DR. EDUARDO GARCIA PNEUMOLOGISTA – PPF PROFESSOR PÓS GRADUAÇÃO FFFCMPA."— Transcrição da apresentação:

1 DOR TORÁCICA DE ORIGEM PLEURO PULMONAR

2 DOR TORÁCICA PLEURO- PULMONAR APRESENTAÇÃO: DR. EDUARDO GARCIA PNEUMOLOGISTA – PPF PROFESSOR PÓS GRADUAÇÃO FFFCMPA PORTO ALEGRE, 28 DE AGOSTO DE 2003.

3 DOR TORÁCICA PLEURO PULMONAR MANEJO DA DOR TORÁCICA DIAGNOSTICAR ORIGEM E CARACTERÍSTICAS DA DOR AVALIAR COMPONENTE AFETIVO QUANTIFICAR A DOR (ESCALAS) PROPORCIONAR NÍVEIS ADEQUADOS DE ANALGESIA REAVALIAR EFICÁCIA DE TERAPÊUTICA

4 DOR TORÁCICA PLEURO PULMONAR ATRIBUTOS DA DOR QUALIDADE EXTENSÃO INTENSIDADE DURAÇÃO MODIFICAÇÃO DA DOR

5

6 DOR TORÁCICA PLEURO- PULMONAR DOR VENTILATÓRIO DEPENDENTE BEM LOCALIZADA SUPERFICIAL E PICANTE POUCA OU AUSENTE HIPERESTESIA

7 DOR TORÁCICA PLEURA PARIETAL, TRAQUÉIA E GROSSOS BRÔNQUIOS DOR PLEURA = SINÔNIMO DE DOR TORÁCICA INERVADA PRINCIPALMENTE PELOS NERVOS INTERCOSTAIS ATÉ 7º COSTELA TORÁCICA

8 DOR TORÁCICA DOR PLEURAL – CAUSAS: PNEUMONIAS INFARTO PULMONAR PLEURITES SECAS TRAÇÃO MECÂNICA:PNEUMOTÓRAX TBC PULMONAR NO ÁPICE NEOPLASIA DERRAMES PLEURAIS

9 DOR TORÁCICA PRINCÍPIOS DA TERAPÊUTICA ANALGÉSICA CONSIDERAÇÕES FISIOLÓGICAS FÁRMACOS ANALGÉSICOS NÃO NARCÓTICOS NARCÓTICOS ADJUVANTES ALTERNATIVOS FISIOTERAPIA; ABORDAGENS ANESTÉSICAS E NEUROCIRÚRGICAS

10 MANEJO DA DOR TORÁCICA DOR AGUDA/CRÔNICA: MANEJO DA DOENÇA DE BASE AVALIAR O COMPONENTE AFETIVO QUANTIFICAR A INTENSIDADE FARMACOTERAPIA ANALGÉSICOS NÃO NARCÓTICOS ANALGÉSICOS NARCÓTICOS ANALGÉSICOS ADJUVANTES MÉTODOS ALTERNATIVOS

11 MANEJO DA DOR TORÁCICA ANALGÉSICOS NÃO NARCÓTICOS AAS PODEM ACETAMINOFENSER IBUPROFENOUSADOS NAPROXENOCOM NIMESULIDE (COX 2)OPIÁCEOS OUTROS

12 MANEJO DA DOR TORÁCICA ANALGÉSICOS NARCÓTICOS MORFINA CODEÍNA OXICODONA METADONA PROPOXIFENO MEPERIDINA ASSOCIAÇÕES

13 MANEJO DA DOR TORÁCICA ANALGÉSICOS ADJUVANTES FENITOÍNA CARBAMAZEPINA ANTIDEPRESSIVOS ESTIMULANTES (DEXTROANFETAMINA) FENOTIAZÍDICOS (EM TOLERÂNCIA AOS OPIÁCEOS)

14 MANEJO DA DOR TORÁCICA MÉTODOS ALTERNATIVOS FISIOTERAPIA ESTIMULAÇÃO ELÉTRICA FRICÇÃO LOCAL ABORDAGENS ANESTÉSICAS E NEUROCIRÚRGICAS OUTROS

15 MANEJO DA DOR TORÁCICA DOR NEOPLÁSICA TERAPIA ANTINEOPLÁSICA ANALGÉSICOS NÃO NARCÓTICOS ANTIDEPRESSIVOS OPIÁCEOS ANALGÉSICOS NARCÓTICOS ABORDAGEM PSIQUIÁTRICA BLOQUEIO – NEUROABLAÇÃO - CRIONEURÓLISE

16 MANEJO DA DOR TORÁCICA RESUMO: DIAGNÓSTICO PRECOCE ATENÇÃO À QUEIXA/PACIENTE QUALIDADE DA DOR USO SIMULTÂNEO DE DROGAS ANALGESIA EFICAZ

17


Carregar ppt "DOR TORÁCICA DE ORIGEM PLEURO PULMONAR. DOR TORÁCICA PLEURO- PULMONAR APRESENTAÇÃO: DR. EDUARDO GARCIA PNEUMOLOGISTA – PPF PROFESSOR PÓS GRADUAÇÃO FFFCMPA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google