A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Profa. Dra. Rita de Cássia Ariza da Cruz Regionalização do Espaço Brasileiro 1.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Profa. Dra. Rita de Cássia Ariza da Cruz Regionalização do Espaço Brasileiro 1."— Transcrição da apresentação:

1 Profa. Dra. Rita de Cássia Ariza da Cruz Regionalização do Espaço Brasileiro 1

2 1ª regionalização da Terra: Hecateu de Mileto (550-475 a.C), com base em Pitágoras (zonas climáticas) Estrabão (63 aC – 25 dC): marco inaugural da Geografia Regional; regionalização a partir da composição territorial das civilizações 2

3 3 Fonte: http://www.livius.org/a/1/maps/hecataeus_map.gif

4 4

5 Al-Idrisi (século XII): divisão mais detalhada da Terra em 70 regiões; com base em Ptolomeu (divisão pelo clima) Bernhard Varenius (séc. XVII): geografia geral e geografia especial (regional) 5

6 Newton (1643-1727): filosofia da experimentação; conhecimento resulta da observação, do cálculo e da elaboração de leis; (método indutivo) Auguste Comte (1798-1857) e o conceito de positivismo Darwin (1809-1882) e a Origem das espécies (1850) Séc. XIX sistematização do conhecimento: diferentes ramos científicos 6

7 O positivismo como fundamento (realidade reduzida ao mundo dos sentidos; trabalho científico circunscrito ao domínio da aparência dos fenômenos; crença na existência de um único método) Geografia = uma ciência empírica pautada na observação; descrição, enumeração e classificação dos fatos Geografia = ciência natural dos fenômenos humanos Principais desdobramentos: determinismo e possibilismo 7

8 Ratzel (1844-1904): homem e natureza constituem uma unidade; síntese regional = objetivo último do geógrafo La Blache (1845-1918): a ciência geográfica deve observar e compreender a singularidade dos lugares; a região é um dado objetivo; Dicotomia geografia geral x geografia regional 8

9 Região natural x região humana Ratzel e a Antropogeografia: define o objeto geográfico como o estudo da influência que as condições naturais exercem sobre a humanidade; La Blache: valorizou a História e aumentou a carga humana do estudo geográfico. 9

10 Hettner (1859-1941) e La Blache afirmam o estudo regional, porém com visões diametralmente opostas. Enquanto para La Blache a região se evidencia na paisagem, para Hettner ela não é auto- evidente. Os limites regionais são provenientes de um exercício intelectual... (Lencioni, 1999: 190) Hartshorne (1899-1992): regiões podem ser descontínuas (resultam do grau de integração entre os fenômenos) 10

11 11

12 12

13 13

14 14

15 Movimento que nasce nos meios acadêmicos ; O neo-positivismo e a Geografia pragmática (Geografia quantitativa e Geografia Sistêmica ou modelística) A Geografia Crítica e o pluralismo metodológico (estruturalismo, existencialismo, ecletismo, marxismo) 15

16 BEZZI, M. L. Região: uma (re)visão historiográfica – da gênese aos novos paradigmas. 1995. Tese de Doutorado em Geografia. Rio Claro, UNESP. GUIMARÃES, Fábio Soares Macedo. Divisão Regional do Brasil. Revista Brasileira de Geografia, 3(12): 343, abr/jun, 1941. LENCIONI, Sandra. Região e Geografia. São Paulo, Edusp, 1999. MORAES, A. C. R. Geografia, pequena história crítica. 15ª ed. SP: Hucitec: 1997. 16


Carregar ppt "Profa. Dra. Rita de Cássia Ariza da Cruz Regionalização do Espaço Brasileiro 1."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google