A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Grupo de Fósforo TRIPOLIFOSFATO DE SÓDIO NOS DETERGENTES EM PÓ

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Grupo de Fósforo TRIPOLIFOSFATO DE SÓDIO NOS DETERGENTES EM PÓ"— Transcrição da apresentação:

1 Grupo de Fósforo TRIPOLIFOSFATO DE SÓDIO NOS DETERGENTES EM PÓ

2 DIVISÃO DE MÓDULOS ABIPLA GRUPO DE FÓSFORO COMPOSIÇÃO DOS DETERGENTES BUILDERS STPP EUTROFIZAÇÃO IMPACTOS PROPOSTA TÉCNICA

3 Associação Brasileira das Indústrias de Produtos de Limpeza e Afins Fundação: 1976 Associadas: 44 empresas Faturamento do setor: R$ 6,2 bilhões (2002) Empregos diretos:15 mil (2002)

4 Grupo de Fósforo Um dos oito grupos técnico de trabalho, criado para a discussão do tema com a CETESB Reunindo a experiência de mais de 20 técnicos e consultores especialistas nos assuntos relacionados ao tema

5 Parecer CETESB Inconsistências observadas: – ton de STPP vs ton de detergentes –redução de fósforo em estações de tratamento primário: ex.: ABC : entrada 4 a 5 ppm vs. saída 0,5 a 1 ppm –Estudo europeu WRc rejeitado pela CSTEE

6 Compromisso da indústria Experiência de 30 anos –substituição precipitada –gastos em P&D –estudo das consequências ambientais dos substitutos

7 DETERGENTE EM PÓ >>>>>>> >>>>>>> > >>>>>>> > >>>>>>> 1950 Início da utilização do detergente no Brasil (importado) Antiguidade Produto existente desde a Grécia Antiga 1956 Início da produção do detergente no Brasil

8 DETERGENTE EM PÓ Função –Remove as sujeiras e manchas das roupas Benefícios –Conserva os tecidos das roupas –Melhora a qualidade de vida da população com reflexos positivos na Saúde Pública

9 DETERGENTE EM PÓ Composição média Surfactantes (Tensoativo) 20% Remover a sujeira e aumentar a molhabilidade dos tecidos Builders 15% Facilitar o processo de retirada da sujeira Ingredientes Auxiliares 23% Branquear, perfumar, manter a cor e regular espuma Auxiliares de Produção 42% Dar volume - formado por sais inorgânicos (sulfato de sódio) e água

10 BUILDERS Função Sequestrar ions de Ca e Mg CaCa MgMg CaCa MgMg CaCa MgMg CaCa MgMg CaCaCaCaMgMg CaCa MgMg CaCa MgMg CaCa MgMg CaCa MgMg CaCa MgMg CaCa MgMg MgMg CaCa CaCa MgMg

11 Builder STPP (Tripolifosfato de Sódio) –Elaborado à base de FÓSFORO –Seguro ao ser humano e ao meio ambiente –Conserva as fibras dos tecidos –Não danifica as peças internas das máquinas de lavar

12 FÓSFORO Elemento vital para a vida – Seres humanos 12 % da estrutura do DNA humano – Plantas – Animais

13 FÓSFORO E STPP Outras aplicações O fósforo está presente: –Medicamentos para osteoporose –Alimentos Infantis (papinhas) –Fertilizantes –Ração Animal –Trigo –Leite –Salsicha

14 FÓSFORO E STPP Outras aplicações

15 STPP Motivos da escolha Condições sócio-econômicas: –Apenas 33% da população da região Sudeste possui máquina de lavar Adequado às condições ambientais e de saneamento do País

16 STPP Motivos da escolha Hábitos de lavagem: –Água fria –Tanque –Sabão em pedra –Roupa de molho em baldes

17 STPP Vantagens –Aumenta a eficiência do surfactante (tensoativo) –Evita que a sujeira retirada das roupas retorne aos tecidos –Torna o pH da água mais adequado para as lavagens –É o único capaz de agir isoladamente, sem outros componentes químicos

18 STPP Legislação Máximo Permitido pelo Ministério da Saúde: Média do detergente em pó no Brasil: Máximo Permitido pelo Ministério da Saúde: Média do detergente em pó no Brasil: 26,5% 15%

19 BUILDERS Principais tipos: TRIPOLIFOSFATO DE SÓDIO (STPP) Zeólito Ácido Nitrilo Triacético (NTA)

20 STPP NTA Zeólito Remove a sujeira Reduz o uso de surfactante Torna o tecido mais úmido Promove a emulsão e a dispersão da sujeira Controla a alcalinidade da água STPP NTA Zeólito Remove a sujeira Reduz o uso de surfactante Torna o tecido mais úmido Promove a emulsão e a dispersão da sujeira Controla a alcalinidade da água STPP Vantagens em relação aos demais builders

21 EUTROFIZAÇÃO O QUE É: Excesso de nutrientes nas águas, que provoca a proliferação de algas Nutrientes: Nitrogênio, fósforo, oxigênio e carbono

22 EUTROFIZAÇÃO FATO: –Surgimento de algas nas águas superficiais dos mananciais da RMSP, principalmente nas represas Billings e Guarapiranga

23 EUTROFIZAÇÃO DISCUSSÃO: –Origem dos nutrientes responsáveis pela eutrofização na RMSP –Análise sobre a participação de cada fonte contribuidora de fósforo Discussão por meio do Grupo de Fósforo

24 EUTROFIZAÇÃO Grupo de Fósforo CETESB INDÚSTRIA DE DETERGENTES EM PÓ FORNECEDORES DE MATÉRIA-PRIMA

25 EUTROFIZAÇÃO Fontes de fósforo (Brasil) Fonte: Abipla, IBGE, IPT, Anda e CENA/USP

26 EUTROFIZAÇÃO Fontes de fósforo (RMSP) Dados existentes sobre o fósforo presente nos mananciais da RMSP são insuficientes –Diferentemente das informações sobre as fontes contribuidoras no Brasil Abipla está propondo à Cetesb a criação de um programa ambiental destinado a diagnosticar as fontes de fósforo e suas respectivas contribuições

27 95% Para sabão em pó CONSUMO DE FÓSFORO Ração animal Indústria alimentícia Indústria farmacêutica STPPFertilizantes

28 EUTROFIZAÇÃO Experiência brasileira Fato: Lago Paranoá (Brasília) em estado hipereutrófico, na década de 80 Medidas: Implementação de sistema de coleta e tratamento tercíário de esgoto, que possibilita a retirada de fósforo Resultados: Melhora significativa na qualidade das águas Utilização do Lago Paranoá para o lazer

29 EUTROFIZAÇÃO Experiências internacionais Fato: Lagos da Europa em estado hipereutrófico, a partir dos anos 70 Medidas Adotadas: Restrição ou limitação do STPP no detergente em pó Adoção de outro tipo de builder Resultados: Problema da eutrofização não foi solucionado Qualidade das águas não registrou melhora Vários países da União Européia estudam a volta do STPP nos detergentes em pó

30 EUTROFIZAÇÃO Situação do STPP no mundo Banimento: Japão, Holanda, Suíça e Noruega Limitação: Brasil, Áustria, França, Alemanha, Hungria, Itália, Polônia, Canadá, EUA (parte) Estudam a Retomada: União Européia (parte) Sem Restrição: Argentina, México, Venezuela, Paraguai, Chile, EUA (parte)

31 EUTROFIZAÇÃO Situação do STPP no mundo WRc Report on the Impact on the Environment (reduction in eutrophication) that would result from substituting phosphates in household detergents – WRc Ref: UC4011 – June 2002 sugere a retirada total de fosfatos de detergentes

32 EUTROFIZAÇÃO Situação do STPP no mundo Revisado pela European Comission – Health & Consumer Protection Directorate-General – Opinion of the Scientific Committee on Toxicity, Ecotoxicity and the Environment (CSTEE) A opinião da CSTEE é de que a informação e a ciência presentes no estudo não são nem completas nem balanceadas para substanciar as conclusões colocadas neste relatório. Embora a redução de fósforo em detergentes POSSA contribuir para diminuir a ocorrência de eutrofização na Europa, ela pode não ser suficiente para resolver o problema de eutrofização. Mais informação além daquilo colocado no relatório da WRc deve ser coletada e analisada antes de se responder a esta questão.

33 EUTROFIZAÇÃO Situação do STPP no mundo Selos verdes para detergentes para lavar roupas White Swan Escandinavo Selo Verde Tailandês Ecolabel da União Européia - revisto em 1999 (Commission Decision 1999/476/EC) Incluem o STPP na concentração de até 27 % de fosfatos.

34 EUTROFIZAÇÃO Impactos Econômicos Indústrias de detergentes em pó de outros países promoveram grandes investimentos para mudar a formulação do detergente em pó - Estados Unidos: Investimentos de aproximadamente US$ 11 milhões em pesquisas sobre NTA Modificação das instalações industriais demandou recursos de cerca de US$ 6,8 milhões Investimentos realizados na década de 60 nos estados norte- americanos que baniram o STPP

35 IMPACTOS ECONÔMICOS Adoção de um outro tipo de builder na composição do produto - como ocorreu no exterior - provocaria: Perdas de US$ 298 milhões (1º Ano) Redução de 400 postos de trabalho Aumento de até 30% no custo do detergente em pó

36 IMPACTOS ECONÔMICOS Aumento de até 30% no custo do produto: Desenvolvimento de uma nova formulação Adaptação das fábricas existentes Desenvolvimento de novos fornecedores Custo da matéria-prima adicional para uma nova formulação

37 IMPACTOS ECONÔMICOS Importação de substância para substituição do STPP –Acréscimo de aproximadamente US$ 78 milhões nos gastos com importação

38 PROPOSTA ABIPLA Nas reuniões de trabalho e seminários foi constatado: –Experiências internacionais mostram que a retirada isolada de fósforo foi ineficaz –Ausência de dados sobre a fonte de fósforo dos mananciais da RMSP Baseada em dados apurados nas reuniões e seminários, a indústria criou proposta técnica

39 PROPOSTA ABIPLA 1º Passo Conhecimento qualitativo e quantitativo das fontes que contribuem para o fósforo nas águas –Processos físicos, químicos e biológicos 2º Passo Implantação de um programa de gerenciamento –diagnóstico / avaliação –execução / operação (ações de curto, médio e longo prazos) –garantia de controle preventivo

40 PROPOSTA ABIPLA Etapas do Programa de Gerenciamento Definição do problema associado à eutrofização Avaliação dos nutrientes limitantes e suas fontes Avaliação da trajetória no ambiente e da biodisponibilização dos nutrientes

41 PROPOSTA ABIPLA Etapas do Programa de Gerenciamento Avaliação dos fatores ambientais que atuam na eutrofização Desenvolvimento da relação de resposta entre os fatores ambientais e a eutrofização

42 PROPOSTA ABIPLA Etapas do Programa de Gerenciamento Definição da taxa de recuperação esperada Avaliação das alternativas para a alteração do estado trófico das águas que pode ser pela: –redução de nutrientes –condições ambientais

43 PROPOSTA ABIPLA Etapas do Programa de Gerenciamento Implementação de projetos e ações de controle. –Adoção de ações de curto, médio e longo prazos –Estratégia de controle estruturado –Nível de conhecimento consistente –Fixação de metas e objetivos de recuperação –Prioridades de atuação Parceria da ABIPLA com a CETESB –Órgãos e instituições de pesquisas

44 Conclusões Risco de uma decisão precipitada Compromisso da indústria Experiências internacionais

45 Grupo de Fósforo TRIPOLIFOSFATO DE SÓDIO NOS DETERGENTES EM PÓ


Carregar ppt "Grupo de Fósforo TRIPOLIFOSFATO DE SÓDIO NOS DETERGENTES EM PÓ"

Apresentações semelhantes


Anúncios Google