A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Análise Setorial Cristina Junqueira. Sumário Introdução Aspectos Relevantes –Análise histórica –Aspectos Regulatórios –Análise das empresas –Projeções.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Análise Setorial Cristina Junqueira. Sumário Introdução Aspectos Relevantes –Análise histórica –Aspectos Regulatórios –Análise das empresas –Projeções."— Transcrição da apresentação:

1 Análise Setorial Cristina Junqueira

2 Sumário Introdução Aspectos Relevantes –Análise histórica –Aspectos Regulatórios –Análise das empresas –Projeções e perspectivas –Exemplo: Telecom

3 Introdução Análise setorial = Ferramenta –Empresas em geral –Analistas de pesquisa –Operadores de Mercado de Capitais –Banco de Atacado Antever um evento significativo pode ser a diferença entre lucros invejáveis ou prejuízos lastimáveis!

4 Aspectos Relevantes Análise Histórica: atentar para marcos expressivos –Privatizações –Estatizações –Fusões e Aquisições Análise do cenário internacional O comportamento anterior do setor e das empresas pode balizar previsões para a futura performance das mesmas.

5 Aspectos Relevantes Aspectos Regulatórios –O papel do governo –Impactos fiscais –Agências reguladoras –Fundos setoriais Usualmente, os aspectos regulatórios determinam as condições de contorno das operações do setor.

6 Aspectos Relevantes Análise das empresas –Indicadores financeiros –Indicadores operacionais –Análise relativa: comparativo com demais players –Atividades associadas (análise da cadeia) Empresas de atividades associadas também afetam a dinâmica do setor.

7 Aspectos Relevantes Projeções e perspectivas –Modelos econométricos –Drivers de demanda, receita e custos –Tendências de movimentação –Fatos relevantes A projeção final do desempenho de uma empresa é o resultado da análise fundamentada de diversos drivers.

8 Telecomunicações Histórico –Privatização –Modelo de livre concorrência –Entrada de players estrangeiros (Telmex, Telefonica, Portugal Telecom) –Consolidação de grandes grupos

9 Telecomunicações Aspectos Regulatórios –Lei geral das telecomunicações (LGT) –Anatel – Agência Nacional de Telecomunicações –Minicom – Ministério das Comunicações –Funtell e FUST

10 Telecomunicações Conceitos Básicos –Churn –ARPU –Interconexão –Tráfego –Backbone –ADSL

11 Telecomunicações Análise das Empresas –Telefonia Fixa Embratel Telefonica Telemar Brasil Telecom

12 Telecomunicações Análise das Empresas –Telefonia móvel Vivo Claro Tim Oi Telemig/Tele Norte

13 Portugal Telecom/ Telefonica Telefonica Telefonia Fixa Telesp Celular Banda A - CDMA Global Telecom Banda B - CDMA CRT Celular Banda A - TDMA Tele Sudeste Celular Banda A - CDMA Tele Leste Celular Banda A - CDMA Tele Centro Oeste Celular Banda A - TDMA NBT Banda B - TDMA

14 Telecom Americas Tess Banda B - TDMA Americel Banda B - TDMA ATL Banda B -TDMA Telet Banda B - TDMA BSE Banda B -TDMA CLARO Banda E -GSM CLARO Banda E -GSM Não está representada a recente aquisição da Embratel pelo grupo mexicano.

15 Telemar Telemar - TNL PCS (Oi) Banda D - GSM Tele Norte Leste - Telemar Telefonia Fixa

16 Telecom Italia TIM Celular Centro Sul Banda D - GSM TIM Rio Norte Banda E - GSM Tele Nordeste Celular Banda A - TDMA Maxitel Banda B - TDMA Tele Celular Sul Banda A - TDMA Brasil Telecom Telefonia Fixa (junto com o Opportunity) TIM Rio Norte Banda E - GSM TIM Celular Centro Sul Banda D - GSM TIM São Paulo Banda D - GSM

17 Opportunity Tele Norte Celular Banda A - TDMA Telemig Celular Banda A - TDMA Brasil Telecom Telefonia Fixa (junto com o Opportunity)

18 Telecomunicações Análise de cenários (FIXA) O 1T04 foi marcado pelos efeitos sazonais negativos sobre o tráfego das empresas, pelo reajuste tarifário no serviço fixo-móvel em fev/04, pela recuperação operacional de Brasil Telecom e Telesp em relação ao 4T03, quando foram negativamente impactadas por itens não recorrentes A consolidação de Vésper no balanço da Embratel alavancou o serviço local da empresa, mas por outro lado representou um crescimento adicional nas despesas operacionais, pressionando as margens no trimestre. A base de clientes consolidada das incumbents fixas apresentou leve queda, confirmando o cenário de estabilidade ocorrido em Por outro lado, os acessos ADSL consolidados cresceram cerca de 15% vs 4T03e 97% vs 1T03, demonstrando o mercado potencial do negócio de banda larga. De uma maneira geral, os resultados ficaram dentro do esperado, com destaque para Telemar, que reportou uma boa margem EBITDA de 45,5%, em função da redução nos custos de interconexão, cuja intensidade foi reforçada pelo crescimento da Oi, que encerrou o trimestre com 4,4 MM de clientes e um market share esperado de 20%.

19 Telecomunicações Perspectivas (FIXA) Estabelecimento do percentual do reajuste tarifário da telefonia fixa ao longo do trimestre, entrando em vigor ao final de junho. Espera-se uma recuperação do tráfego local e continuidade de crescimento de ADSL. Pelo lado dos custos, a interconexão deve continuar pressionada pela forte sazonalidade de vendas no mercado móvel. Estimamos novos incrementos na receita de LDN e LDI da Brasil Telecom, por conta da entrada da empresa nos segmentos de LD inter-regional e internacional em fev/04. Acreditamos que a Embratel possa começar a reduzir o impacto negativo da consolidação da Vésper, reduzindo custos e despesas operacionais. Destaque esperado para o 2T04: Brasil Telecom.


Carregar ppt "Análise Setorial Cristina Junqueira. Sumário Introdução Aspectos Relevantes –Análise histórica –Aspectos Regulatórios –Análise das empresas –Projeções."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google