A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Renata de Oliveira Silva UMC Responsabilidade Social Empresarial 2013.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Renata de Oliveira Silva UMC Responsabilidade Social Empresarial 2013."— Transcrição da apresentação:

1 Renata de Oliveira Silva UMC Responsabilidade Social Empresarial 2013

2 Por que o mundo inteiro fala em Sustentabilidade?

3

4 DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL é aquele que satisfaz as necessidades do presente sem comprometer a capacidade de as futuras gerações satisfazerem suas próprias necessidades. (Comissão Brundtland, 1987)

5 Caminho para a SustentabilidadeCaminho para a Sustentabilidade ature=related Responsabilidade social empresarial é a forma de gestão que se define pela relação ética e transparente da empresa com todos os públicos com os quais ela se relaciona e pelo estabelecimento de metas empresariais compatíveis com o desenvolvimento sustentável da sociedade, preservando recursos ambientais e culturais para gerações futuras, respeitando a diversidade e promovendo a redução das desigualdades sociais.Responsabilidade social empresarial é a forma de gestão que se define pela relação ética e transparente da empresa com todos os públicos com os quais ela se relaciona e pelo estabelecimento de metas empresariais compatíveis com o desenvolvimento sustentável da sociedade, preservando recursos ambientais e culturais para gerações futuras, respeitando a diversidade e promovendo a redução das desigualdades sociais. (Instituto Ethos)(Instituto Ethos) Responsabilidade SocialResponsabilidade Social

6 Gestão Ambiental é uma ciência que surge para atender a uma necessidade premente do planeta Terra: garantir as condições de sobrevivência digna para todas as espécies, incluindo a do próprio ser humano.

7 Impacto Ambiental é o efeito causado por qualquer alteração benéfica ou adversa causada pelas atividades humanas ou naturais no meio ambiente. As ações humanas sobre o meio ambiente podem ser positivas ou negativas, dependendo da intervenção desenvolvida. Impactos Ambientais

8 A ciência e a tecnologia podem, se utilizadas corretamente, contribuir enormemente para que o impacto humano sobre a natureza de acordo com o tipo de alteração, podendo ser ecológica, social e/ou econômica.

9 AQUECIMENTO GLOBAL Evidências: Aumento da temperatura Aumento de desastres naturais Uso de insumos mais alto do que a capacidade de reposição

10 Lógica Sistêmica Estudos na área de Biologia na metade do século 20 sobre a estrutura e o funcionamento dos organismos vivos Estrutura do micro cosmo semelhante ao do macro-cosmo Ambiente saudável Empresa saudável Exemplos:Exemplos: CORPO HUMANO = SistemaCORPO HUMANO = Sistema Células, órgãos = sub- sistemasCélulas, órgãos = sub- sistemas SOCIEDADE = SistemaSOCIEDADE = Sistema Empresas, governos, cidadãos = sub-sistemasEmpresas, governos, cidadãos = sub-sistemas

11 AQUECIMENTO GLOBAL Consequências: Falta de recursos importantes, como a água Prejuízos financeiros Extinção de espécies Causa: NÓS!!!

12 PANORAMA SOCIAL 10% mais ricos = 30% renda 10% mais pobres = 1,8% renda Estado do Mundo, 2004 No Brasil 14 milhões de habitantes passam fome e outros 70 milhões não tem segurança alimentar. IBGE, 2006

13 20% da População Mundial é responsável por: – 85% do consumo de alimentos – 65% do consumo de energia – 84% do consumo de papel – 85% do consumo de metais e químicos – 70% das emissões de CO 2 Fonte: World Bank, 2001 CONSUMO

14 Renda Mensal Número de pessoas no mundo > R$ 2.875,00 De R$ 287,50 a R$ 2.875,00 < R$ 287, milhões 1,5 bilhões 4 bilhões Número de pessoas no Brasil % 21 milhões 46 milhões 116 milhões 11% 25% 63% Distribuição de RendaDistribuição de Renda

15 Qual o papel da empresa diante dessas questões?Qual o papel da empresa diante dessas questões?

16 Estratégias e práticas de negócio que promovem, no longo prazo, o bem estar do meio-ambiente, da sociedade e dos lucros.Estratégias e práticas de negócio que promovem, no longo prazo, o bem estar do meio-ambiente, da sociedade e dos lucros. FMI Sustainability Task ForceFMI Sustainability Task Force EMPRESAEMPRESA SocialSocial AmbientalAmbiental EconômicoEconômico Triple Bottom LineTriple Bottom Line

17 Públicos de interesse (Stakeholders) EMPRESAEMPRESA FuncionáriosFuncionários ConcorrentesConcorrentes FamiliaresFamiliares dosdos funcionáriosfuncionários FornecedoresFornecedores GovernoGoverno DonosDonos AcionistasAcionistas MídiaMídia Meio AmbienteMeio Ambiente ComunidadeComunidade dodo entornoentorno ConsumidoresConsumidores

18 Criança e Consumo Denúncia de internatuta no site gerouDenúncia de internatuta no site gerou representação no Ministério Público do Paraná. Denúncia de Publicidade AbusivaDenúncia de Publicidade Abusiva

19 AÇÕES SOCIAISAÇÕES SOCIAIS (Filantropia)(Filantropia) INVESTIMENTO SOCIALINVESTIMENTO SOCIAL PRIVADO PRIVADO (Projetos Sociais)(Projetos Sociais) RESPONSABILIDADE SOCIALRESPONSABILIDADE SOCIAL EMPRESARIALEMPRESARIAL (Alinhamento estratégico(Alinhamento estratégico com o negócio da empresa e com o negócio da empresa e relacionamento com os stakeholdersrelacionamento com os stakeholders SUSTENTABILIDADESUSTENTABILIDADE (Triple bottom line)(Triple bottom line) Gestão SustentávelGestão Sustentável Avaliação dos aspectosAvaliação dos aspectos econômicos, sociais e ambientaiseconômicos, sociais e ambientais Desenvolvimento SustentávelDesenvolvimento Sustentável AÇÃO SOCIAL, INVESTIMENTO SOCIAL PRIVADO,AÇÃO SOCIAL, INVESTIMENTO SOCIAL PRIVADO, RESPONSABILIDADE SOCIAL EMPRESARIAL E SUSTENTABILIDADERESPONSABILIDADE SOCIAL EMPRESARIAL E SUSTENTABILIDADE

20 BenefícioBenefício Social eSocial e Ambienta lAmbienta l Benefício EconômicoBenefício Econômico Geração de Valor Social e EconômicoGeração de Valor Social e Econômico APARENTE DILEMA: BENEFÍCIO SOCIAL x BENEFÍCIO ECONÔMICOAPARENTE DILEMA: BENEFÍCIO SOCIAL x BENEFÍCIO ECONÔMICO NOVO PARADIGMA: GERAÇÃO SIMULTÂNEA DE VALOR SOCIAL E ECONÔMICONOVO PARADIGMA: GERAÇÃO SIMULTÂNEA DE VALOR SOCIAL E ECONÔMICO Fonte: PorterFonte: Porter

21 Valorização da imagem institucional e da marca Valorização da imagem institucional e da marca Maior lealdade do consumidor, fidelização Maior lealdade do consumidor, fidelização Maior capacidade de recrutar e manter talentos Maior capacidade de recrutar e manter talentos Flexibilidade e capacidade de adaptação Flexibilidade e capacidade de adaptação Longevidade Longevidade Possibilidade de redução de custos Possibilidade de redução de custos Acesso a mercados Acesso a mercados Gerenciamento de Riscos (diálogo com públicos de interesse) Gerenciamento de Riscos (diálogo com públicos de interesse) BenefíciosBenefícios

22 DIFERENTES POSTURAS Construindo Oportunidades Administrando a Empresa Hoje Capacidade Interna Interna Buscando Parceiros Parceiros InovaçãoReposicionamento Oportunidades de Crescimento Novos Mercados Redução de custos de riscos ReputaçãoLegitimidade Adaptado de Hart (2006) O capitalismo na encruzilhadaAdaptado de Hart (2006) O capitalismo na encruzilhada Redução de Redução deRisco OPORTUNIDADEOPORTUNIDADE DEDE CRESCIMENTOCRESCIMENTO

23 Cadeia de Valor RecursosIndústriaVarejoConsumoPós-consumo Cadeia de Suprimentos Operações Consumo


Carregar ppt "Renata de Oliveira Silva UMC Responsabilidade Social Empresarial 2013."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google