A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

3º Congresso Internacional de Inovação Cadeia da Indústria de Semicondutores - Novos Desafios e Oportunidades Lilian Ribeiro Mendes Departamento de Indústria.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "3º Congresso Internacional de Inovação Cadeia da Indústria de Semicondutores - Novos Desafios e Oportunidades Lilian Ribeiro Mendes Departamento de Indústria."— Transcrição da apresentação:

1 3º Congresso Internacional de Inovação Cadeia da Indústria de Semicondutores - Novos Desafios e Oportunidades Lilian Ribeiro Mendes Departamento de Indústria Eletrônica Novembro/2010

2 Quem somos Fundado em 20 de Junho de 1952 Empresa pública de propriedade integral da União Instrumento chave para implementação da Política Industrial, de Infra-estrutura e de Comércio Exterior Foco no financiamento do investimento Principal fonte de crédito de longo prazo Captação de recursos de longo prazo Apoio a micro, pequenas e médias empresas

3 Rentabilidade consistente Excelente qualidade de ativos empregados (Julho de 2010) Sede no Rio de Janeiro Escritórios em São Paulo, Brasília e Recife Escritório em Montevidéu, Uruguai (desde Ago 2009) Nova subsidiária em Londres (desde Nov 2009) Quem somos

4 Nossa história Infraestrutura Econômica - Siderurgia Indústrias de Base - Bens de Consumo - MPME Insumos Básicos - Bens de Capital Energia – Agricultura – Integração Social Infraestrutura privada - Exportações Privatização: Gerenciamento do PND Infraestrutura – Estrutura Produtiva Exportações – Inclusão Social Hoje Inovação – Desenvolvimento Sustentável

5 Evolução do desembolso do BNDES R$ bilhões

6 Sistema BNDES Financiamentos de longo prazo Participações Societárias BNDES BNDESPAR BNDES Participações S.A. Internacionalização de Empresas Brasileiras BNDES Limited Produção e Comercialização de Máquinas e Equipamentos FINAME Agência Especial Financiamento Industrial

7 Quem pode tomar financiamentos Empresas de agropecuária, indústria, comércio ou serviços Cooperativas ou Associações ONGs, OSCIPs ou Fundações Produtor rural Transportador autônomo de carga Transportador escolar Micro-empreendedor Municipal Estadual Federal Pessoas Físicas Administração Pública Pessoas Jurídicas

8 Classificação de porte MICRO até R$ 2,4 milhões PEQUENA até R$ 16 milhões MÉDIA até R$ 90 milhões MÉDIA-GRANDE até R$ 300 milhões Receita Operacional Bruta Anual MPME GRANDE acima de R$ 300 milhões

9 Como apoiamos Operações Diretas Contratadas diretamente com o BNDES EMPRESÁRIO Instituição Financeira Credenciada EMPRESÁRIO Operações Indiretas Instituições financeiras credenciadas repassadoras de recursos do BNDES Informação e Relacionamento

10 Estudo sobre Estratégias para uma Indústria de Circuitos Integrados no Brasil Objetivos Governamentais Aumento da competitividade e do adensamento do complexo eletrônico brasileiro Redução do déficit comercial proporcionado pelo complexo eletrônico Fortalecimento do processo de inovação tecnológica no Brasil Geração de empregos qualificados em alta-tecnologia

11 Etapas da Cadeia Produtiva de CI Fonte:Consórcio A.T.Kearney, IDC e Azevedo Sette Serviço ao cliente Encapsulamento e teste FabricaçãoProjeto Concepção 41235

12 Tipos de Empresas que Integram a Cadeia Produtiva de Circuitos Integrados Serviço ao cliente Encapsu- lamento e teste (Back- End) Fabricação (Front-End) ProjetoConcepção Integrated Device Manufacturer Fabless Silicon IP Fabless Dedicated Foundry ATS Design House Intel Toshiba Qualcomm Nvidia Amkor ASE TSMC UMC ARM MIPS Rambus Synopsys Fonte:Consórcio A.T.Kearney, IDC e Azevedo Sette

13 Política de Inovação do BNDES APLICAÇÃO NÃO- REEMBOLSÁVEL EQUITY RENDA FIXA / RENDA VARIÁVEL Fundos Mútuos Fechados e Participação Participação direta Programa Criatec (Seed Money) INOVAÇÃO TECNOLÓGICA FOCO NA ESTRATÉGIA CAPITAL INOVADOR FUNTEC Fundo Tecnológico Projetos de Pesquisa, desenvolvimento e inovação em áreas de interesse nacional PROSOFT, PROFARMA, PROTVD, PRO-Aeronáutica e Proengenharia SETORIAIS CARTÃO BNDES Para micro, pequenas e médias empresas Dentre os produtos: Certificação e avaliação de conformidade Serviços de Inovação, de extensão tecnológica, software e PI INOVAÇÃO PRODUÇÃO FOCO NO PROJETO

14 Capital Inovador Itens Financiáveis: infra-estrutura física + ativos tangíveis e intangíveis Modalidade Direta: financiamento e/ou capitalização Valor Mínimo: R$ 1 milhão Custo: TJLP + Taxa de Risco (ROB < R$ 60 milhões: isentas) Participação: até 100% Prazo: até 12 anos Garantias: definidas na análise - Dispensa de garantia real a critério do BNDES, para exposição inferior a R$ 10 milhões Estratégia de Inovação Plano de Investimento em Inovação (PII) Empresa Objetivo: Objetivo: Capacitação da empresa a realizar atividades de inovação de forma contínua e estruturada.

15 Inovação Tecnológica Objetivo: Objetivo: Apoiar projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação com RISCO TECNOLÓGICO e OPORTUNIDADE DE MERCADO, compreenden- do o desenvolvimento de produtos e/ou processos novos (para o mer- cado nacional) ou significativamente aprimorados. Risco Tecnológico Oportunidade de Mercado Novidade para Mercado Nacional Projeto Modalidade direta: financiamento e/ou capitalização Valor Mínimo: R$ 1 milhão Custo: 4,5% a.a Participação: até 100% Prazo: até 14 anos Garantias: definidas na análise –Dispensa de garantia real a critério do BNDES, para exposição inferior a R$ 10 milhões

16 Inovação Produção Objetivo: Objetivo: Apoiar projetos de investimento que visem à implantação, expansão e modernização da capacidade produtiva, necessárias à absorção dos resul- tados do processo de pesquisa e desenvolvimento ou inovação; e projetos de pesquisa e desenvolvimento ou inovação que apresentem oportunidade com- provada de mercado, inclusive o desenvolvimento de inovações incrementais de produtos e/ou processos. Modalidade direta: financiamento e/ou capitalização Valor Mínimo: R$ 3 milhões Custo: –TJLP (6% a.a.) + 0,9% a.a. + Taxa de Risco de Crédito (até 3,57%a.a.) –Equipamentos importados: Cesta de Moedas + 0,9% a.a. + Taxa de Risco (até 3,57% a.a.) Participação: –MPME: até 100% dos itens financiáveis –Grande empresa: até 80% Garantias: definidas na análise –Dispensa de garantia real a critério do BNDES, para exposição inferior a R$ 10 milhões

17 PSI - Inovação Condições Especiais das linhas e programas de inovação, válidas para operações contratadas até 31/03/2011. Custo Financeiro: 3,5% a.a - para projetos de inovação de natureza tecnológica que busquem o desenvolvimento de produtos ou processos novos ou significativamente aprimorados (pelo menos para o mercado nacional) e que envolvam risco tecnológico e oportunidade de mercado; e 4,5% a.a - para projetos que pretendam desenvolver a capacidade para empreender atividades inovativas em caráter sistemático, compreendendo investimentos em capitais tangíveis, incluindo infra-estrutura física, e em capitais intangíveis. Prazo de pagamento: Até 120 meses - para os projetos de custo financeiro de 3,5% a.a.; e Até 96 meses - para os projetos de custo financeiro de 4,5% a.a. As demais condições permanecem de acordo com a Linha de financiamento ou Programa contratado.

18 FUNTEC – Fundo Tecnológico Objetivo: Objetivo: apoiar financeiramente projetos que objetivam estimular o desenvolvimento tecnológico e a inovação de interesse estratégico para o País, em conformidade com os Programas e Políticas Públicas do Governo Federal. Aplicação direta e não reembolsável Projetos de natureza científica e tecnológica Beneficiários: Institutos tecnológicos e Instituições de apoio Participação: até 90% As solicitações serão recebidas de maneira contínua pelo BNDES, sendo apreciadas pelo CCTEC em três reuniões distintas ao longo do ano. Com a interveniência de empresas

19 FUNTEC – Focos (válidos até 30/04/2010) Energias Renováveis:Bioenergia e Hidroeletricidade Meio Ambiente: Tratamento de resíduos sólidos urbanos; Redução de resíduos industriais e da construção civil; Recuperação de áreas contaminadas / degradadas; Redução e controle da geração de efluentes líquidos. Saúde:Biofármacos, Equipamentos p/ diagnóstico e kits diagnósticos e Vacinas ainda não produzidas no país. Eletrônica:Microeletrônica e/ou nanotecnologia e Mostradores de informação (displays). Novos materiais:Metais e Cerâmicas avançadas. Química:Fertilizantes foliares, potássicos e nitrogenados Aplicações p/ resinas, plásticos, elastômeros e compósitos e Biorrefinarias e alcoolquímica.

20 Projeto Cooperativo Instituição Tecnológica Empresa FUNTEC Linha Inovação (Capital inovador e Inovação Tecnológica) FUNTEC – Fundo Tecnológico

21 Comitê Consultivo do FUNTEC – CCTEC É integrado por funcionários de carreira do BNDES, por representante do Governo Federal e por especialistas externos. Os membros do Comitê que não integram o quadro de pessoal do BNDES firmarão Termo de Confidencialidade. Prazos para recebimento das solicitações de apoio FUNTEC: 3ª Rodada de /10/2010 Encaminhamento: Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social- BNDES Área de Planejamento - AP Departamento de Prioridades-DEPRI, Av. República do Chile, Protocolo - Térreo Rio de Janeiro/RJ Resultado: será comunidado pelo DEPRI, diretamente ao responsável, em no mínimo 3 meses a partir da data limite para envio dos projetos. FUNTEC – Fundo Tecnológico

22 Fluxo da Operação Recebimento do Plano de Negócios e Enquadramento Departamento de Prioridade BNDES Análise do projeto - Área Operacional BNDES Aprovação - Diretoria BNDES Contratação - Área Operacional BNDES Liberação de Recursos e Acompanhamento Área Operacional BNDES Empresa

23 Subscrição de Valores Mobiliários Ofertas Públicas Primárias e Secundárias Fundos de Private Equity Venture Capital EmpresasNascentesStart-Ups SementeSeed Mercado de Capitais EmpresasIniciantes Early Stage EmpresasEmergentes EmpresasMaduras Investidores Pessoa Física Abertura de Capital IPO Participação, Fundos e Programas de Capitalização Criatec

24 Criatec Gestores Regionais: SC, SP, RJ, MG, PE, CE, BA e PA Patrimônio Comprometido: 100 milhões (80% BNDESPar) Duração: 10 anos (quatro primeiros: período de investimento) Política de Investimento –Empresas com faturamento líquido máximo de R$ 6 milhões –Máximo de investimento por empresa: R$ 1,5 milhão –Setores em foco: TI, Biotecnologia, Novos Materiais, Nanotecnologia, Agronegócios e outros Objetivo: Objetivo: capitalizar as micro e pequenas empresas inovadoras de capital semente e prover-lhes um adequado apoio gerencial

25 Criatec Maiores informações Critérios de Avaliação –Tecnologia: grande diferencial tecnológico e/ou competitivo com relação aos concorrentes –Mercado: solução de um problema de mercado claro e economicamente relevante –Empreendedor: empreendedor(es) altamente competentes, com grande diferencial e bom relacionamento –Resultado Financeiro: possibilidade de margens significativas –Necessidade de Capital: capital capaz de levar empresa ao próximo estágio –Desinvestimento: compradores identificados

26 Cartão BNDES

27 Objetivo Baseado no conceito de cartão de crédito, visa financiar de forma ágil e simplificada os investimentos das MPMEs.

28 Vantagens Cartão BNDES Limite de até R$ 1 milhão, por banco emissor Prestações fixas em até 48 meses Taxa de juros atrativa: 0,97% a.m. (abr/10) Crédito rotativo e pré-aprovado Uso automático

29 Máquinas, equipamentos, softwares, computadores, móveis, motocicletas* e veículos utilitários; Insumos industriais (resinas, têxtil, coureiro-calçadista, moveleiro, rochas ornamentais, farinho de trigo, embalagens, papel imune e laminados metálicos ou plásticos); Autopeças e pneus novos* para caminhões, ônibus, tratores e implementos rodoviários, agrícolas e industriais; Materiais para construção civil. * Motocicletas, quadriciclos e triciclos de até 300cc O que pode ser financiado? Mais de 135 mil itens, incluindo:

30 Como o Cartão BNDES apóia a Inovação? O que pode ser financiado?

31 Ampliação – Junho de 2009 Cartão BNDES – Financiamento para: Design, Ergonomia e Modelagem de produto; Prototipagem; Resposta técnica de alta complexidade; Técnico-especializados em eficiência energética e impacto ambiental; Desenvolvimento de embalagens; Extensão tecnológica; e Projeto de experimento. Inovação

32 Cartão BNDES – Financiamento para: Aquisição de conhecimentos tecnológicos e transferência de tecnologia*; Avaliação de viabilidade e pedido de registro de propriedade intelectual; * Contratos averbados no INPI. Inovação – PI

33 Cartão BNDES – Financiamento para: Avaliação da qualidade de software: avaliação CMMI ; avaliação e implementação MPS.BR; avaliação MEDE-PROS (CTI/CenPRA). Inovação - Software

34 Solicite seu Cartão

35 * Acesso exclusivo para fabricantes Seja um Fornecedor Credenciado*

36 Manuais Informações Dúvidas

37 Atendimento Empresarial - (21) Operações Indiretas - (21) Cartão BNDES – Ouvidoria Canais de comunicação


Carregar ppt "3º Congresso Internacional de Inovação Cadeia da Indústria de Semicondutores - Novos Desafios e Oportunidades Lilian Ribeiro Mendes Departamento de Indústria."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google