A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Perfil Internet Fonte: LI Estudos Marplan – 2009 – Julho/08 – Junho/09 2C – Nove mercados Filtro Teve acesso a Internet nos últimos 30 dias.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Perfil Internet Fonte: LI Estudos Marplan – 2009 – Julho/08 – Junho/09 2C – Nove mercados Filtro Teve acesso a Internet nos últimos 30 dias."— Transcrição da apresentação:

1 Perfil Internet Fonte: LI Estudos Marplan – 2009 – Julho/08 – Junho/09 2C – Nove mercados Filtro Teve acesso a Internet nos últimos 30 dias

2 Perfil Internet PERFIL DO INTERNAUTA – Pesquisa Data Folha Na base de internautas do Brasil: 52% Homens | 48% Mulheres 41% 3%28% 18% 11% 16 a 24 anos 60 anos ou mais 45 a 59 anos 25 a 34 anos 35 a 44 anos IDADE 32% 21% 22% 15% 7% 3% Até R$1.020 Não sabe R$5.101 ou mais De R$2.551 a R$5.100 De R$1.531 a R$2.550 De R$1.021 a R$1.530 REND A Fonte: DataFolha, 15 e 16 de abril de Base ponderada: 2600 entrevistados com mais de 16 anos.

3 Total de Internautas e Tempo Total O acesso à internet em qualquer ambiente (residências, trabalho, escolas, lan-houses, bibliotecas e telecentros), considerando os brasileiros de 16 anos ou mais de idade, chegou a 73,9 milhões de pessoas no quarto trimestre de horas e 23 minutos (Tempo de Uso por pessoa – Trabalho + Domicílio em 2010). Fonte: IBOPE//NetRatings Perfil Internet

4 Evolução de Consumidores On-Line 2001 a 2011 Crescimento E-Commerce (Previsão) Fonte: Câmara de Comércio Eletrônico e e-bit (Refere-se somente ao Varejo On-line)

5 Evolução Faturamento 2001 a 2011 Fonte: Câmara de Comércio Eletrônico e e-bit (Refere-se somente ao Varejo On-line) Crescimento E-Commerce (Previsão)

6 Crescimento E-Commerce ,25 milhões de brasileiros compram pela Internet Brasil: faturamento de R$ 1,75 bilhões (47% de crescimento em relação a 2003) Natal: Faturamento: R$ 284 milhões Tíquete Médio : R$ 326,00 Participação no Faturamento Anual: 16% Crescimento em relação a 2003: 39% Fonte: Grupo de pesquisas e-bit

7 2005 4,8 milhões de brasileiros compram pela Internet Faturamento de R$ 2,5 bilhões (43% de crescimento em relação a 2004) Dia das Mães – R$ 92 milhões Dia dos Namorados – R$ 86,5 milhões Dia dos Pais – R$ 101 milhões Dia das Crianças – R$ 108 milhões Natal – R$ 458 milhões Tíquete Médio: R$ 272 Fonte: Câmara de Comércio Eletrônico e e-bit Crescimento E-Commerce

8 2006 7,0 milhões de brasileiros compram pela Internet Faturamento de R$ 4,4 bilhões (76% de crescimento em relação ao ano anterior) Dia das Mães – R$ 177 milhões Dia dos Namorados – R$ 172 milhões Dia dos Pais – R$ 215 milhões Dia das Crianças – R$ 196 milhões Natal – R$ 700 milhões Tíquete Médio: R$ 296 Fonte: Câmara de Comércio Eletrônico e e-bit Crescimento E-Commerce

9 2007 9,8 milhões de brasileiros compram pela Internet Faturamento de R$ 6,3 bilhões (43% de crescimento em relação ao ano anterior) Dia das Mães – R$ 287 milhões Dia dos Namorados – R$ 227 milhões Dia dos Pais – R$ 265 milhões Dia das Crianças – R$ 276 milhões Natal – R$ 1,081 bi Tíquete Médio: R$ 302 Fonte: Câmara de Comércio Eletrônico e e-bit Crescimento E-Commerce

10 ,2 milhões de brasileiros compram pela Internet Faturamento de R$ 8,2 bilhões (30% de crescimento em relação ao ano anterior) Dia das Mães – R$ 381 milhões Dia dos Namorados – R$ 319 milhões Dia dos Pais – R$ 324 milhões Dia das Crianças – R$ 318 milhões Natal – R$ 1,25 bi Tíquete Médio: R$ 328 Fonte: Câmara de Comércio Eletrônico e e-bit Crescimento E-Commerce

11 ,6 milhões de brasileiros compram pela Internet Faturamento de R$ 10,6 bilhões (30% de crescimento em relação ao ano anterior) Dia das Mães – R$ 440 milhões Dia dos Namorados – R$ 393 milhões Dia dos Pais – R$ 437 milhões Dia das Crianças – R$ 450 milhões Natal – R$ 1,63 bi Tíquete Médio: R$ 335 Fonte: Câmara de Comércio Eletrônico e e-bit Crescimento E-Commerce

12 milhões de brasileiros compram pela Internet Faturamento de R$ 14,8 bilhões (40% de crescimento em relação ao ano anterior) Dia das Mães – R$ 625 milhões Dia dos Namorados – R$ 600 milhões Dia dos Pais – R$ 520 milhões Dia das Crianças – R$ 615 milhões Natal – R$ 2,2 bi Tíquete Médio: R$ 373 Fonte: Câmara de Comércio Eletrônico e e-bit Crescimento E-Commerce

13 E-Bit (Março/10) Pesquisa questionários Online Pesquisa quantitativa de campo, face a face, com a população adulta brasileira de 70 cidades em todas as regiões do país, com entrevistados. 77% dos entrevistados afirmaram ter realizado pelo menos uma compra pela internet nos últimos três meses (Dezembro/09 Janeiro/10 e Fevereiro/10). Fonte: Câmara de Comércio Eletrônico e e-bit Varejo Multicanal

14 Logística Fonte: Câmara de Comércio Eletrônico e e-bit Crescimento E-Commerce

15 Fonte: Câmara de Comércio Eletrônico e e-bit Varejo Multicanal Obs: Online - Barra Superior

16 Fonte: Câmara de Comércio Eletrônico e e-bit Varejo Multicanal Obs: Online - Barra Superior

17 Comércio eletrônico (CE) é o processo de comprar, vender ou trocar produtos, serviços e informações via redes de computador E-business é uma definição mais ampla de CE que inclui não só a compra e a venda de bens e serviços, mas também –Prestação de serviços a clientes –Colaboração com parceiros de negócios –Realização de negócios eletrônicos dentro de uma organização Definições e conceitos de CE

18 Comércio tradicional: todas as dimensões são físicas Organizações de tijolo e cimento –Organizações da velha economia (corporações); –Executam todos os seus negócios off-line; –Vendem produtos físicos por meio de agentes físicos; CE puro: todas as dimensões são digitais Organizações on-line puras (virtuais); Organização da nova economia; Vendem produtos ou serviços apenas on-line; CE parcial: um mix de características digitais e físicas Organizações de cliques e cimento; Realiza atividades de CE; Concentra suas atividades no mundo físico; Definições e conceitos de CE

19 Aplicações de CE apoiadas por infra-estrutura e 5 áreas de apoio Pessoas Política pública Protocolos e padrões técnicos Parceiros de negócios Serviços de apoio Assim, o CE interage com vários tipos de públicos e para cada uma destas interações existe uma denominação específica. Estrutura e abrangência do CE

20 Business-to-business (empresa-empresa - B2B): Modelo de CE em que todos os participantes são empresas ou outras organizações; Business-to-consumer (empresa-consumidor - B2C): Modelo de CE em que as empresas vendem a compradores individuais; Classificação do CE pela natureza da transação

21 Consumer-to-consumer (consumidor-consumidor - C2C): consumidores vendem diretamente a outros consumidores; Business-to-employee (empresa-funcionário - B2E): Modelo de CE em que uma organização fornece serviços, informações ou produtos a seus funcionários; Comércio colaborativo (c-commerce): Modelo de CE em que indivíduos ou grupos comunicam-se e colaboram on-line (Gestão do Conhecimento, Gestão da cadeia de Suprimentos, Engenharia Simultânea); E-government: Government-to-citizens (governo-cidadão - G2C): Modelo de CE em que uma entidade governamental compra ou fornece bens, serviços ou informações a empresas ou cidadãos; Classificação do CE pela natureza da transação

22 Mobile commerce (m-commerce): Transações e atividades de CE conduzidas em ambientes sem fio; Location-commerce (l-commerce):Transações de m- commerce direcionadas a indivíduos em locais específicos, em horários específicos; Bolsa (eletrônica): E-market que reúne muitos compradores e vendedores; Exchange-to-exchange (bolsa-bolsa - E2E): Modelo de EC em que bolsas eletrônicas conectam-se umas às outras para troca de informações; Classificação do CE pela natureza da transação

23 Benefícios para as organizações Expande o mercado nos âmbitos nacional e internacional; Reduz o custo de criar, processar, distribuir, armazenar e recuperar informações em papel; Permite a redução de estoques e do custo fixo por facilitar um gerenciamento mais eficaz da cadeia de suprimentos, em que esta é movimentada sob demanda; O processamento sob demanda permite a customização de produtos e serviços, o que proporciona uma vantagem competitiva a seus implementadores; Reduz o tempo decorrido entre o desembolso de capital e o recebimento de produtos e serviços; Apóia os esforços de reengenharia de processos de negócios Reduz os custos de telecomunicações – a Internet é muito mais barata que as VANs. Benefícios do CE

24 Benefícios para os consumidores Permite aos consumidores comprar ou estabelecer outras transações 24 horas por dia, o ano todo e de praticamente qualquer local; Dá aos consumidores mais possibilidades de escolha Fornece aos consumidores produtos e serviços mais baratos por lhes permitir pesquisar em muitos lugares e fazer comparações com rapidez e facilidade; Permite a entrega rápida de produtos e serviços (em alguns casos), especialmente com produtos digitalizados Os consumidores podem receber informações relevantes e detalhadas em segundos, em vez de em dias ou semanas; Permite a participação em leilões virtuais; Permite aos clientes interagir com outros consumidores em comunidades eletrônicas para trocar idéias e comparar experiências; Facilita a concorrência, o que possibilita descontos significativos. Benefícios do CE

25 Benefícios para a sociedade Permite a mais pessoas trabalhar em casa e a viajar menos para fazer compras, o que reduz o tráfego nas estradas e ruas, e portanto a poluição do ar; Permite que algumas mercadorias sejam vendidas a preços mais baixos, beneficiando pessoas mais pobres; Permite que pessoas de países menos desenvolvidos ou em áreas rurais recebam produtos e serviços aos quais poderiam não ter acesso; Facilita o fornecimento de serviços públicos a um custo reduzido, aumenta a eficácia e/ou melhora a qualidade. Benefícios do CE

26 Limitações técnicas Faltam padrões universalmente aceitos para qualidade, segurança e confiabilidade; A largura de banda das telecomunicações pode ser insuficiente; As ferramentas de desenvolvimento de software ainda estão em evolução; Há dificuldades na integração do software de Internet e de CE com determinadas aplicações e bancos de dados (especialmente de sistemas herdados); Há necessidade de servidores especiais para a Web além dos servidores de rede (o que representa maior custo); O acesso à Internet ainda é caro ou não tão simples. Limitações do CE


Carregar ppt "Perfil Internet Fonte: LI Estudos Marplan – 2009 – Julho/08 – Junho/09 2C – Nove mercados Filtro Teve acesso a Internet nos últimos 30 dias."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google