A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

ESTADO DA PARAÍBA MUNICÍPIO ENVOLVIDO NA DISCUSSÃO DO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO LOCAL, AGRICULTURA FAMILIAR E EDUCAÇÃO DO CAMPO MUNICÍPIO DE SERRA BRANCA.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "ESTADO DA PARAÍBA MUNICÍPIO ENVOLVIDO NA DISCUSSÃO DO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO LOCAL, AGRICULTURA FAMILIAR E EDUCAÇÃO DO CAMPO MUNICÍPIO DE SERRA BRANCA."— Transcrição da apresentação:

1 ESTADO DA PARAÍBA MUNICÍPIO ENVOLVIDO NA DISCUSSÃO DO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO LOCAL, AGRICULTURA FAMILIAR E EDUCAÇÃO DO CAMPO MUNICÍPIO DE SERRA BRANCA ACÁCIA CONSULTORIA AGRICULTURA FAMILIAR, PLANIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL E EDUCAÇÃO DO CAMPO

2

3 MUNICÍPIO DE SERRA BRANCA SITUAÇÃO EDUCACIONAL DE MATRÍCULA E DOCENTES/IBGE/2007 MUNICÍPIO PARAÍBA MATRÍCÙLASPROFESSORES FUNDAMEN TALMÉDIO PRÉ- ESCOLA FUNDAM ENTALMÉDIO PRÉ- ESCOLA SERRA BRANCA

4 DADOS GERAIS DO MUNICÍPIO DE SERRA BRANCA MUNICÍPIO PARAÍBA POPULAÇÃO DIST. CAPI TALPRODUTOS UrbanaRuralTotal Dist/ Capit al (Km)AgrícolaZootécnico SERRA BRANCA Cariri Ocidental Banana, Castanha de caju, Coco, Goiaba, Manga, Batata doce, Fava, Feijão, Milho, Tomate. Bovinos, Suínos, Caprinos, Ovinos, Vaca de leite.

5 CULTURASNº DE HECTARES Nº DE CABEÇAS RENTABILIDADE/ANO/R$ Banana ,00 Castanha de caju ,00 Coco ,00 Goiaba ,00 Manga ,00 Batata doce ,00 Fava ,00 Feijão ,00 Milho ,00 Tomate ,00 Bovinos Suínos415- Caprinos Ovinos Vaca de leite420- SERRA BRANCA/PB/CARIRI OCIDENTAL DADOS DAS PRINCIPAIS CULTURA / 2007/IBGE

6 ESTRUTURA – AGENTE RURAL E AMBIENTAL OU UMA ESCOLA FAMÍLIA AGRÍCOLA – TÉCNICO AGRÍCOLA MATRIZ DO AGENTE RURAL AMBIENTAL MATRIZ DO NÍVEL MÉDIO COM ADAPTAÇÃO AS DISCIPLINAS TÉCNICAS FORMAÇÃO AUXILIAR TÉCNICO AGROPECUÁRIO COM ENFASE NO AMBIENTAL PROJETO PEDAGÓGICO EM ANEXO, REALIZADO NO ESTADO DE MATO GROSSO

7 ESTRUTURA – AGENTE RURAL E AMBIENTAL 1 – Na estrutura que tem 12 salas de aulas; 2 – Aproveitar 4 salas para estrutura de aulas técnicas com produção para manutenção da escola; 3 – Sala multiuso (6x4), com azulejo e bancadas laterais – para manipular verduras, frutas, doces em compotas e polpa de frutas. 4 – Sala multiuso (6x4) – artesanato regional (trabalhar os saberes e fazeres locais com mestres de ofícios); 5 - Galpão de 8x6 com duas laterais fechadas, trabalhar culturas anuías e ração alternativas para ovinos, caprinos, aves semi-caipira e vaca de leite; 6 – Sala de refeitório, que servirá de laboratório e manipulação.

8 ESCOLA FAMÍLIA AGRÍCOLA EM PEDAGOGIA DE ALTERNÂNCIA EFA PRECISA DE MAIS RECURSO E EQUIPAMENTOS É UM CURSO EM PEDAGOGIA DE ALTENÂNCIA DE FORMAÇÃO EM TÉCNICO AGRÍCOLA – FORMAÇÃO PROFISSIONAL COM CREA

9 ESTRUTURA – AGENTE RURAL E AMBIENTAL OU EFA OBS – Para elaborar o projeto e dar acompanhamento técnico na implantação do programa. Faz-se necessário o curso e o diagnóstico de dados primários a ser realizado junto aos professores da rede municipal de ensino de Serra Branca. Proposta de trabalho abaixo.

10 PREMISSAS Proposta Técnica de Capacitação em Educação do Campo em Pedagogia de Alternância para Escola Família Agrícola. A consultoria e o curso serão trabalhados dentro de uma visão sistêmica, integrada com as demais atividades de apoio ao Desenvolvimento Municipal e Territorial em Projetos Alternativos para Agricultura Familiar; As ações serão orientadas, priorizando formas alternativas de desenvolvimento conforme os princípios de uma economia ética e solidária e a educação do campo;

11 EIXOS DE AÇÕES ARTICULAÇÃO – Articulação de políticas e apoio aos processos de organização da educação do campo baseada na produção e comercialização de produtos de originado do setor primário; ASSOCIATIVISMO – Apoio às experiências associativas de produção e comercialização. Das associações regularizadas e em andamento e a proposta de se trabalhar diversas cooperativas de acordo com as aptidões dos núcleos de produção agrícola e pluriativo na educação formal do campo apoiada no saber e fazer local; INFORMAÇÃO – Mapeamento e articulação interinstitucional (governamental e não governamental) de experiências e políticas de apoio à produção e comercialização;

12 EIXOS DE AÇÕES CAPACITAÇÃO – Formação de capacidades locais, para tanto utilizando se da educação do campo, com seus saberes e fazeres locais, priorizando a Prefeitura e seus núcleos/pólos já identificados e mapeados; PROMOÇÃO – Promoção da agricultura familiar e seus produtos na região, no Estado e no Brasil. Por intermédio da educação do campo e da EFA. INFRA-ESTRUTURA – Apoio ao processo de estruturação de redes de negócios e serviços à produção e comercialização entre as EFAs.

13 PROGRAMAÇÃO DO CURSO – 40 HORAS (PRESENCIAIS) 20 HORAS DE CAMPO. 1 – Educação do campo – Alternativa para o ensino rural – conceitos, histórico e experiências exitosas e Territorialidade e a Educação do Campo – 10 hs/a. 2 – Pedagogia de Alternância e a Educação do Campo – 10 hs/a. 3 – Gestão Política e Administrativa das Escolar do Campo – 10 hs/a 4 - Etapas e Passos do Planejamento Sustentável e Diagnóstico participativo – 04 hs/a 5 - Elaboração de Projetos Pedagógicos – 06 hs/a 6 - Aspectos Gerais da Agricultura Familiar - Métodos e Culturas Alternativa - Noções Gerais de Sustentabilide Ambiental – 10 hs/a 7 – Oficina de Avaliação e de Constituição de um Plano de Trabalho para Implantação da escola em SERRA BRANCA – 10 hs.

14 ACÁCIA CONSULTORIA AGRICULTURA FAMILIAR, PLANIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL E EDUCAÇÃO DO CAMPO PELA ATENÇÃO OBRIGADO Eng.Agr.Prof.Dr.Medson Janer da Silva


Carregar ppt "ESTADO DA PARAÍBA MUNICÍPIO ENVOLVIDO NA DISCUSSÃO DO PROGRAMA DE DESENVOLVIMENTO LOCAL, AGRICULTURA FAMILIAR E EDUCAÇÃO DO CAMPO MUNICÍPIO DE SERRA BRANCA."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google