A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

V Jornada EJA Trabalhadores Espaços/tempos do trabalho de produzir a vida associativamente: tensões entre formação ético-política e formação técnico-produtiva.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "V Jornada EJA Trabalhadores Espaços/tempos do trabalho de produzir a vida associativamente: tensões entre formação ético-política e formação técnico-produtiva."— Transcrição da apresentação:

1 V Jornada EJA Trabalhadores Espaços/tempos do trabalho de produzir a vida associativamente: tensões entre formação ético-política e formação técnico-produtiva Lia Tiriba - UFF

2 Cadernos EjaEcosol incubadoraecosol.wordpress.com/cadernosejaecosol / incubadoraecosol.wordpress.com/cadernosejaecosol /

3 – Em substituição à sociedade produtora de mercadorias, a PRODUÇÃO ASSOCIADA representa a unidade básica da sociedade dos produtores livres associados - fundada na propriedade e posse coletiva dos meios de produção e na distribuição igualitária dos frutos do trabalho. Na perspectiva do materialismo histórico, o termo produção, no caso produção associada, diz respeito à TOTALIDADE dos processos de criação e recriação da realidade humano-social.

4 A historicidade da categoria produção associada trabalho associado - produção coletiva sociedades cooperativas - assoc. cooperativa O trabalho associado, que maneja suas ferramentas com a mão hábil e entusiasmada, espírito alerta e coração alegre representa a negação do trabalho assalariado (Marx)

5 A classe se delineia segundo o modo como homens e mulheres vivem suas relações de produção e segundo a experiência de suas situações determinadas, no interior doconjunto de suas relações sociais, com a cultura e as expectativas a eles transmitidas e com base no modo pelo qual se valeram dessas experiências em nível cultural. (Thompson. Algumas observações..., 2010)

6 Espaços/tempos do trabalho de produzir a vida associativamente a)Espaços/tempos da atual crise do capital e do trabalho assalariado, nos quais as estratégias associativas de trabalho e de sobrevivência se configuram como parte integrante da economia solidária; a)Espaços/tempos revolucionários - quando são produzidas mudanças estruturais na sociedade, verifica-se a dualidade de poderes ou o confronto entre capital e trabalho se manifestam por meio de revoltas e rebeliões ; b)Espaços/tempos das culturas milenares das comunidades e povos tradicionais (indígenas, caiçaras, quilombolas, pantaneiras... )

7 Saberes do trabalho associado: formação técnico-produtiva e/ou formação ético-política? O conhecimento de terrenos, edifícios, propriedades, automóveis e participações financeiras outras empresas e das relações da empresa com outros do mesmo grupo econômico, com vistas a definir o que foi adquirido pela empresa (...) O conhecimento da idade das máquinas, de forma a evitar que o equipamento obsoleto continue a funcionar, implicando aumento da produção, substituindo-o logo que possível por máquinas que correspondem á evolução Tecnológica e às necessidades da empresa. A verificação da existência de matérias-primas de origem nacional que podem ser utilizadas para substituir matérias-primas até então importadas, e também a procura de outros mercados de substituição para não se depender de um pequeno grupo de países capitalistas.

8 Verificação da organização da produção de forma a combater os tempos mortos, eliminar os desperdícios, compensar e aproveitá- los, bem como os gastos excessivos de energia e matérias-primas que, a conseguir, se melhorará a situação econômica da empresa. O ultrapassar dos limites e especificação imposto pelo patronato de forma a permitir um conhecimento mais amplo do processo produtivo, o que, não quer dizer deixar para trás o aperfeiçoamento Técnico e individual. O estudo da resolução dos passivos financeiros, a forma como era utilizada pelo capital para desviar a mais valia das empresas que não devem ser os Trabalhadores a pagar as conseqüências que se podem traduzir no aumento dos preços. O estudo dos orçamentos que correspondem ao seu custo real, de forma a evitar a sabotagem.

9 O modo de ser do novo intelectual não pode mais consistir na eloquência, motor exterior e momentâneo dos afetos e das paixões, mas num imiscuir-se ATIVAMENTE na vida prática, como construtor, organizador, persuasor permanente, já que não apenas orador puro _ e superior, todavia ao espírito matemático abstrato; da técnica trabalho, eleva-se à ciência técnica e à concepção humanista da história, sem a qual se permanece especialista e não chega a ser dirigente (especialista + político). Os intelectuais e a organização da cultura Antonio Gramsci


Carregar ppt "V Jornada EJA Trabalhadores Espaços/tempos do trabalho de produzir a vida associativamente: tensões entre formação ético-política e formação técnico-produtiva."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google