A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Colégio Elisa Andreoli Serviço de Psicologia Escolar Projeto de Orientação Profissional Tema FamíliaX Escolha Profissional.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Colégio Elisa Andreoli Serviço de Psicologia Escolar Projeto de Orientação Profissional Tema FamíliaX Escolha Profissional."— Transcrição da apresentação:

1 Colégio Elisa Andreoli Serviço de Psicologia Escolar Projeto de Orientação Profissional Tema FamíliaX Escolha Profissional

2 Filosofia do adolescente 16 e 17 anos Independência e consciência própria alcançam equilíbrio e compreensão superior. O adolescente reconhece as leis que regem seus direitos e deveres. O trabalho desperta interesses.

3 Filosofia do adolescente 16 e 17 anos Há necessidade de aprender a administrar o próprio dinheiro. Nessa idade já se revelam os gastadores dos econômicos. A moral do adolescente é pessoal, admite os princípios e os valores morais da família e da igreja, mas o aquilo que é importante é o que ele pensa.

4 Filosofia do adolescente 16 e 17 anos Existe, às vezes um grande domínio do grupo, maior que a família. Pode até ser verdadeiro, porém muda para se adequar às sugestões do grupo. Prefere a companhia de amigos à família. Não significa menor afeto à família, porém, necessita firmar a sua personalidade com o objetivo de conquistar maior experiência social e humana.

5 Filosofia do adolescente 16 e 17 anos O esclarecimento firme, autêntico e inteligente de um adulto pode exercer forte influência. Já tem presente que o tempo deve ser administrado e que isto é uma questão de ordem, disciplina e educação.

6 Personalidade Já conquistou sua liberdade e sabe administrá-la. O desenvolvimento intelectual e emocional levam-no a ver os fatos com bom senso e realismo. Tem capacidade para analisar a realidade moral com sensatez, compreensão e tolerância.

7 Personalidade Já conquistou sua liberdade e sabe administrá-la. O desenvolvimento intelectual e emocional levam-no a ver os fatos com bom senso e realismo. Tem capacidade para analisar a realidade moral com sensatez, compreensão e tolerância.

8 Personalidade Nessa idade o adolescente é independente. O sentido de independência é espontâneo e traz como conseqüência, maior segurança, os atritos com os pais já diminuem e a frase freqüente é: não te preocupes comigo.

9 Personalidade Percebe que a sua felicidade está relacionada com as pessoas que a cercam (pais, parentes, amigos) O período de 16 a 21 anos é o que se chama de pré-adulto, fase final de formação da pessoa humana. É a idade de pensar na futura profissão.

10 Adolescente e a escolha O período da escolha profissional é uma fase crítica e importante na vida das pessoas e quem procura a orientação são geralmente os adolescentes que estão abertos para discernir a possibilidade e a necessidade de tomar decisões.

11 O adolescente e a escolha A escolha profissional é um processo contínuo. Escolher implica escolher um estilo de vida. Escolher significa saber perder, saber ganhar, renunciar, selecionar..Supõe conflitos, gera ansiedades, pressupõe elaboração de mudanças e lutos.

12 O adolescente e a escolha Leventus ( 1997) traça um paralelo entre os lutos básicos da adolescência: luto pelas perdas profissionais fantasiadas. luto pela perda dos pais da infância. luto pelo corpo do adolescente luto pelas identificações profissionais que abandona. luto pelo papel e pela identidade adolescente.

13 A adolescência e a escolha Escolher implica uma dimensão temporal. Escolher implica enfrentar inseguranças e medos: medo de errar, de fracassar, de ter que mudar..

14 A família é o alicerce do ser humano É na família que toda criança se identifica, se estrutura, se constitui e se constrói como pessoa. Portanto, também as concepções de trabalho, de estudo, de profissões estão aí incluídas.

15 A família é o alicerce do ser humano Segundo Soares ( 2002) os pais constroem projetos para o futuro de seus filhos, desejam que eles correspondem à imagem projetada. Incentivo de certos comportamentos e corrigir outras iniciativas. Formação de hábitos e interesses. Cria autoconceitos, opiniões expressas de forma explícita, implícita, sutil, direta e indireta (o filho escuta e vê dentro de casa, através de imagens, palavras, gestos, conceitos construídos a partir dos pais, parentes...).

16 Bibliografia: Autores consultados: 1. Lamare, Rinaldo de 2. Soares, Dulce 3. Leventus 4. Revista Cidade Nova (seção- psicologia)

17 Produção Texto : Emi Montagem : Manuella Souza Ouriques


Carregar ppt "Colégio Elisa Andreoli Serviço de Psicologia Escolar Projeto de Orientação Profissional Tema FamíliaX Escolha Profissional."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google