A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Teorias construtivistas Grande parte da produção e do debate sobre aprendizagem gira em torno do Construtivismo.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Teorias construtivistas Grande parte da produção e do debate sobre aprendizagem gira em torno do Construtivismo."— Transcrição da apresentação:

1 Teorias construtivistas Grande parte da produção e do debate sobre aprendizagem gira em torno do Construtivismo

2 Através das obras de Jean Piaget, o construtivismo se destacou no Brasil; Sua psicologia poderia ser mais aproveitada pelos pedagogos, mas eles estavam comprometidos com a escola nova.

3 Piaget reforça a frase aprender - a – aprender e propõe aos professores que sejam pesquisadores.

4 Construtivismo: parte da tentativa de superação das teorias Empiristas e Inatismo, onde é enfatizado pela interação Sujeito com o Objeto para construção do conhecimento

5 Sócio – Interacionista: Parte da interação com o meio (o social com o individuo)

6 Para Vygotsky questão central é aquisição de conhecimentos pela interação do sujeito com o meio; Acredita que o professor deva partir do que os alunos já compreendem para melhorar competência e o conhecimento.

7 Vygotsky: Buscando resposta para psicologia, elaborou teoria de desenvolvimento intelectual com resultado do processo sócio-histórico que enfatiza papel da linguagem e aprendizagem.

8 Postura do professor construtivista em relação a Macedo: Professor tem possuir espírito de novidade, criatividade. Aprofundar mais seus conhecimentos, mudando forma de ensinar.

9 Ambiente construtivista em relação a Vieira: Deve permitir interação do objeto de estudo à realidade do sujeito; Estimular e desafiar permitindo seu desenvolvimento

10 Construtivismo: cabe ao professor favorecer atividades desafiadoras aos alunos, objetivo de promover a descoberta e a construção do conhecimento.

11 O professor cria situações para que os alunos aprenda, mas jamais saberá o que os alunos construíram em sua mente. Autora: Marilda Gonçalves ( Valorização ou Esvaziamento do Professor)

12 Conceito Duarte: É mais importante para o aluno desenvolver seu próprio método para a construção do conhecimento do que aprender os conhecimentos elaborados por outras pessoas

13 O mais importante para o professor construtivista em relação a seu trabalho: É sua capacidade de aceitar que não é mais o centro do ensino e da aprendizagem

14 Piaget ( ) Nasceu na Suíça; Embora não fosse pedagogo, influenciou pedagogia do século XX; Descreve a construção do real na criança com os processos desenvolvimento mental pelos estágios.

15 Sensório – motor ( anos) Limita-se aos exercícios inatos; Quatros estágios. Primeiros hábitos motores; Prática anterior a linguagem.

16 Pré – Operatório ( Intuitivo) 2-7 anos Entendendo a realidade;

17 Operações Concretas (7-12 anos) Começo da lógica; Operações intelectuais e mental

18 Operações Formais ou Abstratas (12 anos em diante) Formação da personalidade; Adolescência.

19 Contribuição Piaget para Pedagogia: até hoje é inestimável, pois suas indicações sobre os estágios serve para ensinar determinados conteúdos as crianças sem desrespeitar suas reais possibilidades.

20 Emilia Ferreiro: Argentina; Estudou na suíça com Piaget; Procura evitar o adultocentrismo.

21 Muitos educadores explicam o insucessos na alfabetização pelas insuficiência dos mestres, dos métodos e materiais didáticos;

22 Emilia Ferreiro: Identificou antes da criança iniciar ensino formal, elas constroem interpretações que não dependem da interferência de um adulto e não deve ser entendidas como confusões.

23 Garatujas: Não são simples rabiscos Professor deve observar o que o aluno já sabe e estar atento para identificar como o aluno interpreta seus sinais, e não o que escola pense sobre ele.

24 Garatujas

25

26 Emília Ferreiro diz: É necessário imaginação pedagógica para dar às crianças oportunidades ricas e variáveis de interagir com a linguagem escrita. É necessário formação pedagógica para compreender as respostas e as perguntas das crianças. É necessário entender a aprendizagem da linguagem escrita é muito mais que a aprendizagem de um código de transcrição: é a construção de um sistema de representação.

27 Vygotsky ( ): Nasceu na Rússia; Critico das tendências naturalista e Principalmente Behaviorismo.

28 Ao analisar os fenômenos da linguagem e do pensamento busca compreendê-los dentro do processo sócio –histórico como internalização.

29 Apartir da Internalização chama-se atenção para o conceito de Zona de Desenvolvimento Proximal.

30 Segundo Vygotsky para atingir o nível superior da reflexão e do conhecimento o homem começa com as interações sociais cotidianas desde as atividades práticas da criança até formulação de conceitos.

31 Além dos teóricos analisados, desta-se a contribuição do medico neurologista e psicólogo francês Henri Wallon.

32 Vantagens da Teoria Construtivista é que o Individuo e a Sociedade tem maior chance de superar as teorias inatismo e empirismo e as teorias tradicionais.

33 Concepção de uma Inteligência Dinâmica não se separa da Afetividade que corresponde melhor a um tipo de aprendizagem.

34 Com a rapidez das mudanças tecnologia o trabalho manual exige que o trabalhador possua um comportamento baseado nas atividades intelectuais.


Carregar ppt "Teorias construtivistas Grande parte da produção e do debate sobre aprendizagem gira em torno do Construtivismo."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google