A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Epidemiologia do Diabetes Mellitus Apresentado por : Maria Aparecida de Queiroga Milagres Vieira Nut 642 - Epidemiologia Nutricional.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Epidemiologia do Diabetes Mellitus Apresentado por : Maria Aparecida de Queiroga Milagres Vieira Nut 642 - Epidemiologia Nutricional."— Transcrição da apresentação:

1 Epidemiologia do Diabetes Mellitus Apresentado por : Maria Aparecida de Queiroga Milagres Vieira Nut Epidemiologia Nutricional

2 Histórico Doença tão antiga como a própria humanidade (Augusto et al. 1995; Arduíno 1979) - Papiro de Ebers : já fazia referência à doença. - Aretaeus ( 30 a 90 anos a.C.) criou a palavra diabetes : Dia - betes = passar através (Arduíno,1979; Costa & Neto, 1992)

3 Primeira descrição clínica (Aretaeus) :... derretimento da carne e membros em urina. (Costa & Neto, 1992) - Século III d.C. ao VI d.C. : Vedas ( livros sagrados da Índia) foi descrita a condição com poliúria e urina doce. (Costa & Neto, 1992) - Willis (1674) :... como se a urina fosse embebida com mel e açúcar. Nome Diabetes Mellitus foi estabelecido (mellitus = mel) (Costa & Neto, 1992)

4 Conceito: Diabetes Mellitus compreende um grupo heterogêneo de desordens caracterizadas por altos níveis de glicose sangüínea. (Costa & Neto, 1992; Harris,1995) É uma síndrome de etiologia múltipla, decorrente da falta de insulina (deficiente produção pelo pâncreas) e/ou incapacidade da insulina de exercer adequadamente seus efeitos. (CBD, 2000; NDIC, 1999) É uma doença crônica que se caracteriza por hiperglicemia conseqüente a anormalidades no metabolismo de carboidratos, proteínas e lipídeos. (Freitas & Cardoso, 1995; CBD, 2000)

5 Conseqüências a longo prazo: - Danos, disfunção e falência de vários órgãos ( rins, olhos, nervos, coração e vasos sangüíneos). (CBD, 2000; Freitas & Cardoso, 1995) - Associada com várias complicações e morte prematura. (Harris, 1995)

6 Custos com Diabetes Mellitus: EUA (1997): - $ 98 bilhões totais ( diretos e indiretos). (NDIC, 1999) - Três vezes maior que pessoas não diabéticas Custo por pessoa em três anos : U$ 10,500. (WHO,2000)

7 Classificação : Quadro 1 - Classificação do diabetes mellitus

8 Diagnóstico: Tabela 1 - Valores de glicose plasmática (em mg/dl) para diagnóstico de diabetes mellitus e seus estágios pré clínicos

9 Fatores de Risco: Quadro 2 - Fatores de risco para o diabetes mellitus

10 8 - Importância em Saúde Pública: - Alta prevalência. (CBD, 2000) - Associação a complicações que comprometem a produtividade, qualidade de vida e sobrevida. (CBD,2000) - Atualmente é considerada uma pandemia com tendência ascendente. (Salazar et al. 1998)

11 Epidemiologia do Diabetes Mellitus:

12 Figura 1 - Estimativa do diabetes mellitus por região. (WHO, 2000) Ano Número de Casos África Américas Mediterrâneo Oriental Europa Sul-Leste da Ásia Pacífico Ocidental

13 Número de casos Ano Figura 2 - Estimativa de diabetes mellitus na população mundial. (WHO, 2001)

14 Número de casos Ano Figura 3- Estimativa do diabetes mellitus em países desenvolvidos e em desenvolvimento. (WHO, 2001)

15 0,16 8,2 18, Prevalência Abaixo de 20 anos20 a 65 anosAcima de 65 anos Figura 4- Prevalência de diabetes mellitus por idade na população mundial. ( WHO, 2001 )

16 8, Prevalência MasculinoFeminino Sexo Figura 5 - Prevalência de diabetes mellitus por sexo na população mundial. (WHO, 2001)

17 Figura 6 - Prevalência de diabetes mellitus na população mundial de 20 a 79 anos de idade. (WHO, 2001) 0,19 0,03 0,08 0,11 0,25 0,02 0,11 4,71 3,57 5,22 3,59 7,55 1,18 7,59 4,90 3,60 5,30 3,70 7,80 1,20 7,70 África Leste Mediterrâneo e Oriente Médio América do Norte América do Sul e América Central Sudeste Asiático Oeste do Pacífico Europa Total Tipo 2 Tipo 1

18 Epidemiologia do Diabetes Mellitus:

19

20 2,70 5,52 12,66 17,43 0,00 5,00 10,00 15,00 20,00 Prevalência anos anos anos anos Figura 8 - Prevalência de Diabetes Mellitus, por grupo etário, na população brasileira de 30 a 69 anos. ( SBD, 2001) Faixa Etária

21 Figura 9 - Pacientes diabéticos previamente diagnosticados na população brasileira de 30 a 69 anos segundo o tipo de tratamento. SBD (2001) Nenhum 23% Apenas Dieta 29% Hipoglicemiante Oral 41% Insulina 7%

22 Figura 10 - Distribuição dos diabéticos na faixa etária de 30 a 69 anos, segundo o conhecimento prévio da doença 10%20%30%40%50%60%70% Belém Brasília Fortaleza João pessoa Porto Alegre Recife Rio de Janeiro Salvador São Paulo % Desconhecidos % Previamente Conhecidos

23 BrancosNão Brancos Figura 11 - Coeficientes brutos de prevalência de diabetes na população brasileira de anos, segundo a cor 7,77 % 7,31 %

24 Figura 12 - Prevalência de diabetes na população brasileira de 30 a 69 anos, segundo o nível de escolaridade MaiorMenor 7,31 % 7,22 %

25 Figura 13- Prevalência de diabetes auto referido e obtida no inquérito na população brasileira segundo grupos etários Auto referida Obtida no inquérito < 30 anos 30 a 69 anos 11,58 % 7,57 % 0,10 % 3,22 % > 70 anos

26 Epidemiologia do Diabetes Mellitus:

27 Campanha de Detecção de Suspeitos de Diabetes Mellitus (2001) Dados Parciais: Exames em : 850 municípios Até final de abril: avaliados (17,1% do total) Casos suspeitos: (13,6 %) Fonte: Coordenadoria de Doenças Crônicas não Transmissíveis do Estado de Minas Gerais

28 Epidemiologia do Diabetes Mellitus:

29 Campanha Anual no Dia Mundial do Diabetes ( 14 de novembro) Realizado pela Secretaria Municipal de Saúde de Viçosa Público Alvo: Grupo de risco Em testes 5 novos casos detectados Fonte: Secretaria Municipal de Saúde - Viçosa MG

30 Realizado pela Secretaria Municipal de Saúde de Viçosa Público Alvo: População acima 40 anos Locais de realização: Unidades de Saúde de Viçosa Centro de Saúde da Mulher e da Criança; Policlínica; PSF ( Nova Viçosa, Amoras, Cachoeirinha) Posto de Saúde ( São José Triunfo, Silvestre, Novo Silvestre) Fonte: Secretaria Municipal de Saúde - Viçosa MG Campanha de Detecção de Suspeitos de Diabetes Mellitus (2001)

31 Figura 14 - Freqüência de diabetes na população de Viçosa com idades 40 anos em % 7% 2% Glicemia Normal e Pressão Arterial Normal Glicemia Anormal e Pressão Arterial Normal Glicemia Anormal e Pressão Arterial Elevada

32 Conclusão: Devido à alta prevalência de Diabetes na população em geral, torna-se evidente a necessidade de traçar políticas de promoção, prevenção e manutenção do estado nutricional da população para reverter este quadro. Lembrando que a Epidemiologia Nutricional é um ramo da epidemiologia que estuda o indivíduo e a população, buscando explicar a ocorrência de doenças e sua relação com a dieta.

33 ...Se quiser viver muito, contraia uma doença crônica e cuide bem dela... Sir William Osler

34 ... é melhor prevenir do que remediar...

35 DÚVIDAS?


Carregar ppt "Epidemiologia do Diabetes Mellitus Apresentado por : Maria Aparecida de Queiroga Milagres Vieira Nut 642 - Epidemiologia Nutricional."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google