A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Português: uma língua capital exilada num lugarejo insignificante Por Belmira Perpétua Jornalista.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Português: uma língua capital exilada num lugarejo insignificante Por Belmira Perpétua Jornalista."— Transcrição da apresentação:

1 O Português: uma língua capital exilada num lugarejo insignificante Por Belmira Perpétua Jornalista

2 Tópicos Origem da Língua Portuguesa (elementos históricos) Importância do Português (presença no mundo em termos de locutores, da sua utilização na cena política internacional e na realidade lusófona) Português, língua internacional? (sim, pelas razões invocadas nos dois pontos anteriores) Situação real do Português no mundo, principalmente em Montreal (língua que não tem o lugar que lhe é devido) A Língua Portuguesa: uma questão de Estado? (defesa da Língua Portuguesa, iniciativas governamentais para promovê-la, protegê-la e difundi-la)

3 Resumo A Língua Portuguesa que já foi língua franca é hoje uma língua internacional, falada por mais de 200 milhões de locutores espalhados pelos quatro cantos do planeta. O Português, a terceira língua mais falada no mundo ocidental e a sexta mais falada mundialmente, é língua oficial de oito países e língua de trabalho em dez Organizações Internacionais. Apesar destes dados relevantes a língua do Prémio Nobel de 1998, José Saramago, é relegada para uma posição insignificante na cena internacional, muito por culpa dos governos dos países lusófonos que integram a CPLP (Comunidade dos Países de Língua Oficial Portuguesa), de Portugal e,genericamente, dos próprios lusófonos. Quer-nos parecer que, se o Português não tem o lugar que lhe é devido nas paisagens linguística e literária mundiais, isso se deve ao abandono e ou ao desleixo a que tem sido votada por professores, políticos, linguistas, etc que defendem, a propósito da inevitabilidade de ser suplantada pelo Inglês, não haver nada a fazer, para a defender e promover. Com falantes que lhe incorporam estrangeirismos, com representantes governamentais e outras pessoas com autoridade e responsabilidade que não a defendem nem promovem, permitem que vários actores da cena internacional a pisem na maior das impunidades. Que há-de ser da Língua Portuguesa no século XXI com tão tristes (ir)responsáveis?


Carregar ppt "O Português: uma língua capital exilada num lugarejo insignificante Por Belmira Perpétua Jornalista."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google