A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Expressão Plástica Luz / Cor. Não podemos falar de cor sem falar de luz. A luz é um elemento essencial na caracterização da cor. Luz Tudo à nossa volta.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Expressão Plástica Luz / Cor. Não podemos falar de cor sem falar de luz. A luz é um elemento essencial na caracterização da cor. Luz Tudo à nossa volta."— Transcrição da apresentação:

1 Expressão Plástica Luz / Cor

2 Não podemos falar de cor sem falar de luz. A luz é um elemento essencial na caracterização da cor. Luz Tudo à nossa volta é colorido. As árvores, as casas, o céu, as pessoas, tudo tem cor e cores diferentes. E só as podemos ver porque existe luz. Se fechares os olhos o que acontece? – A cor desaparece! A luz do Sol modifica-se constantemente, ao longo do dia, a aparência daquilo que nos rodeia.

3 Nesta imagem podemos verificar que, nas zonas de menos luz, vemos com maior dificuldade a cor e a forma das coisas.

4 Luz A luz branca do Sol (luz natural) ou a de uma lâmpada eléctrica (luz artificial) ao atravessar as gotas de água num dia de chuva desdobra-se em sete cores vermelho, magenta, alaranjado, amarelo, verde, azul indigno e violeta, formando o a aa arco-íris.

5

6 Cor - Pigmento A tinta é um pó a que chamamos pigmento. Os primeiros pigmentos usados pelo homem primitivo para decorar as suas cavernas (abrigos) eram obtidos a partir de plantas e minerais, que eram esmagados e misturados com gorduras animais, conseguindo-se produzir uma grande gama de cores. Hoje encontramos muita variedade de pigmentos, obtidos a partir de produtos químicos, plantas…

7 A cor é um elemento fundamental na percepção do mundo que nos rodeia e na linguagem visual, tem influência na definição das formas e texturas, cria ambientes e transmite sensações. Na natureza as variações cromáticas ajudam-nos a perceber as estações do ano, a hora do dia ou até mesmo o estado do tempo. Cor

8

9 Na variedade da paisagem urbana, nos cartazes, reclames luminosos ou nos sinais de trânsito, a cor é usada para chamar a atenção e ajudar a transmitir determinada mensagem.

10 Cores Primárias Com base em estudos de decomposição da luz, chegou-se à conclusão que há cores que se conseguem obter pela mistura de outras e outras que não, existem sozinhas, só por si – c cc cores primárias – não derivam de nenhuma outra. Só há três cores primárias: o m mm magenta, o a aa amarelo e o a aa azul ciano.

11 MAGENTAAZULCIANO AMARELO

12 Cores Secundárias As cores secundárias obtêm-se misturando as cores primárias duas a duas em partes iguais. LARANJA VERDEVIOLETA

13 MAGENTA MAGENTA AMARELO AMARELO AZULCIANO AZULCIANO LARANJA VIOLETA VERDE = = =

14 Cores Intermédias As cores intermédias ou terciárias resultam da combinação das cores primárias em diferentes proporções. Ex.: Ex.: Se misturares duas partes de azul com uma parte de amarelo obténs um verde diferente do verde secundário e de tonalidade mais próxima do azul. + =

15 Círculo Cromático O círculo cromático permite-nos observar as cores primárias e secundárias. Podemos também ver que as cores secundárias apresentam uma variação, obtendo novas cores – cores intermédias.

16 Cores Complementares No círculo de cores cada cor primária tem uma secundária que lhe é oposta. Estas cores quando próximas umas das outras parecem mais fortes – têm uma relação de contraste. Magenta – Verde Laranja – Azul Amarelo – Violeta Observando o círculo cromático podemos identificar que as cores complementares se encontram diametralmente opostas.

17 Cores Complementares

18 Simbologia da cor A cor também funciona como código. Isto é permite comunicar mensagens que a todas as pessoas, que conheçam esse código, interpretam da mesma maneira. Um exemplo do uso da cor como código são os sinais utilizados nas regras de trânsito. Todos sabemos que ao vermelho paramos, que o amarelo indica precaução e o verde permite-nos avançar.

19 Perigo, Agressividade, Alegria Prudência Esperança, Segurança, Frescura Pureza, Paz Luto Tristeza Tranquilidade

20 Cores quentes As cores quentes identificam-se com o fogo – encarnados, laranjas e amarelos. Transmitem sensações de alegria e parece que se aproximam de nós.

21 Cores frias As cores frias – verdes, azuis e violetas transmitem-nos sensações de frescura e de repouso. Parecem- nos distantes.

22 Cores neutras As cores neutras compreendem o branco e o preto e toda a gama de cinzentos. Se misturarmos o branco ou o preto a uma cor alteramos a sua luminosidade. Com o branco a cor torna-se mais clara (luminosa), enquanto que com o preto fica mais escura (saturada).

23 Harmonia da Cor Podemos dizer que há harmonia da cor quando as cores em conjunto são agradáveis e têm o mesmo valor. Harmonia significa equilíbrio.

24 Contraste da Cor contraste de tonalidade Chamamos contraste de tonalidade quando duas cores muito vivas estão próximas. contraste de qualidade Chamamos contraste de qualidade à oposição entre uma cor luminosa e uma cor saturada. contraste de intensidade Consideramos contraste de intensidade quando duas cores, uma muito clara e outra muito escura, estão muito próximas.


Carregar ppt "Expressão Plástica Luz / Cor. Não podemos falar de cor sem falar de luz. A luz é um elemento essencial na caracterização da cor. Luz Tudo à nossa volta."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google