A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Responsabilidade Socioambiental | Extensão O compromisso da FCMS/JF – Suprema e do HMTJ com a melhoria da qualidade de vida da comunidade de Juiz de Fora.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Responsabilidade Socioambiental | Extensão O compromisso da FCMS/JF – Suprema e do HMTJ com a melhoria da qualidade de vida da comunidade de Juiz de Fora."— Transcrição da apresentação:

1 Responsabilidade Socioambiental | Extensão O compromisso da FCMS/JF – Suprema e do HMTJ com a melhoria da qualidade de vida da comunidade de Juiz de Fora

2 Responsabilidade Socioambiental pode ser definida como "o compromisso permanente dos empresários de adotar um comportamento ético e contribuir para o desenvolvimento econômico, melhorando, simultaneamente, a qualidade de vida de seus empregados e de suas famílias, da comunidade local e da sociedade como um todo. (World Business Council for Sustainable Development – WBCSD) Pode ser entendida também como um sistema de gestão adotado por instituições públicas e privadas, que tem por objetivo promover a inclusão social (Responsabilidade Social) e o cuidado ou conservação ambiental (Responsabilidade Ambiental).

3 Corresponde a um compromisso das empresas em atender à crescente conscientização da sociedade. Diz respeito à necessidade de revisar os modos de produção e padrões de consumo vigentes, de tal forma que o sucesso empresarial não seja alcançado a qualquer preço, mas ponderando-se os impactos sociais e ambientais conseqüentes da atuação administrativa da empresa. Na Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de Juiz de Fora – Suprema e no Hospital e Maternidade Therezinha de Jesus – HMTJ, a Responsabilidade Socioambiental é colocada em prática através da Extensão Universitária.

4 A Extensão Universitária ou Acadêmica é uma ação de uma universidade ou faculdade junto à comunidade, disponibilizando ao público externo o conhecimento adquirido com o Ensino e a Pesquisa desenvolvidos. A idéia de extensão está associada à crença de que o conhecimento gerado pelas Instituições de Ensino e Pesquisa deve necessariamente possuir intenções de transformar a realidade social, intervindo em suas deficiências, e não se limitando apenas à formação dos estudantes regulares daquela instituição.

5 No Brasil, a Extensão é um dos pilares do ensino superior, conjuntamente com o Ensino e a Pesquisa, conforme disposto na Constituição Federal. Os três ramos acadêmicos são indissociáveis: eles se complementam na medida em que a Extensão fornece material para a Pesquisa e campo para o Ensino, mas além disto forma cidadãos. Conheça agora os diversos projetos e atividades de Extensão Acadêmica voltados para o compromisso socioambiental com a comunidade juizforana, desenvolvidos por docentes e acadêmicos da FCMS/JF – Suprema e do HMTJ.

6 Abordagem Intensiva ao Fumante/ Controle de Tabagismo Coordenação: Izabella Liguori Corsino (Coordenadora do Serviço de Psicologia Hospitalar do HMTJ). O Curso de Abordagem Intensiva ao Fumante do HMTJ oferece tratamento para a cessação do hábito de fumar, através da abordagem cognitivo-comportamental e medicamentosa, reduzindo risco de doenças tabaco-relacionadas no município.

7 Ação Social: Avaliação Postural Coordenação: prof. Ms. Adeir Moreira Rocha Júnior (Fisioterapia). Grande parte da população sofre de disfunção postural, apresentando dificuldade de realizar as atividades diárias e laborais. Isto afeta, de forma importante, a qualidade de vida. A partir desta constatação, foi realizada uma Ação Social no Calçadão, com avaliações posturais com orientações ergonômicas. Os estudantes de Fisioterapia realizaram anamnese e avaliação postural, e em seguida forneceram orientações ergonômicas individualizadas, com folhetos de divulgação.

8 Ação Social: Diagnóstico de Câncer de Boca Coordenação: prof. Dr. Rodrigo Guerra de Oliveira (Odontologia). Em ação no Calçadão, os acadêmicos de Odontologia realizaram exame clínico da cavidade oral e triagem dos pacientes diagnosticados positivamente, para encaminhamento ao HMTJ, a fim de dar uma condução adequada ao caso. A campanha objetivou não só para contribuir no diagnóstico, mas também esclarecer a população sobre os fatores de risco envolvidos em todo o processo.

9 Ações de Prevenção e Promoção da Saúde Coordenação: profª Ms. Maria das Graças Fonseca (Enfermagem). Acadêmicos de Enfermagem participam de Ações de Prevenção e Promoção da Saúde, no Calçadão de Juiz de Fora. São realizadas aferição de pressão arterial, distribuição de folderes, orientação sobre a importância da prevenção de câncer, distribuição de preservativos, entre outras medidas educativas, sobre diversos assuntos de saúde, para públicos variados (mulheres, idosos, crianças, etc.).

10 Ações Educativas/Sociais do Programa Integrador Coordenação: prof s Antônio Godinho e Fernando Farah (Enfermagem). O Programa Integrador é um dos componentes centrais da estrutura curricular de nossos cursos, visando à indissociabilidade entre teoria e prática, à integração da Faculdade ao meio social local e regional, bem como à integração entre os diversos acadêmicos/futuros profissionais. Constitui-se em um dos eixos básicos dos projetos pedagógicos dos cursos, articuladores do ensino, pesquisa e extensão. O PI ainda se insere no projeto mais amplo de parceria entre a Suprema e a Secretaria de Saúde, Saneamento e Desenvolvimento Ambiental da Prefeitura Municipal de Juiz de Fora. Tal projeto foi estabelecido com os objetivos de contribuir para a formação integrada de profissionais de saúde e para a melhoria do Sistema de Saúde de Juiz de Fora.

11 O PI é desenvolvido em cinco Unidades de Atenção Primária à Saúde – UAPS em diferentes regiões administrativas do município de Juiz de Fora. Sudeste: Furtado de Menezes e Vila Olavo Costa. Leste: São Benedito e Nossa Senhora Aparecida. Sul: Santa Efigênia. Em todas as UAPS é desenvolvida a estratégia de saúde da família, sendo as equipes compostas por médico, enfermeira, auxiliar de enfermagem e agentes comunitárias de saúde. Nas UAPS de Furtado de Menezes, Olavo Costa e Santa Efigênia, também faz parte da equipe a assistente social. Ações Educativas/Sociais do Programa Integrador

12 Os estudantes, em duplas, são acompanhados pelos facilitadores e profissionais das equipes, realizando visitas domiciliares. A partir dos problemas de saúde encontrados nas famílias e nas UBSs, são desenvolvidas ações educativas, voltadas para diversos públicos e utilizando ferramentas como cartazes, seminários, folhetos, teatro, passeatas; além de atendimentos à população (aferição de PA, vacinação, etc.). Ações Educativas/Sociais do Programa Integrador

13 Amamentação Suprema – A primeira demonstração de amor Coordenação: prof. José Lúcio Acácio (Enfermagem). O projeto orientou, em quatro meses, 468 puérperas sobre a importância da amamentação. Os estudantes desenvolveram habilidades para estimular e orientar a lactante sobre o aleitamento materno. O projeto contou com a participação de 26 acadêmicos, do 4º ao 6º período de Enfermagem, em escala especial, já que a ação foi desenvolvida nas férias.

14 Assistência Odontológica aos Hospitalizados HMTJ Coordenação: profª Maria do Carmo Barreto Guadalupe (Odontologia). Os pacientes internados no HMTJ contam com assistência odontológica, realizada por grupos de estudantes de Odontologia. O objetivo é promover a saúde bucal e a assistência odontológica a pacientes internados em UTI, passivos no setor de internações e aqueles impossibilitados temporariamente, bem como levar orientação aos familiares e cuidadores sobre higiene oral, inclusive para recém-nascidos. Os acadêmicos se revezam em grupos de 12 por dia de atividade hospitalar.

15 Atendimentos Odontológicos à Comunidade Coordenação: prof. Edison Stecca (Odontologia). A Clínica Escola de Odontologia da FCMS/JF – Suprema, localizada no HMTJ, desenvolve diariamente atendimento à comunidade, através de cadastro aberto, feito por ordem de atendimento e por tipo de tratamento. Preferencialmente, são atendidos pacientes do bairro Dom Bosco, por ser fácil o acesso em caso de mudança de horário ou tratamento.

16 Atlas de Histologia Dental Coordenação: prof as Maria Christina Castañon e Maria Elizabeth Martins (Odontologia). Frente à dificuldades de encontrar, nas lâminas ao microscópio, as estruturas dos tecidos indicados nas aulas, veio a ideia de localizar o melhor foco das estruturas e fotografá-las. Depois, foi realizado um resumo do livro Histologia Bucal, de A. R. Tencate, para explicar cada imagem. O resultado foi um Atlas de Histologia Dental, que pode ser acessado no site estando disponível não só parawww.suprema.edu.br a comunidade acadêmica Suprema/HMTJ, mas para quaisquer estudantes ou profissionais interessados.

17 Banco de Dentes Humanos Coordenação: profs. Alexandre Gonçalves e Dr. Rodrigo Guerra de Oliveira (Odontologia). O Banco de Dentes Humanos dispõe de todos os tipos de entes para estudo. Os dentes recebidos são limpos, esterilizados e triados, servindo à finalidade de estudo nas disciplinas Anatomia Dental, Dentística e Endodontia; e de pesquisa, por estudantes e profissionais, sejam da Faculdade ou não. Funciona no Laboratório Anatômico da FCMS, e qualquer pessoa pode doar dentes, com o preenchimento de documentação adequada.

18 Brincando e Aprendendo: Uma forma de cuidar Coordenação: profª Margareth Alves Bastos e Castro (Enfermagem). O objetivo foi implantar um processo de educação permanente em saúde para as crianças, jovens, familiares/cuidadores em tratamento oncológico, assegurando um atendimento humanizado e oportunizando uma melhor qualidade de vida. O local de aplicação é a Fundação Ricardo Moysés Júnior. São desenvolvidas atividades educativas através de vídeos, dinâmicas e palestras expositivas; e atividades lúdicas (fantoches, teatro, dinâmicas) relacionada aos temas que visem à melhor qualidade de vida do cliente em tratamento oncológico.

19 Calourada Solidária Coordenação: Vivia Castro (Parcerias/Marketing). O objetivo é permitir a integração entre calouros e veteranos de forma harmoniosa e cidadã, e também de mostrar a proposta da Faculdade: formar profissionais humani- zados e comprometidos com a comunidade e com a promoção da saúde. Em 2010, foram realizadas duas sessões de visitas ao Hemominas. Além de receberem informações sobre o funcionamento do Hemocentro e as doações, aqueles que desejarem e estiverem aptos fazem doação de sangue e inscrição para doação de medula óssea.

20 Campanha de Doação de Medula Óssea Coordenação: coordenadores dos cursos de graduação. Os acadêmicos de todos os cursos também são multiplicadores das campanhas do Hemominas (Hemocentro Regional), integrando a campanha de doação de medula óssea, com atividades de esclarecimento da população, no Calçadão da Halfeld.

21 Campanha de Prevenção de Câncer de Próstata Coordenação: prof. Newton Ferreira de Oliveira (Medicina). A Campanha de Prevenção do Câncer de Próstata é uma realização conjunta da FCMS/JF e do HMTJ, anualmente. Acadêmicos do 8º período de Medicina, divididos em grupos de aproximadamente dez estudantes, acompanham os professores nas palestras e atividades educativas realizadas nas UBSs, em cinco bairros da cidade. Em seguida, são feitos exames preventivos nos homens pre- sentes, numa média de 150 a 200 pacientes por Unidade. O HMTJ cede material para os exames.

22 Campanha de Vacinação Coordenação: profª Ms. Maria das Graças Fonseca (Enfermagem). Docentes e discentes de Enfermagem participam todo semestre das Campanhas de Vacinação. São momentos em que a comunidade FCMS tem a chance de por em dia seu calendário de vacinas, além de ter acesso a imunizações especiais, quando for o caso. Em abril de 2010, foi realizada uma campanha especial, para imunização contra o vírus H1N1 (Anti-Influenza A). Em setembro de 2010, aconteceu a IX Campanha, com imunização contra Febre Amarela, Hepatite B, Dupla Adulto e Triviral.

23 Campanha do Agasalho Coordenação: profª Luciana Cardoso (Fisioterapia e Programa Integrador). Agasalhos, sapatos e cobertores são periodicamente arrecadados por estudantes do Programa Integrador para as comunidades onde atuam. É a Campanha do Agasalho, uma iniciativa para aquecer o inverno de quem recebe a doação e o coração de quem doa. A campanha de 2010 foi realizada em prol da comunidade do bairro São Benedito, no mês de junho.

24 Campanha Educativa: Segurança no Banco de Trás Coordenação: profª Ms. Maria das Graças Fonseca (Enfermagem). Campanha educativa para o uso do cinto de segurança no banco de trás, com abordagem direta da população pelos acadêmicos, no Calçadão da Halfeld.

25 Curso de Formação de Cuidadores de Idosos Coordenação: profª Ms. Maria das Graças Fonseca (Enfermagem). Realizado pela Enfermagem no 2º semestre/2010, aberto à comunidade de Vila Ideal, semanal, de agosto a novembro, na E. M. Pref. Dilermando Cruz Filho. Esta primeira turma foi composta por 28 pessoas. Professores e estudantes da Enfermagem ministraram as aulas. O objetivo foi capacitar pessoas da comunidade para cuidar de idosos, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida dos idosos e a melhoria de emprego e renda dos interessados, além de possibilitar aos estudantes o exercício da educação em saúde.

26 Curso para Gestantes Coordenação: equipe de Ginecologia e Obstetrícia do HMTJ. O HMTJ realiza quadrimestralmente os Cursos para Gestantes, como parte integrante do Projeto Amar no Peito. O Curso é gratuito, com 80 vagas, e as futuras mamães mais carentes contam ainda com vales-transporte. As palestras objetivam à preparação das futuras mamães para a chegada do bebê: dúvidas na gestação, cuidados após o nascimento, importância dos pré-natais (inclusive odontológicos) e do aleitamento materno, comparação entre parto vaginal e parto cesáreo, entre outros assuntos.

27 Empresa Júnior IMPLANTAR, de Odontologia Coordenação: prof. Edison Stecca (Odontologia); Patrícia Santos (Diretora Presidente), Jeneffer Batalha (D. Financeira), Polyana Gouvêa (D. Recursos Humanos) e Victor Furlani (D. Marketing). A Implantar é a primeira empresa júnior de Odontologia de uma instituição particular de ensino superior do Brasil, e a quarta empresa da área no país. Trata-se de uma associação civil, sem fins lucrativos, com fins educacionais, que tem por objetivo proporcionar a inserção dos profissionais odontólogos no mercado de trabalho, e criar projetos empreendedores que sejam capazes de despertar nos alunos as capacidades de gestão, liderança e proatividade.

28 Empresa Júnior SUPERAR, de Fisioterapia Coordenação: profs. Adeir M. Rocha Jr. e Patrícia Cardoso (Fisioterapia) ; Thiago Oliveira (Diretor Presidente), Bárbara Colucci (D. Marketing), Paola Ciampi (D. Projetos), Érika Costa (D. Financeira), Dalila Valente (D. Qualidade) e Raffaela Caruso (D. RH). A Superar tem por objetivos são despertar o empreendedorismo nos estudantes, e inserir o profissional formado na Suprema no mercado de trabalho com menos competitividade. A ideia é criar projetos inovadores, diferenciados, atuando em locais em que a Suprema ão oferece estágio obrigatório e que ainda não têm acesso a esse serviço: colégios, cursinhos, acade- mias, fábricas, etc., extrapolando a clínica e o hospital.

29 Enfermagem em Cuidados Paliativos: Interface com o Cuidador Coordenação: profª Rita de Cássia Almeida Costa (Enfermagem). Voltado para cuidadores e familiares de pacientes com câncer em estágio avançado, sem possibilidade de cura, o projeto promove palestras com o objetivo prepará-los para lidar com o paciente em processo de finitude. Promove ainda a interação estudante/professor/paciente/cuidador na prática em Cuidados Paliativos.

30 Escovando, Higienizando e Promovendo a Saúde Coordenação: profª Beatriz Farah (Enfermagem/Programa Integrador). A partir de atividades educativas realizadas no Programa Integrador 5 (Olavo Costa), acadêmicos de Enfermagem estenderam as ações para o CAIC de Santa Cruz. O projeto atendeu, em sua implantação, 308 crianças, com orientações e trabalhos lúdicos abordando temas de prevenção e promoção da saúde. Foram distribuídos escovas e creme dental para todos os participantes.

31 Ginástica Laboral para Colaboradores da FCMS Coordenação: professora Karine de Souza Lopes (Fisioterapia). Estudantes de Fisioterapia, supervisionados pelos professores, desenvolvem o Programa de Ginástica Laboral. Diariamente, quinze minutos do turno dos funcionários é dedicado a exercícios de alongamento e relaxamento, respiratórios, resistidos, reeducação postural e dinâmicas de grupo. Os objetivos são promover a saúde e a consciência corporal; prevenir a fadiga muscular e as DORT`s; diminuir absenteísmo, procura ambulatorial e acidentes de trabalho; melhorar relacionamento interpessoal; aumentar disposição para trabalho e produtividade.

32 Ginástica Laboral para Colaboradores do HMTJ Coordenação: Bruna LaRocca Condé (Fisioterapeuta RT do HMTJ). O projeto de Ginástica Laboral é executado por estudantes do 8º período de Fisioterapia – Estágio em Saúde Laboral, supervisionado pela fisioterapeuta RT do HMTJ. É aberto a colaboradores de todos os setores, e o objetivo é a prevenção de doenças ocupacionais. Foram feitas avaliações dos riscos de cada setor, verificando as adaptações que podem ser realizadas para se minimizar as possibilidades de ocorrências. Os estagiários ensinam os exercícios e orientam os funcionários a repeti-los ao longo do dia.

33 Horto Piatã de Plantas Medicinais Coordenação: Prof as Leopoldina Fagundes e Glauciemar Del-Vechio (Farmácia). A FCMS está construindo o Horto Piatã de Plantas Medicinais. Trata-se de um projeto elaborado por acadê-micas de Farmacobotânica e Farmacognosia. Dispõe de centro avançado de estudos, produzindo material didático para as aulas e permitindo que os estudantes aprendam in loco; bem como viveiro para plantio, produção e estocagem de mudas de espécies medicinais. Todas as plantas são destinadas a pesquisas fitoterápicas e estudos multidisciplinares. O objetivo é conhecer não só o potencial morfoanatômico das plantas, mas, sobre- tudo, seus potenciais químicos e farmacológicos.

34 Hospital Amigo da Criança O HMTJ está em fase de implantação do projeto Hospital Amigo da Criança. Para garantir tal credenciamento, terá que passar por auditorias nas três instâncias – Municipal, Estadual e Federal, comprovando ações que valorizem a saúde da criança, desde a gestação. Principais ações desenvolvidas: Cursos para Gestantes; treinamento dos profissionais de assistência direta em aleitamento materno; treinamento e conscientização dos graduandos de Medicina e do Internato; folhetos explicativos sobre amamentação e nutrição materna e da criança; Aplicação Questionário de Auto- Avaliação dos Hospitais; ambientação do Hospital com os 10 Passos do Aleitamento Materno; criação de: Núcleo de Atenção e Incentivo ao Aleitamento Materno, Pronto- Socorro da Mama, Ambulatório de Mastite, grupos de apoio ao aleitamento materno, Cantinho do Aleitamento, ambulatórios especializados em ginecologia-obstetrícia; além de outras planejadas para implantação.

35 Hospital Amigo da Criança

36 Incentivo à Prática Desportiva Coordenação: professor Dirceu Ribeiro (coordenador de Esportes). Desde 2006, a FCMS/JF tem uma política interna de incentivo à prática esportiva, não baseada na performance ou na obtenção de títulos, mas na satisfação de nosso público. Associar os exercícios físicos à área acadêmica é favorecer a melhoria da qualidade de vida dos acadêmicos, funcionários, professores e diretores da Suprema: além de propiciar momentos de descontração, lazer e integração, também é fator importante para a saúde física e mental. São realizadas atividades externas e internas, priorizando a interação e oportunizando o contato com outras instituições de ensino de Juiz de Fora e região.

37 Multirão Suprema: Prevenção e Controle da Hipertensão Arterial e da Diabetes Coordenação: prof as Mariângela Figueiredo e Rejane Guingo (Enfermagem). O número crescente de portadores de Hipertensão Arterial e Diabetes Melitus na população juizforana demanda maior circulação de informações em saúde, no sentido de prevenir as doenças e promover qualidade de vida. Os usuários das UBSs são o público alvo, e os objetivos do projeto são: identificar o perfil e o nível de conhecimento dos portadores de Hipertensão Arterial e Diabetes Melitus nas UBSs; implementar processos educativos para prevenção e controle de HA e DM; analisar o impacto das ações educativas desenvolvidas.

38 Não Pratique a Automedicação Coordenação: profª Ms. Soraida Sozzi Miguel (Farmácia). No Calçadão de Juiz de Fora, a população foi abordada pelos estudantes para informação sobre os riscos da automedicação. Todos os medicamentos, sejam eles Alopáticos, Produtos Naturais e Caseiros, Homeopáticos, Fitoterápicos e Florais, possuem em sua composição substâncias químicas que podem causar sérios danos à saúde. Ao tomar medicamentos de modo errado, o paciente poderá acarretar graves conseqüências para a saúde.

39 Pré-Natal Odontológico Coordenação: prof. Dr. Rodrigo Guerra de Oliveira (Odontologia). A FCMS/JF e o HMTJ oferecem às gestantes o serviço de Pré-Natal Odontológico. O objetivo é manter a saúde bucal das futuras mães, orientá-las quanto à higiene bucal dos filhos e contribuir na formação de dentes saudáveis nos bebês. Podem participar do programa acadêmicos, pós-graduandos, docentes e todos os profissionais de saúde envolvidos no atendimento às gestantes do Núcleo Pré-Natal do HMTJ. A gravidez é uma fase ideal para o estabelecimento de bons hábitos, pois a gestante mostra-se psicologicamente receptiva em adquirir novos conhecimentos e a mudar padrões que provavelmente terão influências no desenvolvimento da saúde do bebê.

40 Prevenção de DST e Aids Coordenação: prof. Raimundo Bechara (Medicina). No Calçadão de Juiz de Fora, estudantes abordam a comunidade, com uma campanha contra a Aids e as DST (Doenças Sexualmente Transmissíveis).

41 Sala de Espera Informativa Coordenação: prof s Vanderleia Soeli Zampier e Edson Magacho (Enfermagem). Acadêmicos do 4º período de Enfermagem, através da disciplina Saúde da Mulher, promovem a Sala de Espera Informativa no Ambulatório de Ginecologia do HMTJ. O objetivo é tirar as dúvidas das clientes atendidas, e informá-las acerca da importância da realização periódica do exame de colo de útero e do autoexame de mama, bem como formas de prevenção das DSTs.

42 Saúde e Higiene Coordenação: prof. José Lúcio de Araújo (Enfermagem). Desenvolvido em parceria com a Associação ConvHIVendo e Aprendendo, que assiste os portadores de HIV, o projeto atendeu 20 crianças cadastradas na entidade. Através de cartazes, panfletos, fitas de vídeo, fantoches, escovas de dente e creme dental, foram abordados os cuidados que se deve ter com a água, os dentes, os cabelos, o corpo, a alimentação e a casa.

43 Semeando Educação em Saúde Coordenação: profª Margarida Maria Donato dos Santos (Enfermagem). Projeto desenvolvido no Grupo Semente (Dom Bosco), com projeto-piloto no segundo semestre de Trata-se do desenvolvimento de atividades educativas para crianças e adolescentes, abordando os cuidados com o corpo e o desenvolvimento dos caracteres sexuais e a sexualidade na adolescência. Os objetivos são sensibilizar as crianças e os adolescentes para desenvolverem ações que visem o cuidado consigo mesmo e com o outro, e desenvolver multiplicadores destas informações nos ambientes domiciliares, escolares e sociais onde convivem, buscando a melhoria de sua qualidade de vida.

44 Sorriso Suprema Coordenação: prof. Edison Stecca (Odontologia). A Clínica de Odontologia HMTJ/Suprema implantou, em setembro de 2010, o atendimento noturno na Clínica, para colaboradores da FCMS/JF e do HMTJ, sempre às quintas-feiras, entre 18h30 e 21h, até o final do período. O serviço é prestado por estudantes do 8º período de Odontologia, sob a coordenação do professor Edison Stecca, que pericia todo o trabalho realizado. Trata-se de uma atividade complementar para os acadêmicos, totalizando um período de 36 horas.

45 Suprema Teatrando na Saúde Coordenação: prof as Luciana Scapin (Nadd) e Cintia Brugiolo (Comunicação). Criado em 2006, consiste na utilização das técnicas teatrais como ferramenta pedagógica, estimulando a criatividade e a espontaneidade como facilitadores da comunicação na vida do profissional da saúde. Acolhe estudantes de todos os cursos, preparando-os para atuar em equipes multiprofissionais. O objetivo principal é integrar as ferramentas que o teatro oferece com a informação sobre os cuidados em saúde, propiciando, ao mesmo tempo, a formação dos estudantes, a transmissão deste conhecimento às populações e a promoção da qualidade de vida, através do entretenimento cultural. São feitos esquetes, peças e performances, em locais como hospitais, escolas, abrigos e na FCMS, entre outros.

46 Suprema Teatrando na Saúde

47 Responsabilidade Socioambiental/ Extensão Acadêmica Cintia Brugiolo Comunicação e Marketing | Assessoria de Comunicação | (32) VISITE-NOS EM Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde de JF – Suprema e Hospital e Maternidade Therezinha de Jesus – HMTJ


Carregar ppt "Responsabilidade Socioambiental | Extensão O compromisso da FCMS/JF – Suprema e do HMTJ com a melhoria da qualidade de vida da comunidade de Juiz de Fora."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google