A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

PLANO DE FORMAÇÃO INICIAL. Introdução O Plano de Formação Inicial apresenta orientações básicas às Comunidades Oblatas Formativas. Ele quer ser uma ajuda.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "PLANO DE FORMAÇÃO INICIAL. Introdução O Plano de Formação Inicial apresenta orientações básicas às Comunidades Oblatas Formativas. Ele quer ser uma ajuda."— Transcrição da apresentação:

1 PLANO DE FORMAÇÃO INICIAL

2 Introdução O Plano de Formação Inicial apresenta orientações básicas às Comunidades Oblatas Formativas. Ele quer ser uma ajuda aos formados e formadores no processo de formação inicial. Cabe a cada comunidade e etapa de formação elaborar um Plano de Ação Anual (atividades), levando em conta o contexto formativo e a realidade local onde a comunidade está inserida.

3 Objetivo Geral: Formar Oblatos de São Francisco de Sales para viverem e divulgarem a Espiritualidade Salesiana e se colocarem a serviço das exigências do Reino de Deus, da Igreja e da congregação. Fundamentação Básica: Constituições (C.) 44 – 56.

4 Processos Formativos: - Serviço de Animação vocacional (SAV); - Aspirantado; - Postulado; - Noviciado; - Pós-noviciado (Escolásticos, Formação de Diáconos e Irmãos)

5 I – ASPIRANTADO 1. Objetivo: Iniciar um processo de discernimento vocacional acompanhado sistematicamente em vista do crescimento pessoal, comunitário e pertença progressiva à Congregação. 2. Duração: Ensino Médio. 3. Locais: Jaboticaba, Manta, Porto Príncipe e SAV.

6 4. Conteúdos Básicos do Aspirantado: - Introdução à Espiritualidade Salesiana e à História da Congregação; - Formação Bíblica, Catequética, Litúrgica e Pastoral; - Discernimento Vocacional; - Formação Cultural e Intelectual: Estudos próprios desta etapa.

7 5. Consideração Final: Este processo formativo pode realizar-se na Casa de Formação ou na própria família do candidato, ou em outra estrutura apropriada para um acompanhamento eficiente e eficaz, dependendo da realidade de cada região e/ou país.

8 II – POSTULADO 1. Objetivo: Aprofundar o processo de discernimento vocacional, para que, conhecendo o Projeto de Jesus Cristo, a Caminhada da Igreja e os Oblatos, possam fazer uma opção livre e consciente pelo noviciado e pela Vida Religiosa Consagrada (VRC). 2. Fundamentação: C. 60 e Duração: 2 anos (levando em conta a caminhada pessoal do postulante). 4. Locais: Passo Fundo, Manta, Porto Príncipe e Outro.

9 5. Conteúdos Básicos do Postulado: - Seguimento de Jesus (Cristologia); - Teologia do Chamado, Discernimento Vocacional e Análise da Personalidade; - Biografia dos Fundadores e Santos Salesianos; - História da Congregação (provincial e geral); - Espiritualidade Salesiana: Introdução à Vida Devota e outros tópicos; - Formação Bíblica, Catequética, Litúrgica, Ecumênica e Pluralismo Religioso;

10 - História da Igreja e Eclesiologia; - Introdução à História e Teologia da VRC; - Formação para Missão e Pastoral; - Formação político-social: análise e leitura da realidade; - Educação para Arte e Comunicação.

11 6. Consideração Final: Este processo formativo pode realizar-se na Casa de Formação ou em outra casa da congregação onde houver um oblato (formador) responsável pelo postulante.

12 III – NOVICIADO 1. Objetivo: Conhecer e vivenciar os valores da VRC, o carisma dos Oblatos de São Francisco de Sales a fim de assumir uma Consagração Pessoal a Deus mediante a profissão dos primeiros votos em nossa congregação. 2. Fundamentação Básica: C Duração: um ano, no mínimo 4. Locais: Passo Fundo e Porto Príncipe.

13 5. Conteúdos Básicos: - Espiritualidade Salesiana: Diretório Espiritual; - Constituições dos OSFS (Carisma, Missão e Organização da Congregação); - Escritos dos Fundadores; - Documentos da Tradição Salesiana e da VRC; - História, Psicologia e Teologia da VRC; - Cristologia, Missiologia, Eclesiologia, Liturgia e Mariologia; - Leitura Orante da Bíblia (Projeto Tua Palavra é Vida);

14 6. Consideração Final: Este processo formativo deve realizar-se na Casa do Noviciado com possibilidades de inserção pastoral e ocupacional afins.

15 Noviços, 2008 Brasil

16 III – PÓS –NOVICIADO (Escolasticado, Formação de Diáconos e Irmãos) 1. Objetivo: Dinamizar o processo formativo a partir da formação recebida para favorecer uma opção definitiva no seguimento de Jesus Cristo como Oblato de São Francisco de Sales. 2. Fundamentação Básica: C Duração: - Escolasticado: dos primeiros votos até a ordenação Diaconal; - Formação de Diáconos: do Diaconato até ordenação presbiteral; - Irmãos: dos primeiros votos até os votos perpétuos; 4. Locais: Santa Isabel (Viamão), Porto Príncipe e outras comunidades de Estágios.

17 5. Conteúdos Básicos: - Espiritualidade Salesiana: Tratado do Amor de Deus e outros tópicos; - A Espiritualidade Salesiana e os Leigos (as); - Escritos dos Fundadores; - Documentos da Tradição Salesiana e da VRC; - Temas Atuais da VRC; - Leitura Orante da Bíblia (Projeto Tua Palavra é Vida); - Formação Pastoral e Ministerial; - Gestão e Administração Institucional e Pastoral;

18 - Educação para Arte e comunicação; - Formação Acadêmica: filosofia, teologia ou formação profissional; - Estudo de Línguas: inglês, espanhol, francês, português (?); - Internacionalização e Missão da Congregação; - Formação de Formadores; - Preparação para Votos Perpétuos e Ordenações (Diaconal e Presbiteral).

19 6. Consideração Final: Ao longo dos votos temporários (antes dos votos perpétuos) o religioso oblato deverá realizar um ano (no mínimo) de estágio numa comunidade da província. Este período não compreende os estágios exigidos pelo curso de teologia e sim um ano de vivência numa comunidade Oblata, sem estudos acadêmicos. Cabe ao formador e ao formando com as orientações da Equipe de Formação decidir o melhor momento para fazer este estágio.


Carregar ppt "PLANO DE FORMAÇÃO INICIAL. Introdução O Plano de Formação Inicial apresenta orientações básicas às Comunidades Oblatas Formativas. Ele quer ser uma ajuda."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google