A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Matérias Primas e Processos para Marcenaria Entre os materiais mais utilizados pelo marceneiro no revestimento de chapas e painéis estão as lâminas ou.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Matérias Primas e Processos para Marcenaria Entre os materiais mais utilizados pelo marceneiro no revestimento de chapas e painéis estão as lâminas ou."— Transcrição da apresentação:

1 Matérias Primas e Processos para Marcenaria Entre os materiais mais utilizados pelo marceneiro no revestimento de chapas e painéis estão as lâminas ou folhas de madeira.

2 Matérias Primas e Processos para Marcenaria As lâminas surgiram da necessidade de se reduzir custos, e são obtidas através do processo de faqueamento das toras. Como a largura e a cor da folha variam de acordo com o diâmetro da tora, o marceneiro precisa escolher o material a cada projeto que vai realizar. A folha de madeira natural é um produto que valoriza muito o móvel, porém sua aplicação exige mão de obra qualificada para seleção e junção das lâminas (por colagem ou costura), colagem e prensagem no substrato, e posterior acabamento.

3 Matérias Primas e Processos para Marcenaria Para facilitar o trabalho com lâminas de madeira natural surgiram as pré-compostas. A lâmina pré-composta é obtida através da colagem de blocos de madeiras torneadas. Quando este bloco é fatiado surgem diversos padrões, sempre repetidos. A vantagem das lâminas pré- compostas é a estabilidade de cor e repetição dos desenhos, o que garante maior produtividade.

4 Matérias Primas e Processos para Marcenaria Madeira do Bambu O Bambu vem sendo cada vez mais utilizado nas marcenarias na forma de lâminas e painéis. A lâmina de bambu conserva as mesmas características de uma lâmina natural, sendo indicada para revestimento de chapas e outras superfícies. O painel de Bambu, por sua vez, é indicado para estruturas e revestimentos e apresentado em chapas com espessuras que variam entre 05 e 25 mm. O painel de Bambu atualmente é considerado um material estrutural nobre, muito utilizado na construção civil e em projetos sustentáveis.

5 Lâminas de bambu Matérias Primas e Processos para Marcenaria

6 Revestimentos com lâmina de Bambu Matérias Primas e Processos para Marcenaria

7 Painel de Bambu

8 Matérias Primas e Processos para Marcenaria Estruturas de bambu

9 Matérias Primas e Processos para Marcenaria Laminado Decorativo Plástico É um revestimento de poliéster com resistência de até 65º C, indicado para colagens verticais e para aplicação no interior do móvel, não é indicado para bordas arredondadas. Por este motivo tem sido utilizado para revestimento de superfícies não expostas ao calor e ao alto impacto, representando uma solução mais econômica. Apresenta um primer no verso da chapa que facilita a colagem. Por ser um produto postforming, pode ser moldado de acordo com a necessidade do mobiliário, sendo que o raio mínimo permitido é 12,7 mm. Permite ótimo acabamento, acompanhando o design projetado.

10 Matérias Primas e Processos para Marcenaria Laminado Decorativo Plástico

11 Matérias Primas e Processos para Marcenaria Laminado de Alta Pressão Translúcido É um material composto por lâminas de papel translúcido e resinas prensadas, cujo efeito estético é similar ao das chapas de acrílico, porém com custo mais baixo. Este laminado oferece grande durabilidade, resistência a impactos, abrasão, às altas temperaturas e alto índice de propagação de chamas (classe II – A), ideal para ambientes comerciais e corporativos. Dimensões das chapas: 3080 x x 1,8 mm.

12 Laminado Translúcido Matérias Primas e Processos para Marcenaria

13 Pinturas Um dos grandes gargalos da marcenaria é a Pintura. Para oferecer um bom serviço de pintura com lacas ou verniz PU a marcenaria precisa de profissionais qualificados, que dominem as técnicas de preparação da superfície, composição das tintas e aplicação. Alguns processos de pintura são realizados em várias etapas, exigindo áreas de armazenamento das peças durante as fases do processo. Em alguns casos há necessidade de cabines pressurizadas e sistemas de aspiração do pó mais sofisticado, de acordo com o layout da fábrica. Tudo isto demanda espaço físico, treinamentos e investimentos.

14 Matérias Primas e Processos para Marcenaria Pinturas Porém o mercado de design e arquitetura valoriza muito as superfícies brilhantes, laqueadas com cores exclusivas a fim de personalizar ambientes. As lacas estão sempre presentes nas feiras de design e mobiliário independentemente de qualquer modismo. Muitas marcenarias encontram ma solução na terceirização da pintura com oficinas especializadas. O mercado conta hoje com muitas opções de sistemas para pintura, cada vez mais acessíveis e inteligentes.

15 Matérias Primas e Processos para Marcenaria Pintura e Superfícies Alto Brilho (Salão do Móvel Milão 2010)

16 Matérias Primas e Processos para Marcenaria Pintura e Superfícies Alto Brilho Salão do Móvel Milão 2010)

17 Matérias Primas e Processos para Marcenaria Painéis alto brilho Uma alternativa em superfícies com alto brilho é o painel revestido em uma face com acabamento em verniz acrílico, extra-resistente, por secagem ultravioleta (UV). Este produto foi desenvolvido para atender as necessidades do mercado de um painel que proporcionasse altíssimo brilho sem utilização de pintura. O painel alto brilho oferece boa resistência de superfície a riscos, abrasão e agentes manchadores, sendo ideal para aplicação em superfícies verticais como portas, frentes de gavetas, racks e estantes, etc.

18 Matérias Primas e Processos para Marcenaria Pintura e Superfícies Alto Brilho Salão do Móvel Milão 2010)

19 Matérias Primas e Processos para Marcenaria CONCLUSÃO É importante avaliar os benefícios de cada material em relação ao custo e tempo de produção. Quando se reduz etapas de produção o custo de produção fica menor. Porém é preciso saber se o material escolhido é viável para o orçamento do cliente.


Carregar ppt "Matérias Primas e Processos para Marcenaria Entre os materiais mais utilizados pelo marceneiro no revestimento de chapas e painéis estão as lâminas ou."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google