A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

MANUAL DE QUALIDADE ESCOLA PROFISSIONAL ATLÂNTICO.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "MANUAL DE QUALIDADE ESCOLA PROFISSIONAL ATLÂNTICO."— Transcrição da apresentação:

1 MANUAL DE QUALIDADE ESCOLA PROFISSIONAL ATLÂNTICO

2 MANUAL DE QUALIDADE ÍNDICE 1.APRESENTAÇÃO DA EPA Introdução Compromisso das direcções, executiva e pedagógica Caracterização da organização Historial Identificação / Situação geográfica Instalações Organigrama Política da organização Caracterização do meio Caracterização do ensino profissional Descentralização da EPA Missão Princípios orientadores Princípios didácticos - pedagógicos Actividades complementares 2.SISTEMA DA QUALIDADE 3.ABORDAGEM POR PROCESSOS

3 MANUAL DE QUALIDADE INTRODUÇÃO A Escola Profissional Atlântico, abreviadamente designada por EPA, É uma Escola Particular, –Depende única e exclusivamente do subsídio governamental, –Receitas obtidas através das mensalidades dos alunos, –EPA tornou-se na primeira escola profissional privada a nível nacional não dependente dos fundos comunitários

4 MANUAL DE QUALIDADE COMPROMISSO DAS DIRECÇÕES, EXECUTIVA E PEDAGÓGICA –Toda a acção pedagógica é coordenada ; Direcção Técnico – Pedagógica Coordenação de Curso Orientação Educativa de Turma

5 MANUAL DE QUALIDADE COMPROMISSO DAS DIRECÇÕES, EXECUTIVA E PEDAGÓGICA –Direcção Técnico – Pedagógica Direcção Técnico Pedagógica da Escola Profissional Atlântico é composta por um Presidente, e um Vice-presidente

6 MANUAL DE QUALIDADE COMPROMISSO DAS DIRECÇÕES, EXECUTIVA E PEDAGÓGICA –Coordenação de Curso O Coordenador de Curso é um professor responsável pela formação sócio -cultural, científica, prática, tecnológica ou artística, ministrada na Escola, –estágios profissionais de aproximação à vida activa dos estudantes.

7 MANUAL DE QUALIDADE COMPROMISSO DAS DIRECÇÕES, EXECUTIVA E PEDAGÓGICA –Orientação Educativa de Turma Orientador Educativo de Turma (O.E.T.), este deverá realizar todo um conjunto de actividades que envolvem os Alunos, os Professores e os Encarregados de Educação

8 MANUAL DE QUALIDADE CARACTERIZAÇÃO DA ORGANIZAÇÃO –Historial Este Projecto nasceu em 1997, criação do CELFF (Centro de Estudos, Línguas e Formação do Funchal, entidade promotora de um Departamento de Consultadoria, de um Centro de Formação Profissional com representação para Portugal do Educational Institute, Em 1997 Escola iniciou a sua actividade em instalações cedidas pela Escola de Hoteleira e Turismo da Madeira, lectivo seguinte (1998/99), a Escola passa para as actuais instalações, que até então pertenciam à Universidade da Madeira é aberto o Pólo do Porto Santo, EPA teve uma grande dinâmica na abertura de novos cursos e de mais turmas,

9 MANUAL DE QUALIDADE Identificação / Situação Geográfica –Escola Profissional Atlântico tem a sua sede no Edifício José Maria Branco, sito à Rua Bela de São Tiago, nº 20 –desde 1998 iniciado uma descentralização com a criação do Pólo do Porto Santo e desde 1999 o Pólo da Calheta, Santana, Estreito de Câmara de Lobos e São Vicente –protocolo celebrado com as respectivas Escolas Básicas e Secundárias públicas da Região Autónoma da Madeira

10 MANUAL DE QUALIDADE Instalações –As instalações da Escola Profissional Atlântico serviram outrora a Universidade da Madeira, –Escola depara-se com alguma dificuldade na gestão de espaços

11 MANUAL DE QUALIDADE Instalações –Actualmente a EPA oferece aos seus alunos: - Recepção e Secretaria - Bar/Sala de Convívio - Salas de aulas - 2 Laboratórios de Informática - Biblioteca - Mediateca - Sala de Estudo - Sala de Expressão Plástica - Sala de Expressão Corporal e Dramática - Sala de Associação de Estudantes - Sala de Professores - Ar condicionado em todas as salas e corredores - Cozinha - Papelaria - Reprografia

12 MANUAL DE QUALIDADE Organigrama

13 MANUAL DE QUALIDADE POLÍTICA DA ORGANIZAÇÃO –Caracterização do meio A EPA está inserida na Região Autónoma da Madeira; Dada a complexidade e especificidade de cada concelho da Região demonstramos alguns indicadores demográficos, sócio - económicos e culturais; População da R.A.M decresceu 4,3% nos últimos dez anos ( );

14 MANUAL DE QUALIDADE POLÍTICA DA ORGANIZAÇÃO –Caracterização do meio progressão da escolarização da população resulta aumento da escolaridade obrigatória de 6 para 9 anos; A tendência da actividade económica é a terciarização da economia;

15 MANUAL DE QUALIDADE POLÍTICA DA ORGANIZAÇÃO – Caracterização do ensino profissional –Na RAM os Cursos Profissionais têm sido objecto de grande procura por parte dos jovens que concluem a escolaridade obrigatória; –Permite progredir numa carreira técnico- profissional; –Existem na R.A.M. sete Escolas vocacionadas para os cursos profissionais; –a Escola Profissional Atlântico possui 16 cursos diferentes;

16 MANUAL DE QUALIDADE POLÍTICA DA ORGANIZAÇÃO –Descentralização da EPA Necessidade de oferecer alternativas formativas a alunos de outros concelhos da RAM. Com o objectivo de servir a população jovem da ilha.

17 MANUAL DE QUALIDADE POLÍTICA DA ORGANIZAÇÃO –Missão Apostar fortemente numa formação integral dos alunos; Desenvolver não só as suas capacidades intelectuais, mas, também, profissionais, e ainda os seus valores e atitudes; Dirige-se a a todos os membros da Comunidade Educativa; Beneficiada a entrada no mercado de trabalho; Oportunidade em acederem ao ensino superior.

18 MANUAL DE QUALIDADE POLÍTICA DA ORGANIZAÇÃO –Princípios Orientadores O Projecto Educativo da EPA tem por base um modelo educativo que se baseia numa dinâmica da Comunidade Educativa e consagra a orientação educativa da Escola que orienta e inspira todas as acções;

19 MANUAL DE QUALIDADE POLÍTICA DA ORGANIZAÇÃO –Princípios didáctico - Pedagógicos –Assenta o seu modelo didáctico - pedagógico na gestão modular dos programas –Destacando-se os seguintes princípios: »Contribuir para a formação integral dos jovens; »Desenvolver mecanismos de aproximação entre a Escola e instituições.

20 MANUAL DE QUALIDADE POLÍTICA DA ORGANIZAÇÃO –Actividades de complemento / enriquecimento curricular –Como complemento curricular é possível colocar em acção planos de actividades propostas e desenvolvidas por Professores, Alunos; –Realizam-se de acordo com o Plano Anual da Escola.

21 MANUAL DE QUALIDADE SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE –ÂMBITO O Sistema de Gestão da Qualidade da EPA abrange as actividades de Formação Qualificante de Jovens (Formação Profissional Nível III).

22 MANUAL DE QUALIDADE SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE –EXCLUSÕES PERMITIDAS Ao Sistema da Qualidade não são aplicáveis os requisitos –Validação dos processos de produção e fornecimento do serviço, –Controlo dos dispositivos de monitorização e medição,

23 MANUAL DE QUALIDADE SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE –ESTRUTURA DOCUMENTAL Os documentos constituintes do Sistema de Gestão da Qualidade encontram-se organizados da seguinte forma:

24 MANUAL DE QUALIDADE SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE –ESTRUTURA DOCUMENTAL REG. INT. MANUAL DE QUALIDADE PROCESSOS PROCEDIMENTOS INSTRUÇÕES DE TRABALHO IMPRESSOS

25 MANUAL DE QUALIDADE SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE –ORGANIZAÇÃO DO MANUAL DE QUALIDADE O Manual de Qualidade é revisto sempre que ocorre qualquer alteração que o torne inadequado, enquadrada em acção de melhoria ou de correcção As propostas de revisão ao Manual de Qualidade podem ser efectuadas por qualquer funcionário e por qualquer via, dirigidas ao docente em questão, responsável pelo projecto.

26 MANUAL DE QUALIDADE SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE –ORGANIZAÇÃO DO MANUAL DE QUALIDADE Qualquer alteração ao conteúdo do Manual de Qualidade implica a emissão de uma nova revisão do mesmo, sendo o respectivo número incrementado de uma unidade. A distribuição de cópias do Manual de Qualidade é controlada pelos SQ, que efectua o seu registo na última folha do mesmo

27 MANUAL DE QUALIDADE SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE –ORGANIZAÇÃO DO MANUAL DE QUALIDADE As cópias controladas são actualizadas sempre que se procede a qualquer revisão.

28 MANUAL DE QUALIDADE SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE –ABREVIATURAS E DEFINIÇÕES EPA – ESCOLA PROFISSIONAL ATLÂNTICO Qualidade - grau de satisfação de requisitos dado por um conjunto de características intrínsecas; Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) – sistema de gestão para dirigir e controlar uma organização no que respeita à qualidade; Manual da Qualidade (MQ) – documento que especifica o sistema de gestão da qualidade de uma organização; Organização – conjunto de pessoas e instalações inseridas numa cadeia de responsabilidades, autoridades e relações; Cliente – organização ou pessoa que recebe um produto/serviço;

29 MANUAL DE QUALIDADE SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE –ABREVIATURAS E DEFINIÇÕES Política da Qualidade – conjunto de intenções e de orientações de uma organização, relacionadas com a qualidade, como formalmente expressas pela gestão de topo; Processo – conjunto de actividades interrelacionadas e interactuantes que transformam entradas em saídas; Requisito – necessidade ou expectativa expressa, geralmente implícita ou obrigatória; Satisfação de clientes – percepção dos clientes quanto ao grau de satisfação dos seus requisitos; Melhoria Contínua – actividade permanente com vista a incrementar a capacidade para satisfazer requisitos; Eficácia – medida em que as actividades planeadas foram realizadas e conseguidos os resultados planeados; Eficiência – relação entre os resultados obtidos e os recursos utilizados

30 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –INTRODUÇÃO O SGQ é entendido como um conjunto de processos inter-relacionados e interactuantes, A sua determinação e prossecução efectua- se regularmente, Objectivo de melhorar continuamente a eficiência e a eficácia dos processos e, consequentemente, da organização, Descrição de processos foi realizada tendo por base uma matriz de processo,

31 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –INTRODUÇÃO Nessa Matriz de processo são definidos; –os inputs e outputs de cada processo; –as actividades principais associadas a cada processo; –as funções que executam e/ou participam em cada uma das actividades; –os documentos e/ou meios que são necessários à execução de cada actividade; –os registos resultantes de cada actividade; –o(s) indicador(es) de desempenho do processo.

32 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –INTRODUÇÃO –As oportunidades de melhoria identificadas nos vários processos, são convertidas em planos de melhorias.

33 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –INTRODUÇÃO Os processos identificados e descritos de acordo com esta metodologia foram agrupados em quatro grupos: Processos de Gestão - relacionados com a gestão da organização; Processos Operacionais – directamente relacionados com a execução dos serviços; Processos de Suporte – dão suporte aos processos operacionais assegurando os recursos necessários. Processos de avaliação e feedback – dão informação sobre a satisfação dos clientes e outras partes interessadas.

34 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –INTRODUÇÃO Cada processo tem um gestor, identificado na matriz de processo, que é responsável pelo seu desempenho e por concretizar os seus objectivos, ao qual cabe : Assegurar a implementação do processo; Promover a melhoria do desempenho do processo; Assegurar a medição do(s) respectivo(s) indicador(es); Assegurar a realização das actividades, de acordo com o descrito na matriz de processo, mantendo-a actualizada; Responder pelo processo em auditoria

35 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –EXCLUSÕES PERMITIDAS Ao Sistema da Qualidade não são aplicáveis os requisitos –Validação dos processos de produção e fornecimento do serviço, dado que não existe nenhum processo de fornecimento de serviço em que a saída resultante não possa ser verificada por subsequente monitorização ou medição.

36 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –EXCLUSÕES PERMITIDAS Ao Sistema da Qualidade não são aplicáveis os requisitos –Controlo dos dispositivos de monitorização e medição, uma vez que não são utilizados no âmbito definido.

37 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –MAPA E INTERACÇÃO DOS PROCESSOS

38 AVALIAÇÃO E QUALIDADE Gestão Financeira Gestão RHBack OfficeInformática Aquisição bens e serviços Formação dos alunos Criação de cursos Divulgação Ensino Aprendizagem Inserção na vida activa Gestão do Sistema Serviços Administrativos Comunidade Educativa e Comunidade Escolar Comunidade Educativa, Comunidade Escolar e Meio Profissional

39 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –DESCRIÇÃO DOS PROCESSOS

40 Tipo de processoProcessoObjectivo Gestão Gestão do Sistema Assegurar a conformidade do sistema de gestão da qualidade com os requisitos da NP EN ISO 9001:2008, avaliar a sua eficácia e promover a melhoria contínua do desempenho. Operacionais Criação de Cursos Criar novos cursos, alterar planos de estudos e elaborar/gerir conteúdos programáticos das disciplinas dos cursos. Divulgação Divulgar a EPA e actividades promovidas ou nas quais participa. Ensino/Aprendizagem Fazer a distribuição/dispensa de serviço docente, elaborar horários, gerir alunos, planear e implementar acções de ensino/aprendizagem, calendarizar avaliações e realizar estágios curriculares. Inserção na Vida Activa Inserir estudantes e ex-estudantes da EPA na sua vida activa. Realizar o acompanhamento no percurso profissional, de formação e expectativas actuais e futuras, ao longo e no término do curso. Suporte Aquisição de bens e serviçosComprar bens e serviços. Informática Gerir a infra-estrutura e o parque informático da Escola. ManutençãoGerir a manutenção de instalações e equipamentos. Serviços administrativos Gerir os serviços necessários para o bom funcionamento da escola. Gestão de Recursos Humanos Adequar o desempenho do pessoal docente e não- docente às necessidades da escola. Gestão Financeira Garantir os recursos necessários à actividade da escola, prestar informação financeira exigida e garantir a correcta execução e controlo orçamental. Avaliação e Feedback Avaliação e QualidadeCaracterizar os alunos e sua satisfação.

41 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –CORRESPONDÊNCIA DOS REQUISITOS NP EN ISO 9001 E OS PROCESSOS

42 Requisito GestãoOperacionaisSuporte Avaliação e Feedback Gestão do Sistema Criação de cursos Divulgação Ensino/ Aprendizage m Inserção na Vida Activa Aquisição de bens e serviços Informática Manutenção Serviços administrativ os Gestão de RH Gestão Financeira Avaliação e Qualidade 4.Sistema de Gestão da Qualidade 4.1.Requisitos Gerais 4.2.Requisitos de documentação 5.Responsabilidade da Gestão 5.1Comprometimento da Gestão 5.2Focalização no cliente 5.3Política da Qualidade 5.4Planeamento 5.5 Responsabilidade, autoridade e comunicação 5.6Revisão pela Gestão 6.Gestão de Recursos 6.1Provisão de recursos 6.2Recursos Humanos 6.3Infra-estruturas 6.4Ambiente de trabalho 7.Realização do produto 7.1 Planeamento da realização do produto 7.2Processos relacionados com o cliente 7.3Concepção e desenvolvimento 7.4Compras 7.5 Produção e fornecimento do serviço 7.6 Controlo dos dispositivos de monitorização e de medição Exclusão 8.Medição, análise e monitoria 8.1Generalidades 8.2Monitorização e medição 8.3Controlo do produto não conforme 8.4Análise de dados 8.5Melhoria

43 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –Lista de Documentos do Sistema de Gestão da Qualidade GESTÃO Gestão do Sistema PG.01- Gestão do Sistema P.GS.01-Controlo de documentos e registos; P.GS.02- Auditorias da Qualidade; P.GS.03- Resolução de problemas; P.GS.04- Gestão da Melhoria. OPERACIONAIS Criação/Alteração de cursos SPO.01- Criação de cursos; SPO.02- Alteração de planos de cursos; SPO.03- Alteração de conteúdos Programáticos. Divulgação PO.02- Divulgação

44 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –Lista de Documentos do Sistema de Gestão da Qualidade Ensino/Aprendizagem SPO.04- Distribuição de serviço docente; SPO.05- Dispensa de Serviço docente; SPO.06- Elaboração de horários; SPO.07- Gestão de Alunos; SPO.08- Calendarização de avaliações; Inserção na Vida Activa SPO.09- Estágios. SUPORTE Aquisição de bens e serviços PS.01-Aquisição de bens e serviços SPO.10- Selecção e Avaliação de fornecedores. Informática PS.02- Informática

45 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –Lista de Documentos do Sistema de Gestão da Qualidade Gestão de Recursos Humanos PS.04- Gestão de Recursos Humanos; SPS.01- Formação académica dos docentes; SPS.02- Contratação; SPS.03- Gestão de pessoal. Gestão Financeira PS.05- Gestão Financeira AVALIAÇÃO E FEEDBACK Avaliação e Qualidade PA.01- Avaliação e Qualidade

46 MANUAL DE QUALIDADE ABORDAGEM POR PROCESSOS –Lista de Documentos do Sistema de Gestão da Qualidade Informática PS.02- Informática Manutenção PS.03- Manutenção Serviços Administrativos SPO.11- Matrículas e renovações; SPO.12- Transferências de cursos, Reingressos e anulação da matrícula; SPO.13- Inscrição em exames; SPO.14- Emissão de certidões; SPO.15- Pedidos de documentos relacionados com o transporte e/ou a matrícula; SPO.16- Pedido de equivalência; SPO.17- Recibo de pagamento - matrícula, mensalidade, transporte e exames; SPO.18- Pedido de verificação de escalão para mensalidade e/ou transporte.

47 MANUAL DE QUALIDADE Trabalho Elaborado por: Discentes-Grupo 3: Luciane F. I. Ramos Fonseca Ana Paula C. Vieira Lúcia Melim Ana Paula Neves Docente: Prof. Dr. José Carlos Marques Funchal, Junho de 2009


Carregar ppt "MANUAL DE QUALIDADE ESCOLA PROFISSIONAL ATLÂNTICO."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google