A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

1 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 UMTS A Perspectiva da TMN Luis Ribeiro Administrador da TMN.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "1 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 UMTS A Perspectiva da TMN Luis Ribeiro Administrador da TMN."— Transcrição da apresentação:

1 1 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 UMTS A Perspectiva da TMN Luis Ribeiro Administrador da TMN

2 2 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 1.UMTS E BANDA LARGA 2.O MERCADO E OS SERVIÇOS 3.SITUAÇÃO ACTUAL DO UMTS SUMÁRIO

3 3 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 A PERSPECTIVA DA TMN SOBRE O UMTS A necessidade de existir uma oferta de B-L em todo o território nacional é um factor básico para a preparação do nosso país para a Sociedade de Informação. Neste contexto, a TMN considera o UMTS como um meio de alargar o leque da oferta de B-L do Grupo PT na seguinte perspectiva... Rede móvel de cobertura nacional alternativa às rede fixa e rede de cabo, nomeadamente em locais onde o investimento em wireless seja a melhor alternativa Susceptível de conferir mobilidade plena aos acessos de BL

4 4 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 Democratização do acesso aos serviços de B-L nomeadamente no que se refere às utilizações pessoais dado ser provavelmente o telemóvel o meio de acesso à B-L mais amistoso e, em muitas situações, o mais conveniente A TMN PERSPECTIVA O UMTS COMO...

5 5 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 Adição de uma nova dimensão à B-L, o enquadramento pleno só os operadores móveis é que poderão fornecer serviços e conteúdos plenamente enquadrados, isto é, associados à mobilidade e à localização (em qualquer momento,em qualquer lugar)

6 6 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 Indisponibilidade de equipamento terminal Diversidade de terminais muito reduzida Inter-operabilidade com os diversos fornecedores UMTS Inter-operabilidade com a rede GSM / GPRS existente Estabilidade de operação do terminal com as redes RAZÃO DOS SUCESSIVOS ATRASOS DO UMTS

7 7 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 1.UMTS E BANDA LARGA 2.O MERCADO E OS SERVIÇOS 3.SITUAÇÃO ACTUAL DO UMTS AGENDA

8 8 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 Projectos Especiais Produtos 3G Serviços de Conectividade Serviços & Conteúdos Soluções Empresariais de Parceiros Acessos Seguros/ VPN Escritório Móvel Serviços de Mensagens MMS SMS IM Acesso WAP UMTS P/S Acesso Internet UMTS P/S Acesso Internet UMTS C/S Produtos 3G Consumo Produtos 3G Empresas Portal Cidadão Florestas Pop. Nec. Especiais Saúde Serviços de Comunicações Voz Serviços Complemen- tares Videofonia Conteúdos WAP UMTS Conteúdos WAP Premium Alertas SMS/MM S Serviços de Downloads Serviços 3ºs (Ligações Directas) Serviços de Voz SERVIÇOS 3G – PERSPECTIVA GERAL 5 Grupos de Serviços

9 9 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 SERVIÇOS 3G Voz e Serviços Complementares: Voz continuarão a ser a principal fonte de receitas Videofonia: A grande novidade! Surgimento do gravador de chamadas com vídeo Aceitação pelo mercado ainda por comprovar SERVIÇOS DE COMUNICAÇÕES Voz Serviços Complemen- tares Videofonia

10 10 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 SERVIÇOS 3G SERVIÇOS DE MENSAGENS MMS SMS IM SMS: continuará a ser o principal serviço de mensagens MMS: Continuará o seu crescimento acelerado 3G permite ao MMS Vídeo maior rapidez de envio e entrega Mais oferta de terminais com video player e IM: Constituirão serviços complementares dos dois serviços anteriores

11 11 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 SERVIÇOS 3G SERVIÇOS & CONTEÚDOS Conteúdos WAP UMTS Conteúdos WAP Premium Alertas SMS/MMS Serviços de Downloads Serviços 3ºs (Ligações Directas) Serviços de Voz Conteúdos Grátis: essencialmente notícias, com texto e cada vez mais imagem Conteúdos Premium: Mais branding embebido nos conteúdos, conferindo-lhes valor percebido Predominância do vídeo e imagem Alertas: Alertas com vídeo deverão aumentar exponencialmente Donwloads: Conteúdos para o telemóvel (jogos, toques, imagens) continuarão a ser os mais procurados Conteúdos com melhor qualidade gráfica e de som Serviços de 3ºs: Surgirão mais parceiros com ofertas para os utilizadores de telemóveis, tirando partido da banda larga móvel (evoluindo do SMS para o MMS, Java e Vídeo)

12 12 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 SERVIÇOS 3G SERVIÇOS DE CONECTIVIDADE Acesso Internet P/S 384 kb: O serviço com o diferencial de qualidade mais perceptível pelos clientes Alargamento do segmento-alvo aos clientes de consumo Soluções de Escritório Móvel: terão uma maior velocidade de acesso, melhorando as condições de acesso à informação do escritório Soluções de Parceiros: passarão a tirar partido da largura de banda para oferecer funcionalidades de vídeo (e.g. Televigilância Móvel) Acesso WAP UMTS P/S Acesso Internet UMTS P/S Acesso Internet UMTS C/S Soluções Empresariais de Parceiros Acessos Seguros/ VPN Escritório Móvel

13 13 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 SERVIÇOS 3G PROJECTO ESPECIAIS 4 projectos em desenvolvimento conjunto com outros operadores UMTS Estes foram os projectos prioritários definidos pelo Governo Estudos e planeamento já concluídos Portal Cidadão Florestas Pop. Nec. Especiais Saúde

14 14 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 1.UMTS E BANDA LARGA 2.O MERCADO E OS SERVIÇOS 3.SITUAÇÃO ACTUAL DO UMTS SUMÁRIO

15 15 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 Terminais na data de lançamento número limitado de modelos com versão já comercial presentemente estão ligados à rede mais de uma centena prevê-se a entrega de alguns milhares de terminais ainda este mês Outros terminais a TMN encontra-se a testar terminais de vários fabricantes, nomeadamente da Samsung e da Nokia de modo a que, logo que possível, novos modelos possam ser disponibilizados aos clientes a TMN está também a negociar com os fornecedores outro tipo de terminais, nomeadamente placas PCMCIA para aplicações empresariais Preço dos terminais da ordem de grandeza dos actuais topos de gama da rede GSM PONTO DE SITUAÇÃO DO UMTS NA TMN - TERMINAIS

16 16 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 Cobertura actual - Áreas da grande Lisboa e grande Porto Serviços disponibilizados - Dados: até 384 Kbit/s - Vídeotelefonia - Disponibilizados os normais serviços GSM / GPRS PONTO DE SITUAÇÃO DO UMTS NA TMN - COBERTURA E SERVIÇOS A TMN irá cumprir as obrigações decorrentes da licença que lhe foi atribuída no âmbito da nova redefinição da ANACOM, prevendo lançar comercialmente os serviços sobre UMTS em 1 de Julho próximo

17 17 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 Data de lançamento pré-comercial Embora a TMN tenha iniciado o trial em 19 de Dez03, oficialmente foi comunicado à ANACOM o início do lançamento em 23Dez03 Fases previstas - Fase 1: colaboradores e parceiros de aplicações (23Dez03) - Fase 2: extensão a clientes empresariais seleccionados - Fase 3: extensão a clientes SOHO (small office home office) - Fase 4: clientes em geral (previsão 1Jul04) Duração das fases Dependente do desempenho verificado em cada uma delas, quer em termos de estabilidade de rede quer em termos de equipamento terminal DATAS E FASES PREVISTAS PELA TMN ATÉ AO LANÇAMENTO COMERCIAL


Carregar ppt "1 Conferência de Banda Larga – Estoril 4-5 Fev04 UMTS A Perspectiva da TMN Luis Ribeiro Administrador da TMN."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google