A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

A História do povo da Bíblia. Alguns principais personagens: Moisés é um dos personagens mais importantes do Antigo Testamento, o líder que representa.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "A História do povo da Bíblia. Alguns principais personagens: Moisés é um dos personagens mais importantes do Antigo Testamento, o líder que representa."— Transcrição da apresentação:

1 A História do povo da Bíblia

2 Alguns principais personagens: Moisés é um dos personagens mais importantes do Antigo Testamento, o líder que representa uma divisão de águas na história bíblica. Antes da vinda de Jesus, foi o profeta mais importante – assim considerado até mesmo entre os muçulmanos -, membro da Tribo de Levi. Segundo as crenças hebraicas e cristãs, os cinco livros iniciais do Antigo Testamento – o Pentateuco – são de autoria de Moisés.

3 Na época do seu nascimento, narrado no Êxodo 2, o faraó do Egito, que mantinha os judeus como escravos, tinha promulgado uma lei que condenava à morte todos os filhos do sexo masculino nascidos de hebreus. Na tentativa de salvar sua vida, seus pais o ocultam durante três meses, depois, sem maiores perspectivas, eles o acomodam em uma cesta de juncos, depositando-a nas águas do Rio Nilo. O menino é então encontrado justamente pela filha do Faraó, adotado e educado por ela no seio da corte, para que se torne um príncipe. Em sua alma, porém, ele permanecia conectado aos anseios e ideais de seu povo, o que o levou a matar um administrador egípcio que feria deliberadamente um escravo judeu.

4 Moisés, neste período, entra na segunda etapa de sua jornada. Diante do deserto e da carência de recursos materiais, ele se torna pastor de ovelhas de Hobabe, seu futuro sogro, prenunciando seu destino de guia de um outro rebanho, o do povo escravizado que ele tem como missão libertar do jugo egípcio. Quarenta anos depois, após um longo e árduo aprendizado, tempo durante o qual chegou a esquecer a língua egípcia e a hebraica, pois habitava entre os midianitas, ele estava finalmente pronto para assumir sua missão entre os hebreus, adentrando assim na terceira fase de sua existência. O futuro líder teve então a visão que mudou definitivamente sua vida – ele viu uma sarça, planta espinhosa parente da roseira, ardendo em chamas no monte Horebe, e percebeu que, apesar do incêndio, ela não era destruída. Atento, ele se aproxima do local e então Deus se dirige a ele, chama-o pelo nome e designa aquele local como uma Terra Santa, na qual ele deveria pisar com os pés descalços. Finalmente, a presença divina revela a Moisés seu papel como libertador do povo hebraico.

5 O profeta cumpre o seu papel, resgata o povo aprisionado e o guia até os limites de Canaã, a Terra Prometida. No Monte de Horebe, Península do Sinai, no mesmo lugar em que recebeu a primeira revelação, ele tem uma nova visão e recebe das mãos divinas a mensagem dos Dez Mandamentos, supostamente escritos pela chama sagrada. Posteriormente suas leis são desenvolvidas, passando a contar com aproximadamente 600 normas, que são conhecidas como Leis Mosaicas, exceto pelos judeus, os quais acreditam que estas regras são orientações divinas, concedidas ao povo israelita por meio de Moisés. No caminho dos hebreus para a Terra Santa, o faraó tentou impedir a fuga, quando então ocorreu o famoso episódio do Mar Vermelho – as águas pretensamente se separam, abrindo uma passagem para que os hebreus possam fugir, e depois se fecham sobre os egípcios que se atrevem a atravessá-lo, afogando-os.

6 José do Egito Bíblico personagem judeu, cuja história é narrada nos últimos capítulos do Gênesis e que na engenharia das águas subterrâneas é citado como construtor no Cairo, Egito, de um histórico poço com cerca de 90 metros de profundidade escavado na rocha dura. Filho predileto de Jacó, patriarca de Israel, e de Raquel, por causa disso seus invejosos irmãos venderam-no como escravo e disseram ao pai que ele havia morrido. Comprado posteriormente a Putifar, chefe da guarda do faraó do Egito, logo conquistou a confiança do amo por causa de sua inteligência.

7 Acusado injustamente de tentativa de sedução pela mulher de Putifar acabou preso, porém no cárcere, ficou conhecido por sua habilidade na interpretação de sonhos e, quando o faraó sonhou com acontecimentos que os sacerdotes não conseguiram explicar, mandou que o levassem ao palácio.

8 Depois de ouvir o relato dos sonhos do soberano, fez a divina previsão de que a região experimentaria sete anos de grande prosperidade, aos quais se seguiria igual período de seca e fome e aconselhou então ao faraó que, ao longo do primeiro período, os sete anos de prosperidade, armazenasse alimentos para os anos de penúria. Impressionado com a sabedoria do jovem, o faraó nomeou-o administrador do palácio. Nos anos de escassez, entre os flagelados que se refugiaram no Egito estavam seus irmãos, que os perdoou e trouxe seu pai, Jacó, e toda a família para morar com ele, no Egito, onde permaneceu até a morte. Antes de morrer, fez a última previsão para a sua família: que Deus os levaria para a terra que prometera dar a Abraão, Isaac e Jacó. Com sua morte termina o livro bíblico do Gênesis. Seus filhos Manassés e Efraim deram nome a duas tribos de Israel.

9 A história de Jó Havia um homem na terra de Uz, cujo nome era Jó, e este era homem sincero, reto e temente a Deus, e desviava-se do mal. Jó tinha sete filhos e três filhas, e era seu gado de sete mil ovelhas, três mil camelos, quinhentas juntas de bois, quinhentas jumentas, e era também muitas pessoas que lhe servia de maneira que Jó era o homem mais rico do Oriente. E em um belo dia, veio os filhos de Deus se apresentar perante o Senhor, veio também Satanás entre eles. Então o Senhor perguntou a Satanás deonde ele vinha, ele respondeu que estava de redor a terra e passeando por ela. Então Deus perguntou a ele se ele já havia observado Jó, porque para Deus não havia na terra homem semelhante á ele, homem sincero, reto e temente á Deus que se desviava do mal. Então Satanás disse para o Senhor, que se porventura Jó não tivesse as riquezas que tem, a família que tem e os animais que criara com certeza Jó não seria temente ao Senhor. E disse ainda ao Senhor, para que o Senhor retirasse tudo o quento Jó tem e conserteza Jó blasfemária contra Deus. Então o Senhor disse á Satanás que tocasse em tudo o que ele tem, somente não autorizou o Senhor tocar em Jó, e o Satanás se foi.

10 Então o Senhor permitiu e tocou nos filhos de Jó, e todos morreram em um vendaval que veio, depois seus animais foram consumidos pelo fogo que caía do céu, seus servos morreram e Jó em nenhum momento blasfemou contra Deus. Jó ficou pobre sem nada e sua esposa enlouquecida porque mesmo assim Jó continuava temente a Deus, disse a Jó: _Amaldiçoa seu Deus. Jó estava só, e mesmo assim adorava ao Senhor. Foi aí então que Satanás pediu permissão á Deus para tocar em Jó, Deus disse a ele que poderia mais não tocasse na alma de Jó.

11 Satanás queria provar para Deus que Jó só era sincero, reto e temente á Deus por tudo o que ele tinha e se fosse retirado tudo de Jó, ele rebelaria contra Deus. Então o Senhor permitiu e colocou lepra em todo o corpo de Jó, doia muito, que Jó se coçava com os cacos das telhas. Mesmo assim, Jó sem família, sem esposa, sem os filhos, sem os servos, sem riqueza alguma e ainda com lepra, ele sim era o homem mais temente á Deus que havia na Terra. Vendo Satanás que não conseguiu provar o contrário sobre Jó à Deus se irou mais ainda.

12 Passado todo o tempo da tormenta na vida de Jó, Deus lhe recompensou, e deu à Jó o dobro da prosperidade que antes tinha. E Deus virou o cativeiro de Jó enquanto ele orava e deu-lhe o dobro de toda a riqueza que tinha, e vieram todos os que lhe conhecia juntamente de seus irmãos e irmãs e comeram com ele pão em sua casa e consolaram de todo o mal que o Senhor lhe avia enviado e cada um deles lhe deu uma peça de dinheiro, e cada um um pendente de ouro, e assim abençoou o último estado de Jó mais do que o primeiro porque teve quatorze mil ovelhas, seis mil camelos, e mil juntas de bois, e mil jumentas, também teve sete filho e três filhas, e em toda a terra não acharam mulheres mais formosas como as filhas de Jó. E depois disto viveu Jó cento e quarenta anos, e viu aos seus filhos, e aos filhos de seus filhos até a sua quarta geração. Então morreu Jó, velho e farto de dias.


Carregar ppt "A História do povo da Bíblia. Alguns principais personagens: Moisés é um dos personagens mais importantes do Antigo Testamento, o líder que representa."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google