A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O APÓSTOLO PAULO E SUAS PREGAÇÕES. Convite para o Trabalho Antioquia Terceira maior cidade do Império Romano na Ásia Menor (Síria).

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O APÓSTOLO PAULO E SUAS PREGAÇÕES. Convite para o Trabalho Antioquia Terceira maior cidade do Império Romano na Ásia Menor (Síria)."— Transcrição da apresentação:

1 O APÓSTOLO PAULO E SUAS PREGAÇÕES

2 Convite para o Trabalho Antioquia Terceira maior cidade do Império Romano na Ásia Menor (Síria).

3 Barnabé Discípulo, irmão de Maria Marcos (Mãe de João Marcos - Evangelho de Marcos)

4 Núcleo nascente do Cristianismo mais promissor, Antioquia havia crescido tanto o número de adeptos naquela cidade que eles solicitaram a Jerusalém um dirigente mais esclarecido que pudesse orientar o desenvolvimento do grupo. Barnabé, da tribo de Levi, natural da ilha de Chipre, foi convocado para ocupar o cargo. Com o desenvolvimento das atividades, Barnabé sentiu necessidade de encontrar alguém que pudesse dividir as responsabilidades. Em viagem a Jerusalém fala com Pedro sobre sua necessidade. Pedro fala-lhe de Saulo, que estava trabalhando como tecelão em Tarso. Considerando ótima a sugestão, Barnabé dirige-se para Tarso para convidar o ex-rabino. Saulo ainda é muito temido em Jerusalém, porem completamente desconhecido em Antioquia, o que o leva a aceitar prontamente o convite.

5 Contador de Causos A tenda de tecelão de Saulo vivia cheia de pessoas ávidas em ouvir suas historias e experiências, bem como seus esclarecimentos sobre a doutrina. A surpresa Saulo não consegue ser claro em suas exposições.

6 Lucas Médico que trabalhava a bordo de navios, passa algum tempo em companhia de Saulo, instruindo-se a respeito da doutrina.

7 Certo dia Lucas comenta com Saulo sobre a falta de denominação aos seguidores de Jesus, sugerindo o nome Cristão.

8 Dificuldades em Jerusalém Gerais Epidemias e falta de alimentos Cristãos Thiago Zebedeu é preso e executado por Agripa a fim de aplacar a fúria dos Judeus. Felipe e João são obrigados a deixar Jerusalém. Pedro é preso ao solicitar o corpo de Zebedeu. Somente Thiago Alfeu pode continuar com as atividades na Casa do Caminho.

9 Barnabé e Saulo dirigem-se a Jerusalém para levar ajuda. Com medo de represálias Thiago Zebedeu recusa-se a hospedar os viajantes. Os mesmo dirigem-se a casa de Maria Marcos, onde se reúnem os descontes com Thiago Zebedeu. Lá discutem os rumos do Cristianismo, chegando a conclusão de que, pregando somente aos inflexíveis judeus não obterão o sucesso esperado.

10 Saulo sente um influxo poderoso do plano espiritual a lhe mostrar as possibilidades de trabalho e convida Barnabé a planejarem uma viagem onde levariam a cada cidade, cada povoado a Boa Nova. João Marcos solicita a permissão para acompanhar os dois.

11

12 Sérgio é batizado, recebe os ensinamentos de Saulo e ajuda a fundar o núcleo cristão na ilha. Saulo assume o comando da caravana e Barnabé sugere a Saulo que adquira um novo nome para simbolizar sua nova fase Saulo passa a chamar-se Paulo (Grafia romana de seu antigo nome) Saulo encontra Sérgio Paulo, procônsul, (Vocês de lembram dele ?) que vinha sofrendo a tempos de problemas de saúde. Desmascaramento de Simão Bar Jesus, o mágico, e cura de Sérgio Paulo Nea-Pafos

13 Perga Abandono de João Marcos da comitiva e seu retorno a Jerusalém.

14 Antioquia Primeiro discurso de Paulo em público. Grande número de adesões ao Cristianismo. Descontentamento dos Judeus ortodoxos e expulsão da cidade.

15 Estilo da Pregação Desprendimento, decisão, coragem, confiança em Jesus Ao contrário dos demais judeus afirmava que o Messias tinha vindo para toda a humanidade.

16 Icônio Paulo é preso por 5 dias, sendo açoitado e torturado.

17 Listra Paulo e Barnabé são tomados como Júpiter e Mercúrio. Paulo não se deixa cair pelo fascínio do poder e do prestigio. O povo revolta-se contra os dois e preparam-se para apedrejá- los. Lembrança de Estevão. Salvos por Timóteo (Neto de Lóide). Hospedagem na casa de Lóide. Pregação em praça pública e cura de um paralítico.

18 Permanecem por volta de um ano se refazendo dos sofrimentos físicos sofridos e preparando-se para o retorno a Antioquia. Derbe

19 Jerusalém

20 A observância da lei mosaica estava acima dos ensinamentos do Cristo. Thiago Alfeu

21 Paulo, Barnabé e Tito rumam pra Jerusalém para uma reunião com Pedro e Thiago Alfeu. Por fim Paulo recebe uma carta de Pedro de apresentação aos grupos novos da Ásia, onde se esclarecia que os gentios não precisavam ser circuncidados para integrarem a comunidade cristã. Reformas A Casa do Caminho necessitava reformas para dar oportunidade de trabalho aos cristãos, Paulo propõe nova viagem para angariar fundos.

22

23 Partem Paulo, Barnabé, João Marcos e Silas. Revê o grupo que o recebeu quando da primeira viagem e toma conhecimento dos progressos atingidos pelo auxilio de Timóteo. Derbe

24 Listra São recebidos por todos os cristãos do fortalecido agrupamento cristão local. Timóteo integra-se ao grupo de viajantes.

25 Icônio e Antioquia Fortalecem as casas recém fundadas.

26 Mensagem mediúnica a Paulo para que ele vá a Macedônia. Reencontro com Lucas que os auxiliam para chegarem a Macedônia. Troade

27 Neápoles Lucas é convencido a juntar-se ao grupo.

28 Paulo e Silas rumam para Filipos enquanto Lucas e Timóteo vão para Tessalonica.

29 Paulo e Silas são presos e açoitados. As portas da prisão são abertas por fenômeno sobrenatural. Os dois vão a Tessalonica juntar-se a Lucas e Timóteo. Novamente são presos. Filipos Lídia oferece seu lar para fundar o primeiro núcleo cristão no continente Europeu. Paulo cura uma serva de obsessão revoltan- do a população que estava acostumada as previsões da obsedia- da.

30 Bereia Paulo é novamente açoitado e decide partir para Atenas sozinho.

31 Atenas Deus desconhecido ressurreição. Cultura X conhecimento Materialismo e soberbia

32 Corinto Paulo escreve as primeiras epístolas aos Tessalonicenses. Implantação do Modelo de casa Cristã: - Assistência Moral - Assistência Material - Evangelização. - Estudo do Intercambio com o plano espiritual. - Implantou o sistema de Fraternidade Após quase um ano e meio no local, Paulo foi processado pelo Israelitas. Reencontro com Áquila e Priscilla. Visita a antiga casa de Abigail e Jeziel (Estevão). Fundação de uma casa Cristã.

33 Éfeso Paulo dirige a Éfeso juntamente com Áquila e Priscilla para encontrar-se com João.

34 Entrega a Pedro o resultado da coleta de recursos

35 Antioquia Recebimento de agrupamentos que o visitam para trocas de informações e busca de esclarecimentos. Escrita de novas epístolas.

36

37 Listra Debre

38 Icônio e Antioquia

39 Esclarece aos núcleos sobre suas epístolas.

40 Éfeso

41 A igreja sofre grande influencia da sinagoga local e Paulo passa 2 anos pregando e batizando. Somente após realizar fenômenos de voz direta, vidência e curas foram que o povo despertou para o Cristianismo. Enviou epístolas aos Corintos e Gálatas. Alguns Cristãos locais são presos devido a tumultos causados por pessoas contrárias a difusão da Boa Nova. Solicita a Timóteo e Erasto que fossem a Filipos.

42 Troade Reencontra Lucas que a partir daí nunca mais abandonou a Paulo.

43 Filipos Reencontra Timóteo e Erasto bem como a Tito que retorna de Corinto.

44 Tessalonica e Bereia Passa rapidamente por estes locais revendo as igrejas

45 Corinto Prepara-se para ir a Roma, escrevendo a Epístola aos Romanos (mais importante documento) Nas vésperas da partida chega um emissário de Thiago Alfeu solicitando sua ida urgente a Jerusalém. Leva pessoalmente sua Segunda Epístola.

46 Passa rapidamente por Filipos, Tessalonica, Beréia, Troade, Assós, Mitilene, Samos, Mileto, Cós, Rodes, Pátara, Tiro, Ptoleimada e Cesaréia.

47 Cesaréia Reencontra Felipe que junto com suas quatro filhas (médiuns) realizava reuniões mediúnicas. Recebe um mensageiro de Thiago orientado para que Paulo se hospedasse na casa do portador da correspondência caso contrário seria preso ao entrar em Jerusalém.

48 Bibliografia: Iniciação Espírita – Pág. 73 a 80 – Ed. Aliança A Bíblia – Novo Testamento - Ato dos Apóstolos As Marcas do Cristo – Parte I – Hermínio C. Miranda – FEB Paulo e Estevão – Emmanuel / Chico Xavier – FEB Paulo de Tarso – Huberto Rohden – Ed. Alvorada Vida e Atos dos Apóstolos – Caírbar Schutel – O Clarim Médico de Homens e Almas – Taylor Caldwell – Ed. Record


Carregar ppt "O APÓSTOLO PAULO E SUAS PREGAÇÕES. Convite para o Trabalho Antioquia Terceira maior cidade do Império Romano na Ásia Menor (Síria)."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google