A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Plano Nacional de Banda Larga e Suas Evoluções e o Impacto para o Futuro do Segmento no Brasil 8o. SENAD – Joao Pessoa – PB 28/abril/2011 Dórian Lacerda.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Plano Nacional de Banda Larga e Suas Evoluções e o Impacto para o Futuro do Segmento no Brasil 8o. SENAD – Joao Pessoa – PB 28/abril/2011 Dórian Lacerda."— Transcrição da apresentação:

1 Plano Nacional de Banda Larga e Suas Evoluções e o Impacto para o Futuro do Segmento no Brasil 8o. SENAD – Joao Pessoa – PB 28/abril/2011 Dórian Lacerda Guimaraes

2 Quem somos ? Apoiar às empresas brasileiras provedoras de acesso, serviços, informações, pesquisa, desenvolvimento e demais atividades profissionais relacionadas com Internet e Tecnologia da Informação, incluindo acadêmicos que atuam como pesquisadores nas áreas de Internet e Tecnologia da Informação no país.

3 Internet em Números Banda Larga Milhares1T092T093T094T091T102T103T104T10 ADSL TV Assinatura Outros Total Acessos/ 100 hab. 5,435,625,745,926,166,446,767,12

4 Internet Market Share %1T092T093T094T091T102T103T104T10 Oi38,0%37,8%37,7%37,0%35,9%34,6%33,1%31,6% Net23,7%24,2%25,4%25,3%25,2%24,9%25,5% Telefonica25,6%25,4%23,4%23,2%23,6%23,9%24,0% GVT4,8%5,0%5,5%5,9%6,3%7,1%7,6%7,9% CTBC2,0%1,9%1,8% 1,7% Outras5,9%5,7%6,2%6,8%7,3%7,7%8,1% 9,2% Total100% 100,0% Market Share de Banda Larga no Brasil

5 INTERNAUTAS ATIVOS EM RESIDÊNCIAS E NO TRABALHO* E HORAS NAVEGADAS** Fonte: NetView - IBOPE//NetRatings * Pessoas com 2 anos ou mais que navegaram na Internet usando computadores no domicílio ou no local de trabalho **Tempo médio de uso do computador pelos internautas brasileiros no domicílio ou no local de trabalho

6 Quem cuida da Internet no Brasil? CERT.br - Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidente de Segurança no Brasil CETIC.br - Centro de Estudos sobre as Tecnologias da Informação e da Comunicação CEPTRO.br - Centro de Estudos e e Pesquisas em Tecnologia de Redes e Operações W3C Brasil - Escritório brasileiro do W3C (World Wide Web Consortium)

7 PNBL Criar oportunidades, acelerar o desenvolvimento econômico e social, promover a inclusão digital, reduzir as desigualdades social e regional, promover a geração de emprego e renda, ampliar os serviços de governo eletrônico e facilitar aos cidadãos o uso dos serviços do Estado, promover a capacitação da população para o uso das tecnologias de informação e aumentar a autonomia tecnológica e a competitividade brasileiras.

8 Tecnologia de Banda Larga vs Aplicação

9

10 Considerações para a Educacao a Distância A Banda Larga vai aumentar. Uso de smart phone e um novo elemento no acesso a Internet As Experiencias dos usuarios vai interferir no desenvolvimento de novas formas de eudcar e aprender.

11 Dorian Lacerda Guimarães Diretor de Novas Tecnologias - Abranet Linkedin | Facebook | Twitter Dorian Lacerda Guimarães Presidente - ISAT Linkedin | Facebook | Twitter A Educação a distância se beneficiará e beneficiara milhões de pessoas com as novas tecnologias educacionais, da informação e da comunicação. Grato,

12 Agradecimentos aos colaboradores Antonio Carlos Martelleto – Diretor Embratel Ari Falarini – Diretor Telefônica Nelson Saito – Diretor Furukawa Eduardo Neger – Presidente da Abranet Dorian Lacerda Guimarães – Presidente ISAT Referências de dados e informações TELEBRAS CGI – Comite Gestor de Internet NIC.BR Wikipedia ( cidade digital, cidades inteligentes, banda larga, wifi, wimax, ) Censo.EAD – Abed Abranet – Associação Brasileira de Internet.


Carregar ppt "Plano Nacional de Banda Larga e Suas Evoluções e o Impacto para o Futuro do Segmento no Brasil 8o. SENAD – Joao Pessoa – PB 28/abril/2011 Dórian Lacerda."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google