A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Nos Bastidores da Notícia: O Trabalho Prescrito e o Trabalho Real do Radialista A sociedade, cuja força motriz é o conhecimento, exige dos indivíduos constante.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Nos Bastidores da Notícia: O Trabalho Prescrito e o Trabalho Real do Radialista A sociedade, cuja força motriz é o conhecimento, exige dos indivíduos constante."— Transcrição da apresentação:

1 Nos Bastidores da Notícia: O Trabalho Prescrito e o Trabalho Real do Radialista A sociedade, cuja força motriz é o conhecimento, exige dos indivíduos constante atualização sobre o mundo que os cerca. Apesar da multiplicidade das fontes de informação disponíveis na mídia, o acesso às mesmas não é igualitário. Nesse contexto, o rádio, além de fonte, passa a ser um veículo socializador de informações, pela sua alta penetração em termos de espaço e população atingida; e o radialista exerce um papel fundamental, tornando-se ponte entre o ouvinte e as informações veiculadas, possibilitando ao seu público o acesso aos fatos e uma maior integração à sociedade. Catarina Cecília Odelius *, Rose Mary Gonçalves ** & Mário César Ferreira ** Departamento de Administração * Laboratório de Ergonomia do Departamento de Psicologia Social e do Trabalho** Universidade de Brasília - UnB Modos Operatórios do Radialista na Gestão do Tempo (Veiculação da Notícia) Se Há Tempo Solicita a participação de toda a rede Aumenta o tempo usado para comentários Aumenta o número de perguntas para os entrevistados Prolonga a execução de músicas (3ª parte do programa) Intensifica a busca de informações para "fabricar notícias Anota nomes de pessoas que possam ser entrevistadas Se Não Há Tempo Avisa os repórteres da limitação do tempo Limita a participação à equipe entrevistadora Reduz o número de perguntas da entrevista Elimina parte da pauta Solicitação inserção de vinheta, sinalizando o término do tempo Indica o término do tempo, chamando o repórter pelo nome Retira intervalo ou comercial 4 - Conclusão: A discrepância constatada entre o prescrito e a atividade do sujeito evidenciou a predominância das demandas cognitivas na sua carga de trabalho, principalmente devido às múltiplas demandas envolvidas na transformação da informação em notícia, considerada cerne do trabalho do radialista. Duas características centrais da atividade: 1) é uma atividade complexa, sendo o fator tempo o principal indicador dessa complexidade. 2) exigência da construção de um savoir-faire singular para viabilizar os objetivos previstos e garantir a qualidade do programa. Não obstante seus limites, este estudo exploratório fornece elementos para reconcepção do trabalho prescrito pela organização e indicadores para aprimorar as condições de trabalho do radialista e a equipe. Questão aberta para novos estudos: quais as conseqüências da discrepância entre o trabalho prescrito o o trabalho real para a saúde e o bem-estar do sujeito? 1 - Objetivo do Estudo Investigar as demandas cognitivas decorrentes da distância entre a tarefa prescrita e a atividade do sujeito e, em conseqüência, as estratégias operatórias construídas para o alcance dos objetivos organizacionais. 2 - Abordagem Metodológica Trajeto da Análise Ergonômica do Trabalho - AET 3 - Resultados A) Características do Trabalho Prescrito Delimitação da situação -problema * Discrepância entre Tarefa e Atividade * Estratégias Operatórias do Sujeito 2 Análise doTrabalho Prescrito * Exame textual * Análise de Conteúdo 3 Análise do Contexto Sociotécnico * Entrevistas * Pesquisa Documental * Observação Aberta 1 Análise do Trabalho Real * Observações Sistemáticas * Entrevistas Semi- Estruturadas 4 Tratamento dos Dados * Qualitativa: Fluxos, Quadros Descritivos * Quantitativa: Estatística Descritiva 5 Elaboração de um Pré- Diagnóstico 6 Principais Etapas da Atividade do Radialista e Fluxo de Ações Habituais Pesquisa realizada para a disciplina Trabalho e Cognição do programa de pós-graduação do IP/ UnB 3 - Resultados B) Características do Trabalho Real Etapa 1 - Coleta de Informação RegistroIdentificação Etapa 2 - Elaboração da Notícia Seleção TratamentoVeiculação Consulta Internet Lê Jornais e Mídia Impressa Verifica se há Ocorrências (Policiais, Detran,Corpo de Bombeiros) Contata pessoas por telefone Anota Dados Examina Dados Compara com Dados Anteriores Classifica Dados Escolhe Dados Identifica Pessoas Para Comentar dos Dados Redige script de Abertura Organiza Dados Contata Pessoas Solicita Agendamento de Entrevistas Providencia Contatos Lê texto de Abertura do Programa Entrevista Pessoas Transmite Notícias Legenda: Evolução das Etapas Ações sem Seqüência Pré- definidas Ações Geralmente Seqüenciais


Carregar ppt "Nos Bastidores da Notícia: O Trabalho Prescrito e o Trabalho Real do Radialista A sociedade, cuja força motriz é o conhecimento, exige dos indivíduos constante."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google