A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Antonio Delfim Netto 24 de Outubro de 2012 São Paulo, SP Rumos da Economia Mundial e Seus Impactos no Brasil SINDPD 1.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Antonio Delfim Netto 24 de Outubro de 2012 São Paulo, SP Rumos da Economia Mundial e Seus Impactos no Brasil SINDPD 1."— Transcrição da apresentação:

1 Antonio Delfim Netto 24 de Outubro de 2012 São Paulo, SP Rumos da Economia Mundial e Seus Impactos no Brasil SINDPD 1

2 I. A Crise Financeira Mundial e Perspectivas de Recuperação 2 1.Estados Unidos 2.Zona do Euro 3.China

3 3 * Projeção: JPMorgan – Global Data Watch, 19 de Outubro de 2012 Fonte: FMI Elaboração: Idéias Consultoria Crescimento do PIB Real (% ao Ano) *

4 II. A Crise Mundial Pode Mudar a Economia de Mercado? 4 A Economia de Mercado 1.Não foi inventada: foi produto da seleção natural 2.Eficiência produtiva e liberdade individual 3.Desigualdade entre pessoas e entre países 4.Evolução tecnológica e inovação 5.Ciclos e crises 6.O papel do Estado

5 III. Efeitos Recentes da Deterioração da Economia Mundial Sobre o Brasil 1.Alimenta expectativas negativas que reduzem o investimento privado. 2.Reduz as exportações e o nível de atividade 3.Deprime as bolsas de ações, que diminui a disposição das empresas e das pessoas 4.Política macroeconômica dos EUA e da Zona do Euro afetam a nossa economia 5

6 6 ND PIBInflação Bolsa (Entre 31/12/2011 e 20/10/2012) Fonte: Economist (20/10/2012) Elaboração: Idéias Consultoria Comparativo Mundial (2012, em%)

7 7 Fonte: OMC Elaboração: Idéias Consultoria Taxa de Crescimento das Exportações Brasileiras e Mundiais % Brasil Mundo

8 Brasil – Exportações: Quantum, Preço e Valor Média Anual (%) Fonte: Funcex Elaboração: Idéias Consultoria 8

9 9 Exportação Brasileira: Principais Blocos Econômicos Acumulado de Janeiro a Setembro (US$ Bilhões) Fonte: Secex Elaboração: Idéias Consultoria Variação (%) Ásia China América Latina e Caribe Argentina União Européia Estados Unidos Demais Total

10 Relação Câmbio/Salário e Saldo em Transações Correntes Fonte: Bacen, Fiesp Elaboração: Idéias Consultoria 10

11 IV. Economia Brasileira no Curto e no Longo Prazo 1.Curto Prazo A.Polêmica do abandono do tripé: Equilíbrio fiscal Meta de Inflação Câmbio Flutuante B.Perspectivas C.Necessidade de conceder condições isonômicas para melhorar a competitividade da produção nacional 2.Longo Prazo 11

12 Equilíbrio Fiscal Superávit Primário, Juros Nominais e Déficit Público % do PIB (Médias do Período) Fonte: Bacen Elaboração: Idéias Consultoria Monitoramento do FMI FHC IFHC IILula ILula IIDilma Superávit Primário Juros Nominais -0,5% 2,9% 3,6% 2,8% 3,1% Déficit Público 5,8% 7,3% 7,6% 5,7% 5,6% 5,3% 4,4% 4,0% 2,5% 2,9% 12

13 Trajetória da Dívida Líquida do Setor Público, do Superávit Primário e da Carga Tributária Bruta (% do PIB) Dívida Líquida do Setor Público (% do PIB) Superávit Primário (% do PIB) Carga Tributária Bruta (% do PIB) Itamar (28.6%) FHC I (33,2%) FHC II (33,0%) Lula I (33,7%) Lula II (34,7%) Dilma (36,0%) Dilma (35,0%*) Itamar (1994) FHC I ( ) FHC II ( ) Lula I ( ) Lula II ( ) Dilma (2011) * Projeção Fonte: Bacen, IBPT Elaboração: Idéias Consultoria 13 Dilma (2012*)

14 Equilíbrio Monetário Inflação Acumulada em 12 Meses (%) Fonte: FMI Elaboração: Idéias Consultoria Economias Emergentes Brasil Economias Desenvolvidas 14

15 15 IPCA Alimentos e Exceto Alimentos Acumulado em 12 Meses (%) Fonte: IBGE Elaboração: Idéias Consultoria IPCA: Exceto Alimentos IPCA: Alimentos

16 16 IPCA Serviços e Bens Duráveis Acumulado em 12 Meses (%) Fonte: IBGE Elaboração: Idéias Consultoria

17 17 Crescimento do PIB Real Variação Sobre o Mesmo Trimestre do Ano Anterior (%) Fonte: IBGE Elaboração: Idéias Consultoria 1,7%4,3% B. Perspectivas da Economia Brasileira Hipóteses de Crescimento T/T-1 1,2%1,5%0,9%1,1%1,0%0,9%

18 C. É necessário conceder condições isonômicas para melhorar a competitividade da produção nacional. 18 Rígido controle dos gastos de custeio e ampliação dos investimentos Melhorar a infraestrutura com PPPs e concessões (rodovias, aeroportos, portos, saneamento, comunicação) Reforçar a execução dos contratos: aperfeiçoamento jurídico da recuperação de bens Taxa interna de juros igual à taxa mundial Dar competitividade à produção nacional (relação câmbio / salário) Reduzir as distorções do sistema tributário: ampliação dos prazos de recolhimento Permitir livre negociação salarial respeitando os direitos constitucionais Melhorar o ambiente dos negócios

19 19 Crise Cambial 1º Choque do Petróleo 2º Choque do Petróleo Crise Cambial Plano Cruzado Plano Collor Plano Real Crise Cambial Apagão Crise Cambial Fonte: IBGE Elaboração: Idéias Consultoria 2. O Longo Prazo Brasil: Crescimento do PIB Real Média Móvel Centrada de 5 Anos (em %) Média = 7,5%Média = 2,6% Crise Financeira Mundial

20 A única forma de prever o futuro é construí-lo 20


Carregar ppt "Antonio Delfim Netto 24 de Outubro de 2012 São Paulo, SP Rumos da Economia Mundial e Seus Impactos no Brasil SINDPD 1."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google