A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O presente projeto tem por finalidade resgatar as memórias, cultura, tradição, lugares de nosso município, fazendo com que os alunos conheçam sua cidade.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O presente projeto tem por finalidade resgatar as memórias, cultura, tradição, lugares de nosso município, fazendo com que os alunos conheçam sua cidade."— Transcrição da apresentação:

1

2 O presente projeto tem por finalidade resgatar as memórias, cultura, tradição, lugares de nosso município, fazendo com que os alunos conheçam sua cidade e a história da mesma. Neste livro virtual, está uma breve passagem por alguns campos relevantes que constituem Guarapuava. Buscamos juntamente com nossos alunos escrever de forma coletiva um texto onde as pessoas possam conhecer nossa cidade. Além da escrita do livro virtual em sala de aula, também fizemos vários passeios por lugares históricos e turísticos da cidade. Conversamos com alguns vereadores e fizemos entrevistas com moradores. Nós alunos e professores das 2ª séries do Colégio Aliança sentimo-nos honrados em poder conhecer e fazer parte desta história de conquistas e lutas do povo guarapuavano. Introdução

3

4 CAPÍTULO I RESGATANDO NOSSA HISTÓRIA Guarapuava era habitada por índios que viviam da coleta de frutas, de pesca e da caça de animais. Existia uma grande quantidade de lobos e por isso os índios chamavam esta região de Guará ( lobo), Puava (bravo). Guarapuava é de origem tupi. Quando os portugueses chegaram aqui, por medo dos índios, levantaram um cercado com 40 palmos de altura, um soldado ficava de atalaia, ou seja, de vigia. O cercado recebeu o nome de Fortim Atalaia, que deu origem ao Povoado de Atalaia, distrito de Castro, sendo o primeiro fundado nos campos guarapuavanos. Em 11 de novembro de 1818 a pedido do Padre Chagas, D. João VI criou a igreja Matriz, a Freguesia de Nossa Senhora de Belém e permitiu que os moradores do povoado do Atalaia se transferissem para o local indicado pelo Padre Chagas.

5 Assim, em 9 de dezembro de 1819 foi instalada a freguesia de nossa senhora de Belém. Este pequeno povoado foi início da cidade de Guarapuava. Nossa cidade foi elevada a vila em 17 de julho de 1852, desmembrando-se de castro e podendo eleger sua câmara municipal de Guarapuava. Somente a partir de 12 de abril de 1871, através da lei provincial nº 271, foi denominada de cidade de Guarapuava. A câmara municipal ficou assim constituída: Presidente: Manuel Marcondes de Sá. Vereadores: Antonio de Sá Camargo, Francisco da Rocha Loures, Joaquim José de Lacerda. Suplentes: Hermenegildo Alves de Araujo, Francisco José dos Santos de Siqueira Cortes. O primeiro prefeito de Guarapuava foi Pedro Lustosa de Siqueira( ).

6 ÍCONES DA HISTÓRIA DE GUARAPUAVA Lobo-guará A imagem do pacato lobo, na paisagem dos campos de Guarapuava, demonstra a riqueza da biodiversidade local, que mesmo explorada há décadas, pelo homem, ainda é forte. Cacique guairacá O Cacique Guairacá ficou conhecido pela expressão: co ivi oguerecô iara, que significa essa terra tem dono, quando o cacique teria se revoltado contra os espanhóis, que escravizavam os guarani.

7 TROPEIROS Levando as tropas de muares pelo sul e sudeste do Brasil, os tropeiros foram disseminadores de hábitos e costumes, marcando fortemente a cultura e municípios, como Guarapuava. CAVALHADAS As cavalhadas representam uma tradição de Guarapuava. Lembra a luta entre cristãos e mouros, durante as guerras da reconquista, isto é, da expulsão dos mouros.

8 NATUREZA Guarapuava tem belas paisagens, como a Serra da Esperança, o Vale do Jordão, os campos, as pastagens, as cachoeiras e as cavernas completam esse rico cenário. Serra da Esperança

9 MUSEUS DE GUARAPUAVA Museu municipal visconde de Guarapuava Criado em 17 de abril de 1948, funciona em um casarão colonial, construído no século passado, em 1839, por mãos de escravos. O museu constitui um valioso acervo de arquitetura urbana e histórica de Guarapuava.

10 MUSEU CIÊNCIAS NATURAIS Foi inaugurado dia 9 de dezembro de 1997, no Parque das Araucárias. O museu reúne coleções do Prof.º Dr. João José Bigarella e do autodidata Hipólito Schneider.

11 Museu de Arte Sacra Dom Frederico Helmel Está localizado no 1º andar, na Rua Visconde de Guarapuava, na casa Paroquial. Museu Casa da Leitura e da Memória Está localizada no distrito da palmeirinha, consistindo em um complemento lógico da casa da leitura, considerando-se as peculiaridades que o distrito possui relativas à história de Guarapuava e do estado do Paraná. Museu Histórico da Cooperativa Agrária de Entre Rios Local em permanente exposição de fotos, objetos e documentos.

12 CAPÍTULO II NOS PRIMEIROS TEMPOS No início, o comércio guarapuavano foi alimentado por mascates, que batiam de porta em porta vendendo produtos. Depois foram surgindo os pequenos comerciantes, que vendiam de tudo: tecidos, chapéus, álcool, querosene, fumo e armas. Em 1860 foi fundada a primeira firma comercial, por Frederico Guilherme Virmond Junior e seus cunhados, chamou-se sociedade Sá Virmond e Cia. Decidiu-se ao comércio de muares. A casa Missino trouxe para Guarapuava o primeiro gramofone, a primeira máquina de fazer sorvete e os primeiros automóveis, os fordinhos pé de bode. As casas comerciais mais antigas, que resistiram ao tempo e continuaram em atividade até os dias atuais são: Panificadora triunfante Casa Gelinski Farmácia Trajano Casa Haik.

13 As cooperativas que atuam em nosso município são: Cooperativa agropecuária mista de Guarapuava (Coamig). Possui uma usina de pasteurização de leite e de industrialização de laticínios. Cooperativa Agrária Mista de Entre Rios Ltda. Possui a maior Maltaria da América do Sul, a Agromalte e participa com 43% do capital da Coopersul (Cooperativa Central de Agropecuária dos Campos Gerais).

14 O ENSINO EM GUARAPUAVA O Ensino Fundamental Público é ofertado em 67 escolas, das quais 24 são estaduais e atendem a alunos de 5ª a 8ª séries. A rede municipal conta com 43 escolas de 1ª a 4ª séries. Atualmente, a rede particular de ensino conta com 28 escolas, sendo: 10 centros de Educação Infantil, que atendem Maternal ao Jardim III, 10 escolas que atendem desde a Educação Infantil até os dois ciclos de Ensino Fundamental e 8 estabelecimentos, que atendem à Educação Infantil, Ensino Fundamental e o Ensino Médio. Conta, ainda, com quatro Instituições de Ensino Superior e o Centro de Educação Profissional de Guarapuava.

15 Universidade estadual do centro-oeste (Unicentro) Teve início em 1º de março de 1970, com a instalação da faculdade estadual de filosofia, ciências e letras de Guarapuava (Fafig). No dia 9 de dezembro de 1998 foi criado o centro de desenvolvimento educacional e tecnológico de Guarapuava (Cedeteg). É composto por um conjunto de entidades de ensino, pesquisa e assistência que, juntos atuam em atividades de desenvolvimento. O ENSINO SUPERIOR

16 HOSPITAIS DE GUARAPUAVA Nosso município conta com os hospitais: Hospital de Caridade de São Vicente de Paulo, Santa Tereza, Hospital Estrela do Belém. A Secretaria Municipal de Saúde conta em sua sede administrativa com a seguinte estrutura: 32 unidades de Programa Saúde da Família e Unidades 24 horas; 15 Unidades com Atendimento Volante, no interior do município, 5 Clínicas Odontológicas; 17 Equipes de Saúde Bucal no Programa Saúde da Família; 1 Centro Ambulatório Municipal de Pneumologia e Dermatologia sanitária e 1 centro de saúde da mulher.

17 BANCOS DE GUARAPUAVA A primeira casa bancária de Guarapuava foi a casa Missino. A Caixa Econômica Federal, instalou-se no dia 4 de abril de O Banco do Brasil instalou- se no dia 19 de janeiro de Banco Bamerindus, instalado em 22 de maio de 1961, deu lugar ao HSBC. O Banco Bradesco iniciou suas atividades em 10 de agosto de O Unibanco em sete de novembro de Banco Itaú, comprou o Banco Banestado. O Banco Real instalou-se em 28 de agosto de 1974.

18 MEIOS DE TRANSPORTE Por muito tempo o transporte era feito por cavalo e somente em 1912 chegou o transporte rodoviário com a diligência do Sr. Frederico Forbeck. Em 1964 iniciou o transporte coletivo urbano. O transporte aéreo foi inaugurado em 14 de dezembro de O aeroporto de Guarapuava chama-se Tancredo Thomaz de Faria, funciona para vôos particulares, não existem linhas comerciais.

19 CAPÍTULO III ECONOMIA Principais atividades agrícolas Guarapuava tornou-se, após os anos 50, o grande produtor e exportador de grãos como: soja, milho, trigo, arroz, aveia, cevada, sorgo etc,. Também de erva-mate e batatas como a bintje. Planta-se também feijão e milho. Principais atividades da pecuária O rebanho guarapuavano apresenta-se com mais variadas raças européias e indianas: charolês, nerole, simental, jersey, holandês, gir dentre outras. Na criação de eqüinos merecem destaque o cavalo árabe e o crioulo. Os ovinos e caprinos apresentam alto índice de qualidade.

20 PRINCIPAIS ATIVIDADES EXTRATIVISTAS Em Guarapuava as riquezas minerais mais importantes estão em lugares do município onde as águas são termais. Existem grandes jazidas de pedras granitos que são usadas em construções. A extração de ervas nativas e a madeira, em grande quantidades, desmatam muitas regiões do município. Porém, já se observa uma mudança, para melhor, quanto a preservação da natureza. Um exemplo é a proteção aos mananciais e a conservação do solo; Devemos preservar a natureza !

21 CAPÍTULO IV PONTOS TURÍSTICOS O parque das crianças é uma área verde; com espaços para recreação e prática de esportes.

22 Parque do lago Lugar verde, com flores, onde as pessoas realizam caminhadas ou simplesmente sentam para conversar. Lagoa das lágrimas Onde se situa a lagoa, era apenas uma canhada. Depois se transformou num lugar de convívio social.

23 SÃO FRANCISCO DA ESPERANÇA é uma atração inigualável. Pequenas cachoeiras se formam antes do salto, entre elas a dos Cavaleiros, onde muito antigamente os tropeiros faziam suas paradas para refrescar o corpo e se abastecer de água.

24 RIO JORDÃO A 10 minutos do Centro, encontra-se um vale coberto de Matas. Uma opção para quem quer escapar da rotina urbana, banhar-se em corredeiras ou mergulhar em águas profundas.

25 CATEDRAL A primeira construção feita em Guarapuava, ainda antes da instalação da Freguesia, foi a Igreja Matriz, hoje Catedral de Nossa Senhora de Belém. A construção da igreja iniciou-se em 1841, em estilo barroco, de acordo a planta deixada pelo padre chagas.

26 CAPÍTULO V MUNICÍPIO DE GUARAPUAVA Formada pelos municípios de Guarapuava (Sede), Cantagalo, Quedas do Iguaçu, Inácio Martins, Pinhão, Candói, Reserva do Iguaçu, Foz do Jordão, Campina do Simão, Turvo e Laranjeiras do Sul. LIMITES DE GUARAPUAVA: Norte: Campina do Simão e Turvo. Sul: Pinhão. Leste: Prudentópolis e Inácio Martins. Oeste: Candói, Cantagalo, e Goioxim. DISTRITOS URBANOS Guarapuava (sede), Carro Quebrado, Boqueirão, Morro Alto, e Jordão. DISTRITOS RURAIS Palmeirinha, Guará, Guairacá, Entre Rios.

27 HIDROGRAFIA Os principais rios de Guarapuava são:Jordão, formado pelo Ribeirão das Pedras e o Rio Bananas, Rio Pinhão, Rio Coutinho, Rio Campo Real, Rio das Mortes, Rio Piquiri e Rio São João. Nas depressões e próximo às nascentes apresenta- se as florestas, com úteis da mata subtropical, onde predominou a Araucária. As principais serras são: Esperança, São João e Araras.

28 CONCLUSÃO Ao finalizarmos este trabalho podemos dizer que os objetivos foram alcançados. Durante o período de realização do livro, visitamos os pontos turísticos de Guarapuava onde tivemos oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a história de nossa cidade. O trabalho de pesquisa em livros, internet, acervos fotográficos, mapas permitiram ampliar nossos conhecimentos e nos trouxe subsídios que usamos no livro virtual. Foi um momento onde a aprendizagem ocorreu de forma significativa e divertida. FELIZ O POVO QUE PRESERVA SUA MEMÓRIA, FELIZ A CRIANÇA QUE CONHECE E RESPEITA! (ROSANA AP. SCHWARTZ)

29 BIBLIOGRAFIA Marcondes, Gracita Gruber. Guarapuava, História e Trabalho. Textos Históricos. Guarapuava, Unicentro, Vaz, Terezinha Aguiar. Guarapuava, História e Poesia

30 ANEXOS ENTREVISTAS FICHA DE ENTREVISTA 1. Qual é o seu nome? Maria Marlene Oliveira Ribas 2. Qual a sua idade? 45 anos. 3. Há quanto tempo você mora neste município? 39 anos. 4. Como foi a sua infância e sua juventude quanto a: a) diversão: Brincadeiras de bola, esconde-esconde, etc. b) roupas: Calça e vestido. c) costumes: Sair na casa dos amigos e dançar. d) meios de transportes: Ônibus e a pé. e) Festas típicas: Festa junina. 5. Quais foram as mudanças mais marcantes que ocorreram no município? Quando pavimentaram e quando cresceu. 6. Quais os principais problemas enfrentados pelos cidadãos do município? Saúde e desemprego.

31 FICHA DE ENTEVISTA 1. Qual é o seu nome? Elizandra Brescovit Martins Bandeira. 2. Qual a sua idade? 32 anos. 3. Há quanto tempo você mora neste município? 32 anos. 4. Como foi a sua infância e sua juventude quanto a: a) diversão: Brincava com brinquedos simples. b) roupas: Usavam roupas sofisticadas. c) costumes: Assavam pinhão na grimpa. d) meios de transportes: Ônibus e carros. e) Festas típicas: Nossa Senhora de Belém. 5. Quais foram as mudanças mais marcantes que ocorreram no município? Ruas asfaltadas, construção de prédios, iluminação, indústrias e mudanças religiosas. 6. Quais os principais problemas enfrentados pelos cidadãos do município? Transporte, saúde e educação.

32 FICHA DE ENTREVISTA 1. Qual é o seu nome? Libéria Alves Loures da Rocha 2.Qual a sua idade? 88 anos 3. Há quanto tempo você mora neste município? 88 anos 4. Como foi a sua infância e sua juventude quanto a: a) diversão: b) roupas: c) costumes: d) meios de transportes: e) Festas típicas: Estudou na escola Nossa Senhora de Belém, a professora foi a Olga. Brincava com as primas na rua, usava vestidinhos bem bonitinhos, sempre ia a escola a pé. As festas eram da igreja com barraquinhas e ia para o circo. 5. Quais foram as mudanças mais marcantes que ocorreram no município? O que fez muita falta foi o Clube Guairá, tinha muitas festas. 6. Quais os principais problemas enfrentados pelos cidadãos do município? Os ônibus são muito alto para os idosos e a questão da saúde para as pessoas carentes.

33 FOTOS Praça 9 de Dezembro

34 Lagoa das Lágrimas

35 Parque das Crianças

36 Sala de reuniões da Prefeitura Municipal

37 Câmara Municipal

38 Na tribuna


Carregar ppt "O presente projeto tem por finalidade resgatar as memórias, cultura, tradição, lugares de nosso município, fazendo com que os alunos conheçam sua cidade."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google