A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Natalia Philadelpho Azevedo 9 período. Manifestação clinica das descargas neuronais excessivas ou sincronizadas no cérebro Prodromo Aura Ictus Fase pos-itica.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Natalia Philadelpho Azevedo 9 período. Manifestação clinica das descargas neuronais excessivas ou sincronizadas no cérebro Prodromo Aura Ictus Fase pos-itica."— Transcrição da apresentação:

1 Natalia Philadelpho Azevedo 9 período

2 Manifestação clinica das descargas neuronais excessivas ou sincronizadas no cérebro Prodromo Aura Ictus Fase pos-itica Tonico clonico

3 Convulsão generalizada: descargas elétricas que afetam bilateralmente o cérebro. Grande mal Pequeno mal Convulsão parcial Convulsão psicomotora

4 Síndrome vestibular aguda Narcolepsia Distúrbio comportamental do movimento rápido Sincope Miastenia gravis

5 Idiopático Degenerativo Desenvolvimento: Hidrocefalia, lissencefalia

6

7

8 Infeccioso Metabólico : alteração nos eletrólitos, glicemia, acumulo de produtos tóxicos Neoplasia Nutricional: vitaminas do complexo B (Tiamina) Tóxico Trauma

9 Anamnese Quando foi o primeiro ataque convulsivo? Qual a freqüência? Há um prodromo? Qual a aparência dos ataques convulsivos? Há uma filmagem do ataque? Qual a duração da convulsão? Há uma fase pos-itica?

10 O animal fica normal entre os ataques convulsivos? Há associação dos ataques com sono, alimentação, jejum, exercício? Qual o estado de vacinação do animal? Houve neoplasia recente? Metástase?? Trauma craniano? Histórico familiar? Dieta?

11 Exames neurológicos Hemograma completo, perfil bioquímico e urinalise Raio-x e US

12 Quando tratar?? O que tratar?? Falhas

13 Regras Não julgar a eficácia do tratamento em menos de duas semanas. Não mude ou pare o tratamento de uma vez, isso pode causar convulsão. Tranqüilizantes fenotiazinicos são contra- indicados em epilépticos porque causam uma diminuição no limiar da convulsão.

14 Quando ocorrer mudanças no ambiente do animal, um aumento da medicação deve ocorrer por causa da excitação. A medicação será, provavelmente pra toda a vida. Será necessário um ajuste na dosagem, que será por erros e acertos.

15 Fenobarbiltal: Excretado pelos rins GABA, antiglutamato e reduz fluxo de calcio 2,5 mg/kg oral BID (max 5mg/kg - 8 mg) 2-4 semanas avaliação do nível sérico (max 35µg/ml em cães e 30µg/ml em gatos) sedação, ataxia, poliúria, polidipsia e polifagia

16 Brometo de Potássio/sodio eliminado pelos rins, não causa hepatotoxidade 22mg/kg oral BID - cães e 15mg/kg BID oral – gatos (máx59 mg/kg BID) devera ser manipulado usar luvas meia vida é longa cuidado com cloreto na dieta

17 Primidona 15 a 22 mg/kg VO BID cães não usar em gatos Pode causar danos hepáticos irreversíveis medição sérica mantendo o nível de fenobarbital entre 15 e 45 µg/ml.

18 Difenilidantoina: 25 a 30 mg/kg VO QID em cães não pode ser utilizado em gatos Não usar em conjunto com fenobarbital nem primidona Não é muito eficiente

19 Clorazepato 0,6 a 2 mg/kg VO TID em cães Felbamato ataques convulsivos refratários sozinho ou em conjunto com fenobarbital ou primidona 5 a 100mg/Kg VO TID Diazepam emergência

20 Acido valproico associados com fenobarbital 20 a 60 mg/kg BID Acupuntura???

21 O que é emergência? Diazepam IV 0,3-0,7 mg/Kg (5 min) Pentobarbital IV lentamente ate o efeito desejado ( 2-15mg/kg) propofol 6 mg/Kg IV como bolus de 1-2 mg/kg ate o efeito desejado seguido de uma IVC de propofol 0,1- 0,2mk/kg/min

22 Tiopental Mg/Kg IV, como bolus de 2-4 mg/kg ate o efeito desejado Brometo de potássio mg/kg QID

23


Carregar ppt "Natalia Philadelpho Azevedo 9 período. Manifestação clinica das descargas neuronais excessivas ou sincronizadas no cérebro Prodromo Aura Ictus Fase pos-itica."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google