A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Dissertação Profa. Rose Fortunato. 1. usar clichês, jargões ou ditos populares; 2. defender dogmas ou questões religiosas; 3. usar gírias; 4. falar de.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Dissertação Profa. Rose Fortunato. 1. usar clichês, jargões ou ditos populares; 2. defender dogmas ou questões religiosas; 3. usar gírias; 4. falar de."— Transcrição da apresentação:

1 Dissertação Profa. Rose Fortunato

2 1. usar clichês, jargões ou ditos populares; 2. defender dogmas ou questões religiosas; 3. usar gírias; 4. falar de pessoas que não sejam publicamente conhecidas; 5. concluir mais de uma vez a redação; 6. modificar o alfabeto ou a ortografia da Língua Portuguesa; 7. usar abreviações ou siglas não consagradas; 8. fugir do tema proposto; 9. defender o tema proposto movido por emoções exageradas; 10. repetir palavras demasiadamente.

3 Articuladores dissertativos são conjunções ou conectores que unem orações e termos em um texto. A correção no uso desses articuladores faz com que as partes da redação sejam coesas (bem ligadas), além de conferir mais legibilidade à dissertação. Há articuladores específicos para a introdução, desenvolvimento e conclusão. São eles:

4 Inicialmente... Primeiramente... Iniciando a defesa da tese proposta, percebemos que... Ao iniciarmos a presente análise, podemos verificar que...

5 Além do mais... Além disso... Paralelamente a isso... Não podemos deixar de notar que... Esses articuladores podem ser usados apenas na introdução e no desenvolvimento.

6 Por outro lado... No entanto... Entretanto... Com tudo... Esses articuladores devem ser usados no desenvolvimento.

7 Pois... Haja vista (atraindo verbo no infinitivo) Haja vista que (sempre antes de verbo) Esses articuladores devem ser usados apenas na introdução ou no desenvolvimento. Nunca na conclusão.

8 Em primeiro lugar... Em segundo lugar... Em terceiro lugar... Paralelamente a isso... O uso desses articuladores está vinculado a uma regra: sempre que se use em primeiro lugar, deve-se usar também em segundo lugar.

9 Portanto... Resumindo... Diante dos fatos expostos, pode-se verificar que... Finda a presente análise, chega-se a conclusão que... Esses articuladores são de uso obrigatório na conclusão, mas limitado a um por texto.

10

11 O quê? (matéria tratada)

12 2. Por quê? (razão) 3. Para quê? (objetivo, finalidade) 4. Causas. 5. Consequências. 6. Como? De que maneira? 7. Analogias = comparações. 8. Prós: argumentos a favor. 9. Contras: argumentos contrários. 10. Análise: situação atual. 11. Síntese.

13 12. Soluções. 13. Conclusão.

14

15 A televisão no Brasil

16 A importância da televisão na formação de uma mentalidade nacional. Dados históricos da televisão brasileira.

17 Os programas de TV e o patrocínio comercial. A televisão educativa. A seleção dos programas e a aceitação popular. O nível dos programas e o nível cultural brasileiro.

18 A situação da televisão brasileira.


Carregar ppt "Dissertação Profa. Rose Fortunato. 1. usar clichês, jargões ou ditos populares; 2. defender dogmas ou questões religiosas; 3. usar gírias; 4. falar de."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google