A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

O Sermão Profético Igreja Batista da Borda do Campo Curso de Escatologia Prof. Carlos Osvaldo Cardoso Pinto.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "O Sermão Profético Igreja Batista da Borda do Campo Curso de Escatologia Prof. Carlos Osvaldo Cardoso Pinto."— Transcrição da apresentação:

1 O Sermão Profético Igreja Batista da Borda do Campo Curso de Escatologia Prof. Carlos Osvaldo Cardoso Pinto

2 Diferentes Visões Preterista – Todo o conteúdo do capítulo aconteceu no intervalo entre a cruz e a queda de Jerusalém. Historicista – A maior parte do capítulo diz respeito à história da Igreja entre a cruz e o retorno de Jesus Cristo. Futurista – A maior parte do capítulo diz respeito ao período imediatamente anterior à vinda de Jesus Cristo, que Ele chamou de Grande Tribulação (Mt 24.21). 2

3 Questionamentos Mais Freqüentes Quantas perguntas os discípulos fizeram a Jesus? (v. 3) Qual a relação entre os vv e a Igreja? Qual a relação entre o v. 14 e o Arrebatamento da Igreja? Deus alterou seu calendário escatológico para a humanidade não ser destruída? (v. 22) 3

4 Questionamentos Mais Freqüentes Qual relação entre o v. 27 e o Arrebatamento da Igreja? O que significa o v. 28? Qual a relação entre os vv e o Arrebatamento da Igreja? Mt é uma profecia do renascimento de Israel como nação em 1948? Mt fala sobre o Arrebatamento da Igreja, certo? 4

5 Questionamentos Mais Freqüentes A respeito de quem fala a parábola das dez virgens? O que significa ficar sem azeite nas lâmpadas? A parábola dos talentos indica a perda de salvação para crentes não produtivos? O juízo de Mt é o juízo final? Quem são os pequeninos irmãos de Jesus? 5

6 Respostas Mais Freqüentes Quantas perguntas os discípulos fizeram a Jesus? (v. 3) Duas perguntas que não estão diretamente associadas. Todavia, o AT diretamente associa a destruição parcial de Jerusalém ao final dos tempos e à manifestação escatológica de Yahweh (cf. Zc 14). Logo, é melhor ver como uma única pergunta com duas partes relacionadas. Esta perspectiva nos permite entender o SP como uma mensagem dirigida aos discípulos como seguidores israelitas do Messias (muito importante!). 6

7 Respostas Mais Freqüentes Qual a relação entre os vv e a Igreja? Estes versículos descrevem os sinais que a Igreja deve buscar (ou pelo menos observar) na sua espera pela volta de Cristo. Todavia, o contexto aponta para características judaicas dos ouvintes e da situação a que estariam sujeitos (cf. vv. 1-3, 16-20). Logo, parece mais razoável associar os sinais dos vv ao período de grande Tribulação mencionado no v

8 Respostas Mais Freqüentes Qual a relação entre o v. 14 e o Arrebata- mento da Igreja? A pregação do evangelho do reino acabará produzindo a completude da Igreja e então acontecerá o arrebatamento (= fim). Todavia, a seqüência do texto não indica qual fim está em vista, e se o contexto é francamente judaico, o fim deve referir-se ao período da grande tribulação do v. 21. Logo, é melhor ver esta pregação como relacionada à volta de Cristo em juízo, não em resgate. 8

9 Respostas Mais Freqüentes Deus alterou seu calendário escatológico para a humanidade não ser destruída? (v. 22) A grande tribulação deveria durar muitos anos mais (Champlin, 40 anos), todavia a violência dos juízos fez com que ela fosse reduzida. Todavia, tal ponto de vista milita contra as noções da onisciência e da imutabilidade de Deus. Logo, é melhor entender o verbo grego kolobovw ( kolobow ) como uma indicação de uma duração breve no seu plano original. 9

10 Respostas Mais Freqüentes Qual relação entre o v. 27 e o Arrebatamento da Igreja? Este versículo sinaliza a volta de Cristo para buscar os Seus (ao final da tribulação). Todavia, A passagem não descreve qualquer dos fatos relacionados ao Arrebatamento (1 Ts ). A expressão parousiva é genérica e não específica, podendo ser usada para o arrebatamento, para a segunda vinda, ou para todo o processo sem distinção de fatos. 10

11 Respostas Mais Freqüentes O que significa o v. 28? Alguns pensam que os sinais indicariam a proximidade da vinda de Cristo assim como abutres indicam a presença de um cadáver. Calvino (!) pensava que o cadáver era o corpo de Cristo e os abutres os crentes que se alimentavam dEle (Institutas, 3: ). Todavia, o contexto sugere falsos mestres e sua atividade nefanda, logo os abutres podem indicar os falsos mestres e Israel, espiritualmente morto, seria o cadáver. A ênfase poderia ser na rapidez do processo, como a existência de um cadáver atrai depressa os abutres. 11

12 Respostas Mais Freqüentes Qual a relação entre os vv e o Arrebatamento da Igreja? A presença de anjos e de trombetas, bem como a reunião dos eleitos, indicam claramente o Arrebatamento (pós-trib). Todavia, Não há menção de encontro com Jesus, nem de nuvens, nem de ressurreição de mortos, nem de transformação de vivos. É melhor ver essa reunião como algo terreno e que visa os eleitos da nação de Israel para sua volta à Terra Prometida sob a bênção de Deus. 12

13 Respostas Mais Freqüentes Mt é uma profecia do renascimento de Israel como nação em 1948? Sim. Em Mt 21 Israel é simbolizado pela figueira, logo aqui também deve ser assim. Todavia, Lucas acrescenta e todas as árvores (21.29), o que inviabilizaria a comparação. O fato de haver uma comparação num capítulo não obriga que a metáfora seja a mesma em outro contexto não foi um retorno diretamente promovido pelo Senhor e não houve sinal do Filho do homem no céu. 13

14 Respostas Mais Freqüentes Mt fala sobre o Arrebatamento da Igreja, certo? Sim, a ênfase sobre levar e deixar, bem como a idéia de frieza e descaso espiritual apontam para o Arrebatamento. Todavia, A comparação invocada aponta para uma reversão das expectativas (no tempo de Noé os salvos permaneceram, e os ímpios foram julgados e levados embora). No cap. 25, as ovelhas ficam e o os bodes são levados embora. Logo, o que parece estar em vista é a Segunda Vinda, não o Arrebatamento. 14

15 Respostas Mais Freqüentes A respeito de quem fala a parábola das dez virgens? Crentes de nossa era que podem perder o privilégio da presença do Espírito Santo (falta de óleo nas lamparinas). Todavia, o referencial é o mesmo do cap. 24, logo a referência é a pessoas que aguardem a manifestação do reino sem estarem realmente preparadas para isso. Não se trata de perda de salvação. 15

16 Respostas Mais Freqüentes O que significa ficar sem azeite nas lâmpadas? Perder a presença e o ministério do Espírito Santo (i.e., perder a salvação). Todavia, Não há qualquer menção contextual ao Espírito Santo. O fato de uma metáfora ser usada numa passagem não garante que vai sempre significar a mesma coisa. 16

17 Respostas Mais Freqüentes A parábola dos talentos indica a perda de salvação para crentes não produtivos? Sim, porque os talentos indicam dons espirituais. Como o último servo foi lançado fora, perdeu sua salvação. Todavia, Não há indicações contextuais de que os talentos representem dons espirituais, pois são dados segundo a capacidade (cf. 1 Co 12). Além disso, o talento é tirado de um e dado a outro, o que confirma a suspeita sobre a opinião acima. Há ainda a questão do contexto judaico. Melhor ver os talentos como oportunidades relacionadas ao reino. 17

18 Respostas Mais Freqüentes O juízo de Mt é o juízo final? Sim, pois Jesus é o juiz e todos são trazidos diante dEle; há condenação ao inferno e promessa do reino eterno. Todavia, Em Ap 20.11ss. acontece uma ressurreição, o que não ocorre aqui, onde pessoas vivas comparecem perante o Rei. Este juízo ocorre na terra, o outro não. Os critérios de inocência e culpa são distintos. Lá só um veredicto é pronunciado, e aqui dois. 18

19 Respostas Mais Freqüentes Quem são os pequeninos irmãos de Jesus? São os pobres e carentes de todas as eras que oferecem aos cristãos oportunidade de ganharem seu direito ao reino celeste. Todavia, isto faz do filantropismo um critério de salvação, o que contraria todo o teor das Escrituras. O contexto aponta para uma situação específica na história. Podem ser cristãos da G.T. (base religiosa) ou cristãos judeus (base racial e religiosa). 19


Carregar ppt "O Sermão Profético Igreja Batista da Borda do Campo Curso de Escatologia Prof. Carlos Osvaldo Cardoso Pinto."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google