A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

AVALIAÇÃO TOXICOLÓGICA. Objetivo: classificá-lo toxicologicamente, fornecer informações a respeito da forma correta de seu emprego e medidas preventivas.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "AVALIAÇÃO TOXICOLÓGICA. Objetivo: classificá-lo toxicologicamente, fornecer informações a respeito da forma correta de seu emprego e medidas preventivas."— Transcrição da apresentação:

1 AVALIAÇÃO TOXICOLÓGICA

2 Objetivo: classificá-lo toxicologicamente, fornecer informações a respeito da forma correta de seu emprego e medidas preventivas quando uso inadequado.

3 Todas as substâncias químicas são tóxicas em certas condições de exposição. Para toda substância deve haver alguma condição de exposição que seja segura no que se refere à Saúde Humana. AVALIAÇÃO TOXICOLÓGICA

4 Condições de exposição nas quais as substâncias químicas sejam mantidas abaixo do nível máximo permitido. E quando não for possível definir um limite máximo permitido, deve-se evitar a exposição.

5 Os dados toxicológicos são informações obtidas através da experimentação: Em animais de laboratório ;

6 Os dados toxicológicos são informações obtidas através da experimentação: Ensaios com microorganismos;

7 Os dados toxicológicos são informações obtidas através da experimentação: Dados de intoxicações ocorridas em seres humanos.

8 A AVALIAÇÃO TOXICOLÓGICA COMPREENDE: Análise dos dados toxicológicos de uma substância química; Classificar em categorias toxicológicas; Fornecer informações a respeito da forma correta e segura do uso; Medidas de prevenção e tratamento.

9 Seleção de substâncias que se submeterão aos testes toxicológicos Todas as substâncias químicas novas devem se submeter a uma avaliação de seguridade antes de sua fabricação e venda.

10 Devido ao grande número de substâncias químicas encontradas estas podem representar um possível perigo para a saúde humana : FÁRMACOS ADITIVOS ALIMENTARES PRAGUICIDAS PRODUTOS DOMISSANITÁRIOS.

11 Prioridade deve corresponder aos compostos de presumida toxicidade: Elevada Aguda Crônica ou diferenciada (como a carcinogenicidade) De maior persistência no meio ambiente.

12 Critérios essenciais para determinação da prioridade para seleção das substâncias químicas que se colocará à prova : Indicação ou suspeita de perigo para a saúde humana; Tipo de gravidade dos efeitos potenciais à saúde; Grau provável de produção e emprego; Potencial de persistência no meio ambiente; Potencial de acumulação no meio ambiente; Tipo e magnitude das populações que estarão expostas.

13 ALCANCE QUE DEVEM TER OS TESTES DE TOXICIDADE CONSIDERAÇÕES: 1º - Poderá ser útil realizar uma estimativa aproximada de toxicidade com base: Na estrutura química e propriedades físico- químicas das substâncias. Correlações conhecidas destas variáveis com a atividade biológica.

14 Avaliação preliminar de toxicidade deverá começar quando sintetizam as substâncias químicas na fase de laboratório de desenvolvimento de um processo industrial.

15 A avaliação completa das substâncias químicas em questão, tanto a respeito da exposição profissional como da exposição da população geral.

16 MEDICAMENTO - os testes toxicológicos são realizados após as triagens farmacológicas, uma vez comprovados seus efeitos terapêuticos.

17 MEDICAMENTO

18 Desastre do Elixir Sulfanilamida Mais que 100 pessoas, em sua maioria crianças, morreram quando o Elixir Sulfanilamida foi distribuído sem ser testado e continha Dietilenoglicol como veículo.

19 Dados de toxicidade obtidos durante as etapas de desenvolvimento de um processo tecnológico podem ser fontes de dados a respeito dos perigos sobre a saúde: Das matérias primas Outras substâncias utilizadas ou produzidas Produtos intermediários, no processo tecnológico

20 FINALIDADE: AVALIAÇÃO TOXICOLÓGICA PODE FACILITAR A SELEÇÃO DE UM PROCESSO TECNOLÓGICO SUBSTITUTIVO QUE SEJA MENOS NOCIVO PARA A SAÚDE.

21 Relação dose - efeito e relação dose - resposta OBJETIVO DOS ESTUDOS DAS ALTERAÇÕES CAUSADOS PELAS SUBSTÂNCIAS QUÍMICAS : Estabelecer as relações dose-efeito e dose- resposta que fundamentam todas as considerações toxicológicas necessárias para avaliação do risco à saúde.

22 DOSE se emprega para especificar a quantidade de uma substância química administrada, a qual pode não ser idêntica à dose absorvida

23 EFEITO - denomina uma alteração biológica RESPOSTA - indica a proporção de uma população que manifesta um efeito definido.

24 A informação para estimar a dose nos tecidos ou órgãos requer dimensionar os processos de:

25 EFEITOS GRADUADOS : Podem ser medidos em uma escala graduada de intensidade ou gravidade, relacionando sua magnitude diretamente com a dose. EFEITOS QUÂNTICOS : Não permitem gradação e se podem expressar somente dizendo que estão presentes ou ausentes. Ex: a morte ou ocorrência de um tumor

26 A curva DOSE-RESPOSTA representa a relação entre a dose e a proporção da população que responde com um efeito quântico. A configuração das curvas de dose-resposta fornece informações sobre indivíduos de uma população ter tolerância própria e requer uma certa dose antes de responder com um efeito.

27 A curva DOSE-EFEITO demonstra a relação entre a dose e a magnitude de um efeito graduado, em um indivíduo ou em uma população.

28 LISTA DE EXERCÍCIOS 1.Em que compreende avaliação toxicológica? E qual o seu objetivo? 2.Critérios essenciais para determinação da prioridade para seleção das substâncias químicas que se colocará à prova ? 3.Quais são os objetivos dos estudos das alterações causados pelas substâncias químicas? 4.Defina: dose, efeito, resposta. 5.Quais os ensaios utilizados para a obtenção de informações sobre dados toxicológicos? 6.Finalidade da avaliação toxicológica.


Carregar ppt "AVALIAÇÃO TOXICOLÓGICA. Objetivo: classificá-lo toxicologicamente, fornecer informações a respeito da forma correta de seu emprego e medidas preventivas."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google