A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Engenharia Curso: Engenharia de Produção Disciplina: Processos de Fabricação I Prof. Jorge Marques.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Engenharia Curso: Engenharia de Produção Disciplina: Processos de Fabricação I Prof. Jorge Marques."— Transcrição da apresentação:

1 Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Engenharia Curso: Engenharia de Produção Disciplina: Processos de Fabricação I Prof. Jorge Marques dos Anjos Aulas 39 Soldagem Arco submerso Fonte: Marques, Paulo Villani. Soldagem: Fundamentos e Tecnologia. Belo Horizonte: UFMG, 2005

2 Soldagem por Arco Submerso É um método no qual o calor requerido para fundir o metal é gerado por um arco elétrico formado pela corrente elétrica passando entre o arame de soldagem, gás ionizado e a peça de trabalho. A ponta do arame de soldagem, o arco elétrico e a poçs de fusão são cobertos por uma camada de um material mineral granulado conhecido por fluxo. Por estar coberto pelo fluxo, o arco elétrico não é visível. Não há faíscas, respingos ou fumos, exceto nas falhas operacionais do processo.

3 Arco Submerso

4 Diferencial do processo O fluxo é depositado, formando uma camada protetora de material granular sobre a poça e o cordão de solda. Parte do fluxo funde-se e vira gás ou escória. A parte não fundida é peneirada e volta a ser usada no processo. O metal de adição é o próprio eletrodo, que pode ter a forma de arame sólido, arame tubular ou fita.

5 Arco Submerso O equipamento Fonte de energia Sistema de controle Unidade de alimentação de arame (simples ou múltiplo) Tocha Reservatório de fluxo Sistema de aspiração de fluxo não fundido (reciclagem) Capacidade de corrente acima de 400A Pode trabalhar com CA ou CC

6 Arco Submerso - Equipamento

7

8 Arco Submerso Característica do processo Arco estável e suave Ótima penetração Isento de respingos Cordões uniformes Excelente acabamento Alta produtividade

9 Arco Submerso Formas do processo Tandem arc (arames múltiplos) o Alta produtividade Twin Arc (arames paralelos) o Largas áreas de soldagem Fita o Revestimentos

10 Arco Submerso

11 Fluxo Estabilizar o arco elétrico Fornecer elementos de liga para o metal de adição Proteger o arco e o metal fundido da contaminação atmosférica Antioxidante Influenciar no formato e aspecto do cordão

12 Arco Submerso Tipo de Fluxos Fundidos o Fusão de metais o Trituração o Peneira Não fundidos o Aglomerados de pó metálico com silicato o Higroscópicos o Cuidados na estocagem e utilização

13 Arco Submerso Propriedade dos fluxos Neutros o Não interferem na composição química solda o Soldagem e passes multiplos Ligados o Transferem elementos de liga para a poça de fusão o Aços baixa liga e aços inoxidáveis o Revestimentos duros

14 Arco Submerso Arames e fitas Arames sólidos Tubulares Fitas


Carregar ppt "Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Engenharia Curso: Engenharia de Produção Disciplina: Processos de Fabricação I Prof. Jorge Marques."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google