A apresentação está carregando. Por favor, espere

A apresentação está carregando. Por favor, espere

FORMAÇÃO DE JUÍZES/ÁRBITROS ESCOLARES FUTSAL - 2º Nível CE Leiria – Gabinete Coordenador do Desporto Escolar Marinha Grande, 24 de Março 2006.

Apresentações semelhantes


Apresentação em tema: "FORMAÇÃO DE JUÍZES/ÁRBITROS ESCOLARES FUTSAL - 2º Nível CE Leiria – Gabinete Coordenador do Desporto Escolar Marinha Grande, 24 de Março 2006."— Transcrição da apresentação:

1 FORMAÇÃO DE JUÍZES/ÁRBITROS ESCOLARES FUTSAL - 2º Nível CE Leiria – Gabinete Coordenador do Desporto Escolar Marinha Grande, 24 de Março 2006

2 REGULAMENTO GERAL DE PROVAS REGULAMENTO ESPECÍFICO DA MODALIDADE LEIS DE JOGO

3 REGULAMENTO ESPECÍFICO Constituição da equipa - 12 jogadores no máximo e 10 no mínimo - 1 professor responsável pelo grupo/equipa - 1 árbitro/delegado (c/ curso de arbitragem do DE) A equipa que se apresentar com 9 jogadores ou menos, pode realizar o jogo, desde que apresente pelo menos 5 jogadores de início Falta Administrativa Falta de Comparência 1 ponto 0 : 5 0 pontos O jogo não pode prosseguir se uma das equipas ficar reduzida a menos de 3 jogadores

4 Duração dos jogos - Infantis e Iniciados – 4 x 10 (intervalos ) - Juvenis e Juniores – 2 x 20 ( intervalo 10) Nos escalões de INFANTIS e INICIADOS a mudança de campo faz- se entre o 2º e 3º períodos. Nos escalões de INFANTIS e INICIADOS a mudança de campo faz- se entre o 2º e 3º períodos. Nos escalões de JUVENIS e JUNIORES cada equipa tem direito a 1 minuto de tempo de desconto em cada parte do jogo, o qual é concedido num momento de paragem do mesmo. Durante esta interrupção os jogadores não podem sair do campo. Nos escalões de JUVENIS e JUNIORES cada equipa tem direito a 1 minuto de tempo de desconto em cada parte do jogo, o qual é concedido num momento de paragem do mesmo. Durante esta interrupção os jogadores não podem sair do campo. O que acontece se uma equipa não solicitar o tempo de desconto a que tem direito? O tempo de jogo é controlado pela mesa – cronometrista O tempo de jogo é controlado pela mesa – cronometrista Tempo corrido sem paragens Tempo corrido sem paragens

5 Classificação/Pontuação Pontos Vitória3 Empate2 Derrota ou Falta Administrativa 1 Falta de Comparência 0

6 Formas de desempate Nos casos em que, por força do Regulamento, os jogos não possam terminar empatados, procede-se da seguinte forma: prolongamento – 2 x 5 minutos sem intervalo mas com troca de campo. prolongamento – 2 x 5 minutos sem intervalo mas com troca de campo. pontapés de grande penalidade, de acordo com o seguinte procedimento: pontapés de grande penalidade, de acordo com o seguinte procedimento: - o árbitro escolhe a baliza para a marcação das grandes penalidades; - procede, junto dos capitães de equipa, a um sorteio para determinar a equipa que deve executar o primeiro pontapé; - as duas equipas executam 5 pontapés cada uma, observando as seguintes disposições:

7 O capitão de equipa indica ao árbitro quais os 5 jogadores que vão executar os pontapés (estes jogadores devem constar na lista de participantes entregue ao árbitro antes do início do jogo) O capitão de equipa indica ao árbitro quais os 5 jogadores que vão executar os pontapés (estes jogadores devem constar na lista de participantes entregue ao árbitro antes do início do jogo) Os pontapés são executados alternadamente por cada equipa Os pontapés são executados alternadamente por cada equipa O árbitro regista por escrito o resultado de cada pontapé O árbitro regista por escrito o resultado de cada pontapé Se, depois de marcados os pontapés de grande penalidade o resultado continuar empatado, a execução prossegue pela mesma ordem até que uma equipa tenha marcado um golo a mais do que a outra, com o mesmo número de tentativas Se, depois de marcados os pontapés de grande penalidade o resultado continuar empatado, a execução prossegue pela mesma ordem até que uma equipa tenha marcado um golo a mais do que a outra, com o mesmo número de tentativas Qualquer jogador pode substituir o guarda-redes durante a execução dos pontapés Qualquer jogador pode substituir o guarda-redes durante a execução dos pontapés Todos os jogadores, excepto o executante e os dois guarda-redes devem permanecer no outro meio-campo. O 2º árbitro controlará estes jogadores Todos os jogadores, excepto o executante e os dois guarda-redes devem permanecer no outro meio-campo. O 2º árbitro controlará estes jogadores

8 Mesa de secretariado É obrigatória a constituição da mesa de secretariado em cada encontro, sendo esta entendida como um meio auxiliar de organização e controlo da actividade. - 1 secretário – preenche os boletins de jogo; confere a identidade dos jogadores; assinala as faltas acumuladas; tempo morto; etc cronometrista – controla o tempo de jogo; controla o minuto de tempo morto; etc...

9 Arbitragem/Regras O jogo é regulamentado pelas Leis de Jogo oficiais do Futsal, da O jogo é regulamentado pelas Leis de Jogo oficiais do Futsal, da responsabilidade da Federação Portuguesa de Futebol, com as devidas alterações para o DESPORTO ESCOLAR, a saber : Lei 3 – Número de jogadores – mínimo 10 F.P.F. - Mínimo de 5 jogadores e máximo de 12 Lei 8 – Duração do jogo – 2 x 20 min ou 4 x 10 min Tempo Corrido F.P.F. - 2 x 20 min = 40 minutos (cronometrado) Lei 12 – Faltas e comportamento antidesportivo – em caso de expulsão, o jogador expulso não pode voltar a jogar no mesmo encontro nem sentar-se no banco de suplentes, podendo ser substituído imediatamente por um jogador suplente. F.P.F. - Só poderá entrar outro jogador 2 minutos após a expulsão, excepto se for marcado um golo antes de terminar esses 2 minutos.

10 Lei 14 – Faltas acumuladas – Juvenis e Juniores. F.P.F. - Aplica-se em todos os escalões. Os jogos são dirigidos por 2 alunos/árbitros: Os jogos são dirigidos por 2 alunos/árbitros: Árbitro principal2º árbitro - assume as mesmas funções do árbitro principal - desloca-se do lado do banco dos suplentes - interrompe o jogo por qualquer infracção às Leis de Jogo - assegura a correcta execução das substituições É SOBERANO !!!

11 Regulamento Técnico-pedagógico de Infantis e Iniciados Durante o jogo cada jogador pode participar no máximo em 3 períodos, devendo descansar obrigatoriamente pelo menos um Durante o jogo cada jogador pode participar no máximo em 3 períodos, devendo descansar obrigatoriamente pelo menos um Até ao final do 3º período de jogo, todos os jogadores são obrigados a jogar um período e descansar outro Até ao final do 3º período de jogo, todos os jogadores são obrigados a jogar um período e descansar outro Durante a realização dos dois primeiros períodos não são permitidas substituições, salvo nos casos de expulsão ou lesão Durante a realização dos dois primeiros períodos não são permitidas substituições, salvo nos casos de expulsão ou lesão Durante o 3º e 4º períodos ou prolongamentos, são permitidas todas e quaisquer substituições que o professor entenda efectuar, salvaguardando o referido anteriormente Durante o 3º e 4º períodos ou prolongamentos, são permitidas todas e quaisquer substituições que o professor entenda efectuar, salvaguardando o referido anteriormente Nenhum jogo poderá prosseguir se uma das equipas ficar reduzida a menos de 3 jogadores Nenhum jogo poderá prosseguir se uma das equipas ficar reduzida a menos de 3 jogadores


Carregar ppt "FORMAÇÃO DE JUÍZES/ÁRBITROS ESCOLARES FUTSAL - 2º Nível CE Leiria – Gabinete Coordenador do Desporto Escolar Marinha Grande, 24 de Março 2006."

Apresentações semelhantes


Anúncios Google